P3 Midia

P3 Midia

Crato (CE): Centenas de pessoas e homenagem a Belchior marcam abertura da SBPC

O Governador do Estado do Ceará, Camilo Santana, abriu, na noite de ontem, a 69º Reunião Regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (RR- SBPC), com o Secretário da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Estado, Inácio Arruda, a presidente da SBPC, Professora Helena Nader, e o Reitor da Universidade Regional do Cariri (URCA), Patrício Melo. Com o auditório do Centro de Convenções do Cariri lotado e homenagem prestada pela orquestra sinfônica da Universidade Federal do Cariri (UFCA) ao cantor e compositor cearense Belchior, que faleceu no último domingo, foi aberta oficial a Reunião Regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) reunindo um público de mais de 7 mil pessoas até o próximo sábado, e conta com mais de 3.700 inscritos, num recorde de participação.

Esta é a primeira RR já realizada no interior do Ceará e tem como tema Central “Território, Biodiversidade, Cultura, Ciência e Desenvolvimento”. Autoridades do mundo científico se encontram no Cariri durante os próximos dias para debaterem diversos temas, além de levar crianças e jovens o despertar para a importância da pesquisa, durante a SBPC Jovem, que ocorre nos dias 4 e 5. Um acordo de cooperação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Capes e a Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico – Funcap foi assinado pelo Governador e instituições de fomento. O objetivo é fortalecer a pesquisa no interior do Estado, que poderá investir nos próximos anos cerca de R$ 75 milhões em projetos de pesquisa no Ceará.

A reunião irá contar com 17 conferências que discutirão, entre outros temas, meio-ambiente políticas científicas, inovação e educação. Entre as conferências, a RR trará discussões sobre "Por que o Cariri necessita e merece mais dados de satélites?", Resíduos sólidos, gestão e planejamento ambiental em regiões metropolitanas", “Tecnologias geradas pela Embrapa Semiárido", "2017-2018: Biênio da matemática Brasil", "A situação da CT&I no Brasil".

São mais de 160 trabalhos inscritos, para apresentação em pôsteres, 11 mesas-redondas, 34 mini-cursos, e conferências que serão realizadas no Campus do Pimenta, na URCA, em Crato. As atividades envolvem mais de 300 pessoas na organização e infraestrutura. A abertura ainda contou com a apresentação da Orquestra Sinfônica da Universidade Federal do Cariri (UFCA), parceira no evento. O governador Camilo Santana externou o seu agradecimento a SBPC a todos os envolvidos e solicitou que o Cariri sedie uma Reunião Anual da entidade, destacando a sua alegria do sucesso da RR no Cariri.

A presidente da SBPC, Helena Nader, ressaltou a alegria e entusiasmo de realizar em Crato mais uma reunião regional, voltada para os interesses da comunidade, com pesquisadores e comunidade, com um debate salutar sobre ciência, tecnologia e educação. Destacou o empenho de muitas pessoas e instituições. Agradeceu aos professores, pró-reitores e estudantes da URCA em nome do reitor e vice, pelo empenho para o evento acontecer. “A SBPC sempre depende de uma universidade para ser anfitriã e parceira”, frisou.

Desde 1948, a SBPC tem realizado reuniões no mês de julho, com característica de transformar positivamente a cidade onde acontece. Levando ciência e tecnologia, e esse impacto levou a realização dos eventos regionais. Destacou a mobilização que a RR deverá proporcionar nos próximos dias, com apresentações de trabalhos, a SBPC Jovem e Mirim, destinado a crianças e jovens e buscando despertar o interesse pela ciência, tecnologia e informação. Ela disse ter encontrado no Cariri uma das mais importantes riquezas geologias e paleontológicas do Ceará e do País.

Um dos maiores eventos científicos do Estado
O Vice-reitor, Lima Júnior, deu boas-vindas aos participantes, ressaltou a reunião regional como um dos maiores eventos científicos do Ceará e o papel da ação conjunta da URCA, SECITECE e SBPC e todas as parcerias, para concretização do evento. O Secretário Inácio Arruda, destacou a sensibilidade do governador por receber e apoiar o evento, além da recepção desde o primeiro momento da presidente da SBPC, Helena Nader, a qual definiu como cientista e lutadora incansável em defesa da ciência, tecnologia e da inovação.

Secretaria geral do evento, Claudia Mazini Levy disse que cada reunião onde se realiza a regional tem sua singularidade. No Crato, ressaltou a história e líderes como o Padre Cícero. Ela ainda enfatizou o papel da URCA, na realização e a ciência como agente transformador de riquezas para o Brasil. Claudia lembrou do potencial paleontológico, com a descoberta da cobra com patas e evidenciou a fragilidade do conhecimento, com o tráfico, tendo a participação na descrição da peça apenas de pesquisadores estrangeiros. “Precisamos decidir estrategicamente e investir de forma inequívoca nas pesquisas”, disse. Ela agradeceu a todas as universidade e instituições de ensino superior da região e apoio financeiro do CNPq, Capes, Embrapa, Finep, Funcap, Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, SECITECE e Governo do Estado.

Com informações da Assessoria de Imprensa/URCA

Curta nossa página no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis