IFCE Crato promove seminário sobre patrimônio imaterial arqueológico

Estão abertas até o dia 10 de outubro as inscrições do I Seminário Cearense sobre Patrimônio Imaterial Arqueológico, que será realizado nos dias 19 e 20 de outubro no Sítio Mororó, na zona rural do município de Santana do Cariri. O evento é organizado pelo campus de Crato do IFCE e pela Associação de Moradores do Sítio Mororó. As inscrições podem ser feitas pelo site.

Segundo a coordenadora da iniciativa, Verioni Bastos, a ideia é promover a integração com a comunidade, que é formada por descendentes dos índios Kariris e também está empenhada na organização do evento. "Buscamos valorizar, promover e desenvolver as pesquisas e a conscientização sobre o valor que o patrimônio imaterial da nossa região possui, além de entrar em diálogo com a comunidade para desenvolver políticas de conservação e preservação do patrimônio imaterial arqueológico".

Além de participar de palestras, mesas redondas, rodas de conversa e oficinas, os participantes também poderão fazer trilhas ecológicas no local, visitar o sítio arqueológico em que foram encontrados artefatos indígenas e conhecer os mestres de cultura em seu ambiente. "A gente acredita que é dessa forma que podemos compreender o patrimônio que nos pertence aqui na Chapada do Araripe", explica Verioni.

A programação também conta com grupos de trabalho, que recebem submissões de artigos, e um concurso de fotografia sobre a temática. Os participantes podem submeter seus trabalhos para grupos sobre novas abordagens para patrimônio imaterial, plantas medicinais, povos originários e seus saberes e o uso da tecnologia da informação na área, entre outros temas.

Curta nossa página no Facebook

Fique ligado! O desligamento total do sinal de TV digital no Cariri será dia 31 de outubro

O sinal analógico de TV será desligado em algumas cidades do Cariri (Juazeiro do Norte, Barbalha, Caririaçu, Crato e Missão Velha) no dia 31 de outubro. A partir dessa data, só será possível assistir à programação da TV aberta por meio do sinal digital, que oferece qualidade de som e imagem semelhante à de cinema. Estão sendo distribuindo kits gratuitos, com antena digital e conversor com controle remoto, equipamentos que permitem que televisores antigos tenham acesso ao sinal digital.

Na região, o desligamento do sinal analógico já começou. A qualquer momento, as emissoras podem desligar o sinal e a transmissão será feita apenas pelo sinal digital. 

Para conferir se tem direito ao kit e agendar a retirada, basta acessar o site www.sejadigital.com.br/kit ou ligar para a central telefônica gratuita 147, com o NIS (Número de Identificação Social) em mãos.

Para quem já está com os equipamentos e ainda tem dúvidas sobre a instalação, aí vão algumas dicas para adiantar o procedimento e continuar assistindo sua programação favorita após o desligamento.

O manual está disponível no link

Curta nossa página no Facebook

Vice de Bolsonaro, Mourão critica 13º salário e fala em reforma trabalhista 'séria'

Candidato a vice na chapa do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), o general Hamilton Mourão (PRTB)  disse que o 13º salário é uma "jabuticaba brasileira", uma "mochila nas costas dos empresários" e "uma visão social com o chapéu dos outros".  

"Jabuticabas brasileiras. Décimo terceiro salário. Se a gente arrecada 12, como pagamos 13? É complicado. É o único lugar em que a pessoa entra em férias e ganha mais. Coisas nossas, legislação que está aí. É sempre a visão dita social com o chapéu dos outros, não com o chapéu do governo", disse Mourão em palestra na Câmara de Dirigentes Lojistas de Uruguaiana, no Rio Grande do Sul, na quarta-feira (26).

"[Vamos fazer] a implementação séria da reforma trabalhista. Sabemos perfeitamente o custo que tem o trabalhador, essa questão de imposto sindical em cima da atividade produtiva. É o maior custo que existe. E temos algumas jabuticabas que a gente sabe que são uma mochila nas costas de todo empresário", completou o militar.


Bolsonaro manifestou-se nas redes sociais na sequência da publicação de reportagens sobre a fala de Mourão e desautorizou seu vice.

"O 13° salário do trabalhador está previsto no art. 7° da Constituição em capítulo das cláusulas pétreas (não passível de ser suprimido sequer por proposta de emenda à Constituição). Criticá-lo, além de uma ofensa à quem trabalha, confessa desconhecer a Constituição", escreveu o candidato, que está internado para se recuperar de uma facada.

A manifestação de Mourão soma-se a outras de ampla repercussão que proferiu nas últimas semanas. Ele afirmou que casas com apenas mães e avós são "fábricas de desajustados" e chamou países latino-americanos e africanos com os quais o Brasil teve relações comerciais de "mulambada".

Depois desses episódios, o general foi repreendido por Bolsonaro e, por decisão da cúpula da campanha, ouviu que não deveria mais participar de eventos públicos com frequência.

De sexta-feira (28) até quinta-feira (4), Mourão tem apenas compromissos fechados em sua agenda, sem acesso da imprensa ou do público. A coligação também o proibiu de participar de todos os debates de candidatos a vice até o primeiro turno, marcado para 7 de outubro.

Guru econômico de Bolsonaro, Paulo Guedes também tem evitado aparições públicas depois que reportagens que o tem como protagonista geraram rebuliço.

Na sexta-feira (14), a revista Crusoé publicou reportagem que mostra que Guedes é apontado pela Justiça como um dos beneficiários de fraude que causou prejuízos à fundação responsável pela gestão da aposentadoria dos funcionários do BNDES, a Fapes.

Na quarta-feira (19), a colunista Mônica Bergamo, da Folha, divulgou as propostas que Guedes apresentou a um grupo restrito de representantes do mercado: a criação de um imposto aos moldes da CPMF e a unificação da alíquota do Imposto de Renda em 20%.

A proposta assustou toda a cúpula bolsonarista, que nunca havia ouvido nada do tipo da boca de Guedes. Desde então, o economista tem cancelado compromissos em série.

Fonte: Folha.com

Curta nossa página no Facebook

Operação do MPCE em Quixeramobim investiga supostos golpes contra estudantes universitários

O Ministério Público do Estado do Ceará, por meio da 1ª. e da 2ª. Promotorias de Justiça da comarca de Quixeramobim, realizou uma operação para investigar supostos golpes aplicados por instituições de ensino superior contra estudantes. A suspeita é que as unidades não estariam concedendo diplomas de conclusão dos cursos, por não terem autorização do Ministério da Educação nem convênio com nenhuma outra instituição vinculada ao MEC.

Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão nas residências dos proprietários das instituições Polo Universitário Dr. Andrade Furtado e Instituto de Desenvolvimento de Educação e Cultura Ceará Centro – Inducentro e nas sedes das unidades. Os alvos foram os empresários Marcos Machado e Raimundo Felício. Foram apreendidos recibos, farta documentação, computadores e telefones celulares. O material seguirá para análise das promotorias responsáveis pela investigação.

O Ministério Público vem investigando indícios de práticas ilícitas envolvendo essas empresas há mais de um ano. Estão em andamento dois inquéritos civis e dois procedimentos investigatórios criminais. Estima-se que centenas de estudantes tenham sido vítimas dos supostos golpes.

Assessoria de Inprensa/MPCE

Curta nossa página no Facebook

Balneário da Nascente, no Crato, será revitalizado

Depois da Prefeitura apresentar um projeto piloto para a comunidade, no último dia 17 de março, a obra de revitalização do Balneário da Nascente avançou neste mês de setembro. No último dia 11, o Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) se reuniu com representantes das secretarias municipais para discutir a regulamentação fundiária, a prospecção ambiental e restauração de eventuais equipamentos históricos. Até a próxima semana, a Secretaria de Cultura deve divulgar sua proposta de obras para o equipamento.

O projeto, criado pela Secretaria de Cultura de Crato, prevê a permanência dos bares, que serão reformados, a criação de um anfiteatro, um delicatessen, que será entregue à comunidade, e a restauração da antiga casa de força da usina hidrelétrica, inaugurada no dia 4 de dezembro de 1938, que produziu, pela primeira vez, a energia elétrica no Cariri. "Vamos restaurar as ruínas e organizar o maquinário. Também vamos colocar totens com a historiografia do local", explica o titular da Pasta, Wilton Dedê.

Dentro do espaço, será feito uma lâmina d'água com figuras emblemáticas da cultura do Cariri e, nela, também serão contadas histórias, como a lenda da pedra da Batateira. "Vamos colocar figuras de fibra, como a mãe d'água, e figuras do lendário negro, pois lá no Sítio Luanda tem resquícios de quilombos reconhecidos pelo IBGE. Também vamos lembrar a história das telhas d'água", acrescenta Dedê. Paralelo a este projeto, também há outra proposta, ainda sem o mesmo avanço, de colocar a usina para funcionar novamente.

Na década de 1980, o Balneário da Nascente foi criado às margens do Rio Batateira. De lá pra cá, houve manutenção física, mas, nos último anos, está abandonado. A antiga casa de força da usina está em ruínas e o maquinário desprezado. O mau cheiro é latente, já que o espaço serve como um "banheiro" para os visitantes. No corredor da passagem de água, o mato avançou.

Por enquanto, não há recurso para iniciar a reforma, mas a Prefeitura espera conseguir R$ 2 milhões através de uma emenda parlamentar e o mesmo valor através da Secretaria Estadual de Turismo. No entanto, o projeto arquitetônico, inclusive em 3D, já foi finalizado. "Este dinheiro não está aportado, mas foi prometido. É aguardar o término da eleição para buscar os aportes financeiros", completa.

No último dia 11 de setembro, o MPCE convidou as secretarias de Cultura, Turismo, Infraestrutura, Meio Ambiente e Administração para discutir questões referente ao local. A principal preocupação é que não há nenhuma regularização fundiária.

"Nosso viés é quanto à regularização e a preservação ambiental. A gente quis delimitar quais as secretarias que têm responsabilidade sobre os equipamentos e áreas do local", explica o promotor Thiago Marques Vieira.

Viabilidade
A Prefeitura Municipal fará o georreferenciamento do local. Em seguida, deve se reunir com órgãos ambientais e ver a viabilidade do projeto. "Feito isso, partimos para o projeto executivo que a Secretaria de Infraestrutura já está trabalhando", explica Wilton Dedê.

Uma comissão foi criada para acompanhar o projeto formada pelo Geopark Araripe, pela Sociedade Anônima de Água e Esgoto do Crato (SAAEC), Universidade Regional do Cariri (URCA), Associação de Moradores do Sítio Luanda e pelas secretarias municipais.

ANTONIO RODRIGUES
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Ao menos 20 municípios do CE têm atos de mulheres contra Bolsonaro marcados para sábado (29)

Grupos organizados de mulheres vão às ruas contra a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL), neste sábado (29). No Ceará, as manifestações da campanha 'Mulheres contra Bolsonaro" ocorrerão em, pelo menos, 20 cidades. A mobilização em Fortaleza está marcada para as 15 horas, na Praia de Iracema, nas proximidades do Centro Cultural Belchior. Uma decisão da Justiça Eleitoral desta quarta-feira (27), porém, proibiu a manifestação que estava marcada em Icó, na região Centro-Sul do Estado.

De acordo com as organizadoras, as atividades são suprapartidárias e rejeitam o “avanço do autoritarismo político no Brasil”, tendo como linha principal a defesa da democracia e dos direitos sociais e humanos.

Uma das organizadoras do grupo cearense afirma ter sofrido violência por estar à frente da manifestação. "De certa forma a gente está sendo atacada há muito tempo, inclusive nosso grupo local foi invadido por um homem me ameaçando de  morte, por uma rede social", afirma a jornalista Ali Nacif. 

Veja os municípios:


Helena Barbosa, também organizadora do movimento contra Jair Bolsonaro, contou que a comissão está tomando previdências para evitar qualquer situação de violência contra as participantes. “Tivemos hoje em uma reunião com representantes da Secretaria de Segurança Pública para nos resguardar, pois estamos ameaçadas de atentados” afirma.

Por que elas dizem #EleNão?
O capitão reformado do Exército Jair Bolsonaro já declarou que defende a ditadura e fez elogios ao coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra, que comandava a tortura no DOI-CODI, na época da ditadura militar de 1964. Além disso, já afirmou que "não contrataria mulheres com o mesmo salário que homens" e  que "preferiria ver um dos filhos homens morto do que namorando outro homem".

Candidato a vice-presidente na chapa de Jair Bolsonaro,o  general Hamilton Mourão (PRTB) tem acirrado a polêmica.  Em entrevista recente, afirmou que famílias chefiadas só por mães e avós são “fábricas de desajustados”. A declaração gerou uma onda de críticas e ampliou a rejeição à do PSL. 

Veja a agenda de atos no Interior do Ceará no dia 29:
  • Canindé – Praça Tomaz Barbosa, às 9h;
  • Crateús – Teatro Rosa Morais, às 18h;
  • Fortaleza – Praia dos Crushes (Centro Cultural Belchior), às 15h;
  • Icó – Coluna da Hora, às 17h (proibida por decisão da Justiça Eleitoral);
  • Iguatu – Praça da Matriz, às 17h;
  • Itapipoca – Praça do Cafita, às 8h;
  • Jaguaretama – Praça Central, às 7h;
  • Jaguaribara – Rotatória Central, às 17h;
  • Jardim – Escola Jereissati, às 16h;
  • Juazeiro do Norte, Barbalha e Crato (unificado) – Praça do Giradouro, às 16 horas;
  • Limoeiro do Norte – Praça do BNB, às 7h30;
  • Mulungu – Praça do Relógio, às 9h;
  • Nova Russas – Posto Lima (Bela Braz), às 16h;
  • Paracuru – Praça dos Taxistas, às 15h;
  • Paramoti – Praça Frei Cirilo, às 16h;
  • Pentecoste – Praça do CSU, às 16h;
  • Piquet Carneiro – Praça da Matriz, às 17h;
  • Santa Quitéria – Seis Bocas, às 18h;
  • Senador Pompeu – Praça da Juventude, às 17h;
  • Solonópole – Transmissores Alto Vistoso, às 17h30;
  • Excepcionalmente, em Maracanaú, a atividade acontece no dia cinco de outubro, com concentração na Praça da Estação (Centro), às 17h.

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

28 de setembro

1066 – Início da Conquista Normanda: Guilherme da Normandia desembarca na Inglaterra com 7000 homens.
1871 – Entra em vigor a Lei do Ventre Livre no Brasil.
1974 – Falha a tentativa de golpe em apoio ao presidente português António de Spínola.

Nasceram neste dia…
1803 – Prosper Mérimée, arqueólogo e escritor francês (m. 1870).
1968 – Mika Häkkinen, automobilista finlandês.
1942 – Tim Maia (foto), cantor e compositor popular brasileiro (m. 1998).

Morreram neste dia…
1895 – Louis Pasteur, químico francês (n. 1822).
1918 – Georg Simmel, sociólogo alemão (n. 1858).
1978 – Papa João Paulo I, 263º papa (n. 1912).

Fonte: Wikipédia

Eleições 2018: Pesquisa Ibope no Ceará mostra Camilo vencendo no primeiro turno com 69%

Pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (24) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o governo do Ceará:
  • Camilo Santana (PT): 69%
  • General Theophilo (PSDB): 7%
  • Hélio Góis (PSL): 2%
  • Ailton Lopes (Psol): 1%
  • Gonzaga (PSTU): 1%
  • Mikaelton Carantino (PCO): não pontuou
  • Brancos/Nulos: 13%
  • Não sabem/não responderam: 6%
A pesquisa foi encomendada pela TV Verdes Mares. É o segundo levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral. O candidato Mikaelton Carantino (PCO) apresentou renúncia ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

No levantamento anterior, feito de 13 a 15 de agosto, os percentuais de intenção de votos eram os seguintes: Camilo Santana: 64%; General Theophilo: 4%; Ailton Lopes: 2%; Hélio Góis: 2%; Gonzaga: 2%. Brancos/nulos: 17%; Não sabe: 9%. Mikaelton Carantino (PCO) não pontuou.

Rejeição
O Ibope também mediu a taxa de rejeição (o eleitor deve dizer em qual dos candidatos não votaria de jeito nenhum). Os entrevistados podem citar mais de um candidato, por isso, os resultados somam mais de 100%. Veja os índices:
  • General Theophilo (PSDB) : 34%
  • Francisco Gonzaga (PSTU): 33%
  • Ailton Lopes (Psol): 28%
  • Dr. Hélio Góis (PSL) : 27%
  • Mikaelton Carantino (PCO): 24%
  • Camilo Santana (PT): 13%
  • Poderia votar em todos: 4%
  • Não sabe/não respondeu: 25%
Sobre a pesquisa
  • Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
  • Quem foi ouvido: 1.204 eleitores, em 60 cidades, com 16 anos ou mais
  • Quando a pesquisa foi feita: 18 a 24 de setembro
  • Registro no TRE: CE-09888/2018
  • Registro no TSE: BR‐09794/2018.
  • O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro
  • 0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado

Fonte: G1 CE

Curta nossa página no Facebook

Cresce campanha contra Bolsonaro no Brasil

Um manifesto assinado por intelectuais, artistas e empresários se somou à crescente campanha nas redes sociais contra o candidato de extrema direita Jair Bolsonaro, que lidera as intenções de voto para as eleições de 7 de outubro.

“Temos trajetórias pessoais e públicas variadas. Votamos em pessoas e partidos diversos. Defendemos causas, ideias e projetos distintos para nosso país, muitas vezes antagônicos. Mas temos em comum o compromisso com a democracia”, assinala o manifesto “Pela democracia, pelo Brasil”, que começou a circular no domingo.

“O compromisso com a democracia, com a liberdade, a convivência plural e o respeito mútuo. E acreditamos no Brasil. Um Brasil formado por todos os seus cidadãos, ético, pacífico, dinâmico, livre de intolerância, preconceito e discriminação…”.

“Mas quando, no entanto, nos deparamos com projetos que negam a existência de um passado autoritário no Brasil, flertam explicitamente com conceitos como a produção de nova Constituição sem delegação popular, a manipulação do número de juízes nas cortes superiores ou recurso a autogolpes presidenciais, acumulam declarações francamente xenofóbicas e discriminatórias contra setores diversos da sociedade, refutam textualmente o princípio da proteção de minorias contra o arbítrio e lamentam o fato das forças do Estado terem historicamente matado menos dissidentes do que deveriam, temos a consciência inequívoca de estarmos lidando com algo maior, e anterior a todo dissenso democrático”, adverte o documento firmado por cerca de 400 empresários, economistas, intelectuais eartistas como Alice Braga, Chico Buarque, Caetano Veloso, Fernando Meirelles e Walter Salles.

“É preciso dizer, mais que uma escolha política, a candidatura de Jair Bolsonaro representa uma ameaça franca ao nosso patrimônio civilizatório primordial. É preciso recusar sua normalização, e somar forças na defesa da liberdade, da tolerância e do destino coletivo entre nós”, destaca o manifesto.

A carreira política de Bolsonaro, um ex-capitão do Exército, é marcada por polêmicas envolvendo declarações misóginas, homofóbicas e racistas, além da defesa de métodos de tortura durante a ditadura militar (1964-1985).

“O erro da ditadura foi torturar e não matar”, disse em junho de 2016. “Deus acima de tudo. Não existe esta história de Estado laico”, afirmou em fevereiro de 2017. Também disse entender porque os salários das mulheres são inferiores aos dos homens.

Seu discurso, partidário da flexibilização do porte de armas para combater a criminalidade, atraiu amplos setores, mas também o transformou em um político de alta rejeição, deflagrando as campanhas #EleNão e #EleNunca, promovido pelo grupo de Facebook “Mulheres Unidas contra Bolsonaro”.

O grupo criado contra o “machismo e a misoginia” tinha nesta segunda-feira quase três milhões de integrantes.

A campanha #EleNão foi ampliada com a criação de mais de 40 grupos de mulheres, evangélicos, ateus, judeus, cristãos e LGBTQ, todos declaradamente contra o candidato e com milhares de integrantes cada um.

Os artistas também se somaram às mobilizações virtuais, e a última a aderir foi Anitta, após ser questionada nas redes sociais.

Protesto em mais de 70 cidades
A adesão de celebridades nas últimas horas alimenta a manifestação “Mulheres contra Bolsonaro”, convocada para sábado, 29.

Milhares já confirmaram sua presença nos protestos anunciados para 70 cidades do Brasil e uma dezena de países em todo o mundo, de Argentina a Portugal, passando por Estados Unidos, Holanda e Inglaterra.

Idolatrado por seus partidários, que o chamam de “mito”, o deputado de 63 anos não participa de atividades públicas desde 6 de setembro, quando foi esfaqueado em um comício na cidade de Juiz de Fora.

Isto não impediu Bolsonaro de se manter ativo nas redes sociais e de liderar as pesquisas, o que parece lhe garantir uma vaga no segundo turno, em 28 de outubro.

Em entrevista concedida nesta segunda-feira à Rádio Jovem Pan, do Hospital Israelita Albert Einstein de São Paulo, Bolsonaro declarou que o atentado contra ele foi “planejado, político, para me tirar do combate”.

Sobre a pena para seu agressor, Adélio Bispo de Oliveira, Bolsonaro avaliou que “no Brasil não existe pena acima de 30 anos”. “Eu costumo dizer muitas vezes, tentativa de homicídio, eu estou vivo por milagre, por que a pena tem que ser abaixo do homicídio em si?! Vamos mudar isso no futuro se Deus quiser…”.

“Eu prefiro cadeia cheia de vagabundo do que cemitério cheio de inocente. Esses caras que falam que eu sou um risco para a democracia acham que sou risco para os esquemas deles…”.

“Da minha parte nunca preguei o ódio. Eles dizem que prego o ódio, dizem que Bolsonaro agride gays, negros, mulheres. Me aponte um áudio meu agredindo, uma imagem minha agredindo”.

Esquerda x direita
Na pesquisa Ibope publicada nesta segunda-feira, o candidato do PT, Fernando Haddad, continua crescendo nas intenções de voto (22%) e Bolsonaro está estagnado (28%).

Haddad subiu três pontos em relação à última pesquisa divulgada em 18 de setembro pelo Ibope.

A principal novidade dessa pesquisa, realizada entre 22 e 23 de setembro com 2.506 entrevistados, é que Haddad ganharia de Bolsonaro no segundo turno (43% contra 37%), previsto para 28 de outubro. Na pesquisa anterior eles apareciam empatados com 40%.

Outra novidade foi o índice de rejeição de Bolsonaro, que subiu de 42% para 46%. A rejeição de Haddad subiu um ponto, de 29% para 30%.

Em terceiro lugar na pesquisa aparece Ciro Gomes, que se manteve com 11%, seguido por Geraldo Alckmin, que sobe de 7% para 8%, e por Marina Silva, que caiu de 6% para 5%.

Fonte: Exame.com

Curta nossa página no Facebook

Eleições 2018: Grande adesivaço de Camilo Santana anima manhã no Cariri

Após registrar uma das maiores carreatas da história do  Ceará,  a cidade caririense de Juazeiro do Norte recebeu, na manhã desta terça-feira (25), mais uma atividade da coligação "Por um Ceará cada vez mais forte". Acompanhado de candidatos à Assembleia Legislativa e Câmara Federal, o governador Camilo Santana participou de adesivaço regional que coloriu o cruzamento das avenidas Padre Cícero e Castelo Branco. 

Antes mesmo das sete horas da manhã era grande o movimento de militantes no local. Quando Camilo chegou a festa ganhou proporção ainda maior. Além da multidão, o colorido das bandeiras e o som de bandinhas receberam o reforço das buzinas de carros, motos, e até de ônibus. Eram os motoristas e motociclistas demonstrando apoio ao governador. 

Em Juazeiro, Camilo falou sobre a importância de ampliar o Programa Mais Infância,  que ampara famílias carentes, e a construção de mais de 100 creches em todo o Estado, além das que estão em andamento. "Temos hoje um programa de transferência de renda para mães com crianças de zero a seis anos que ainda vivem em extrema dificuldade. Nos vamos continuar com o Cartão Mais Infância", assegurou o governador.

"Vamos também  continuar com o Padin (Programa de Apoio ao Desenvolvimento Infantil) que é o acompanhamento nessa fase de zero a seis anos, que é essencial na vida das pessoas. Se a criança não estiver bem estimulada, alimentada e bem orientada pode comprometer o futuro dessas crianças", disse o governador.

Outras medidas adotadas e que serão ampliadas são as areninhas, brinquedopraças e Praças do Mais Infância. "Além disso, estamos capacitando todos os agentes de saúde do Estado na orientação na primeira infância. Queremos fortalecer, ampliar e dar mais apoio ao Mais Infância nos próximos quatro anos", antecipou Camilo Santana. 

Com foco na adolescência o governador Camilo Santana destacou a criação das areninhas e o programa Avance. "Todos os municípios estão recebendo areninhas e quero ampliar. Criamos o programa Avance, que garante uma bolsa para alunos de escolas públicas nas universidades. Queremos ampliar ainda as escolas de tempo integral, que são fundamentais para o jovens, como também os Centros Cearenses de Idiomas". Já são dez funcionando no Ceará. Em Juazeiro há uma unidade do CCI. "Quero dobrar. Até porque estamos conectando o Ceará com o mundo é muito importante que nossos jovens aprendam inglês, espanhol e o francês que eu quero incluir nessa nova etapa do CCI". 

Por fim, outra ação adotada para dar oportunidades à juventude foi o Programa Primeiro Passo, que oferta bolsa para a experiência do primeiro emprego no mercado de trabalho. "Ampliei de seis mil vagas para 15 mil e quero duplicar essas vagas no próximo governo, porque tem sido fundamental para dar esperança e oportunidade aos jovens cearenses".

Pesquisas
Pesquisa realizada pelo Ibope e divulgada nessa segunda-feira (24) mostrou o resultado do trabalho de Camilo como governador. Na corrida ao Palácio da Abolição o levantamento mostra que Camilo Santana tem 69% das intenções de votos, enquanto o segundo colocado marcou 7%.

“Recebo os resultados da pesquisa com sentimento de muita gratidão ao povo cearense. Isso só me motiva a trabalhar cada vez mais pelo Ceará. Continuamos com foco e respeito. Que nossa militância continue engajada nas ruas até chegar o dia da eleição. Não iremos descansar”, disse Camilo, que durante o ato adesivou vários veículos e conversou com a população. “Preciso do apoio e voto dos cearenses, para continuarmos avançando nas grandes conquistas para o Ceará”, reforçou Camilo.

Reconhecimento 
No Cariri o nome de Camilo Santana é unanimidade. Entre os mais jovens e idosos, não há dúvidas sobre qual número digitar na urna eletrônica no próximo dia sete se outubro. A pensionista Francineide Alves, de 60 anos. "O Camilo foi e tem sido o melhor governador. Sou pensionista do Estado e ele nunca deixou o nosso dinheiro atrasar. Até hoje foi o melhor governador e merece o nosso voto pra governar de novo", diz a idosa, reconhecendo a crise em que se encontra o país,  com estados sem conseguir pagar a folha dos servidores, enquanto no Ceará, além de pagar em dia, ainda crescem os investimentos.

Com apenas 18 anos, Pedro Ícaro afirma já conhecer e reconhecer o trabalho de Camilo à frente do Governo do Estado. "As escolas estão melhores, quando não estamos estudando podemos ir jogar futebol ou até mesmo estudar inglês no Centro (Cearense de Idioma)".

Curta nossa página no Facebook

PM do Ceará convoca segunda turma de aprovados em concurso de 2013

Duzentos e cinquenta aprovados em concurso público para a Polícia Militar do Ceará, em 2013, estão sendo convocados pelo Governo do Estado para tomar posse nos cargos. Esta é a segunda turma de aprovados chamada para iniciar o Curso de Formação Profissional. Ao final do curso, eles estarão aptos para atuar nas ruas da capital e do interior do estado.

Do total de convocados, 225 são do sexo masculino e 25 são do sexo feminino. A convocação foi divulgada pela Academia Cearense de Segurança Pública e Secretaria de Planejamento e Gestão do Governo do Ceará.

Os convocados foram aprovados na inspeção de saúde, que consta de exames médicos-odontológicos, biométrico e toxicológico. Eles vão ocupar as vagas ociosas da primeira chamada dos aprovados.

Fonte: G1 CE

Curta nossa página no Facebook

O vídeo em que Lula pede votos para Bolsonaro é real?

Um vídeo em que Lula pede votos para Bolsonaro tem bombado em diversos posts nas redes sociais. Nele, o ex-presidente diz que só Bolsonaro é quem vai conseguir tocar o país para frente e que não adianta perder tempo votando em outros candidatos. O vídeo é #FAKE. Trata-se de uma montagem.

Em uma das versões, o vídeo é postado com a mensagem: "Lula grava vídeo pedindo votos pra o Bolsonaro dentro da cadeia". Na gravação, o ex-presidente diz que "jamais imaginava que um dia falaria isso, mas não tem solução" e que nas próximas eleições, ele volta, concorre e mostra como é que se faz.

É possível perceber na dublagem a falta de sincronia entre a voz e a fala no vídeo.

O G1 procurou a assessoria de imprensa de Lula, que diz que o vídeo é uma clara montagem. "É falso. O PT já tem um candidato", afirma a assessoria, referindo-se ao candidato Fernando Haddad.

O G1 encontrou o vídeo original, publicado no Facebook de Lula no dia 31 de maio de 2018. Nas imagens, o ex-presidente diz que quer ser candidato porque é inocente e que estão tentando impedir a candidatura dele porque sabem que ele pode ganhar no primeiro turno. "Como é que eu posso me conformar quando eu vejo uma elite perversa entregando esse país a meia dúzia de pessoas?", questiona. O vídeo é um trecho de uma entrevista de Lula à rádio Metrópole de Salvador, feita em março.

Lula segue sem permissão para fazer gravações direto da prisão. No último dia 15 de setembro, o ministro Sérgio Banhos, do Tribunal Superior Eleitoral, rejeitou pedido do ex-presidente para gravar áudios e vídeos na cadeia. Em julho, a juíza Carolina Lebbos, responsável pela execução da pena dele na Operação Lava Jato, já havia negado o pedido de Lula para gravar áudios e vídeos na prisão.

O ex-presidente inicialmente era candidato do PT à Presidência, mas teve a candidatura rejeitada pelo TSE, com base na lei da Ficha Limpa. Fernando Haddad o substituiu e agora concorre pelo PT.

Veja o que diz a voz falsa dublada na versão do vídeo postada nas redes sociais:

"Não adianta, minha gente. É votar no Bolsonaro. É só ele quem vai conseguir tocar o nosso país pra frente. E se der burrada, amanhã, depois vai ter eleição novamente. Se Deus quiser, até lá, eu volto e concorro e mostro como é que se faz. Mas não vão perder tempo votando nesses outros candidatos. O nosso candidato tem que ser o Bolsonaro. Jamais imaginava que um dia eu falaria isso, mas não tem outra solução, meus companheiros".

Fonte: G1

Curta nossa página no Facebook

Nova espécie de planta é encontrada na Bacia do Araripe

Pesquisadoras da Universidade Federal do Ceará descobriram nova espécie de planta a partir de fóssil encontrado na Bacia do Araripe, no Cariri Cearense. Estima-se que a espécie, nomeada de Pseudofrenelopsis salesii, tenha vivido no período Cretáceo, há aproximadamente 110 milhões de anos atrás.

Conforme as pesquisadoras do Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Recursos Naturais, o exemplar da planta encontrada está especialmente preservado, algo raro para fósseis da chamada Formação Romualdo, da qual ela procede. A formação geológica é uma das principais unidades rochosas na Bacia do Araripe e é famosa por conter várias concreções fossilíferas. As boas condições do fóssil permitiram que a Pseudofrenelopsis salesii fosse a primeira espécie de planta procedente dessa formação a ter sua anatomia estudada em detalhes.

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Eleições 2018: Pesquisa Ibope mostra Bolsonaro estancado e Haddad no segundo turno; veja os números

O Ibope divulgou nesta segunda-feira (24) o resultado da mais recente pesquisa de intenção de voto na eleição presidencial. A pesquisa ouviu 2.506 eleitores entre sábado (22) e domingo (23).

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos.

Os resultados foram os seguintes:

  • Jair Bolsonaro (PSL): 28%
  • Fernando Haddad (PT): 22%
  • Ciro Gomes (PDT): 11%
  • Geraldo Alckmin (PSDB): 8%
  • Marina Silva (Rede): 5%
  • João Amoêdo (Novo): 3%
  • Alvaro Dias (Podemos): 2%
  • Henrique Meirelles (MDB): 2%
  • Guilherme Boulos (PSOL): 1%
  • Cabo Daciolo (Patriota): 0%
  • Vera Lúcia (PSTU): 0%
  • João Goulart Filho (PPL): 0%
  • Eymael (DC): 0%
  • Branco/nulos: 12%
  • Não sabe/não respondeu: 6%
Em relação ao levantamento anterior do instituto, divulgado na terça-feira (18):

Jair Bolsonaro se manteve com 28%;

Haddad foi de 19% para 22%;

Ciro se manteve com 11%;

Alckmin foi de 7% para 8%;

Marina passou de 6% para 5%;

Os indecisos foram de 7% para 6% e os brancos ou nulos, de 14% para 12%.

Rejeição
O Instituto também perguntou: "Dentre estes candidatos a Presidente da República, em qual o (a) sr. (a) não votaria de jeito nenhum? Mais algum? Algum outro?".

Neste levantamento, portanto, os entrevistados podem citar mais de um candidato. Por isso, os resultados somam mais de 100%.

Os resultados foram:
  • Bolsonaro: 46%
  • Haddad: 30%
  • Marina: 25%
  • Alckmin: 20%
  • Ciro: 18%
  • Meirelles: 11%
  • Cabo Daciolo: 11%
  • Eymael: 11%
  • Boulos: 11%
  • Vera: 10%
  • Alvaro Dias: 9%
  • Amoêdo: 9%
  • João Goulart Filho: 9%
  • Poderia votar em todos: 2%
  • Não sabe/não respondeu: 7%

Fonte: G1

Curta nossa página no Facebook

25 de setembro

1513 - O explorador espanhol Vasco Núñez de Balboa "descobre" o Oceano Pacífico.
1846 - Forças estadunidenses lideradas por Zachary Taylor conquistam a cidade de Monterrei.
1964 - Dá-se o início da luta armada pela independência de Moçambique.

Nasceram neste dia…
1644 - Ole Rømer, astrônomo dinamarquês (m. 1710).
1903 - Mark Rothko, pintor letão (m. 1970).
1969 - Catherine Zeta-Jones (foto), atriz britânica, e seu esposo, Michael Douglas, em 1944, ator estadunidense.

Morreram neste dia…
1980 - John Bonham, músico britânico, ex-baterista do grupo Led Zeppelin (n. 1948).
1999 - Marion Zimmer Bradley, escritora norte-americana (n. 1930).
1991 - Klaus Barbie, oficial alemão da SS (n. 1913).

Fonte: Wikipédia

ShareThis