Respiradores serão legado para atender demandas de municípios, destaca Camilo

Nesta quarta-feira (19) deve desembarcar em Fortaleza a última carga de respiradores adquiridos pelo Governo do Ceará para o enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19). A informação foi antecipada pelo governador Camilo Santana em live nas redes sociais na tarde desta terça-feira (18). Ontem desembarcaram 45 equipamentos e amanhã devem chegar os últimos 40, totalizando 700 comprados e recebidos, com recursos próprios do Estado desde o início da pandemia. “Continuamos com essa ampliação de leitos, UTIs e respiradores que salvaram e continuam salvando vidas em todo o estado”, disse o chefe do Executivo.

De acordo com o governador este será um grande legado para o Ceará. Com a redução de casos sendo cada vez mais constatada em todas as regiões do estado serão montadas salas de estabilização em pequenos municípios onde não há hospital. Os equipamentos servirão para a instalação dessas salas, garantindo que os pacientes possam posteriormente ser transferidos para unidades e média e alta complexidades, a depender do quadro.

Toda essa estrutura, conforme avaliou Camilo Santana, ficará para salvar vidas a partir de outras demandas. “Por exemplo, em Crateús, onde montamos leitos de UTis. Eles vão continuar lá para atender as demandas dos cidadãos da região. Para que não precisem se deslocar 200 quilômetros para ter uma cirurgia ou atendimento de saúde mais complexo”, apontou. “Da mesma forma será em municípios como Icó, Itapipoca, Caucaia, Maracanaú, Iguatu, Tianguá, enfim, todos onde foram montadas essas estruturas”.

O estado do Ceará é um dos que mais testam em todo o país e assim continuará com a ampliação dos locais de testes de coronavírus. “Chegamos a quase 570 mil testes realizados durante a pandemia. E temos ampliado agora, com novo centro de testagem no Centro da Cidade de Fortaleza e outro em Maracanaú”, destacou.

Além de testar é importante o apoio que o Estado dá para a prevenção da Covid-19. O uso de máscara, higienização e evitar aglomerações ainda são os principais meios de prevenir a doença. Durante a apresentação o governador falou que está sendo concluída a entrega de cinco milhões de máscaras pelo Governo do Ceará em cidades do Interior. Em Fortaleza, a partir de parceria com a Prefeitura já foram distribuídas mais de três milhões. “Destaco isso para dizer da importância do uso de máscara que é um importante instrumento de prevenção, é para você se cuidar e cuidar das pessoas”. Sobre aglomerações, ressaltou que é preciso evitá-las. “Sei que praticamente todas as atividades econômicas retornaram, que é importante a geração de emprego, a movimentação da economia, mas é fundamental termos a compreensão que não voltamos à normalidade. A prevenção é necessária até sair a vacina. Até lá vamos continuar monitorando para preservar vidas cearenses”.

Curta nossa página no Facebook

Lei prevê acompanhante para pacientes com deficiência diagnosticados com Covid-19

Pessoas com deficiência diagnosticadas com Covid-19 e que necessitem de atenção especial terão direito a um acompanhante em hospitais, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), maternidades públicas e privadas, entre outras instituições hospitalares voltadas para o atendimento a casos de Covid-19 no Ceará. A prerrogativa foi estabelecida pela Lei nº 17.266, sancionada pelo governador Camilo Santana, nesta segunda-feira (17). A redação inclui crianças, adolescentes e adultos com graus moderado e severo de Transtorno do Espectro Autista (TEA).

Segundo a lei, o acompanhamento deve ser realizado, de preferência, por familiar, responsável ou alguém indicado pelo paciente. Caso não seja possível, o cuidador deve ser capacitado para prestar o apoio necessário ao paciente com deficiência. O acompanhante precisa comprometer-se com a utilização de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para evitar a transmissão de doenças infectocontagiosas.

Jorge Almeida, coordenador do Núcleo de Atenção à Infância e Adolescência do Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto (HSM), unidade da rede pública da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), do Governo do Ceará, ressalta a importância da lei para o acolhimento de pessoas com deficiência, em especial os pacientes com autismo. “O estresse de uma internação é mais intenso, pois eles têm dificuldade de adaptação em locais desconhecidos e com pessoas desconhecidas. Ou seja, é uma situação que foge da rotina que ele vive. Sem a presença de um acompanhante, eles podem desorganizar as respostas, não atender de forma satisfatória as demandas médicas, pois são muitos estímulos novos que sobrecarregam o paciente”, explica

Como forma de adaptar os pacientes com deficiência à internação, o especialista afirma que os acompanhantes podem adotar algumas estratégias. “Os indivíduos com deficiência ainda podem manter um objeto pessoal que ajude a reduzir o estresse, como um brinquedo, um livro, o celular, um videogame. As pessoas devem dizer a esse paciente que o internamento não é culpa dele e que será uma fase temporária”, complementa Erlane Ribeiro, geneticista do Hospital Infantil Albert Sabin (Hias), unidade da rede estadual.

Curta nossa página no Facebook

19 de agosto

293 a.C. - O mais antigo templo romano dedicado a Vénus é fundado no monte Esquilino.
1692 - Julgamento das Bruxas de Salém: cinco mulheres e um clérigo são executados após terem sido acusados de bruxaria.
1969 - É fundada a empresa brasileira de aviação Embraer.

Nasceram neste dia…
1883 - Coco Chanel, estilista francesa (m. 1971).
1897 - Roman Vishniac, fotógrafo e microbiologista russo-norte-americano (m. 1990).
1946 - Bill Clinton, político norte-americano.

Morreram neste dia…
1662 - Blaise Pascal, filósofo, físico e matemático francês (n. 1623).
1994 - Linus Pauling, químico norte-americano (n. 1901).
2003 - Sérgio Vieira de Mello (foto), diplomata brasileiro (n. 1948).

Fonte: Wikipédia

Sete municípios cearenses serão contemplados com 200 cisternas de placa e 93 cisternas escolares

O secretário do Desenvolvimento Agrário, De Assis Diniz, assinou, na última sexta-feira (14), a contratação de quatro entidades privadas sem fins lucrativos responsáveis pela implantação de tecnologias sociais em sete municípios cearenses. O convênio firmado entre o Governo do Ceará e o Ministério da Cidadania, no valor de R$ 1.956.464,79, garante a implantação de 200 cisternas de placa e 93 cisternas escolares nos municípios de Boa Viagem, Canindé, Caririaçu, Catunda, Jaguaretama, Santa Quitéria e Tururu

“A reabertura gradual e responsável da economia caminha junto à ampliação da cidadania e da segurança hídrica para as famílias do campo”, comemorou o secretário De Assis Diniz. O valor de R$ 1,95 milhão representa uma parcela dos R$ 27 milhões assegurados junto ao ministério por meio do aditivo ao convênio 041/2017. Os centros de Apoio ao Desenvolvimento Social e Comunitário (Cadesc) e de Desenvolvimento Sustentável do Semiárido (ONG Cactus), e os institutos Flor do Piqui e Vida Melhor (IVM) foram os vencedores do Edital 05/2020.

“Com a implantação das cisternas, temos condições de fazer com que o homem e a mulher do campo tenham acesso à água e possam evitar diversas doenças, como a diarreia, ou mesmo a contaminação por micro-organismos”, descreveu o impacto na zona rural. “Quando executamos esta política pública, também observamos impactos sociais e econômicos, com ocupação e renda para mestres de obras, pedreiros e ajudantes, e a movimentação da economia no interior do Estado, com a aquisição de vários itens dos comércios locais”, acrescentou De Assis Diniz.

“A todos catundenses e quiterienses, informamos que acabamos de assinar o contrato para construção de nove cisternas escolares em Catunda e 29 no município de Santa Quitéria. É uma satisfação muito grande para nós, da ONG Cactus, podermos contribuir com a consolidação do acesso à água e contribuirmos com uma melhor qualidade do ensino público”, descreveu Homero Novaes ao agradecer o governador Camilo Santana e o secretário De Assis Diniz.

Curta nossa página no Facebook

Anvisa autoriza testes de 4ª vacina contra Covid no Brasil

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) autorizou, nesta terça-feira (18), testes de fase 3 de mais uma vacina contra a Covid-19 no Brasil: a Ad26.COV2.S, desenvolvida pela Janssen Pharmaceuticals, do grupo Johnson & Johnson. Esta é a quarta vacina a obter autorização de testes no país (veja detalhes mais abaixo).

A Anvisa não informou a data de início dos testes, que depende de aprovação no Conselho Nacional de Ética em Pesquisa (Conep) – órgão do Ministério da Saúde responsável pela avaliação ética de pesquisas clínicas – e da organização dos pesquisadores para recrutamento dos voluntários.

Está prevista a participação de 7 mil pessoas, com idade mínima de 18 anos, em 7 estados: Bahia, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e São Paulo. Ao todo, a empresa pretende testar 60 mil pessoas nesta etapa (a terceira e última), que avalia a segurança e a eficácia da vacinação.

Os participantes deverão receber uma dose única da vacina ou um placebo (substância inativa), para servir de grupo controle. A determinação de quem recebe a vacina ou o placebo será feita de forma aleatória (randomizada), e nem os voluntários, nem os pesquisadores saberão quais pessoas receberam qual substância (esse tipo de estudo é chamado de "duplo-cego").

As primeiras etapas (1 e 2) dos testes da vacina da Johnson começaram em julho, nos Estados Unidos e na Bélgica. Em um estudo com macacos publicado na revista científica "Nature", uma das mais importantes do mundo, cientistas disseram que a vacina da empresa protegeu os animais do Sars-CoV-2 (o novo coronavírus) com apenas uma dose.

Outros testes
Existem outras três vacinas sendo testadas em última fase (a terceira) no Brasil:

• a de Oxford (inglesa);
• a da Sinovac (chinesa);
• a da BioNTech/Pfizer (alemã/americana).

No início do mês, a Fiocruz anunciou que pode começar a produzir a vacina de Oxford em dezembro. A fundação firmou um acordo com a AstraZeneca, farmacêutica que está por trás da produção, para repasse de tecnologia. Na semana passada, a Anvisa autorizou que os voluntários recebessem a segunda dose da vacina.

Na semana passada, o governo de São Paulo anunciou que pode receber, até o fim do ano, 15 milhões de doses da vacina da Sinovac, a "Coronavac". A vacina tem previsão de ser desenvolvida localmente pelo Instituto Butantan, que deve receber, a partir de outubro, material para começar a produção em solo brasileiro.

Segundo o diretor do instituto, Dimas Covas, após a aprovação da vacina, ela será entregue ao Programa Nacional de Imunização, do Ministério da Saúde, responsável pela distribuição e logística para o resto do país. A expectativa do governo estadual é de que a vacina esteja disponível em janeiro de 2021.

Vacina russa
Separadamente, o governo do Paraná firmou uma parceria com a Rússia para desenvolver a vacina criada pelo país, registrada na semana passada (a primeira no mundo). Nenhum teste clínico da imunização foi, entretanto, aprovado pela Anvisa até agora.

O estado criou um comitê para discutir ações envolvendo as parcerias firmadas com Rússia e China, além de buscar outras pesquisas em desenvolvimento.

De acordo com o Instituto de Tecnologia do Paraná, é possível que a produção das doses comece a partir do segundo semestre de 2021. O governo do estado disse que não descarta a possibilidade de importar a vacina russa e não produzi-la, caso a eficácia seja comprovada.

Além do Paraná, o estado de São Paulo também afirmou que foi procurado pelo governo russo para firmar uma parceria, mas não fechou nem descartou um acordo com o país.

A vacina russa levantou desconfiança na comunidade internacional, porque o país não publicou estudos com os resultados dos testes. A Rússia rejeitou as preocupações e anunciou que começaria a vacinar os médicos do país em breve.

Parcerias com Sinopharm
O governo do Paraná também assinou, no fim de julho, um acordo para testes de fase 3 com a chinesa Sinopharm. O ensaio ainda não foi autorizado pela Anvisa.

Na semana passada, o governo da Bahia também anunciou uma parceria com a Sinopharm para os testes de fase 3. Esses ensaios também não têm, por enquanto, autorização da agência.

Resultados publicados também na semana passada apontam que a vacina da Sinopharm induziu a produção de anticorpos em testes iniciais em humanos.

Fonte: G1

Curta nossa página no Facebook

Covid-19: Governo do Ceará conclui a entrega de cinco milhões de máscaras

Mais de um milhão de famílias do interior e da capital do Ceará estão sendo contempladas com kits de máscaras de tecido. À frente da distribuição do material, a Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS), concluiu hoje (17), a entrega de cinco milhões de máscaras adquiridas pelo Governo do Ceará para minimizar os riscos de transmissão do coronavírus nos 184 municípios cearenses. Nesta última remessa, foram entregues 110 mil máscaras para oito municípios do Litoral Oeste, Região Metropolitana e Maciço de Baturité, contemplando mais 22 mil famílias. A ação é resultado da parceria entre Casa Civil, Secretaria da Saúde (Sesa), Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet), Agência do Desenvolvimento Econômico do Ceará (Adece) e SPS.

Beneficiária do Programa Criança Feliz, Luana Rodrigues recebeu hoje pela manhã seu kit de máscaras. Ela explica a importância dessa doação para sua família. “Eu tenho quatro filhos. Todos os dias me preocupo com a saúde deles e tento manter os cuidados para que ninguém se contamine com o vírus. Levo muito a sério o uso da máscara e sei que essa atitude pode salvar vidas”, conta ela, que mora em Granja.

“Hoje é um dia muito especial porque estamos encerrando um ciclo de entregas que só foi possível graças ao empenho dos nossos técnicos da assistência social. Profissionais que se doaram integralmente para cumprir esta missão que nos foi confiada pelo governador Camilo Santana. Proteger o povo cearense e possibilitar o acesso aos direitos básicos em um período de muitas mudanças e adaptações têm sido um desafio, mas estamos superando as dificuldades e levando, mesmo aos locais mais distantes, um atendimento digno e humano”, destaca a titular da SPS, Socorro França.

Para a secretária de Assistência Social de Mulungu, Marileuda Araújo, um dentre os oito municípios contemplados nesta última entrega das máscaras, a doação fortalece as ações que já vêm sendo realizadas para atender a população em situação de vulnerabilidade social. “Hoje, nós estamos saindo daqui da sede da SPS, com 10.750 máscaras de tecido para entregar às famílias mais necessitadas da nossa cidade. É muito gratificante saber que ao chegar nos nossos municípios vamos ver o sorriso no rosto das mães, avós e pais, que precisam de proteção para trabalhar e cuidar dos filhos e netos”, ressalta.

Rafaelle Siqueira mora em Irauçuba e também recebeu seu kit de máscaras hoje. “Na minha casa somos três: eu, meu marido e minha filha e temos sempre muito cuidado ao sair na rua, seja para trabalhar ou fazer as compras de casa. Estava preocupada porque com a volta à rotina nós precisamos ter mais que uma máscara e nosso dinheiro já estava todo contadinho para as despesas do mês. Essa doação chegou em um momento muito oportuno e vai ser nossa garantia de proteção”, completa a beneficiária.

Curta nossa página no Facebook

IFCE Crato oferta projeto de preparação para o Enem

Estão abertas até o dia 22 de agosto as inscrições para o projeto Enem 2020, uma iniciativa do campus de Crato do Instituto Federal do Ceará que promove aulões ao vivo e salas de aula virtual para preparar estudantes para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo formulário bit.ly/projetoENEM_IFCrato.

São 30 vagas para estudantes do campus e outras 30 para a comunidade externa. O projeto deve atender, preferencialmente, estudantes do terceiro ano do ensino médio. O critério de seleção é a ordem de inscrição.

As atividades do projeto, que será totalmente online, terão início no dia 31 de agosto, com encerramento previsto para o dia 18 de dezembro. Serão criadas salas de aula virtuais, por meio da ferramenta Google Classroom, para envio e acompanhamento de estudos voltados para o Enem. Semanalmente, às quartas ou quintas-feiras, de 18h às 20h, haverá também encontros ao vivo com palestras e aulões sobre temas diversos e relacionados ao exame.

Para participar da iniciativa, o estudante inscrito deverá assinar um termo de compromisso que diz respeito a regras de conduta em ambiente virtual. As dúvidas sobre o projeto podem ser tiradas com o coordenador da iniciativa, o professor Nustenil Segundo, pelo e-mail nustenil.segundo@ifce.edu.br.

Curta nossa página no Facebook

PF realiza megaoperação contra o tráfico internacional de drogas no Ceará e em outros estados

A Polícia Federal realiza na manhã desta terça-feira (18) uma megaoperação contra o tráfico internacional de drogas no Ceará e em mais 11 estados e no Distrito Federal.

São cumpridos 139 mandados de busca e apreensão e 50 mandados de prisão (20 prisões preventivas e 30 prisões temporárias). A PF ainda não informou quantos mandados são cumpridos no Ceará. 

No estado de São Paulo ocorre a maior parte dos mandados, sendo 22 de prisão e 60 de busca e apreensão. 

As investigações começaram há 4 anos pela Polícia Federal de Pernambuco. 

Os policiais investigam o crime de lavagem de dinheiro, além de buscarem provas para confirmar o envio de drogas para o exterior e o uso de helicópteros para o transporte de cocaína pelo Brasil.

A ação também foi deflagrada nos estados de Alagoas, Bahia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Paraná, Rio Grande do Norte e Santa Catarina.

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Ceará recebe última leva do total de 700 respiradores adquiridos do Exterior

O Governo do Ceará recebeu, nesta segunda-feira (17), parte do lote final que totaliza os 700 respiradores adquiridos no exterior para o combate à pandemia de Covid-19. Todos os equipamentos foram distribuídos aos hospitais e unidades da rede pública estadual e também para ajudar a rede de saúde dos municípios cearenses.

Da compra total feita na China, o Ceará já recebeu 660 unidades do equipamento, incluindo as 45 unidades que chegaram nesta segunda-feira (17), enquanto as últimas 40 unidades estão previstas para chegar ao longo desta semana.

Desde quando a pandemia começou foram criados no Ceará quase 3 mil leitos exclusivamente para receber pacientes com a Covid-19, sendo mais de 900 só de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

“Desde o início da pandemia não medimos esforços em ações que visam proteger nossa população, e essa compra está sendo importantíssima em nossa luta para salvar vidas”, disse Camilo Santana, que fez questão de relembrar que a população necessita continuar com os cuidados para se proteger do vírus. “Só saia de casa se for necessário e sempre usando máscara”, comentou.

Chegada de equipamentos
Esse é o sexto avião que desembarca no Ceará com carregamentos para ajudar no combate a pandemia. Em 17 de julho chegaram mais 115 respiradores para o atendimento essencial de pacientes em estágios graves do novo coronavírus (Covid-19). Já no dia 4 de julho chegaram 70 toneladas de equipamentos e insumos. Em abril o Governo do Ceará havia recebido a primeira carga proveniente da China com quase 90 toneladas de insumos. Em maio, o Estado recebeu uma segunda aeronave com 200 respiradores, equipamentos de proteção individual (EPIs) e insumos, totalizando 103,7 toneladas de material para o enfrentamento ao novo coronavírus. No último dia 27 de junho, desembarcou a terceira carga de equipamentos com 300 respiradores para equipar unidades de terapia intensiva (UTIs) da rede pública, principalmente em cidades do Interior.

Com essa última remessa agendada na semana compreendida entre 17 e 22 de agosto, o Ceará já totaliza 700 respiradores comprados na China. Todo o material foi adquirido com recursos do Governo do Ceará, e está sendo utilizado para reforçar o sistema público de saúde do Ceará (Capital e Interior), dar segurança aos profissionais que estão atuando na linha de frente do combate à pandemia e assistência total aos cearenses.

Curta nossa página no Facebook

Começa nesta terça-feira (18), a convocação de mesários para eleição 2020

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) começa nesta terça-feira, 18, a convocação dos mesários para as Eleições Municipais de 2020. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) também iniciou a campanha para incentivar o cadastro voluntário de mesários. O eleitor tem até 60 dias antes da eleição para ter seu nome na lista a ser divulgada pelo juiz eleitoral, até esse momento os eleitores podem se inscrever voluntariamente ou pedir substituição.

O TRE disponibilizou um formulário eletrônico para inscrição como Mesário Voluntário e para atualização dos dados cadastrais. A modificação vai facilitar o recebimento das cartas convocatórias por e-mail ou WhatsApp. Além do formulário online, é possível fazer a inscrição por meio do aplicativo e-Título, que está disponível gratuitamente para download nos sistemas operacionais iOS ou Android. Cerca de 75.200 mesários auxiliam à Justiça Eleitoral cearense durante as eleições.

A convocação precisa de dias para o processamento. A ficha de inscrição vai ser analisada e será verificado se existe vaga na seção de votação do candidato a mesário. Com a confirmação, e não existindo impedimento, o eleitor poderá ser convocado.

O TRE explica que desistências somente são aceitas por meio da apresentação de requerimento devidamente fundamentado, a ser analisado pelo juiz eleitoral, e a falta sem justa causa resulta em pagamento de multa. Segundo o art. 120, § 4º, do Código Eleitoral, o eleitor deverá enviar a justificativa até cinco dias após a convocação. Se os impedimentos surgirem depois desse prazo, haverá tolerância quando comprovada a justificativa.

Já para quem for convocado, o eleitor recebe uma carta no endereço cadastrado na Justiça Eleitoral. Nela, é informada a data em que o eleitor deve participar do treinamento que, neste ano, será feito de forma virtual, quando possível. Dúvidas também podem ser esclarecidas entrando em contato com o cartório eleitoral.

Para quem não se manifestar até o dia da eleição e não comparecer na data e na hora marcadas, o prazo para apresentar a justa causa ao juiz eleitoral será de 30 dias. Caso contrário, o mesário ficará sujeito ao pagamento de multa

Segurança sanitária
Este ano ano, a pandemia causou, além adiamento do pleito, mudanças nas dinâmica da eleição. Edna Sabóia, coordenadora de eleições do TRE, explica que todas as decisões estão sendo analisadas por uma comissão sanitária do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Segundo ela, houve um pedido para que idosos, considerados grupo de risco de Covid-19, não fossem convocados este ano. "A Corregedoria do TRE recomendou que os eleitores acima de 60 anos não fossem convocados como mesários, cabe ao cartório dispensar mesários que foram convocados na eleição de 2018", afirma a coordenadora.

Cada mesário terá à sua disposição, por exemplo, máscaras em três camadas de tecido, proteções do tipo face shield, álcool em gel para as mãos e desinfetante para o ambiente da seção eleitoral, que será demarcada para garantir o distanciamento social.

Para atuar como mesário, o eleitor deve ser maior de 18 anos e estar em situação regular perante a Justiça Eleitoral. Qualquer eleitor pode ser escolhido para ser mesário, exceto: candidatos e seus parentes, até o segundo grau, ainda que por afinidade, inclusive o cônjuge; membros de diretórios de partidos políticos que exerçam função executiva; autoridades, agentes policiais e funcionários no desempenho de funções de confiança do Executivo; e funcionários do serviço eleitoral.

O mesário não é remunerado. Ele recebe auxílio-alimentação no 1º turno e, se houver, no 2º turno das eleições, e tem direito a: dois dias de folga para cada dia trabalhado na função; dois dias de folga para cada dia de treinamento oferecido pela Justiça Eleitoral; certificado dos serviços prestados à Justiça Eleitoral; e preferência no desempate em concursos públicos (desde que previsto em edital).

O TRE voltou a disponibilizar o atendimento pelo Disque Eleitor 148, de segunda a sexta-feira, das 8h às 14 horas. Pelo número 148, os eleitores podem esclarecer dúvidas sobre as eleições e o cadastro eleitoral.

O serviço estava interrompido pelo isolamento social. Durante cinco meses, os eleitores puderam entrar em contato através da Ouvidoria, e-mail e mídias sociais. Agora,  os operadores foram instalados no ambiente da Central de Atendimento ao Eleitor, na Praia de Iracema.

Serviço
O Disque Eleitor 148 é serviço contínuo do TRE-CE, que no período eleitoral ganha reforço de mais operadores.

O atendimento é voltado para todo o Estado e a ligação tem o preço de uma chamada local, não sendo possível utilizar bônus da operadora. O eleitor também pode obter as informações sobre as eleições no site do TRE clicando no banner disponibilizado na página inicial.

O 148 não recebe denúncias de propaganda eleitoral irregular. Neste caso, os eleitores serão informados sobre o formulário eletrônico, disponível para denúncias em geral.

Fonte: O Povo

Curta nossa página no Facebook

18 de agosto

1877 - Asaph Hall descobre Fobos, um satélite natural do planeta Marte.
1964 - A África do Sul é banida dos Jogos Olímpicos pelo Comité Olímpico Internacional por não renunciar ao regime de apartheid.
1991 - Colapso da União Soviética: o Secretário-Geral do Partido Comunista da União Soviética, Mikhail Gorbachev, é colocado sob prisão domiciliar durante suas férias na Crimeia.

Nasceram neste dia…
1830 - Francisco José I da Áustria, Imperador Austro-Húngaro (m. 1916)
1933 - Roman Polanski , cineasta franco-polaco.
1936 - Robert Redford (foto), ator e diretor estado-unidense.

Morreram neste dia…
1227 - Genghis Khan, líder mongol (n. ca. 1162).
1503 - Papa Alexandre VI (n. 1431).
1850 - Honoré de Balzac, escritor francês (n. 1799).

Fonte: Wikipédia