Juazeiro do Norte (CE): Morre o radialista Beto Fernandes

A comunicação caririense está de luto. No início da tarde deste sábado, uma de suas vozes calou-se.

Por volta do meio dia, o radialista Beto Fernandes morreu depois de sofrer, possivelmente, um infarto no Centro de Juazeiro do Norte.

Beto Fernandes desembarcou em Juazeiro do Norte em 2008 vindo de Campos Sales para trabalhar na assessoria de imprensa do prefeito Raimundo Macedo.

Há cerca de três meses passou a integrar a equipe do Site Miséria para produzir matérias especiais semanalmente.

Ele ainda trabalhou em outros projetos, como o Jornal Verde Vale, na TV Verde Vale, criou e gerenciou blogs e se intitulava, acima de tudo, comunicador. Em poucos dias ele estrearia um jornal matinal na TV Verde Vale.

Nós que fazemos parte do Site Miséria lamentamos com grande pesar a morte do companheiro. Ainda ontem estávamos todos reunidos por cerca de duas horas com ele traçando projetos e pautas para o site.

Ainda buscando mais informações, em breve manteremos os leitores informados sobre velório e sepultamento do Beto Fernandes.

Robson Roque

Fonte: Miséria

Curta nossa página no Facebook



Castanha-do-pará pode ajudar na prevenção da doença de Alzheimer

O consumo diário de castanha-do-pará pode ajudar idosos que apresentam problemas cognitivos. É o que mostra o estudo “Efeitos do consumo de castanha-do-brasil (Bertholetia excelsa H.B.K.) sobre a cognição e o estresse oxidativo em pacientes com comprometimento cognitivo leve e a relação com variações em genes de selenoproteínas”.

A pesquisa foi realizada por Bárbara Rita Cardoso, da Universidade de São Paulo (USP). A pesquisadora de 31 anos começou a se interessar pela relação da castanha com a doença de Alzheimer em 2007, quando começou o mestrado. Ela se atentou especialmente ao selênio, micronutriente essencial para a manutenção das funções cerebrais.

Foram selecionados vinte voluntários acima de 60 anos e que apresentavam deficiência de selênio. “Decidi fornecer a castanha-do-pará, maior fonte alimentar de selênio, para pacientes que, embora ainda não tivessem Alzheimer, tinham maior risco de desenvolver a doença por já apresentarem problemas cognitivos”, disse Bárbara à Galileu.

Os participantes foram divididos em dois grupos, um que não consumiu e outro que consumiu uma castanha-do-pará por dia durante seis meses. “O grupo de pacientes que consumiu a castanha teve o melhor desempenho nos testes cognitivos quando comparados com os pacientes que não consumiram”, conta a pesquisadora. “Isso mostra que reverter a deficiência de selênio com um alimento é uma estratégia simples para reduzir o risco para a doença de Alzheimer.”

Atualmente, Bárbara faz pós-doutorado no Instituto de Neurociência da Austrália, onde prossegue estudando de forma mais aprofundada a relação entre o selênio e a doença de Alzheimer.

A pesquisa desenvolvida sobre a castanha-do-pará fez com que ela ficasse em primeiro lugar na categoria Mestre e Doutor da 28ª edição do Prêmio Jovem Cientista, realizado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) em parceria com a Fundação Roberto Marinho. Na terça-feira (15/9), durante a premiação, no Palácio do Planalto, em Brasília, Bárbara recebeu o troféu das mãos da presidente Dilma Rousseff.

Fonte: Galileu

Curta nossa página no Facebook



Viciados em tecnologia levam o smartphone até para o banheiro; você é assim?

Todos nós geeks adoramos smartphones. Alguns de nós, porém, extrapolam certos limites e não conseguem abandoná-los nem quando estão no banheiro.

É o que afirma uma pesquisa realizada pela Ofcom, órgão regulamentador do setor de comunicação do Reino Unido.

Segundo o levantamento, publicado no site The Inquirer , 22% dos britânicos adultos, donos de smartphones, usam o aparelho até mesmo quando estão no banheiro. Entre os adolescentes britânicos, o número sobe para quase a metade dos usuários, 47%.

A pesquisa mostrou que seis entre dez jovens britânicos são praticamente dependentes de seus smartphones. Eles admitiram, durante a pesquisa, que chegam a deixar de lado outros hábitos tradicionais das pessoas de sua idade apenas para passar mais tempo navegando em seus smartphones. Cerca de 23% dos entrevistados alegaram que passaram a assistir menos televisão depois de possuir um smartphone e 15% afirmaram que leem menos livros.

O levantamento mostrou que 37% dos adultos do Reino Unido também estão altamente viciados em seus dispositivos móveis.

Fonte: iG

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Município se organiza no auxílio a pesquisa do Ministério da Saúde sobre a vacina contra a dengue

Na última terça-feira, dia 15 foi realizada no Auditório do Crede 18, reunião dos técnicos da Secretaria Municipal de Saúde do Crato com representantes do núcleo gestor das escolas cratenses municipais e estaduais, que participarão do Projeto Vacina da Dengue, onde foram repassadas todas as informações acerca da operacionalização da pesquisa.

Tais informações foram dinamizadas por representantes do laboratório Vidas, que é participante ativo nas pesquisas.

Segundo a enfermeira Orlenne Moura, responsável pela pesquisa no município, o Ministério da Saúde vem realizando estudos sobre uma vacina que deverá imunizar os brasileiros contra a dengue e, nesse contexto, o município do Crato está inserido para auxiliar nesses estudos. “Reuniões foram feitas primeiramente para um melhor entendimento e em seguida foram discutidas estratégias para que a saúde do Crato, junto dos laboratórios Vidas e Hermes Pardini, de Belo Horizonte, Minas Gerais, possam realizar coletas de sangue para ajudar nas pesquisas”, explica.

De acordo com a coordenadora da Mobilização Social, Iracema Mariano, na última reunião foi decidido junto com os gestores escolares que, a partir da próxima semana, as escolas farão um cronograma para realização de reuniões com os pais e ou responsáveis pelos alunos que possivelmente participarão da pesquisa. “Nessas reuniões será feita a apresentação do projeto para os pais e, após a aceitação, serão iniciadas as coletas de sangue”, esclarece.

Iracema ainda ressalta que a participação no projeto é de decisão livre e a Secretaria de Saúde do Crato ofertará aos participantes um hemograma completo e a dose de vitamina A.

Assessoria de Imprensa/PMC

Curta nossa página no Facebook



Técnico troca nome de rede de wi-fi para "viadão". Casal gay pede reparo

O casal de empresários Rodrigo Vilar, 38, e Giorgio da Silva, 35, foi vítima de uma piada pejorativa feita por um técnico da GVT que fez reparo no telefone da empresa de sua propriedade, localizada em Recife (PE), nesta sexta-feira (18). Segundo Vilar, o técnico mudou o nome da rede de internet sem fio para "viadao". Antes do atendimento, a rede estava com o nome da loja de chás do casal.

"Quando o técnico saiu fomos conectar os aparelhos à internet e procurei o nome da loja, mas não aparecia. Até brinquei com uma cliente 'tem uma rede aqui viadao que está bem forte'. Na mesma hora tive um estalo, pedi para que a cliente colocasse a senha do nosso WiFi, que é a data que conheci meu marido, e para nosso constrangimento, a rede conectou", contou Vilar.

Os empresários, juntos há três anos, disseram que em nenhum momento o técnico esboçou ação discriminatória sobre a orientação sexual deles durante o serviço. "Ele estava o tempo todo no celular com alguém e não falou nada. Só ao sair disse que estava tudo ok, foi quando descobrimos essa brincadeira totalmente pejorativa. A gente se trata por amor e ele pode ter ouvido isso", contou Vilar. O sistema de segurança da loja registrou todo o serviço do técnico.

Os empresários destacaram que a sexta à tarde é o período de maior movimento na loja. Tanto o casal quanto os clientes se sentiram constrangidos com a atitude. "A loja é um lugar que família, casais e muitos trazem as mães para mostrar nossa história. Esta foi a primeira situação transparente, declarada, que passamos. Mas, preferimos que isso acontecesse com a gente porque se fosse um casal mais novo poderia não ter maturidade de como agir. Hoje a gente se aborrece, mas quando você se posiciona, tem sua vida definida, fica mais fácil cobrar respeito", disse o empresário.

Na noite desta sexta-feira, quando a loja fechou, o casal tentou registrar Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia do bairro de Boa Viagem, localizada na zona Sul de Recife, mas o expediente havia encerrado. Neste sábado (19), o casal deverá voltar à delegacia.

Eles contaram que na próxima segunda-feira (21) estarão constituindo advogado para ingressar com ação na Justiça. Vilar e Silva registraram o ocorrido na Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) na noite desta sexta-feira.

Em nota, a Telefônica Vivo, que é detentora da GVT, disse que repudia atitude descrita pelo casal e informou que vai apurar o caso com rigor. "Se constatada a conduta incorreta, totalmente conflitante com a orientação da companhia, tomará medidas administrativas rigorosas e reforçará ações de orientação para evitar que situações desse tipo voltem a ocorrer", disse.

Fonte: UOL

Curta nossa página no Facebook



Ellie Goulding - Love Me Like You Do




Com 4,9 milhões de mortes em 2014, diabetes mata mais que HIV, malária e tuberculose somados

Os números são alarmantes. A cada 7 segundos uma pessoa morre vítima de complicações causadas pela diabetes no mundo. Em 2014, foram 4,9 milhões de mortes causadas pela doença. No mesmo período, 1,2 milhão de pessoas morreram vítimas de HIV, 584 mil perderam as vidas para a Malária e 1,5 milhão para a tuberculose, segundo os números mais recentes da OMS. Ou seja, a diabetes mata mais do que todas essas outras três doenças somadas.

São esses dados que fazem o presidente da Federação Internacional de Diabetes (IDF), o escocês Michael Hirst, afirmar que a diabetes é o maior desafio que temos para enfrentar no sistema de saúde em todo o mundo. "Índices de doenças cardíacas estão caindo, câncer está sendo combatido, a tuberculose e a malária, também. Mas, quando falamos de diabetes, os números continuam crescendo cada vez mais. É uma doença que está em 'desenvolvimento' e deve ser combatida enquanto há tempo", afirmou Hirst em entrevista ao BOL.

Mais de 387 milhões de pessoas em todo o planeta são diabéticas. No entanto, 46,3% delas não sabem que têm a doença. No Brasil, mais de 12 milhões são diabéticos e 24% não recebeu o diagnóstico.

Em 2035, estimasse que o número de diabéticos e pessoas em estágio pré-diabetes somados ultrapassem 1,1 bilhão de pessoas. No Brasil, no mesmo período, o número de doentes deve subir para 20 milhões.

"Infelizmente, não há o que fazer para impedir o país de chegar a esse número. Para mudar este cenário, reverter os índices de crescimento, seria preciso uma quebra total de paradigmas, um trabalho muito forte de políticas públicas e uma mudança total no comportamento. É muito difícil", afirma o endocrinologista Walter Minicucci, presidente da Sociedade Brasileira de Diabetes.

Essa dificuldade existe porque o tipo mais comum de diabetes, que atinge 90% dos doentes, é o 2, causado principalmente por maus hábitos, podendo atingir qualquer pessoa, independentemente de haver histórico familiar ou não.

A diabetes tipo 2 é resultado de um processo lento, diretamente ligado ao estilo de vida urbano que está cada vez mais presente no mundo. Falta de exercícios físicos, altos níveis de estresse, excesso de comidas industrializadas e, principalmente, obesidade, são as principais causas. Contribuem também alguns fatores genéticos - indianos, por exemplo, são mais suscetíveis à doença - e o envelhecimento natural do corpo, que pode reduzir a quantidade de insulina produzida.

Existem ainda outros dois tipos de diabetes. O tipo 1 pode ser desenvolvido desde o primeiro ano de vida e é basicamente a incapacidade "natural" do pâncreas de produzir a insulina, substância "chave" que abre as células e permite que a glicose seja absorvida por elas e transformada em energia para "impulsionar" o corpo. Quando há falta ou ausência da insulina, seja por fatores genéticos ou maus hábitos, os níveis de açúcar no sangue aumentam, e a pessoa desenvolve a doença. Já a diabetes gestacional, que atinge mulheres grávidas, pode afetar seriamente o bebê se não houver tratamento

Doentes cada vez mais jovens
O que preocupa é que cada vez menos a idade tem sido um fator determinante para o desenvolvimento da doença. A Federação Internacional de Diabetes aponta que aproximadamente 86% dos novos casos foram diagnosticados nos chamados jovens adultos, pessoas com "20 e tantos" anos, que deveriam estar gozando de saúde plena e produzindo economicamente e socialmente.

Esse índice é um indicador claro de como a "urbanização" da população está afetando diretamente o comportamento e a saúde das pessoas.

Para médicos e especialistas, há apenas uma forma combater o problema. É preciso conscientizar as pessoas sobre a prática de exercícios físicos, os malefícios dos alimentos industrializados e os benefícios de hábitos saudáveis dentro e fora de casa. Cerca de 80% dos casos de diabetes tipo 2 podem ser prevenidos com essa mudança de comportamento.

"É preciso valorizar vegetais e frutas frescas, reduzir a gordura, comer menos açúcar e fazer alguma atividade física ao menos três vezes na semana por 40 minutos", explica o médico Walter Minicucci.

A diabetes não tratada pode causar danos aos olhos, rins, fígado, nervos e grandes vasos vasculares, que podem causar perda de visão, derrames, amputações, insuficiência renal e levar à morte.

Sintomas, diagnóstico e tratamento
Entre os sintomas mais comuns da diabetes tipo 2, estão: sede constante, vontade excessiva de urinar, cansaço, visão embaçada e perda de peso. É comum pessoas passarem até mais de 10 anos sofrendo com as consequências da doença sem saber que têm o problema.

"O problema é que o quadro clínico é muito lento. A pessoa bebe mais água, mas não percebe. A visão piora e acha que precisa trocar as lentes dos óculos. Normalmente, o diagnóstico é feito em um exame de sangue ao acaso", explica o presidente da Sociedade Brasileira de Diabetes. Por isso é de extrema importância fazer exames de sangue periódicos.

A taxa glicêmica deve ser de no máximo 125 mg/dL (miligramas por decilitro) em jejum pela manhã. Exames que apresentem números maiores do que o normal indicam a necessidade de tratamento.

Se identificado muito no início, o tipo 2 pode ser controlado com dieta e exercícios. Há remédios que podem ajudar a controlar a doença, mas, caso o tratamento básico não seja eficaz, é possível controlar com injeções de insulina. "Mesmo que seja com insulina, se o tratamento for feito corretamente, não há motivo algum para haver qualquer complicação", garante o médico Walter Minicucci.

O endocrinologista também alerta que o quadro de pacientes fumantes é ainda mais delicado. Apesar de não haver relação direta entre o cigarro e o desenvolvimento da doença, Minicucci acredita que a mistura de ambos é uma "tragédia" mais do que dobrada. "Fumar piora toda a parte cardiovascular, aumenta as chances de amputação e de ataques cardíacos", avisa o especialista.

Produção de insulina
Para entender mais sobre a diabetes e conhecer os tratamentos disponíveis, o BOL visitou as instalações da Novo Nordisk, na Dinamarca, entre os dias 27 e 29 de agosto, a convite da indústria farmacêutica. Com fábricas em seis países, inclusive no Brasil, na cidade de Montes Claros (MG), a empresa é a maior fabricante de insulina do mundo. A companhia é responsável por suprir mais de 50% da demanda do mercado.

Em 2015, a Novo Nordisk deve investir cerca de R$ 600 milhões em pesquisa, desenvolvimento e ampliação das estruturas. "Uma insulina de melhor qualidade diminui as chances de picos hipoglicêmicos, um sono de melhor qualidade, uma ação mais estável e muito menos complicações", afirma Mike Doustdar, vice-presidente executivo de Operações Internacionais.

Fonte: BOL

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Saúde convoca Beneficiários do Bolsa Família para acompanhamento das crianças e gestantes

A Secretaria de Saúde do Crato comunica que está sendo feito o acompanhamento do Programa Bolsa Família, nas Unidades Básicas de Saúde. Os beneficiários precisam desse acompanhamento, bem, como de manter atualizados o cartão de vacinação, o crescimento e desenvolvimento das crianças menores de 7 anos, sendo importante ressaltar que mulheres na faixa de 14 a 44 anos também devem comparecer às Unidades Básicas de Saúde.

A Coordenadora de Política Nacional de Alimentação e Nutrição PNAN, em Crato, Nayanne Maia, informa que os cadastrados no Bolsa Família têm que cumprir as condições determinadas pelo programa a cada semestre. “Esse acompanhamento tem de ser realizado, quem não o fizer corre o risco de perder o benefício”, alerta.

A Prefeitura Municipal do Crato faz um acompanhamento sistemático das famílias auxiliadas pelo Programa Bolsa Família, administrado em parceria com o Governo Federal.  Em virtude disso, as famílias precisam realizar a medição de peso, que tem como foco as crianças de zero a sete anos e as mulheres gestantes, da forma que é explicado aos participantes do programa, para que continuem recebendo o benefício.

Assessoria de Imprensa/PMC

Curta nossa página no Facebook



Juazeiro do Norte (CE): Traficante é morto a tiros e tomba sobre sua moto

O jovem Eneildo Galdino Gomes, de 25 anos, que residia na Rua 31 de Março (Jardim Gonzaga), foi morto a tiros por volta das 13 horas desta sexta-feira na Rua Francisco Martins de Souza no bairro Frei Damião em Juazeiro. Segundo testemunhas, ele pilotava uma moto Honda de cor vermelha quando dois homens se aproximaram do mesmo noutra moto e o garupeiro sacou a arma passando a efetuar os disparos. A vítima ainda tentou fugir, mas tombou morta sobre seu veículo no terceiro homicídio de setembro e 89º do ano em Juazeiro.


Uma ambulância do SAMU esteve no local, mas os profissionais apenas constataram o óbito de Eneildo que respondia dois processos por tráfico de drogas nas comarcas de Juazeiro e Crato, três por porte ilegal de arma de fogo e outro por danos. Moradores das imediações disseram que, revoltado, o irmão dele, Ronilson Galdino Gomes fez disparos em via pública e saiu numa moto. Depois, retornou a pé e a polícia quis saber sobre a arma e o mesmo desacatou os PMs sendo preso.

Histórico
No dia 4 de julho de 2009 Eneíldo foi preso no chamado Morro do Piolho em Crato – onde morava - embalando crack e maconha dentro do mato. O jovem terminou surpreendido em uma espécie de mini laboratório, preparando as trouxas de crack, após misturar com álcool e solvente para reduzir o odor. Com o mesmo os PMs encontraram 900 gramas de crack, três quilos de maconha e duas balanças de precisão.

Já no dia 7 de julho do mesmo ano, ou dois dias após sua prisão, Eneildo fugiu da carceragem da Policia Civil de Crato após serrar as grades da cela onde estava. Além disso, levou consigo outro detento que aproveitou o “serviço” para deixar o cárcere pela madrugada. Era Ismael da Silva Paulino, então com 22 anos e apelidado por “Carioca”, que, na época, residia na Rua José Marrocos no centro de Juazeiro.

No dia 21 de abril de 2014 voltou a ser preso na Rua Antonio Bernardo da Silva, em frente ao CAIC no bairro Frei Damião, armado com uma pistola calibre 765 e um carregador municiado com um cartucho intacto. O rapaz trafegava em um Corsa Wind de cor prata e placas HWG-7095, inscrição do Ceará, com um total de 22 multas e débitos de licenciamento e IPVA.

Já no dia 20 de novembro de 2014 ele e seu irmão Ronilson Galdino Gomes, de 20 anos, residentes na Rua 31 de Março (Jardim Gonzaga), estavam com 50 gramas de cocaína e foram presos por volta das 13 horas na Rua Francisco Martins de Souza, 8 naquele bairro. A polícia recolheu ainda uma moto Honda Bros de cor preta supostamente usada na entrega de drogas.

Demontier Tenório

Fonte: Miséria

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Governo municipal implanta o Programa de Recuperação Fiscal-REFIS

Com o objetivo em ajudar a população a regularizar suas contas e melhorar a vida de todos, a Prefeitura Municipal do Crato implantou o Programa de Recuperação Fiscal (REFIS) especialmente para que os cidadãos tenham 100% de desconto em multas e juros no pagamento à vista das dívidas.

De acordo com a Secretaria de Finanças, através do Setor de Arrecadação, os descontos oferecidos são os seguintes: se o pagamento for à vista, o desconto é de 100%; com parcelamento em até 5 vezes, o desconto é de 80%; e com o parcelamento em até 8 vezes, o desconto passa a ser de 50%. O Governo cratense informa que o dinheiro arrecadado dos impostos é transformado em obras e benefícios.

O serviço será realizado até o dia 31 de dezembro do ano corrente. O Setor de Arrecadação da Prefeitura do Crato fica localizado na Rua José Carvalho, 348, Centro. Para mais informações, pelo telefone (88) 2101- 5676 ou pelo site www.crato.ce.gov.br 

Assessoria de Imprensa/PMC

Curta nossa página no Facebook



Como mulheres comuns ficam ao serem photoshopadas [vídeo]

Mulheres e Photoshop, um caso de amor…e ódio. Vivemos em um mundo onde estamos rodeados por padrões de beleza impossíveis. Outdoors, revistas e anúncios são estampados com fotos de mulheres, tão retocadas e “photoshopadas”, que elas já não têm falhas ou poros. Somos bombardeados com imagens de pessoas muito belas, mas nos esquecemos que essas pessoas não são reais. Ninguém é assim tão belo – pelo menos, não o tempo todo.

No vídeo abaixo – produzido pelo BuzzFeedVideo americano e lançado no YouTube – você verá quatro mulheres comuns, que não alcançam exatamente o padrão de beleza que a sociedade impõe; assim como 99% da população também não alcança. Elas participaram de um teste: elas fariam um ensaio fotográfico, com pouca ou nenhuma maquiagem, e depois veriam suas versões do Photoshop para uma capa de revista. As reações de todas elas no final mostram o que todos nós, no fundo, sabemos: ninguém nas capas das revistas existe de verdade. Todos temos falhas, por menores que elas sejam.

Confira:



Essa mensagem é muito importante para todas as pessoas que têm dificuldades com a auto-estima. As revistas e as propagandas criam um ideal de beleza, mas não correspondem à realidade. O que importa, de verdade, é se cuidar e gostar de si mesmo(a), reconhecendo as falhas, mas também reconhecendo todos os pontos positivos de quem você é, e do seu tipo de beleza.

Fonte: Macaco Velho

Curta nossa página no Facebook



Tomar água de ponta cabeça resolve o soluço? E susto? Veja mitos e verdades

Quem nunca foi surpreendido por uma crise de soluço? E quem nunca tentou algumas simpatias para solucionar o problema? O fato é que o "hic, hic" chato às vezes demora para passar e dependendo da ocasião traz um certo constrangimento.

As crises de soluço podem ter vários motivos. Entre eles, comer rápido e em grande quantidade, tomar refrigerante, engolir ar, mudanças bruscas de temperatura, tabagismo, álcool, ansiedade e estresse. O soluço é provocado por um espasmo - movimento involuntário - do diafragma, um músculo que separa o tórax do abdômen e está diretamente relacionado com a respiração. Esse espasmo é acompanhado simultaneamente pelo fechamento da glote, o que prejudica a passagem de ar para os pulmões e produz o som típico e característico do soluço.

Bebês, desde a barriga das mães, estão sujeitos a crises mais frequentes de soluço porque têm um sistema nervoso imaturo e que não atua adequadamente sobre o diafragma. Existem dois tipos de soluço, os episódicos e os persistentes. "Os episódicos são normalmente benignos e acabam cessando sem qualquer manobra. Já os persistentes podem estar associados a alterações anatômicas e, quando duram mais de 24h, necessitam de avaliação médica", explicou o professor de Gastroenterologia da PUC-Campinas Hercio Cunha.

Quadros de soluço crônicos podem estar associados a patologias do esôfago, estômago e pulmões. Entre elas estão quadros de gastrite, esofagite e algumas mais complexas e raras como quadros neoplasias do estômago ou esôfago e ainda quadros metabólicos ou alterações neurológicas diversas. Por isso, caso o soluço demore a passar, os especialistas recomendam que a pessoa busque ajuda médica.

O UOL consultou especialistas para saber o que realmente funciona contra o soluço. Confira:

Mitos e verdades sobre soluço

Beber água de ponta cabeça faz a crise de soluço parar?
Parcialmente verdade. Beber água pode ajudar o soluço passar porque a água, principalmente gelada, pode ter interação com o sistema nervoso, porém, não há sentido em tomá-la de ponta cabeça. Isso pode até causar o engasgo e aspiração da água para dentro dos pulmões

Prender a respiração por um minuto dá resultado?
Verdade. Prender a respiração por alguns segundos pode fazer com que o soluço pare, pois isso aumenta a concentração de CO2 no sangue e isso ajuda a "regular" os movimentos do diafragma. ?Sem contar o efeito mecânico que a expansão do tórax causa no diafragma e em suas estruturas adjacentes que também podem ajudar?, explica o gastroenterologista Diego Gutierrez

Tomar sete goles de água ajuda? Por quê?
Parcialmente verdade. Independente de serem 7 ou 70 goles, tomar água pode resolver o soluço, caso a crise esteja ligada à distensão ou irritação do estômago ou a algum fator irritativo no esôfago, como ocorre no refluxo gastroesofágico

Levar um susto acaba com o soluço? Por quê?
Parcialmente verdade. O susto geralmente faz com que prendamos a respiração e forcemos o abdome. Este movimento aumenta a pressão intra-abdominal e intratorácica, causando uma distensão aguda do diafragma e "regulando" seu funcionamento

O frio pode causar soluço?
Verdade. O frio pode causar soluço, uma vez que pode hiperestimular a inervação do diafragma

Pressionar os joelhos dobrados contra o peito ajuda?
Verdade. Essa manobra pode ajudar a aliviar a pressão dentro do estômago, causando a eructação (o popular arroto) e consequentemente fazer o soluço cessar, caso a crise seja causada por distensão gasosa no estômago.

Tentar provocar vômitos, a fim de aliviar a pressão dentro do estômago, funciona?
Verdade. O vômito e arrotos aliviam a pressão dentro do estômago e isso faz com que o soluço passe. ?A inervação do diafragma corre paralela ao esôfago e o diafragma está em íntimo contato com o estômago, sendo assim, irritações no estômago ou esôfago podem estimular o início do soluço?, afirma Gutierrez

Puxar a orelha bem forte faz o soluço parar?
Mito. Não há nenhuma relação

Engolir açúcar, miolo de pão ou gelo moído funcionam contra as crises? Por quê?
Verdade. Mudar a sensação térmica ou do paladar pode interagir com o sistema nervoso, causando alterações no diafragma

Grávidas têm mais soluço? Por quê?
Verdade. O aumento da pressão intra-abdominal causado pela gestação pode pressionar o diafragma

Fonte: UOL

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Curso ofertado pelo CRAS capacita moradores do bairro Gisélia Pinheiro

Após três meses, chegou ao fim na quinta-feira, 17, no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) Gisélia Pinheiro, o curso de Agente de Limpeza e Conservação, ministrado pelo SENAC, em parceria com a Secretaria Municipal do Trabalho e Desenvolvimento Social (SMTDS).

A capacitação faz parte do Programa SENAC de Gratuidade (PSG) e contemplou 20 usuários da Proteção Social Básica que receberão certificados de 160 horas. Para os participantes, o momento foi de oportunidade de adquirir novos conhecimentos e se profissionalizar na área, além de aprender técnicas de comportamento, cuidados com a aparência, precauções relacionadas à segurança no trabalho, e uso de tecnologias na limpeza.

A coordenadora da Área do Trabalho da SMTDS, Geiza Feijó, esteve no encerramento do curso e falou sobre a importância da parceria do SENAC, que oferece esses cursos gratuitos, principalmente nesse momento em que o PRONATEC encontra-se inativo por parte do Governo Federal. O diretor da Proteção Social Básica, Eugênio Silva, reafirmou a relevância da capacitação, lembrando que os usuários da assistência são os principais percursores da efetivação da política do Sistema Único de Assistência Social (SUAS).

Com o término desta capacitação, já se inicia o curso de depilação no equipamento. Vinte mulheres estão inscritas e dez estão na lista de espera com o mesmo objetivo: se capacitar e garantir renda. “As atividades por aqui não param. Termina um, começa outro e assim a gente vai executando o trabalho continuado que é o dever do CRAS”, disse a coordenadora do CRAS Gisélia Pinheiro, Roneide Temóteo.

Assessoria de Imprensa/PMC

Curta nossa página no Facebook



Extintor de incêndio em carro deixará de ser obrigatório

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) decidiu em reunião nesta quinta-feira (17) que o uso do extintor de incêndio em carros, caminhonetes, camionetas e triciclos de cabine fechadas, será opcional, ou seja, a falta do equipamento não mais será considerada infração nem resultará em multa.

A entidade justifica que os carros atuais possuem tecnologia com maior segurança contra incêndio e, além disso, o despreparo para o uso do extintor poderia causar mais perigo para os motoristas.

O fim da obrigatoriedade do extintor para carros começará a valer a partir da publicação da resolução, o que deverá ocorrer nos próximos dias, diz o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

Desde 1970, rodar com veículos sem o equipamento ou com ele vencido ou inadequado é considerado infração grave, com multa de R$ 127,69 e mais 5 pontos na carteira de motorista. O Brasil é um dos poucos países que obrigava automóveis a ter o extintor. Nos Estados Unidos e na maioria das nações europeias não existe a obrigatoriedade.

O equipamento continuará sendo exigido no país apenas para caminhões, caminhão-trator, micro-ônibus, ônibus e veículos destinados ao transporte de produtos inflamáveis.

Muita gente trocou o extintor
A medida foi anunciada pouco antes de começar a valer a obrigatoriedade dos extintores do tipo ABC, prevista para 1º de outubro. Quem não fizesse a substituição poderia ser multado.

O Contran havia decidido pelo uso desse tipo de equipamento porque ele combate o fogo em mais tipos de materiais do que o do tipo BC, que equipava carros até alguns anos atrás.

A exigência da troca começou a valer em 1º janeiro deste ano e provocou correria às lojas no fim do ano passado, resultando em falta do produto e denúncias de preços exorbitantes e de venda de equipamentos vencidos "maquiados" como novos.

Com isso, ela foi adiada para abril, para que as fabricantes conseguissem aumentar a produção e atender à demanda, Mas o extintor continuou em falta em diversas cidades e houve novos adiamentos.

Depois da terceira e última prorrogação do prazo, para outubro, o Contran realizou reuniões e ouviu dos fabricantes que era necessário um tempo maior, de cerca de 3 a 4 anos, para atender à demanda. Porém, segundo o presidente do conselho, essa justificativa já estava sendo dada pelas indústrias há 11 anos. E foi decidido o fim da obrigatoriedade para carros.

A decisão repercutiu nas redes sociais e é comparada à do kit de primeiros socorros, que passou a ser obrigatórios nos carros em 1998 e, no ano seguinte, a exigência foi derrubada.

O que diz o Contran
"A mudança na legislação ocorre após 90 dias de avaliação técnica e consulta aos setores envolvidos", diz a nota do Contran. Segundo o órgão, o uso do extintor sem preparo representa mais risco ao motorista do que o incêndio em si. E o Contran citou a baixa incidência de incêndios entre o volume total de acidentes com veículos, e um número menor ainda de pessoas que dizem ter usado o extintor.

De acordo com o Contran, a Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA) informou que dos 2 milhões de sinistros em veículos cobertos por seguros, 800 tiveram incêndio como causa. Desse total, apenas 24 informaram que usaram o extintor, equivalente a 3%.

Estudos e pesquisas realizadas pelo Denatran constataram que as inovações tecnológicas introduzidas nos veículos resultaram em maior segurança contra incêndio, afirma a nota.

Entre as quais, o corte automático de combustível em caso de colisão, localização do tanque de combustível fora do habitáculo dos passageiros, flamabilidade de materiais e revestimentos, entre outras.

Segundo o próprio conselho, as autoridades consideram que falta de treinamento e despreparo dos motoristas para o manuseio do extintor geram mais risco de danos à pessoa do que o próprio incêndio. "Além disso, nos 'test crash' realizados na Europa e acompanhados por técnicos do Denatran, ficou comprovado que tanto o extintor como o seu suporte provocam fraturas nos passageiros e condutores”, explica o presidente do conselho.

Fonte: G1 

Curta nossa página no Facebook



Pedreiro se forma em Direito após pedalar 42 km por dia para estudar


Mais de 40 anos e muitos desafios precisaram ser atravessados para que o pedreiro Joaquim Corsino realizasse seu sonho. Aos 63 anos de idade, vestido de beca e com chapéu de formando, ele recebeu, na noite desta quinta-feira (17), em Vitória, o seu diploma de graduação em Direito.

Para realizar o sonho, o pedreiro Joaquim Corsino dos Santos pedalava, diariamente, entre Cariacica, onde mora, até Vitória, onde fica a faculdade de Direito em que ele estuda. A distância, cerca de 21 quilômetros entre um município e outro, não desanimou o estudante. "Quero ser delegado de polícia" disse.

Nascido em Itaumirim, Minas Gerais, Joaquim chegou ao Espírito Santo aos 18 anos. Com mais de 20 concluiu um curso técnico em Administração.

Mas após não ser aprovado no vestibular de Ciências Contábeis da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), em 1980, precisou deixar os livros para trabalhar. A partir de então, Joaquim começou a atuar como ajudante de pedreiro e, mais tarde, como pedreiro.

Ainda assim, a vontade de estudar sempre esteve presente. Por isso, a cada parede erguida por Joaquim, parte do dinheiro ganhado era guardado. Além de construir sua casa, em Bandeirantes, Cariacica, o pedreiro juntou ao longo dos anos R$ 55 mil para os estudos.

“Eu sou um camarada que gosta das coisas honestas. Sempre quis fazer um curso de Direito para ajudar outras pessoas”, conta Joaquim, que em 2008 iniciou a graduação em uma faculdade privada. Quatro períodos foram concluídos, mas o pedreiro teve que adiar o sonho por mais um tempo.

“Um amigo pediu R$ 4.500 emprestados e não pagou. Aí eu tive que parar a faculdade para juntar mais dinheiro para poder pagar o curso todo”, lembrou.

De bicicleta
Em 2012, Joaquim retornou à graduação e não parou mais. Todos os dias ele fazia o trajeto de sua casa até a faculdade, em Vitória, com sua bicicleta em um percurso de 42 km.

E engana-se quem pensa que com o diploma a saga de superação de Joaquim chega ao fim. Os olhos do bacharel em Direito estão voltados para o futuro. Seu próximo objetivo é ser aprovado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Em seguida, pretende se tornar delegado. “Quando eu leio a Constituição no artigo quinto, que fala que todos têm direitos iguais, vejo que tem muita coisa boa nela e eu gostaria de contribuir para isso”.

Fonte: G1 ES

Curta nossa página no Facebook



PT chama pacote de Dilma de 'impopular', mas decide apoiá-lo

O Partido dos Trabalhadores chamou nesta quinta-feira (17) de "impopular" o pacote de ajuste fiscal anunciado pela presidente Dilma Rousseff na segunda (14).

Em nota, divulgada após reunião da cúpula partidária em São Paulo, o partido propõe a reorientação da política econômica.

"O PT está convicto de que, com a continuidade do nosso projeto –e não por meio de concessões às políticas de austeridade antipopulares– será possível suplantar os obstáculos atuais", diz o texto.

O partido, no documento, declara apoio ao movimento de economistas em busca de alternativas à política econômica implementada pelo governo Dilma.

Segundo o presidente nacional do PT, Rui Falcão, a reorientação da política econômica foi definida no congresso nacional do partido, realizado em junho em Salvador, na Bahia.

O PT propõe ainda a fixação de piso para a incidência da CPMF –o que deixaria os mais pobres isentos do tributo.

Segundo Falcão, a intenção é de que a bancada do PT lidere esse movimento no Congresso Nacional.

Apesar das críticas à política econômica, o PT decidiu apoiar o ajuste. O apoio foi aprovado por 11 votos contra quatro integrantes da executiva nacional do partido.

Pacote de ajuste
Para elevar a arrecadação e melhorar as contas públicas, a equipe econômica do governo anunciou nesta segunda-feira (14) R$ 26 bilhões de cortes de gastos, entre eles o adiamento do aumento do funcionalismo, e R$ 40,2 bilhões em aumento de arrecadação, com a recriação da CPMF por um período de quatro anos –tributo que havia planejado recriar, desistiu e, agora, incluiu novamente no seu cardápio de ações.

Das 16 medidas anunciadas, que formam um esforço fiscal de R$ 64,9 bilhões, apenas uma, que vai gerar uma economia de R$ 2 bilhões, não precisa de passar pelo Congresso Nacional –a que reduz um benefício fiscal a exportadores.

A proposta é que a CPMF, que incide sobre movimentações financeiras, tenha uma alíquota de 0,2% e que os recursos sejam direcionados integralmente à União, que vai usar a arrecadação, estimada em R$ 32 bilhões, para cobrir o deficit da Previdência. Governadores aliados querem elevar a alíquota para 0,38% que Estados e Municípios fiquem com parte do tributo.

Ainda para elevar as receitas da União, o governo anunciou a ampliação do Imposto de Renda sobre ganho de capital na venda de bens que resultem em ganhos acima de R$ 1 milhão. Hoje, esse valor fica em 15%. Agora, haverá um aumento progressivo da alíquota até o teto de 30%, que incidirá sobre ganhos acima de R$ 20 milhões.

Sistemas
Outra mudança sensível será no Sistema S –que reúne entidades como Sesi e Senai. O governo pretende usar parte da contribuição recolhida das empresas e repassada hoje a essas entidades para cobrir o rombo da Previdência.

Para somar os R$ 26 bilhões previstos em cortes, o governo anunciou que vai adiar de janeiro para agosto o pagamento do reajuste salarial dos servidores públicos e suspender novos concursos que estavam previstos para 2016.

O governo pretende, ainda, usar recursos do FGTS para financiar uma parcela maior das despesas do Minha Casa, Minha Vida, reduzindo assim a contribuição do Orçamento para o programa contendo perdas maiores para o benefício.

Também vai propor que parte dos recursos direcionados às emendas parlamentares seja necessariamente gasta em saúde e em obras do Programa de Aceleração do Crescimento, reduzindo a parcela de despesas da União com esses itens.

Na proposta orçamentária enviada ao Congresso em 31 de agosto, o governo previa um deficit de R$ 30,5 bilhões para o ano que vem, o equivalente a 0,5% do PIB.

O projeto foi muito mal recebido pelo mercado e levou a agência de classificação de risco Standard & Poor´s a rebaixar a nota do Brasil, retirando do país o selo de bom pagador.

Agora, o governo se propôs a fazer um esforço adicional que seja suficiente para zerar o deficit e garantir um superavit primário de cerca de R$ 34 bilhões.

Fonte: Folha.com

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Semana Nacional do Trânsito começa hoje (18)

Com o tema “Seja Você a Mudança no Trânsito”, a Semana Nacional do Trânsito começa hoje e transcorre de  18 a 26 de setembro de 2015. A iniciativa da Secretaria de Segurança Pública do Crato através do Departamento Municipal de Trânsito (DEMUTRAN) traz em seu tema alusão a uma reflexão diante da responsabilidade do condutor ao transitar o seu veículo.

Neste ano o Demutran em parceria com o Serviço Móvel de Urgência (SAMU), atuará em conjunto em torno de palestras sobre a importância de se respeitar as leis de condução de trânsito e de como os serviços de socorros devem ser acionados frente às atividades dos mesmos.

Segundo o diretor de Demutran Alfredo Alencar, a atividade “é uma forma das instituições que de fato trabalham com vitimas de acidentes estarem mostrando a sociedade como cada órgão funciona e a atuação de cada um". A programação seguirá com as palestras para alunos de várias escolas do município, dentre elas Colégio Pequeno Príncipe, Escola D. Quintino e Colégio Municipal Pedro Felício Cavalcante.

Além de blitz educativa, as atividades se encerram no sábado (26) na praça Siqueira Campos, com a simulação de um acidente de trânsito. Para Aline, coordenadora do SAMU em Crato essa parceria na ação é importante, “pois mostra que de fato os órgãos estão mais perto da população e que a mesma deve respeitar os profissionais que atuam na área”. Ainda, a escola ou associação que quiser a palestra ofertada é só entrar em contato com as instituições promotoras.

Assessoria de Imprensa/PMC

Curta nossa página no Facebook



Supremo Tribunal Federal veta doações de empresas a partidos

O Supremo Tribunal Federal (STF) declarou a inconstitucionalidade do financiamento de empresas a partidos políticos e candidatos. A decisão, tomada por oito votos contra três, ocorre às vésperas de análise da presidente Dilma Rousseff (PT) sobre um projeto de lei aprovado no Congresso Nacional, que permite doações empresariais de até R$ 20 milhões.

Com o resultado do julgamento da Corte, a presidente deve vetar o texto votado no Legislativo, quando a Câmara aprovou projeto de lei que regulamenta a chamada PEC da Reforma Política. Em meio à crise política, a presidente é pressionada por aliados a dar aval ao texto. Ela tem até o dia 30 para avaliar o projeto. De acordo com o presidente do STF, ministro Ricardo Lewandowski, a decisão "valerá daqui para frente e valerá para as eleições de 2016 e 2018".

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e a Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) consideraram histórica para a democracia a decisão Supremo. Para o presidente da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, a partir de agora os mandatos dos políticos pertencerão aos eleitores. A entidade foi autora da ação que motivou a decisão da Corte. Presidente da AMB, o desembargador João Ricardo Costa disse que o STF resgatou o valor da representatividade dos cidadãos.

Votaram pela inconstitucionalidade das doações por empresas os ministros Luiz Fux, Luís Roberto Barroso, Dias Toffoli, Rosa Weber, Cármen Lúcia, Marco Aurélio Mello, Ricardo Lewandowski e o ex-ministro Joaquim Barbosa (que foi substituído pelo ministro Edson Fachin). Já os ministros Teori Zavascki, Gilmar Mendes e Celso de Mello, decano da Corte, votaram a favor da constitucionalidade das doações de empresas.

Contudo, ainda tramita no Congresso Nacional uma proposta de Emenda à Constituição (PEC) que pode acrescentar a doação empresarial na Constituição Federal. Ou seja, se aprovada, a PEC poderia "constitucionalizar" novamente as doações de pessoas jurídicas.

Votos
O decano da Corte, ministro Celso de Mello, votou contra a proibição das doações de empresas, sob argumento de que é "preferível" ter o "controle real" das doações. "Se alguma doação fosse proibida só teríamos certeza de que não a conheceríamos, mas nunca teríamos a certeza de que nunca teria existido", afirmou.

Além dele, votaram ontem também as ministras Cármen Lúcia e Rosa Weber. Ambas acompanharam o voto de Fux, pela inconstitucionalidade do financiamento empresarial.

Embora tenha votado antes pela permissão das doações de pessoas jurídicas, Zavascki propôs algumas limitações e foi acompanhado por Celso de Mello e Mendes, que acabaram vencidos. A proposta era de limitar doações de pessoas jurídicas que tivessem contratos com a administração pública, além de impedir que uma mesma empresa pudesse doar para partidos que concorrem entre si. Zavascki sugeriu, ainda, que uma empresa que doasse para uma campanha fosse impedida de fechar contrato com a administração pública até o fim do mandato.

Pedido de vista
O julgamento teve início em abril de 2014, mas havia ficado suspenso por um pedido de vista (mais tempo para análise) de Mendes. A discussão voltou à pauta da Corte em sessão na quarta, mas não foi concluída.

Ao proferir seu voto, Mendes fez uma sustentação oral que se estendeu por mais de cinco horas, com duras críticas ao PT. Ele votou pela constitucionalidade das doações de empresas, divergindo da maioria dos ministros da. No voto, sugeriu que a ação, proposta pela OAB, é uma tentativa de manipular a Corte para "atuar no processo democrático à revelia do Congresso".

Para Mendes, há uma tentativa por parte da entidade, orquestrada com o PT, de uma reforma política pela via judicial e garantir a manutenção do partido no poder com repasses ilegais.

A decisão de ontem tem potencial impacto nas disputas eleitorais, já que empresas são os maiores doadores de políticos e partidos, e já terá validade a partir de 2016. Hoje, a lei permite a doação de empresas e fixa o limite em até 2% do faturamento bruto do ano anterior ao da eleição. Em 2014, mais de 70% do dinheiro arrecadado por partidos e candidatos era de empresas.

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Adolescente de 16 anos morre em consequência de tiro acidental

Uma tragédia aconteceu por volta das 10h30min desta quinta-feira em uma residência na Rua Vicente Lopes de Moraes (Bairro Seminário) em Crato. O adolescente Bruno Coelho Pinheiro, de 16 anos, que residia na Rua Lavras da Mangabeira, morreu em conseqüência de um disparo acidental de arma de fogo. Ele estava no imóvel em companhia de outro adolescente de 15 e um jovem de 18 anos os quais foram detidos para averiguações.

O Delegado de Polícia Civil, Diogo Galindo, foi ao local e já anunciou a pretensão de submeter os colegas da vítima ao exame de parafina a fim de dirimir quaisquer dúvidas sobre o caso, mas soube que o disparo tinha sido efetuado pelo menor ao manusear a arma do padrasto. É que surgiram pelo menos quatro versões diferentes quando a tragédia, sendo a primeira apontando para uma brincadeira de roleta russa e as demais um suicídio, um homicídio e a mais evidente, até o momento, um tiro acidental.

O dono da arma também foi identificado e preso pela polícia devendo responder por crime de posse ilegal de arma de fogo. O corpo de Bruno foi recolhido pelo rabecão para ser necropsiado no IML (Instituto Médico Legal) de Juazeiro. O último caso de morte por tiro acidental no Cariri tinha sido no dia 11 de julho em Jardim, onde o agricultor Luiz Soares dos Santos, de 50 anos, que residia no Sítio Serra Boca da Mata, estava caçando e terminou lesionado com sua própria espingarda.

Demontier Tenório

Fonte: Miséria

Curta nossa página no Facebook



No Brasil, 1 a cada 5 alunos do 3º ano fundamental não está alfabetizado

Ao menos um a cada cinco estudantes no 3º ano do ensino fundamental da escola pública não atinge níveis mínimos de alfabetização em leitura, escrita e matemática. Esse número foi obtido com base nos dados da ANA (Avaliação Nacional de Alfabetização), divulgados nesta quinta (17) pelo MEC (Ministério da Educação). A ANA é uma avaliação diagnóstica para o Pnaic (Programa Nacional de Alfabetização na Idade Certa).

O MEC apresentou os resultados da ANA em percentuais por nível de proficiência (o quanto os alunos sabem): em leitura, 22,21% estão no nível 1 -- o que significa que 1 a cada 5 alunos não está no padrão mínimo. Na área de escrita, 34,46% deles estão nos níveis 1, 2 e 3 de escrita -- ou seja, 1 a cada 3 estudantes não atende o padrão mínimo. Já em matemática, o resultado é mais dramático: 57,07% estão nos níveis 1 e 2.

Para se ter uma ideia, uma criança que esteja no nível 3 de escrita já consegue escrever uma frase, mas não alcança a produção de um texto. Em leitura, um aluno no nível 1 consegue ler as palavras, mas não compreende o texto. No caso de matemática, o aluno abaixo do nível 4 não fazer contas com números de três algarismos, como 345 + 220.

Parâmetro dos professores
No programa de formação dos professores do Pnaic, os parâmetros são mais modestos -- apesar de a meta ser a excelência, com o nível 4.

Dentro do Pnaic, o aluno que estiver no nível 2 de leitura e de matemática e no nível 3 de escrita são considerados alfabetizados. Esse é o parâmetro utilizado no trabalho de formação dos professores das escolas públicas, segundo a coordenadora da formação de professores do Pnaic em Pernambuco, a professora Telma Ferraz Leal da UFPE (Universidade Federal de Pernambuco) e o coordenador no Paraná, Emerson Rolkouski, da UFPR (Universidade Federal do Paraná).

"Quando se fala em alfabetização, há várias formas de conceber [esse conceito]", diz Telma. Ela explica que, por exemplo, no senso comum, um aluno está alfabetizado quando reconhece as letras e forma palavras -- o que estaria no nível 1 de leitura. No entanto, dentro do Pnaic, há uma concepção de que deve haver leitura e produção de textos num nível mais avançado.

O mesmo vale para matemática: o nível 2 é considerado suficiente. Mas os professores são formados para atingir o nível 4, conta Emerson. "O percentual no nível 4 representa uma parcela que acertou as questões mais difíceis. Um aluno que chegue ao nível 4 é excepcional", diz o professor da UFPR.

A ANA foi aplicada a todos os alunos do 3º ano do ensino fundamental -- ano que finaliza o ciclo de alfabetização nos padrões do governo. O aluno dessa etapa teria oito anos, se não teve reprovação ou não deixou os estudos. Os resultados divulgados nesta quinta são de avaliações aplicadas em 2014 e o MEC cancelou a avaliação de 2015. Segundo a pasta, o cancelamento se deu por motivos pedagógicos. E especialistas chamaram a atenção para certo abandono do Pnaic.

Fonte: UOL

Curta nossa página no Facebook



Barbalha (CE): Festa do Pau da Bandeira conquista título de Patrimônio da Cultura Brasileira

A Festa do Pau da Bandeira de Santo Antônio de Barbalha foi aprovada, por unanimidade, como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil, pelo Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural, do Instituto Nacional do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). A votação foi realizada na tarde desta quinta-feira na sede do órgão, em Brasília, com membros do conselho de vários estados do Brasil.

O processo teve entrada em 2010, e somente agora conseguiu obter a aprovação, após vários ajustes, até chegar a um dossiê de cerca de 150 páginas. Com isso, passa a ser o primeiro no Estado do Ceará, a constar no Livro de Registro das Celebrações.A votação contou com a presença de representantes do Município sul cearense, que foram bastante parabenizados pelo teor da festa e sua tradição. A reunião do conselho teve a participação de 23 membros, e o trabalho do relator Upiano Toledo Bezerra de Menezes.

Representantes do poder público municipal, como o prefeito José Leite, a vice, Betilde Correia, o representante do legislativo, Dorivan Amaro, e o secretário de Cultura, Antônio de Luna, além do capitão do pau da bandeira e vereador, Rildo Teles, que há mais tempo tem liderado o cortejo. Para o secretário, foi um momento emocionante, com muitos elogios à festa.

A dossiê final para apresentação do trabalho foi finalizado pelos técnicos da superintendência do Iphan no Estado do Ceará, e conta como o primeiro registro imaterial feito de forma mais direta pelo órgão estadual. Durante essa reunião foram avaliados mais dois projetos, mas de tombamento material, incluindo o Conjunto Arquitetônico do Museu Mariano Procópio Ferreira, em Minas Gerais, e a Casa da Moeda, no Rio de Janeiro, que obtiveram várias ressalvas.

Durante a reunião do Conselho, o Iphan fez uma homenagem a Cícero Ricarte que morreu durante os festejos, enquanto carregava o pau da bandeira, no cortejo deste ano. Conforme a homenagem, os carregadores do pau da bandeira de Santo Antônio definem um dos principais sentidos dedicados à Festa do Santo Padroeiro em Barbalha. Ainda destacam seguirem firmes, levando ao limite as suas dores e feridas, trazendo consigo a comunhão da cidade e os laços de fé que aproximam devotos.

História
Os festejos a Santo Antônio de Pádua ocorrem desde o final do século XVIII, quando foi erguida uma capela em devoção ao santo, dando origem ao desenvolvimento da cidade de Barbalha. São treze dias de festa em homenagem ao padroeiro. A data central é o domingo mais próximo de 31 de maio, dia do Carregamento e Hasteamento do Pau da Bandeira.

É um evento que envolve praticamente todos os segmentos sociais da localidade, demonstrando um protagonismo claro dos Carregadores do Pau, grupo formado por representantes das classes populares de Barbalha, responsáveis pela escolha e corte do tronco que será transformado no mastro. No dia do Carregamento, que acontece desde 1928, eles percorrem os cerca de sete quilômetros que separam o local de preparação do mastro e a Praça da Matriz de Santo Antônio no centro de Barbalha, com o Pau da Bandeira às costas.

Conselho Consultivo
O Conselho que avalia os processos de tombamento e registro é formado por especialistas de diversas áreas, como cultura, turismo, arquitetura e arqueologia. Ao todo, são 23 conselheiros, que representam o Instituto dos Arquitetos do Brasil – IAB, o Conselho Internacional de Monumentos e Sítios – Icomos, a Sociedade de Arqueologia Brasileira – SAB, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis – Ibama, o Ministério da Educação, o Ministério das Cidades, o Ministério do Turismo, o Instituto Brasileiro dos Museus – Ibram, a Associação Brasileira de Antropologia – ABA, e mais 13 representantes da sociedade civil, com especial conhecimento nos campos de atuação do Iphan.

O processo vinha sendo elaborado desde o início dos anos 2000. Os membros do Conselho se reúnem pelo menos quatro vezes a cada ano, para analisar projetos encaminhados de várias partes do Brasil. Após a votação e aprovação, é realizada na cidade uma cerimônia de certificação, ainda sem data determinada. A avaliação do título acontece a cada 10 anos.

Festejos religiosos
A comunidade católica é responsável pela Trezena – ciclo de orações onde a imagem do santo peregrina por diversas casas durante os 13 dias que separam o 31 de maio e o dia de Santo Antônio. A procissão acontece no dia do santo, 13 de junho, que fecha o ciclo festivo com uma missa na Igreja Matriz. Uma enorme gama de ofícios, celebrações e formas de expressão são acionadas por diferentes grupos. O cortejo do pau é um deles e vem cercado por celebrações e rituais que conformam o grande complexo que a festa se tornou, com destaque para o Desfile de Folguedos.

O pedido de registro da Festa do Pau da Bandeira de Santo Antônio de Barbalha (CE) como Patrimônio Cultural do Brasil foi apresentado pela Prefeitura Municipal de Barbalha com endosso da Superintendência do Iphan-CE, do Instituto Cultural do Vale Caririense (ICVC), do Centro Pró-Memória de Barbalha Josafá Magalhães, do Presidente da Câmara Municipal e da União das Associações de Barbalha (UNAB), e com a anuência dos representantes e membros de grupos de carregadores do pau e outros grupos participantes da festa.

Plano de Salvaguarda
Iphan terá que implantar na cidade o Plano de Salvaguarda, que exigirá ações permanentes de proteção, continuidade e sustentabilidade da festa. Para o secretário de Cultura de Barbalha, Antonio de Luna, esse é um grande presente para cidade, que passou por várias etapas para gestar esse projeto. A preocupação agora é poder dar encaminhamento, para as melhorias necessárias e a manutenção desse grande evento.

Para se ter uma ideia, o cortejo do pau da bandeira, por exemplo, chega a arrastar uma multidão de pelo menos 300 mil pessoas. Este ano, em virtude da morte de um dos carregadores, foi necessário haver uma discussão voltada para se pensar alternativas que proporcionem mais segurança durante o trajeto. Recentemente, foi realizada audiência do Ministério Público para tratar do assunto.

Conforme Ítala Bianca, a certificação contará com a presença dos detentores do bem cultural e todas as instituições envolvidas no encaminhamento do processo. Mas a data pode ser escolhida pela cidade, até mesmo durante o período da festa, em junho do próximo ano.

ELIZÂNGELA SANTOS
REPORTAGEM E FOTO

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook



18 de setembro

1810 - Independência do Chile, da Espanha.
1851 - Publicação da primeira edição do jornal nova-iorquino The New York Times.
1947 - É criada a Agência Central de Inteligência, mais conhecida como CIA.

Nasceram neste dia…
1905 - Greta Garbo, atriz sueca (m. 1990).
1951 - Dee Dee Ramone, músico estadunidense (m. 2002).
1971 - Lance Armstrong, ciclista estadunidense, heptacampeão do Tour de France.

Morreram neste dia…
    96 - Domiciano, imperador romano (n. 51).
1783 - Leonhard Euler, físico e matemático suíço (n. 1707).
1970 - Jimi Hendrix (foto), músico estadunidense (n. 1942).

Fonte: Wikipédia



Juazeiro do Norte (CE): Exposição celebra “Nove anos do Geopark Araripe”

Iniciada no último dia 16, a terceira edição de exposições sobre o Geopark Araripe, no Cariri Garden Shopping, em Juazeiro do Norte/CE. Este ano, sob o título "Nove Anos do Geopark Araripe", a exposição contará com as peças do acervo do Museu de Paleontologia da Universidade Regional do Cariri (URCA) e atividades promovidas pelo Centro de Interpretação e Educação Ambiental (CIEA) do Geopark Araripe. Ficará aberta ao público até o dia 22 de setembro, no horário de 10h às 21h.

Os visitantes poderão conhecer um pouco sobre riquezas naturais, históricas culturais, peleontológicas e muito mais do território do Cariri Cearense.

Durante os dias de exposição, ocorrerão oficinas de réplicas de fósseis e modelagens com argila, aplicação de argila na limpeza de pele e pintura de soldadinho no Araripe com argila, com referência ao Ano Internacional dos Solos, difundido pela UNESCO e com o objetivo de trabalhar aspectos teóricos sobre paleontologia e solo de forma mais prática e lúdica.

A exposição tem como principal objetivo lembrar à comunidade da região o que o seu território tem de melhor a oferecer, além de mostrar um pouco da história sobre a terra para os seus habitantes, incentivando-os a conservar o patrimônio aonde vivem.

Escolas do entorno do Shopping visitarão a exposição, como também participarão das oficinas. Está será a terceira exposição realizada neste local, através da parceria entre o Cariri Garden Shopping e o Geopark Araripe. A primeira foi em 2013 denominada de “Talhado”, que abordou a extração do calcário laminado e os achados fossilíferos da região. A segunda “Um grande Registro da Natureza”, em 2014, destacou os noves geossítios do Geopark Araripe. Será mais uma boa oportunidade de conhecer um pouco do primeiro Geopark das Américas, que nos próximos anos completa uma década.

Mais informações
Exposição: "Nove Anos do Geopark Araripe"
Período: de 16 a 22 de setembro
Horário: das 10 h às 22h
Local: Cariri Garden Shopping
Informações: Geopark Araripe
Telefone (88) 3102 1237

Assessoria de Imprensa/Cariri Garden Shopping

Curta nossa página no Facebook



E agora, concurseiro? Veja concursos que não serão suspensos

O anúncio da suspensão de concursos públicos federais para 2016, nesta semana, foi recebido com apreensão e ansiedade entre concurseiros Brasil afora. O corte, parte da estratégia de redução de gastos do governo para garantir a meta de superávit primário de 0,7% do Produto Interno Bruto (PIB), afeta diretamente mais de 40 mil cargos públicos federais

Para muitos, a notícia foi uma verdadeira pá de cal no sonho de carreira pública. Mas não há motivo para desespero ou desistência do projeto de estudos, dizem especialistas consultados por EXAME.com.

“O governo, ao anunciar a suspensão dos concursos federais, não quer dizer, em hipótese alguma, que não haverá mais concursos. Muito pelo contrário”, diz Marcelo Marques, diretor do site Concurso Virtual.

De acordo com ele, há que se levar em conta a demanda reprimida de servidores públicos. “Em um estudo recente do Ministério do Planejamento constatou-se que há um mito do inchaço da máquina pública, pois a relação de servidores públicos para cada mil habitantes está muito abaixo de países desenvolvidos”, afirma. Os Estados Unidos, cita o especialista, têm o dobro de servidores por mil habitantes e a França, seis vezes mais.

Pela mesma linha de raciocínio segue Gladstone Felippo, professor do Universo do Concurso. “O governo já anunciou as mesmas medidas em outras oportunidades e os concursos não pararam de acontecer. Neste sentido, não vejo, a princípio, motivo de preocupação”, diz. Para ele, a expressão-chave é recuo na oferta, mas não a suspensão total. “Vários cargos estão se tornando vagos e mais cedo ou mais tarde haverá pressão institucional dos órgãos de controle e pressão por parte da sociedade para que sejam providos”, diz.

Marcelo Marques do Concurso Virtual também argumenta que há uma das medidas do ajuste proposto pelo governo que deve deixar ainda mais crítica a necessidade de contratação de novos servidores. “ O cancelamento do abono de permanência para mais de 100 mil servidores, implicará em milhares de aposentadorias neste e nos próximos anos”, diz.

O especialista aponta para dados alarmantes como, por exemplo, o fato de que a Receita Federal tem hoje um efetivo 50% menor do que o necessário e, todos os anos, quase 5% dos seus servidores se aposentam. A área da segurança pública, como a Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal estão com um efetivo muito abaixo do ideal e suportável, ainda destaca Marques. “Se imaginarmos as aposentadorias sem reposição, devemos, então, traçar o cenário de caos nos serviços públicos. O que, certamente, não vai acontecer”, diz.

Por isso, na contramão de muitos concurseiros prontos a abandonar livros e apostilas, os dois especialistas recomendam persistência no projeto de estudos.

“A maioria agirá em comportamento de manada, disseminando mensagens pessimistas, outros - a minoria - terão foco de médio e longo prazo e continuarão atrás dos seus objetivos”, diz Marques. Para ele, a máxima de não estudar apenas depois da publicação do edital nunca foi tão pertinente. “O foco deve permanecer o mesmo”, concorda Gladstone Felippo, professor do Universo do Concurso.

Os concursos que serão mantidos
Concursos estaduais ou municipais não entram no pacote da suspensão. Ficam mantidas as oportunidades para câmaras de vereadores, assembleias legislativas, instituições de saúde, segurança, educação ou administrativas municipais em âmbito estadual ou municipal. Além disso, seleções federais com autorização já publicada também seguem previstas. São elas:

1. Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)
São 800 vagas para técnico do seguro social (nível médio) e 150 para analista do seguro social (nível superior), e salários que podem passar de 7 mil reais.

2. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)
São 90 oportunidades de nível superior para analista de planejamento, gestão e infraestrutura em informações, 50, também de nível superior, para tecnologista em informações geográficas e estatística e 460, de nível médio, para técnico em informações geográficas e estatística. Salários podem passar de 8,9 mil reais.

3. Fundação Nacional do Índio
As oportunidades são de nível superior: 208 vagas para indigenista especializado, 7 para engenheiro e 7 para engenheiro agrônomo.

4. Agência Nacional de Aviação Civil (Anac)
São 150 vagas autorizadas: 65 de nível superior para especialista em regulação de aviação civil, 25 para analista administrativo também de nível superior, 45 para técnico em regulação de aviação civil, cargo de nível médio, e 15 para técnico administrativo, função também de nível médio.

5. Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP)
Estão previstas e autorizadas 14 vagas para técnico em regulação de petróleo e derivados, álcool combustível e gás natural e outras 20 oportunidades para técnico administrativo.

6. Agência da Saúde Suplementar
Serão 36 vagas para técnico em regulação de saúde suplementar e 66 para técnico administrativo.

Fonte: Exame.com

Curta nossa página no Facebook



ShareThis