Conheça sete benefícios da vitamina C para a sua saúde

Se você não inclui uma alimentação rica em vitamina C no seu dia a dia, é melhor repensar seus hábitos. Obtido facilmente pela alimentação ou até por meio de suplementos vitamínicos, esse nutriente é essencial. Sua carência causa uma doença fatal, o escorbuto, cujos sintomas são inchaço, dores nas articulações, hemorragia nas gengivas e feridas que não cicatrizam.

Além de fazer parte do grupo de vitaminas necessárias para o bom funcionamento do organismo, a vitamina C protege contra baixa imunidade, doenças cardiovasculares, doenças dos olhos e até envelhecimento da pele. Segundo a nutróloga Daniela Hueb, ela também ajuda a fortalecer os vasos sanguíneos e a regular os níveis de colesterol.

Boas fontes dessa vitamina são frutas cítricas - como laranja, limão e abacaxi -, verduras em geral, salsa, maracujá, frutas silvestres, morango, tomate, entre outras. A seguir, você confere bons motivos para inserir esses alimentos no seu cardápio, além de dicas de cuidados e combinações necessárias para aproveitar melhor a vitamina C:

Reduz os sintomas de gripes e resfriados
Quando se trata de um resfriado comum, a vitamina C não funciona como uma cura. Entretanto, alguns estudos mostram que tomá-la para gripes e resfriados pode reduzir o risco de desenvolver pneumonia e infecções pulmonares. De acordo com Daniela, a vitamina C está relacionada com a redução da gravidade dos sintomas e dos dias de duração da doença.

"O poder da vitamina C foi ressaltado pelo pesquisador Linus Pauling, duas vezes ganhador do Prêmio Nobel, em 1954 e 1962", conta a nutricionista do Minha Vida, Roberta Stella. Ele pregava que altas doses da vitamina agia contra gripes e resfriados. Desde então, o assunto é controverso, mas Roberta lembra que a vitamina C é um nutriente que, em conjunto com diversos outros, faz parte do sistema imunológico, sendo essencial para o nosso sistema de defesa.

É eficiente contra o estresse
Uma pesquisa alemã mostrou que a vitamina C é benéfica para os indivíduos cujo sistema imunológico foi enfraquecido devido ao estresse - complicação muito comum em nossa sociedade.

Os pesquisadores submeteram 120 pessoas a momentos estressantes: falar em público e resolver problemas de matemática. Metade delas receberam 1.000 mg de vitamina C. Como resultado, os principais sinais de estresse, como os níveis elevados de do hormônio cortisol e da pressão arterial, foram significativamente maiores naqueles que não receberam o suplemento vitamínico.

Já os participantes que receberam a vitamina C relataram que se sentiram menos estressados. Isso acontece porque a vitamina cessa a secreção de cortisol, que é o hormônio liberado pela glândula adrenal - em resposta ao estresse - e responsável por transmitir essa "notícia" do estresse para todas as partes do corpo.

Além disso, a nutróloga Daniela Hueb explica que a vitamina melhora o humor, uma vez que estimula a produção de triptofano, precursor da serotonina, hormônio responsável pelo bem-estar e pela disposição.

Combate o envelhecimento da pele
A Vitamina C também traz benéficos às células no interior e no exterior do corpo. Um estudo publicado no American Journal of Clinical Nutrition examinou as relações entre a ingestão de nutrientes e o envelhecimento da pele em 4.025 mulheres, com idade entre 40 e 74 anos. Foi constatado que a ingestão de vitamina C mais elevada estava associada a uma menor probabilidade de ter uma aparência enrugada e a pele ressecada.

Segundo a especialista Daniela Hueb, o ácido ascórbico - substância contida na vitamina C - é um excelente antioxidante, que combate os radicais livres e previne o envelhecimento das células, além de ter um efeito clareador sobre a pele.

A vitamina C pode vir em formas manipuladas como hidratantes para o rosto, com filtro solar que ajuda a prevenir eventuais manchas na pele. Ela também pode ser ingerida em forma de cápsula, gelatinas ou shakes. "É importante, antes de escolher como incluir a vitamina C em sua rotina, não esquecer que ela está presente em alimentos ricos nessa fonte e que devem ser consumidos diariamente e, claro, sempre com acompanhamento médico", adverte a nutróloga.

Aumenta a absorção de ferro
Esse nutriente é capaz de aumentar a absorção de ferro, obtido pelos alimentos de origem vegetal - como verduras e feijões -, prevenindo a anemia. De acordo com a nutricionista Roberta Stella, devido à sua característica antioxidante, a vitamina C consegue modificar a estrutura química do mineral para uma forma mais fácil de ser absorvida pelo organismo.

Roberta afirma que a recomendação diária de vitamina C é de 90 mg para os homens e 75 mg para as mulheres. Ela é facilmente obtida quando a alimentação é adequada. Confira a quantidade do nutriente em alguns alimentos:

Uma fatia grande de abacaxi = 115,9 mg
Uma acerola = 164,3 mg
Uma unidade grande de chuchu = 74,4 mg
Uma unidade média de mamão papaya = 142,6 mg
Uma laranja grande = 135,8 mg

Diminui crescimento de tumores
Um estudo publicado pela revista americana Proceedings of the National Academy of Sciences analisou os efeitos da Vitamina C em tumores cancerosos, e concluiu que ela pode desempenhar um papel fundamental na redução do crescimento desses tumores.

A pesquisa mostrou que, quando ingerida em altas doses, a vitamina pode apresentar um efeito de pró-oxidação, diferente do seu efeito mais conhecido que é a atividade antioxidante. Essa constatação levantou a hipótese de que o efeito pró-oxidante pode gerar radicais livres e peróxido de hidrogênio, o que provocaria a eliminação das células do tumor.

Evita doenças oftalmológicas
Um estudo americano, feito pelo National Institutes of Health, descobriu que certas vitaminas e sais minerais, quando consumidos em conjunto diariamente, podem ajudar a evitar a perda de visão relacionada à idade. Este coquetel é composto por vitamina C (500 mg), vitamina E (400 UI), betacaroteno (15 mg), zinco (80 mg) e cobre (2 mg).

Reduz o risco de derrames
Pessoas com maiores concentrações de vitamina C no sangue podem ter um risco menor de acidente vascular cerebral (AVC), de acordo com um estudo publicado no American Journal of Clinical Nutrition. Os participantes que tinham esse nutriente em grandes quantidades tiveram um risco 42% menor do que aqueles com baixas concentrações no organismo.

Segundo os autores, as razões para isso não estão completamente esclarecidas, mas eles afirmam que pessoas que comem muitas frutas e verduras têm níveis sanguíneos elevados de vitamina C, o que pode aumentar a prevenção contra derrames.

Suplementos de vitamina C
Como todo medicamento, é preciso consultar um especialista antes de tomar a iniciativa de ingerir suplementos da vitamina. A nutricionista Kelly Balieiro, do Laboratório da Mulher Femme, diz que a deficiência é comum na gestação - devido ao surgimento da doença hipertensiva e pré-eclampsia - e em fumantes, que necessitam de mais vitamina antioxidante para combater os radicais livres ocasionados pelo fumo.

No entanto, mesmo nesses casos, nem sempre é preciso recorrer a suplementos. "Pelas fontes alimentares, conseguimos obter boa parte das necessidades diárias ou até em excesso. A ANVISA se limita a 1000mg/dia como consumo máximo seguro da vitamina C. Abusar desse nutriente pode provocar diarréia osmótica, distúrbios gastrointestinais, aumento da excreção de oxalato - responsável pela formação de cálculo renal - e aumento da excreção de ácido úrico", conta Kelly.

Fonte: Minha Vida



Black Friday termina com mais de 12 mil queixas no Reclame Aqui

A Black Friday deste ano terminou nesta madrugada com mais de 12 mil queixas registradas no site Reclame Aqui. Foi a quinta edição brasileira da promoção.

Segundo o Reclame Aqui, a loja que liderou o ranking de reclamações do site foi a Americanas.com, com 1.221 reclamações, seguida pela Submarino (1.100), Saraiva (682), Shoptime (235) e KaBuM! (197). "Só as duas primeiras colocadas somaram 2.321 queixas e superaram o número de reclamações que ambas recebem em média em um mês, que é de 2.046 reclamações", afirmou o site.

Entre os problemas mais recorrentes, o Reclame Aqui destaca problemas de navegação nos sites de comércio eletrônico, maquiagem de preços, além de dificuldades de continuar a compra depois que o produto é colocado no carrinho da loja virtual.

Uma forma de "maquiagem" identificada pelos consumidores, segundo o site, foi a cobrança de frete caro, compensando o desconto no preço.

O Reclame Aqui informou ainda que "problemas de lentidão" nos sites das empresas também causaram muita dor de cabeça para os consumidores.

Segundo o diretor de marketing do Reclame Aqui, Felipe Paniago, o consumidor estava mais bem informado neste ano e isso foi um ganho para a edição 2014 da Black Friday Brasil. "Percebemos que os brasileiros aprenderam bastante com os problemas do ano passado e pesquisaram muito mais antes de comprar neste ano", disse.

Fonte: Folhapress



OutKast - Hey Ya!




Crato (CE): IX Encontro Mestres do Mundo se encerra neste sábado, 29/11

Após dois dias intensos de vivência e de trocas de saberes entre os Tesouros Vivos da cultura e o público do Cariri, o IX Encontro Mestres do Mundo, realizado pela Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult), em parceira com a Prefeitura do Crato, chega a seu último dia neste sábado, 29/11. O Crato, cidade escolhida como sede do evento pela segunda vez consecutiva, ganhará mais um dia de apresentações culturais, debates com os mestres da cultura, , rodas de saberes com representantes de todas a regiões do Ceará e uma terreirada especial, na casa do Mestre Aldenir. Todas as atividades são de entrada franca.

A programação, que acontece durante todo o dia, começa às 9h, no Centro de Expansão. Lá são realizadas as rodas de mestres da cultura, com o objetivo de enriquecer a experiência de troca de conhecimento entre os presentes. As rodas, dividas por temáticas, terão, cada uma, mediação de um convidado especialista em cultura popular. São elas: Corpo (mediado por Lairton Guedes), Mãos (Maria Castro), Sons (Wagner Pereira), Oralidade (Simone Castro) e Sagrado (Oswald Barroso).

No fim de tarde, o encontro se engrandece ainda mais com as apresentações culturais na segunda terreirada do encontro, a partir das 17h. Os Tesouros Vivos visitarão o terreiro do Mestre Aldenir, artista dos reisados, que participa do encontro desde a primeira edição. Na ocasião, o público poderá presenciar uma prévia das atrações que se apresentarão na noite deste sábado.

Às 19h30, o palco principal do evento, a Arena da Tradição, no Largo da RFFSA, se encherá de apresentações voltadas à matriz afro-brasileira da cultura popular. Estarão presentes na noite de encerramento o grupo de Reisado de Congo do Mestre Zé Pedro de Barbalha e o grupo de maracatu Reis de Paus. Haverá também apresentação de Dança de Coco e um show especial do Metre Bule Bule, repentista e cordelista baiano, que convidará alguns artistas para o acompanhar no palco.

A troca de saberes
O Encontro Mestres do Mundo vem proporcionando o encontro dos mestres da cultura do Ceará. Um dos objetivos do evento é proporcionar o intercâmbio de ideias e trocas de experiências entre os mestres, que são considerados os Tesouros Vivos da cultura popular. Durante a programação, o momento mais propício para isso são as rodas de mestres, divididas por temas.

A roda de mestres "Mãos" reuniu rendeiras, miniaturistas, luthiers, entre outros mestres que utilizam as mãos para realizar sua artes. A atividade foi mediada por Maria Castro, que falou sobre o trabalho manual desde sua origem, sendo considerado um "sacro ofício", ou "ofício sagrado", apesar de muitas vezes tornar-se um sacrifício.

A mediadora também detalhou a ligação existente entre a atividade manual e o meio ambiente, afirmando que os artesãos transformam os elementos da natureza. Segundo a mediadora da roda de conversa, a prática artística também faz bem ao corpo e ao cérebro. "As artes manuais estão diretamente ligadas ao nosso movimento cerebral. Enquanto fazemos um trabalho minucioso, estamos desenvolvendo nossas ideias. É por isso que eu não consegui fugir do trabalho artesanal, porque me faz bem", comentou.

Já na roda de "Oralidade", mediada por Simone Castro, quem teve voz foi a Mestres Zilda, dramista de Guaramiranga. Aos 87 anos, dona Zilda mobiliza um grupo de idosos e grupos de crianças em colégios para repassar seus saberes. Ela não escreve e nem lê, mas cria todos os dias letras e melodias que grava em sua memória. Na ocasião, apresentou aos demais mestres participantes da roda o drama "Seu Chiquinho e Madalena".

Um encontro na casa de Espedito Seleiro
O segundo dia do IX Encontro Mestres do Mundo foi marcado por uma terreirada especial. No palco montado em frente à casa-oficina de um dos mais ilustres mestres da cultura cearenses, Espedito Seleiro, em Nova Olinda, aconteceram várias apresentações culturais no final da tarde. O momento foi marcado por homenagens ao Seu Espedito, que, hoje com 75 anos, é conhecido internacionalmente pelas peças que confecciona, inspiradas nas vestimentas dos antigos cangaceiros.

Logo no começo da terreirada, uma breve apresentação do mestre foi feita por sua nora Iranilda Carvalho. Em seguida, a Mestre Dina, única vaqueira do País, contou ao público um pouco de sua história em versos. Vestindo a típica roupa de couro usada pelos vaqueiros, a mestre deu um show à parte: "Estou aqui hoje com a roupa feita pelo Espedito Seleiro. Eu sou mestra da cultura, sou vaqueira e sou mulher”, discursou poeticamente.

O momento também contou com show de forró da banda Cacimba de Aluá e com a apresentação do grupo de pastoril municipal organizado por Angelina Umbelina. O Mestre Espedito e sua família aplaudiram ainda o encontro de repentistas Bule Bule - mestre da Bahia que veio pela primeira vez ao encontro - e Marlon Torres, artista do Crato. Nas letras improvisadas na hora, os compositores destacaram várias vezes a importância do trabalho do Mestre Espedito Seleiro para a cultura.

Emocionado, o mestre, em poucas palavras, agradeceu pela festa em seu lar. "Só tenho a agradecer a todos que estão aqui, à Secretaria da Cultura e àqueles que contribuem para manter essa cultura viva", disse ao público.

A Lei dos Tesouros Vivos da Cultura em debate
A Lei dos Tesouros Vivos da Cultura (Nº 13.842, de 27 de novembro de 2006) esteve em debate no IX Encontro Mestres da Cultura. Na Mesa de Prosa N°2, intitulada "Mestres, Saberes e Políticas Públicas", no segundo dia do evento, os mestres se encontraram com o filósofo, especialista em educação e mestre em capoeira, José Olímpio; com o professor mestre em memória social, Gyl Giffony; e com o coordenador do patrimônio histórico, artístico e cultural da Secult, Otávio Menezes.

Para pensar novos caminhos acerca da preservação e da manutenção da cultura popular, os mestres e convidados entraram em diálogo. A Lei dos Tesouros Vivos da Cultura, pioneira no Brasil ao estabelecer a diplomação dos mestres da cultura do Estado, logo entrou em questão. A gestora cultural e curadora do evento, Eliza Gunther, mencionou a necessidade de fazer a revisão da lei, no sentido de torná-la mais abrangente e menos burocrática para os mestres.

Entre as principais mudanças colocadas em pauta pelo grupo estiveram: a ampliação de número de mestres contemplados pela lei; a possibilidade de se ter uma parceria da Secult com as prefeituras municipais para que os mestres possam se apresentar nas escolas e outras equipamentos culturais de suas cidades, aumentando sua propagação de saberes; e a manutenção da lei no sentido de proporcionar não só o apoio financeiro aos mestres, mas "um assessoramento social, médico e jurídico, pois muitos mestres não têm acesso a serviços básicos e são idosos, precisam, enfim, de um maior acompanhamento", relata Fernando Piancó, representante da Coordenadoria de Ação Cultural da Secult.

Tesouros Vivos - Edital Aberto
A Secult prorrogou até 10 de dezembro o prazo de inscrições para o Edital dos Tesouros Vivos da Cultura. O edital tem como objetivo premiar e diplomar até cinco pessoas ou mestres da Cultura e dois grupos tradicionais de importante referencial para a cultura cearense.

As inscrições são gratuitas e abertas a pessoas e grupos que atendam de forma cumulativa requisitos como ter comprovação da existência e relevância do seu saber ou do fazer; ter reconhecimento público; deter a memória indispensável à transmissão do saber ou do fazer; propiciar a efetiva transmissão dos conhecimentos e possuir residência, domicílio e atuação, conforme o caso, no Ceará, há pelo menos 20 anos, completos ou a serem contemplados no ano da candidatura. A inscrição poderá ser proposta por pessoa jurídica, desde que expressamente autorizada pelo candidato.

Além de receber um valor mensal em dinheiro, os mestres da Cultura diplomados passam a dispor de alguns direitos, como registrar seu nome no Livro dos Tesouros Vivos da Cultura e ter seus projetos recepcionados preferencialmente quando submetidos a certames públicos promovidos pela Pasta da Cultura relativos à área de atuação do diplomado. Com a diplomação, os mestres se comprometem a transferir suas técnicas e conhecimentos a alunos ou aprendizes, transmitindo saberes e fazeres, passando adiante a tradição e também buscando novas possibilidades. Outras informações no site da Secult: http://www.secult.ce.gov.br/.

Serviço
IX Encontro Mestres do Mundo. De 27 a 29 de novembro, no Crato
Realização: Secretaria da Cultura do Estado do Ceará e Prefeitura do Crato
 Produção: Usina 2
Entrada franca em todas as atividades.
Programação completa: www.secult.ce.gov.br

Assessoria de Imprensa/Secult



Preocupa avanço da Aids em mulheres a partir de 50 anos no CE

Mulheres entre 50 e 55 anos, casadas, heterossexuais, na sua maioria com ensino fundamental incompleto. Esse é o grupo da população cearense em que a HIV/Aids mais avançou nos últimos anos. O alerta é da infectologista e professora da Universidade Federal do Estado de São Paulo, Simone Tenore.

Segundo ela, esse crescimento é observado em todo o País e chama atenção em razão desse segmento não se incluir como grupo de risco e não ter hábito de exigir do marido ou parceiro o uso do preservativo e acreditam na fidelidade de seus cônjuges. "Dos casos notificados de HIV+ em mulheres, 91,2% tem a transmissão sexual como principal causa e 96,6% das mulheres contaminadas vivem relação heterossexual", aponta.

De acordo com dados da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa), em 2006, a taxa de detecção para essa faixa etária de mulheres era de 5.3 para cada 100 mil habitantes. Em 2013, ela pulou para 7.8 para o mesmo número de pessoas. Entre estas mulheres, o diagnóstico e o início do tratamento são tardios. "Sem falar do estigma e preconceito que a doença ainda pode gerar". Segundo a infectologista, nessa faixa etária, a doença é também relacionada à depressão, baixa estima e sentimento de culpa - fatores que afastam as mulheres do diagnóstico e do tratamentO.

A médica ainda ressalta outro dado alarmante: no mundo, a cada minuto, uma mulher é infectada. "Fatores biológicos tornam a mulher de duas a quatro vezes mais suscetível ao HIV do que homens", explica.

Outra faixa etária que preocupa com relação ao HIV/Aids é composta por jovens entre 15 e 24 anos de idade. "Essa população se preocupa menos com a Aids", frisa.

Também nessa faixa, segundo dados mundiais, a infecção de mulheres entre 15-24 anos é duas vezes o número de homens infectados na mesma faixa etária. No Brasil, esta é também a faixa etária mais acometida. Das gestantes entre 15-19 anos, 10,8% são HIV e a maioria sabe de sua condição depois de ficarem grávidas durante os exames de pré-natal.

Infecção
Em 1990, o Brasil registrava um caso de HIV/Aids em mulheres a cada 15 homens; a partir de 1991-92, houve um crescimento progressivo entre as mulheres, chegando a 2001 com um caso a cada três homens e, agora, a relação é de um caso em mulher a cada dois homens. "As mulheres acabam acreditando que a fidelidade é proteção contra a doença e vêm descobrir a infecção tardiamente", avalia Simone.

A Aids chegou a Fortaleza em 1983, quando foi registrado o primeiro caso. A partir de então, até dia 15 de novembro desse ano, foram computados 5.768 casos. Sendo que, segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), os dados de 2013 e 2014 ainda são parciais.

Com o objetivo de alertar e esclarecer a população sobre os riscos da doença, a Sesa irá promover ações hoje, no Aterro da Praia de Iracema. Entre elas, o teste rápido, entre 15h e 20h.

Na segunda-feira, dia 1º, o teste será ofertado no Laboratório Central (Lacen), na Avenida Barão de Studart, das 8h ao meio-dia e das 13h30 às 17h. Já a SMS estará no Terminal do Siqueira ofertando ações e insumos de prevenção e testagem rápida de HIV e Sífilis das 9h às 15h. Os serviços de saúde da SMS estarão desenvolvendo rodas de conversa com a população e universidades, blitz educativas, testes e vacinação contra hepatite B.

Para a coordenadora da área técnica de DST/Aids da SMS, Fabiana Seles, o fortalecimento das ações de prevenção, o acesso ao diagnostico oportuno, tratamento precoce e o fortalecimento de uma rede de cuidados são medidas para o controle da epidemia e consequentemente a redução de novos casos.

Estimativas brasileiras sugerem que no Brasil existem 718 mil pessoas vivendo com o HIV. Nos últimos dez anos, a infecção por HIV cresceu cerca de 2%, sendo que as maiores taxas de crescimento da doença são registradas nos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Amazonas e Rio de Janeiro. As regiões Norte e Nordeste respondem pelo maior crescimento de casos, com 92,7% e 62,6% nos últimos 10 anos.

É também no Norte e Nordeste, o maior índice de mortalidade por Aids na última década - 60% de crescimento e 33,3% respectivamente. A mortalidade por Aids no estado do Ceará continua com a curva ascendente, em especial no sexo masculino. Chama atenção a discreta redução das taxas no ano de 2010, sem explicação epidemiológica plausível. Em 2006, a taxa era de 2.8 por 100 mil habitantes. No ano passado, a taxa pulou para quatro por 100 mil.Sabe-se que vários fatores contribuem para o aumento das taxas de mortalidade, como o diagnóstico e o tratamento tardio, e a falta de adesão a terapia antirretroviral.

LEDA GONÇALVES
REPÓRTER

Fonte: Diário do Nordeste



Conheça oito alimentos que podem aumentar o risco de câncer

Maus hábitos alimentares estão diretamente relacionados com essa estatística. A vida moderna, cada vez mais agitada, dificultou o velho (e bom) hábito de preparar os próprios alimentos e deu lugar aos alimentos prontos para consumo ou de fácil preparo.

O nutricionista Fábio Gomes, do INCA, explica que muitos alimentos possuem fatores mutagênicos, ou seja, lesam as células humanas e alteram o material genético que existe dentro dela. "Esse processo leva a uma multiplicação celular muito maior do que o normal e, em consequência, pode aparecer um tumor". Muitos desses alimentos não apresentam qualquer benefício à saúde e podem ser facilmente riscados do cardápio. Veja quais são e modere no consumo dos alimentos que predispõem a doença.

Carnes processadas
Linguiça, salsicha, bacon e até o peito de peru contêm quantidades consideráveis de nitritos e nitratos. Essas substâncias, em contato com o estômago, viram nitrosaminas, substâncias consideradas mutagênicas, capazes de promover mutação do material genético.

"A multiplicação celular passa a ser desordenada devido ao dano causado ao material genético da célula. Esse processo leva à formação de tumores, principalmente do trato gastrointestinal", explica Fábio Gomes.

A recomendação do especialista é evitar esses alimentos, que não contribuem em nada com a saúde.

Refrigerantes
A bebida gaseificada, além de conter muito sal em forma de sódio, possui adoçantes associados ao aparecimento de câncer. O ciclamato de sódio, por exemplo, é proibido nos Estados Unidos, mas ainda é utilizado no Brasil, principalmente em refrigerantes "zero". "Essa substância aumenta o risco de aparecimento de câncer no trato urinário", conta Fábio Gomes.

Quanto aos adoçantes que podem ser adicionados à comida ou à bebida, o nutricionista diz que ainda não há comprovação científica. "O ideal é que o adoçante seja usado de forma equilibrada, pois é um produto destinado a pessoas com diabetes e não deve ser consumido em excesso pela população em geral", aponta.

Alimentos gordurosos
Fábio Gomes explica que não é exatamente a gordura a principal responsável pelo aparecimento de câncer, e sim a quantidade de calorias que ela agrega ao alimento. A comida muito gordurosa é densamente calórica, ou seja, tem mais que 225 calorias a cada 100 gramas do alimento. "Por esses alimentos geralmente serem pobres em nutrientes, é preciso ingeri-los em grandes quantidades para obter saciedade, o que leva ao superconsumo", conta o nutricionista do INCA.

Em excesso, esses alimentos provocam obesidade, que é fator de risco para câncer de pâncreas, vesícula biliar, esôfago, mama e rins. A célula de gordura libera substâncias inflamatórias, principalmente hormônios que levam a alterações no DNA e na reprodução celular, como o estrogênio, a insulina e um chamado de fator de crescimento tumoral.

Alimentos ricos em sal
"Se ingerido em quantidade maior do que cinco gramas por dia, o sal pode lesar as células que estão na parede do estômago", explica o nutricionista Vinicius Trevisani, do Instituto do Câncer de São Paulo. Essa agressão gera alterações celulares que podem levar ao aparecimento de tumores.

Procure evitar alimentos ricos em sal ou mesmo aqueles que usam sal para aumentar o tempo de conservação, como os congelados e os comprados prontos que só precisam ser aquecidos.

Entram nessa lista: carne seca, bacalhau, refrigerantes, pizzas congeladas, iscas de frango empanadas congeladas, macarrão instantâneo, salgadinhos de pacote, entre outros.

Churrasco
Na fumaça do carvão há dois componentes cancerígenos: o alcatrão e o hidrocarboneto policíclico aromático. "Ambos estão presentes na fumaça e impregnam o alimento que é preparado na churrasqueira", explica Fábio Gomes. "Eles também possuem fatores mutagênicos que levam ao aparecimento de tumores."

Dieta pobre em fibras
O nutricionista Vinicius Trevisani explica que o intestino se beneficia muito pelo consumo adequado de fibras. Elas garantem um bom trânsito intestinal, de modo a eliminar os ácidos biliares secundários, um produto da digestão presente no intestino. Isso evita a agressão às células do intestino e a multiplicação celular descontrolada.

Preparo com altas temperaturas
Alimentos fritos ou grelhados também incorporam algumas substâncias cancerígenas. Ao colocar o alimento cru em óleo ou chapa muito quentes (com temperatura aproximada de 300 a 400°C), são formadas aminas heterocíclicas - substâncias que contêm fatores mutagênicos e estimulam a formação de tumores.

O nutricionista Fábio recomenda preparar as carnes ensopadas - modo de cozimento em que não há nenhuma formação de aminas-, ou ainda prepará-las no forno. Dessa maneira, a temperatura do alimento aumenta gradualmente e não chega a níveis tão altos.

Alimentos com agrotóxicos
Não existe uma forma eficiente de limpar frutas, verduras e legumes dos agrotóxicos. "Muitas vezes, esses conservantes são aplicados nas sementes e passam a fazer parte da composição do alimento", aponta Fábio Gomes. Ele explica que o agrotóxico provoca vários problemas de saúde em quem tem contato direto com esses alimentos, mas ainda está em estudo a sua real contribuição com o aparecimento do câncer.

Como ainda existem dúvidas sobre esses efeitos, o nutricionista orienta evitar opções ricas em agrotóxicos. É melhor consumir alimentos cultivados sem o produto químico, que comprovadamente têm mais vitaminas, minerais e compostos quimiopreventivos. "Estes compostos atuam na proteção e reparação celular frente a uma lesão que pode gerar câncer", afirma.

Fonte: Minha Vida



29 de novembro

1782 – A Grã-Bretanha assina acordo preliminar em Paris, reconhecendo a independência dos Estados Unidos.
1807 – A família real portuguesa embarca com destino ao Brasil aquando das Invasões Francesas.
1888 – O físico alemão Heinrich Hertz prova a existência da radiação eletromagnética.

Nasceram neste dia…
1874 – Egas Moniz, médico e político português (m. 1955).
1898 – Clive Staples Lewis, escritor britânico (m. 1963).
1932 – Jacques Chirac , político francês.

Morreram neste dia…
1314 – Filipe IV de França (n. 1268).
1960 – Otávio Mangabeira, engenheiro, professor e político brasileiro (n. 1886).
2001 – George Harrison (foto), guitarrista britânico (n. 1943).

Fonte: Wikipédia



Urca obtém aprovação de três Doutorados Interinstitucionais e um Mestrado

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulgou ontem parecer de aprovação de três doutorados interinstitucionais e um mestrado interinstitucional para a Universidade Regional do Cariri (URCA), em parceria com instituições de ensino do País.

A URCA comemora as aprovações dos Doutorados Interinstitucionais (Dinter) de Enfermagem, História e Linguística e um Mestrado Interinstitucional em Geografia, ampliando as oportunidades e facilitando as condições para a realização de pós-graduação na Instituição.

A Reitora da URCA, Professora Otonite Cortez, recebeu na tarde de ontem os coordenadores locais dos cursos ‘strictu sensu’ e representantes dos departamentos de História, Enfermagem e Línguas e Literaturas, além de Geociências, e parabenizou a todos pelo esforço conjunto dos docentes em prol da qualificação. “Essa oportunidade de poder realizar os cursos aqui, em parceria com as instituições de ensino, acontece de forma facilitada, sem que os docentes tenham que se deslocar com tanta frequência, ocorrendo a forma de maneira mais acessível”, diz a Reitora. Ela estendeu as felicitações juntamente com o Vice-Reitor, Professor Patrício Melo.

A Reitora Otonite Cortez ainda destacou o benefício em prol do desenvolvimento institucional, que se fortalece para que no futuro novos cursos ‘strictu sensu’ sejam implantados pela própria Universidade, com um corpo docente qualificado para aprovação de projetos que beneficiem a URCA com cursos de mestrado e doutorado. A Reitora destacou o crescimento no número de doutores nos últimos anos Instituição, que atualmente tem seu quadro de 332 professores efetivos, sendo 105 doutores e mais 37 em fase de doutoramento.

O Minter em Geografia (Geografia Humana) será feito em parceria com a Universidade de São Paulo (USP) e contará com 10 vagas destinadas aos professores da URCA, concludentes do curso e interessados de área afins de outras instituições. Contará com a coordenação local do Professor Emerson Ribeiro.

O Dinter de Enfermagem, estará com a coordenação local do Professor Germano Pinto e será realizado com a parceria da Universidade Federal do Ceará (UFC).  Serão 10 vagas voltadas aos professores do Departamento; o Dinter de História, com coordenação local da Professora Sônia Meneses, será realizado em conjunto com a Universidade Federal Fluminense (UFF) e terá 15 vagas, sete delas para o Departamento de História da URCA e oito para outras instituições e professores da educação básica. Já o Dinter de Liguística acontece juntamente à Universidade Federal do Ceará (UFC), com a coordenação local do Professor Francisco de Freitas Leite, que espera nos próximos anos a formação pelo Dinter de pelo menos mais 10 professores do Departamento de Línguas e Literaturas.

Os coordenadores locais destacam a possibilidade de qualificação dos docentes, a partir do mestrado e doutorados, com a possibilidade de conquista futura na URCA de cursos de formação ‘strictu sensu’. Em quatro anos, a Universidade conquistou, além dos aprovados recentemente, três doutorados interinstitucionais, nas áreas de Direito, através do Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Paraná; Artes, com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e, em Engenharia Mecânica, do programa de Pós-Graduação de Engenharia Mecânica, da Universidade Estadual de São Paulo (UNESP), além de já contar com o outro em Bioquímica Toxicológica, em parceria com a Universidade Santa Maria (UFSM), do Rio Grande do Sul. Além disso, detém o Mestrado Institucional de Bioprospecção Molecular.

A Reitora da URCA ainda destacou o seu apoio irrestrito ao processo de implantação dos cursos, que deve acontecer a partir do próximo ano, com o lançamento dos respectivos editais para o processo de seleção. A Capes é uma agência de fomento à pesquisa brasileira que atua na expansão e consolidação da pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado) em todos os estados do país.

Fique por dentro
DINTERS APROVADOS PELA CAPES  E INSTITUIÇÕES PROMOTORAS
Dinter de História - Universidade Federal Fluminense (UFF)
Dinter de Liguística - Universidade Federal do Ceará (UFC)
Dinter de Enfermagem - Universidade Federal do Ceará (UFC)

MINTER APROVADO PELA CAPES E INSTITUIÇÃO PROMOTORA
Minter em Geografia (Geografia Humana) - Universidade de São Paulo (USP)

DOUTORADOS INTERINSTITUCIONAIS (DINTERS) DA URCA E PROMOTORAS, JÁ EM ANDAMENTO
Dinter Direito - Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Paraná
Dinter Artes - Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Dinter Engenharia Mecânica -  Programa de Pós-Graduação de Engenharia Mecânica, da Universidade Estadual de São Paulo (UNESP)
Dinter Bioquímica Toxicológica -  Universidade Santa Maria (UFSM)

Assessoria de Imprensa/Urca



Roberto Gómez Bolaños, criador do Chaves, morre aos 85 anos no México


O ator Roberto Bolaños, criador de personagens como Chaves e Chapolin, morreu aos 85 anos nesta sexta-feira (28), em sua casa em Cancún, no México. A causa da morte não foi divulgada.

Com problemas respiratórios, dificuldades para se locomover e se mexer, o ator e comediante havia se isolado com a família em Cancún em busca de ar puro, segundo informações divulgadas em abril deste ano.

Bolaños era casado com Florinda Meza, a atriz que interpretava a maioria dos personagens femininos inclusive a Dona Florinda, desde 2004. Ele era pai de Roberto, Paulina, Graciela, Marcela, Teresa e Cecília, frutos do primeiro casamento, com Graciela Fernández Pierre.

"El Chavo del Ocho", nome original da série "Chaves", foi exibida pela primeira vez em 20 de junho de 1971 no México. No Brasil, "Chaves" é o seriado infantil de maior longevidade da TV. No ar no SBT desde 1984, o programa conta a história de um menino órfão que vive dentro de um barril, em um cortiço.

O personagem e seus amigos Quico, Chiquinha, Nhonho, seu Barriga, seu Madruga, dona Florinda, professor Girafales e dona Clotilde, conhecida como "a bruxa do 71", conquistaram crianças e adultos de todas as gerações no país com seu humor ingênuo, cheio de bordões e sem qualquer palavrão.

As histórias da turma ganharam adaptações em desenho animado, videogames e peças de teatro.

Assim que foi divulgada a informação da morte do ator, artistas do Brasil e do exterior manifestaram tristeza. Edgar Vivar, intérprete de Seu Barriga, escreveu no Twitter. "Roberto, não se vá. Permanece em meu coração e em todos os corações de tantos a quem nos fez feliz. Adeus, Chavito, até sempre".

A atriz que fazia a Chiquinha, Maria Antonieta de Las Nieves, também usou o Twitter para se despedir do colega: "Obrigada por ter feito tanta gente feliz e pelos maravilhosos momentos que dividimos no grupo."

Entre os humoristas brasileiros, Tatá Werneck foi uma das primeiras a se manifestar nas redes sociais. "Pelo amor de Deus!!! Luto oficial!! Meu maior ídolo! Meu amor!! Minha grande inspiração! Chaves!!!!!! Caraca, tô chorando que nem uma idiota", escreveu a atriz.

Biografia
Roberto Gómez Bolaños nasceu na Cidade do México em 21 de fevereiro de 1929. Filho da secretária bilíngue Elsa Bolaños Cacho e do pintor, cartunista e ilustrador Francisco Gómez Linares, Bolaños começou a carreira como escritor criativo para rádio e televisão durante a década de 1950. Começou a representar como ator em 1960, no filme "Dois Criados Malcriados".

Bolaños começou sua carreira como roteirista de programas de comédia e de obras do seu xará de codinome, o britânico William Shakespeare, cujo apelido no diminutivo, pronunciado à espanhola, se leria "Chespirito".

Em 1968, começaram as transmissões Independentes de Televisão no México e Chespirito foi chamado como escritor para a realização de um programa com duração de meia hora. E assim, nasceu "Los Supergenios de la Mesa Cuadrada". Ao lado de Chespirito, contracenavam Ramón Valdés, Rubén Aguirre e María Antonieta de las Nieves.

Em 1970, o programa teve sua duração aumentada. Nessa época, surge o Chapolin Colorado, um herói atrapalhado. Um ano depois, foi criado o personagem que se tornaria o maior sucesso de Bolaños, Chaves. Ambos os personagens funcionaram tão bem que as sketches se tornaram séries independentes de 30 minutos de duração em 1973, após o fim do Programa Chespirito.

Fonte: UOL



Crato (CE): PSE realiza adesivaço sobre o câncer de próstata

A Secretaria de Educação do Crato, através do Programa Saúde na Escola – PSE realizou em conjunto com alunos das Escolas José do Vale e São Francisco na manhã desta terça-feira, dia 25, na Praça da Sé,  adesivaço sobre a campanha Novembro Azul que visa sensibilizar a população sobre a prevenção do câncer de próstata.    

O trabalho de sensibilização  também está sendo realizado nas escolas da rede municipal.

As Unidades Básicas de Saúde estão encaminhando a população masculina, com idade de 50 anos, para os médicos especialistas, urologistas.

Saiba mais
Novembro Azul é uma campanha de conscientização realizada por diversas entidades no mês de novembro dirigida a sociedade e aos homens sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata e outras doenças masculinas.

Em vários países, o Novembro Azul é mais do que uma simples campanha de conscientização. Há reuniões entre os homens onde são debatidos, além do câncer de próstata, outras doenças como o câncer de testículos, depressão masculina, cultivo da saúde do homem, entre outros.

O movimento surgiu na Austrália, em 2003, aproveitando as comemorações do Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata, realizado a 17 de novembro.

Assessoria de Imprensa/PMC



Juazeiro do Norte (CE): Mestres da Cultura visitam Colina do Horto

Os mestres da cultura retornaram ao Cariri para participarem da 9ª edição do Encontro Mestres do Mundo, iniciada ontem, nesta Cidade, com a realização da primeira Mesa de Prosa, por volta das 14 horas, com discussão do tema "Caminhos que se cruzam - Mestres, saberes e políticas públicas". Antes, porém, foram pela manhã até a Colina do Horto, em Juazeiro, visitar a estátua de Padre Cícero.

O evento homenageia os 55 mestres da cultura e celebra através do reconhecimento pessoas, grupos e comunidades que são detentoras da tradição popular do Ceará, além de ser parte integrante do programa Tesouros Vivos da Cultura, da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult). O Ceará deverá ganhar mais cinco Mestres do Mundo até o início do mês de março de 2015. Atualmente, os 184 municípios do Estado são representados por apenas 55 mestres da cultura popular.

O edital, aberto para a escolha de novos representantes, foi prorrogado até o mês de dezembro e as expectativas são de que sejam apresentadas cerca de 80 candidaturas para o processo de escolha. A seletiva acabou sendo atrasada por conta das eleições gerais realizadas neste ano.

Cada mestre recebe um salário mínimo mensal e vitalício, custeado pelo Estado, como forma de valorização ao esforço desenvolvido na manutenção das tradições culturais em seus municípios de origem. Quando criada, em 2003, a Lei que institui os mestres da cultura permitia que fossem eleitos até 12 mestres a cada ano. Em 2006, no entanto, uma modificação na legislação estabeleceu que o número de mestres cearenses não poderia ser maior que sessenta.

Ampliação
Durante a visita realizada pelos mestres da cultura à estátua de Padre Cícero um dos membros da Coordenadoria do Patrimônio Histórico da Secult, Otávio Menezes, explicou que o debate em torno da ampliação do número de mestres vem acontecendo já de algum tempo.

"Desde a gestão do então secretário Francisco Pinheiro esse tema surge como necessário pela importância que há em se garantir a preservação de toda e qualquer forma da cultura popular no Estado.

O evento contou com a participação, dentre outros, de Mestre Aldenir , representante do Reisado do município de Crato; Mestre Bule Bule, cantador do Estado da Bahia, da Secretária Municipal de Cultura, Dane de Jade; e da professora Lourdes Macena, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

ROBERTO CRISPIM
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste



Fim da magia: 7 segredos dos parques da Disney que só os funcionários sabem

Praticamente todas as crianças do mundo alguma vez já sonharam em visitar os parques do Disney World. Se alguma vez você já pode realizar esse sonho, sabe que realmente há motivos para o bordão de “o lugar mais feliz do mundo”, com toda a magia e alegria que parece envolver aqueles que entram pelos portões do local.

No entanto, todo espetáculo possui bastidores e quem está acostumado a ver as engrenagens por trás dos efeitos sensacionais sabe que toda magia envolve truques e esforço bem maiores do que a maioria das pessoas poderia imaginar. Para revelar um pouco desse mundo desconhecido do parque de Mickey Mouse, a equipe do Cracked conversou com um de seus vários funcionários comuns, daqueles que não vestem as fantasias dos personagens famosos.

A seguir, você pode conferir alguns dos segredos do parque que somente quem já trabalha lá há algum tempo conhece. Confira os truques usados para fazer você achar o lugar gigantesco, as batalhas contra hordas de crianças e a cidade secreta dos funcionários, entre outras coisas impressionantes.

1 – Tudo para iludir
Quem trabalha no parque acaba eventualmente percebendo que as ruas e prédios foram projetados para iludir quem passar por elas – e que isso foi feito com enorme maestria. Boa parte do trabalho dos idealizadores era fazer com que o parque relativamente pequeno parecesse ser um mundo completo, o que foi realizado por meio de sugestões sutis à sua percepção.


Um bom exemplo pode ser visto nas fotos acima, que mostram a rua principal do local vista sob a perspectiva de quem entra (na imagem à esquerda) e de quem sai (direita). Enquanto as pessoas que chegam ao parque ficam com a impressão de que o castelo está extremamente longe e que há muito a se explorar, as que vão embora sentem que rapidamente estarão na saída.

Embora a rua tenha o mesmo comprimento em ambas as fotos, a diferença parece tão grande graças a um truque arquitetônico chamado de “perspectiva forçada”. Quando você entra no parque, os prédios ao seu redor parecem diminuir em tamanho por estarem distantes um do outro, quando na verdade o fato é que eles são realmente menores – os andares superiores de algumas lojas sequer são altos o bastante para que alguém consiga ficar de pé lá dentro.

Trajetos especiais
Os caminhos para os visitantes também contam com truques similares. Enquanto você leva cerca de 15 minutos para ir de Frontierland para Fantasyland, os funcionários podem se mover por rotas de bastidores que ligam uma área à outra em pouco mais de dez segundos.

Além disso, o parque também conta com organizadores profissionais treinados para mover multidões de um ponto A para outro local B sem que percebam estar sendo orientadas. Os truques utilizados por eles são extremamente simples e surpreendentemente efetivos, envolvendo coisas como montar carrinhos de venda para atrair os visitantes para longe de um espetáculo que foi encerrado e, assim, abrir espaço para o próximo grupo.

Ao final do “Fantasmic!” (um show noturno), por exemplo, carrinhos com brinquedos brilhantes desejados pelas crianças são espaçados com cuidado e atraem as multidões para as saídas do parque. Tudo isso garante que o local será esvaziado sem problemas ao mesmo tempo em que assegura que a Disney ganhe o máximo de dinheiro possível no processo.

2 – Pequenos monstrinhos
Por mais estranho que possa parecer, agressões brutais vindas de criancinhas empolgadas não estão reservadas apenas para as pessoas que estão dentro das enormes fantasias de Mickey e Pateta. Não é incomum que funcionários das lojas de brinquedos acabem no pronto socorro por conta de golpes especialmente fortes em suas partes baixas e outras regiões sensíveis do corpo.

Aqueles que trabalham perto do brinquedo do Indiana Jones, por exemplo, têm que se vestir como aventureiros genéricos para vender brinquedos. Isso significa que todas as crianças exaltadas que saem da atração imitando seu arqueólogo favorito costumam ver os empregados como adversários dignos e os desafiam para duelos – e eles não podem dar um não como resposta.

“Minha batalha mais sangrenta foi quando uma gangue de 30 crianças saqueou o balde de espadas de brinquedo. Esse pequeno exército atacou a mim e ao meu parceiro e nós sacamos nossas espadas para revidar – porque é isso que a Disney requer de nós –, mas havia muitos deles e nós não podíamos chamar a atenção dos pais, então ficamos lá levando pancadas até que eles foram levados embora. Meus braços ficaram cobertos de cortes e hematomas e minha camiseta ficou ensopada de sangue”, disse o funcionário.

3 – Receita (alcoólica) para desastres
Pior que os pequenos diabinhos, no entanto, são os adolescentes durante as noites de formatura. Os funcionários tentam isolar os jovens bêbados dos visitantes sóbrios e podem até transformar áreas inteiras do parque em centros de detenção improvisados, mas, quando bandos de formandos resolvem encher a cara e usar drogas da Festa do Chapeleiro Maluco, as coisas acabam saindo do controle.

“Certa vez, um garoto usando um cobertor com mangas decidiu se libertar de sua prisão aconchegante, foi até uma área relativamente sem funcionários, ficou pelado e começou a correr com suas coisas balançando pelo parque”, conta o entrevistado. Embora forçar criancinhas a ver suas partes íntimas não seja nada legal, muitas vezes as bebidas levam a situações bem mais sérias.

“Recentemente, um cara entrou em uma discussão com sua esposa enquanto estava bêbado e resolveu que a resposta apropriada era ir para a fila mais próxima e começar a socar as pessoas lá”, diz o funcionário. Por sorte, uma gangue Disney estava por lá – sim, há gangues exclusivas do parque – e interveio depois que ele já tinha batido em 15 ou 20 pessoas, segurando o agressor até que os empregados chegassem e o levassem para a Prisão Disney.

A prisão da Disney, aliás, é bem real e funciona em uma sala subterrânea com barras na janela e um loop infinito de “O Rei Leão”. Quando os infratores são menores de idade, seus pais são convocados, mas, quando eles são adultos, sua família é chamada para buscá-los. De forma geral, ir para a cadeia do estabelecimento é sinônimo de ter seu ingresso revogado e ser expulso do parque – às vezes permanentemente.

4 – A cidade secreta
É possível que você já tenha ouvido falar dos extensos túneis subterrâneos que se espalham sob a Disney para permitir que os funcionários transitem livremente sem ter que passar pelas hordas de turistas. Além disso, porém, o parque também conta com uma cidade completa escondida entre as lojas e prédios que todos os visitantes veem a céu aberto.

Essa estrutura de bastidores contém farmácias completas para funcionários, centros médicos com enfermeiras registradas e preparadas para tratar vendedores atacados por criancinhas, um banco exclusivo para empregados e até mesmo um armazém com produtos da Disney ligeiramente danificados com descontos de 50%. Exceto por fazer as compras do mês e levar seus filhos para a escola, há pouca coisa que não se possa resolver durante o expediente.

Tudo isso está oculto dentro dos prédios que, para os visitantes, parecem ser meramente decorativos. Dessa forma, da próxima vez em que você estiver no parque e ver uma estrutura que parece não servir para nada ou uma loja que aparente ser bem menor do que parecia por fora, saiba que ela pode ser apenas uma fachada para o pronto socorro mais feliz do mundo.

5 – Animais perigosos
A Disneylândia possui uma gama de animais que forma quase um ecossistema próprio, com uma enorme população de gatos sem dono e outros bichos – e ninguém sabe exatamente de onde os felinos vieram. Uma teoria popular entre os empregados do parque é que um grupo dos bichanos foi levado para lá na década de 1970 para matar uma infestação de ratos, mas, como ninguém se preocupou em retirá-los depois disso, eles acabaram formando famílias.

Além disso, também há uma enorme quantidade de patos e gansos que, assim como os gatos, ninguém sabe como foram parar lá. Por mais que os gatos possam arranhar os visitantes e acabar causando infecções a eles – e muitos problemas à Disney –, o fato é que os gansos são a maior ameaça do local. Extremamente territoriais, eles são capazes de perseguir quem chegar muito perto enquanto dão várias “mordidas” pra lá de dolorosas.

Os visitantes costumam presumir que os animais são domesticados e fazem parte da experiência mágica do parque, deixando que seus filhos pequenos cheguem perto dos bichos sem medo. Cabe aos funcionários manter os gansos e gatos afastados ao mesmo tempo em que permanecem com um sorriso nos rostos, sem deixar que ninguém perceba que as crianças estão em perigo.

6 – Gerenciamento de tensões
Os funcionários do parque passam todos os seus dias trabalhando em grande – e frequentemente quente – proximidade, o que muitas vezes leva envolvimentos bem menos profissionais e sem grande quantidade de roupas. No entanto, relacionamentos entre empregados da Disney costumam ser bem mais comuns e problemáticos do que em outras empresas.

Boa parte dos funcionários são artistas de algum tipo, de forma que foram contratados principalmente porque seus rostos e corpos lembram as proporções dos belos personagens dos desenhos. Sem precisar vestir máscaras ou se submeterem aos trabalhos mais braçais, eles simplesmente se vestem como Aladdin, Ariel ou qualquer outra figura famosa e circulam pelo parque – atraindo atenção de forma similar às crianças mais populares em um colégio.

“Trabalhe na Disney por tempo o suficiente e você vai ver o Aladdin trair a Bela Adormecida com a Branca de Neve, ou o Jack Sparrow namorando com a Bela e a Rapunzel ao mesmo tempo. E isso não é só fofoca, porque os gerentes tem que estar cientes para não acabar marcando uma escala com uma Jasmine e um Aladdin que não podem trabalhar juntos porque brigaram feio”, explica o empregado.

7 – Vale  a pena
Por mais difícil que seja aturar os abusos dos visitantes e o tratamento preferencial dado aos funcionários que entram no papel dos personagens famosos – que têm direito a espaços de descanso mais luxuosos que os demais –, isso não significa que a Disney não dá atenção aos seus empregados de menor destaque.

Como recompensa por afastas gansos raivosos e receber pancadas em suas áreas íntimas, os funcionários recebem festas e celebrações inesperadas com bastante regularidade, apenas para manter suas moral elevada. O parque também realiza dias de apreciação de suas equipes, trazendo caminhões de comida para servir refeições gratuitas.

Além disso, enquanto a maior parte dos parques temáticos não possui nenhum tipo de plano de aposentadoria, os empregados da Disney têm direito a um plano 401(k), em que sua contribuição ao Imposto de Renda é aplicada diretamente em um plano de investimento. Não é à toa que o parque sofre pouco com a troca de funcionários, ainda que eles tenham que lidar com as consequências do ocasional adultério de um ladrão-príncipe das arábias.

Fonte: Mega Curioso (Via Cracked/Robert Evans)



Crato (CE): Demutran intensifica fiscalização no trânsito para combater irregularidades

Foto meramente ilustrativa (Diário do Cariri)
O Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) do Crato está intensificando a realização de blitze em conjunto com a Polícia Militar. No último dia 25, a blitz foi realizada no bairro Seminário, com a apreensão de 29 motocicletas.

Uma nova operação, realizada em menos de duas horas, no último dia 2 na cidade, foi responsável pela apreensão de 28 veículos, 26 motocicletas e duas motonetas, e, desse total, 50% foram recolhidas para o pátio do Demutran, por estarem em condições ilegais, incluindo a falta de habilitação dos seus condutores, infringindo o Código de Trânsito.

As ações de fiscalização no trânsito têm se intensificado na cidade, principalmente no intuito de combater as irregularidades, garantindo mais segurança à população. Durante as abordagens, os agentes têm constatado a presença de mototaxistas ilegais, que têm os seus coletes apreendidos pelo departamento.

Assessoria de Imprensa/PMC



Despesas com funcionalismo público ultrapassam limite legal em 8 Estados

Com a dívida renegociada, uma nova dor de cabeça surge no horizonte dos governadores que assumirão seus mandatos nos Estados em 2015: a folha de pagamento.

As despesas com o funcionalismo vêm subindo gradativamente nos últimos anos, e já ultrapassaram o limite legal em oito Estados.

Para comparar: antes o grande "vilão" dos orçamentos estaduais, a dívida, que deu origem à Lei de Responsabilidade Fiscal, só está acima do limite em um Estado.

"O gasto com pessoal é nosso principal desafio hoje", diz o secretário da Fazenda do Paraná, Luiz Eduardo Sebastiani. "É uma despesa intensa, que cresce numa velocidade muito alta."

Por estar acima do limite, o Paraná chegou a ser impedido de contrair empréstimos pelo governo federal.

Quando as despesas ultrapassam o limite de 46,55% da receita, os governadores ficam impedidos de dar reajustes e criar cargos, além de ter problemas para conseguir empréstimos. Se passarem de 49% e reincidirem, eles serão proibidos de receber transferências da União.

Aumentos
Em comparação com a gestão anterior (2007-2010), o gasto com pessoal nos 27 Estados neste mandato quase dobrou: foi de R$ 500 bilhões para R$ 855 bilhões, um aumento de 70%. A inflação, no mesmo período, foi de 25%.

Pisos nacionais como o dos professores, pressões por aumento salarial (muitas vezes, com greves), aposentadorias e a crescente demanda por serviços públicos ajudam a explicar o estouro da folha.

Na Bahia, policiais militares entraram em greve por 12 dias em 2012 e garantiram aumentos por três anos. Ameaças de paralisação em Minas, Paraná e Rio Grande do Sul também forçaram reajustes.

A demanda por professores, médicos e policiais forçou contratações, jogando o gasto do gênero para cima.

Em alguns Estados, a relação folha/receita também subiu devido à frustração de receitas com o baixo crescimento da economia do país.

Isso ocorreu especialmente em Estados do Norte e Nordeste, mais dependentes do FPE (Fundo de Participação dos Estados), repassado pela União e afetado por desonerações de impostos.

Não por acaso, dos oito Estados que estão acima do limite, seis ficam nessas regiões.

"Nós entramos num regime quase que de guerra", diz João Henrique Sousa, secretário de Administração do Piauí, Estado que perdeu 85% da receita esperada pelo FPE neste ano, e determinou corte geral de custos para conseguir pagar o funcionalismo.

O Piauí já compromete 50% da receita com a folha –é o "campeão" no país. A média nos Estados é de 45%.

Governadores reclamam que estão engessados porque não conseguem gastar menos com pessoal, e não sobra dinheiro para investir.

Fonte: Folha.com



Juazeirense Soropositiva representa o estado do Ceará em encontro nacional no MS

Mais de 100 mulheres representantes de todos os estados do Brasil estão reunidas em Campo Grande (MS) de 27 a 29 de novembro para o IV Encontro Nacional do MNCP (Movimento Nacional das Cidadãs PositHIVas), dentre elas a juazeirense Silene Santos. O encontro busca estreitar os laços entre as mulheres dos diversos estados brasileiros e criar condições para que sejam estabelecidas linhas comuns de ação para este grupo em seus respectivos estados e cidades.

Vários temas estão sendo abordados e debatidos no encontro dentre eles: o desafio de continuar estabelecendo estratégias inovadoras de protagonismo político capazes de contribuir para o fortalecimento da resposta social do País no enfrentamento da AIDS entre a população feminina; o fortalecimento da sociedade civil que é um dos elementos­chave para que a epidemia da AIDS tenha um fim até 2030; estratégias de fortalecimento do trabalho em rede no contexto das novas metas globais com a nova agenda de compromissos com o desenvolvimento humano sustentável e com os direitos humanos, que substituirá, a partir de janeiro de 2016.

“Nesse encontro, esperamos conseguir encontrar soluções comuns que possam servir de referência para todos os estados brasileiros, como respeito aos direitos humanos, gratuidade do tratamento, prevenção – com foco nas mulheres –, entre outros”, destaca a Radialista Silene Santos que participa do evento representando o estado do Ceará que há 4 anos descobriu ser soropositiva.

Silene ainda lembra o próximo dia primeiro de dezembro ­ Dia Mundial de Combate à AIDS e destaca que as mulheres que vivem com HIV, não podem nunca se calar. Não podem nunca serem neutras. Não podem nunca tolerarem a violência contra mulheres. Em sua opinião, para acabar com a epidemia da AIDS até 2030, “precisamos eliminar todas as formas de violência contra a mulher”, conta.

Robson Roque

Fonte: Miséria



Crato (CE): Abertura do IX Encontro Mestres do Mundo reúne os Tesouros Vivos da cultura

Foto: Arquivo pessoal Dada Petrole
A Prefeitura Municipal do Crato, através da Secretaria de Cultura participou na tarde dessa quinta-feira, 27, da abertura do IX Encontro Mestres do Mundo, realizado pela Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, em parceria com a Prefeitura, que acontece no período de 27 a 29 de dezembro.

Com o tema “Caminhos, Afetos e Saberes”, o encontro volta a acontecer, pelo segundo ano consecutivo, em Crato, reunindo Mestres da Cultura, do Ceará e do Brasil, onde o Cariri recebe os Tesouros Vivos da Cultura, reconhecidos pelo Governo do Estado, além de convidados vindos da Bahia, Alagoas e São Paulo.

A Secretaria de Cultura do Crato Dane de Jade ressalta a importância do evento para a Região do Cariri, considerada berço da cultura popular. “Precisamos apoiar e valorizar a permanência dos nossos mestres, que alimentam e cultivam nossas origens”. Dane destaca que esse é um encontro muito esperado pelos mestres e que volta a ser abraçado com muita alegria pelo Crato.

A abertura aconteceu no Centro de Expansão com a Mesa de Prosa, “Mestres – cuidando de si e do outro: Saberes e repasse e meio ambiente”, com os facilitadores Mestre Aldenir (Crato-CE), Mestre Bule Bule (Cantador –BA), Dane de Jade (Secretaria de Cultura), Lourdes Macedo (Prof. Drª IFCE-CCF), Simone Castro (Prof. Drª IFCE-CCF) e Elisa Gunther (Gestora Cultural).

O secretário adjunto da Secult, Paulo Victor Feitosa ressalta a satisfação de mais uma vez promover o encontro dos mestres em Crato, reforçando a intensa vitalidade cultural das matrizes do Cariri e a diversidade representada pela reunião de mestres de todo o Estado.  “Todos estão convidados a participar desse grande encontro da cultura do Ceará e do Brasil, renovando homenagens a nossos mestres e desfrutando uma programação de debates, rodas de diálogo e de apresentações artísticas”, enfatiza o gestor.

À noite a programação teve início nas praças do Crato, com a concentração dos grupos e mestres na Praça Siqueira Campos, saindo em cortejo pela Praça da Sé até o Largo da RFFSA, onde aconteceu a solenidade de abertura do IX Encontro Mestres do Mundo, no espaço denominado Arena da Tradição. Após a abertura institucional com representantes da Secult e da Prefeitura do Crato, o publico conferiu as apresentações de moda de viola (com Zé Cardoso e Jorge Macêdo, do Ceará), roda de toré (com os mestres Caciques João Venâncio e Luis Caboclo, do Ceará), da Banda Cabaçal dos Irmãos Aniceto, do Crato, e da cantora, compositora e pesquisadora de cultura indígena Marlui Miranda, de São Paulo.

Programação:
Sexta-feira, 28/11
As atividades começam às 9h, no Centro de Expansão, com a primeira Roda de Mestres, sobre os saberes e artes ligados ao corpo (mediação de Lairton Guedes), mãos (Maria Castro), sons (Wagner Pereira), oralidade (Simone Castro), sagrado (Oswald Barroso). Trata-se de um momento em que mestres de diferentes origens e grupos compartilham experiências e vivências, debatendo semelhanças e particularidades que os caracterizam.

A partir das 14h acontece a segunda Mesa de Prosa, com o tema “Caminhos que se cruzam: mestres, saberes e políticas públicas”. Os facilitadores serão José Olímpio (filósofo e especialista em educação, também mestre de Capoeira), Gyl Giffoni (professor do IFCE e Mestre em Memória Social pela UNIRIO) e Otávio Menezes, coordenador de Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural, da Secult, além de Márcia Rollemberg, secretária de Cidadania Cultural do Ministério da Cultura. A mediadora será a professora Simone Castro, com Eliza Gunther como relatora.

Uma atração especial na sexta-feira será a terreirada no município de Nova Olinda, na casa-oficina de Mestre Espedito Seleiro, artesão internacionalmente aclamado pela destreza e pela assinatura própria na feitura de centenas de tipos de objetos produzidos a partir do couro. Mestre Espedito receberá os participantes do Mestres do Mundo para uma "brincadeira" das 18h às 21h.

A segunda noite do Encontro também terá, a partir das 20h, no Largo da RFFSA, apresentações do Pastoril da Mestra Maria do Carmo, do Reisado de Caretas (ambos do Ceará), do Grupo de Fandango de Pontal de Maceió do Mestre Pancho (de Alagoas) e do grupo cearense Cacimba de Aluá, com seu espetáculo de mergulho no universo da cultura tradicional popular, com destaque para a música nordestina.

Sábado, 29/11
No terceiro dia do Encontro, a manhã será novamente dedicada à Roda de Mestres, sobre os diversos saberes e fazeres (corpo, mãos, sons, oralidade e sagrado), no Centro de Expansão. O fim de tarde será especial, com a Terreirada do Mestre Aldenir, que receberá em seu espaço os participantes do encontro, a partir das 17h. Convite à dança e à confraternização com os brincantes.

A solenidade de encerramento do Encontro Mestres do Mundo acontece a partir de 19h30, no Largo da RFFSA, onde, a partir de 20h, sobem ao palco o Reisado de Congo do Mestre Zé Pedro, de Barbalha, o Maracatu Reis de Paus, de Fortaleza, o Coco do Iguape e o Mestre Bule Bule e seus convidados, da Bahia.

Assessoria de Imprensa/PMC



PIB do Brasil cresce 0,1% no 3º trimestre e economia sai da recessão técnica

A economia brasileira, medida pelo PIB (Produto Interno Bruto) cresceu 0,1% no terceiro trimestre e registrou R$ 1,23 trilhão. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (28) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O PIB é a soma das riquezas produzidas pelo país.

Em relação ao mesmo período do ano passado, houve redução de 0,2%. Quando considerados os últimos quatro semestres, o PIB aumentou 0,7%.

No segundo trimestre, a economia encolheu 0,6%, e o país entrou em recessão técnica porque houve dois trimestres seguidos de queda (no primeiro trimestre, o recuo havia sido de 0,2%).

Com dois trimestres seguidos de resultado negativo, considera-se tecnicamente que o país está em recessão. Isso não acontecia desde a crise financeira global de 2008 e 2009.

O resultado positivo no terceiro trimestre tira o país da recessão.

Analistas consultados pela agência de notícias Reuters esperavam um desempenho melhor da economia, com crescimento de 0,3% em relação ao segundo trimestre e queda de 0,1% na comparação com o mesmo período de 2013.

Setor agropecuário cai, e indústria tem alta
Na comparação com o segundo trimestre, o setor agropecuário apresentou queda, de 1,9%, compensada pelas altas na indústria (1,7%) e nos serviços (0,5%), que cresceram em todas as áreas.

Na indústria, o destaque foi a extração mineral (2,2%) e a construção civil (1,3%). Nos serviços, o crescimento foi puxado por transporte, armazenagem e correio (1,4%) e intermediação financeira e seguros (0,6%).

Dos outros itens internos que entram na conta do PIB, apenas o consumo das famílias encolheu, 0,3%. A formação bruta de capital fixo (medida de investimento) e a despesa de consumo da administração pública aumentaram 1,3%.

Com relação ao setor externo, as exportações subiram 1% e as importações de bens e serviços, 2,4%.

Previsões para o PIB têm sido cortadas
Em outubro, o FMI (Fundo Monetário Internacional) revisou para baixo, pela sexta vez seguida, a previsão de crescimento do Brasil neste ano. A previsão caiu de 1,3% para apenas 0,3%.

O Fundo também reduziu suas projeções para 2015: espera 1,4%, em vez dos dos 2% anteriormente estimados.

O atual ministro da Fazenda, Guido Mantega, reclamou da previsão do FMI e disse que é "um pouco pessimista". "Estamos observando uma recuperação moderada da economia brasileira. Tudo indica que o terceiro trimestre terá um bom crescimento", afirmou o ministro em outubro.

Mantega, criticado pelo mercado por errar muitas previsões, está de saída do governo. Seu substituto, Joaquim Levy, foi anunciado nessa quinta-feira (27) pelo governo.

O Ministério da Fazenda diz que o Brasil deverá crescer 0,5% neste ano. Um dos principais desafios da nova equipe econômica é fazer o PIB crescer mais.

Analistas consultados no último relatório Focus, do BC, divulgado na segunda-feira (17), apostam em crescimento de 0,21% em 2014 e de 0,8% em 2015.

O Banco Central reduziu sua previsão para o crescimento do PIB neste ano de 1,6% para 0,7%, segundo dados do relatório de inflação do terceiro trimestre.

Dado do BC apontou alta de 0,6%
A estimativa do Banco Central, mostrada por meio do Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), era de alta de 0,6% no terceiro trimestre, na comparação com o segundo.

O índice é elaborado mensalmente pelo BC e é considerado pelo mercado uma prévia do PIB, embora o Banco Central oficialmente não reconheça que seja uma previsão do PIB.

Mesmo assim, o indicador do BC é visto pelo mercado como uma antecipação do resultado do PIB, e serve de base para investidores e empresas adotarem medidas de curto prazo. Porém, não necessariamente reflete o resultado anual do PIB e, em algumas vezes, distancia-se bastante.

Em entrevista, um diretor do BC justificou a diferença, dizendo que o IBC-Br não tem a pretensão de medir o PIB, apesar de o mercado o usar como um balizamento.

Fonte: UOL (Com Reuters)



Addthis