1.068 toneladas de sementes serão distribuídas no Cariri

O programa Hora de Plantar 2013 prevê a distribuição de 1.068 toneladas de sementes de mamona, feijão caupi, feijão phaseuolus, milho variedade, milho hibrido, sorgo forrageiro, capim andropogon e feijão guandu para agricultores de municípios do Cariri. Além disso, está prevista a entrega de 26.860 mudas de cajueiro anão-precoce e 300 mil raquetes de palma forrageira para safra de 2013.

Devem ser beneficiados 34.960 produtores familiares do Cariri. O valor do investimento é de cerca de R$ 3,9 milhões.

O programa será lançado na próxima segunda-feira, 28, na Ceasa Cariri, pela Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Estado (SDA) e a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ematerce).

De acordo com o secretário do Desenvolvimento Agrário, Nelson Martins, a região do Cariri foi escolhida por ser onde chove mais cedo no Ceará.

Fonte: O Povo



Juazeiro do Norte (CE): “Boca Podre” é morto com cinco tiros e sua namorada saiu lesionada

Um jovem foi assassinado por volta das 21h30min desta sexta-feira no oitavo homicídio do ano em Juazeiro do Norte e duas pessoas saíram lesionadas por balas perdidas. Erinilson Viana Barbosa, de 23 anos, apelidado por “Nenén Boca de Lata” ou “Boca Podre”, estava com sua namorada no cruzamento das ruas Carolina Sobreira e Assis Sobreira (Bairro Timbaúbas), quando foi surpreendido com a chegada de dois homens em uma moto de cor preta. Um deles sacou o revólver e começou a atirar.

A vítima residia na Rua Assis Sobreira e foi alvejada com cinco tiros, sendo um no pescoço, três nas costas e outro no braço. Balas perdidas atingiram no pé a namorada do rapaz, Marilene Agostinho da Silva, de 32, e o menor de iniciais J. W. L. S., de 16 anos, lesionado no pescoço. Ambos residem naquele bairro e foram socorridos pelo GSU do Corpo de Bombeiros para o Hospital Regional do Cariri. Erinilson já respondia por crimes de furto e uso de drogas e era suspeito do envolvimento em um homicídio.

No dia 9 de dezembro, a mãe de George Alves Pereira, de 23 anos, acusou Nenén Boca Podre e seu irmão apelidado por Pretinho pela morte do seu filho na noite daquele domingo. O corpo só foi encontrado no dia seguinte na Rua do Capim que fica na Várzea das Timbaúbas e a vítima morava na Travessa Moisés Fernandes. Segundo Geralda Pereira, George tinha inimizades com Boca Podre que até já havia esfaqueado seu filho.

Demontier Tenório

Foto: Michel Dantas / Ag. Miséria

Fonte: Miséria



Comando do PSDB coloca em curso operação para tentar desidratar o palanque de Dilma Rousseff em 2014

O comando do PSDB já colocou em curso uma silenciosa operação para tentar desidratar o palanque de Dilma Rousseff em 2014.

Governadores tucanos têm assediado partidos da base federal com promessas de cargos e ampliação de espaço nas administrações locais.

No Paraná, PSC, PP e PMDB vêm sendo contemplados com secretarias. Em São Paulo, Geraldo Alckmin negocia com PP, PRB e até PMDB, parceiro de Dilma.

A estratégia se repete em outros Estados liderados pela sigla oposicionista, como Minas Gerais, Alagoas, Goiás, Roraima e Pará.

No mapa tático há um objetivo não declarado: chegar ao segundo trimestre do ano eleitoral com canais suficientes para multiplicar ao máximo o número da candidaturas presidenciais, roubar para si aliados hoje na órbita federal e, onde isso não for possível, obter desses partidos o compromisso de não apoiar nem PSDB nem PT na corrida nacional.

Quanto mais postulantes houver, maiores as chances de segundo turno, e quanto mais partidos deixarem a coalizão federal, menos tempo de TV terá a petista.

Dilma, aliás, que fez sua primeira campanha eleitoral com um grande arco de alianças em 2010, pode não repetir a façanha de um palanque tão vasto em 2014.

Quantidade
O PSDB torce por um múltiplo cardápio de candidatos: o governador Eduardo Campos (PSB-PE), a ex-ministra Marina Silva e os senadores Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) e Cristovam Buarque (PDT-DF) --além de, claro, o tucano Aécio Neves (MG).

O próprio Planalto já detectou a operação dedicada a "quebrar" o palanque da presidente. As costuras de Aécio entraram no radar do Palácio quando o senador passou a estreitar laços com o presidente do PDT, Carlos Lupi. Este, aliás, defende que sua sigla lance um nome próprio na disputa do ano que vem.

Segundo a Folha apurou, os tucanos iniciam 2013 dispostos a estruturar as bases da campanha presidencial do senador mineiro. A partir de fevereiro, passarão a fazer pesquisas periódicas de opinião para montar a narrativa eleitoral.

E já iniciaram as buscas por um "João Santana tucano", em referência ao marqueteiro do PT, vitorioso nas últimas três eleições presidenciais.

No comando dessa operação para desidratar o palanque petista está o próprio Aécio. Até agora submerso, ele tem liderado o assédio à base da presidente recomendando calma aos tucanos mais ansiosos.

Diz isso citando o avô Tancredo Neves: "As pessoas só se movem da base no momento em que o poder futuro é mais atraente que o poder presente".

Fonte: Folha.com

Crato (CE): Geopark atrai Colônia de Férias

Uma opção diferente para as férias da garotada no Cariri. Um misto de diversão e aprendizado, levando-se em conta os benefícios voltados ao meio ambiente e à cultural regional. Assim tem sido a preocupação da equipe que vem dando suporte à Colônia de Férias do Geopark Araripe, que este ano conta com mais de 300 crianças e adolescentes participantes das escolas e comunidades dos geossítios.

A programação para o evento inclui as cidades de Missão Velha, Crato, e será finalizada no final do mês, na Capital da Paleontologia, em Santana do Cariri, na área do Pontal da Santa Cruz. O trabalho com crianças e adolescentes de 6 a 14 anos vem sendo desenvolvido por 25 estagiários da Universidade Regional do Cariri (Urca), de cursos como Educação Física e Artes Visuais. Eles dão suporte para as crianças conhecerem o geopark. Brincadeiras, vídeos, oficinas, jogos e palestras estão entre os eventos programados.

Nas turmas são incluídas crianças especiais. As atividades da Coordenação de Educação Ambiental do geopark são desenvolvidas além desse período nas comunidades. Mas durante as férias tem um gostinho especial, por serem especialmente voltadas para aqueles que pretendem levar a educação além da diversão. Para o bolsista Lázaro Macedo, esse trabalho é de fundamental importância para transmissão do conhecimento, e as crianças são as grandes multiplicadoras também para a família. “Os pais aprendem com elas, e isso é muito importante, dentro desse contexto de repassar as questões relacionadas ao meio ambiente”, diz ele.

A Colônia de Férias foi iniciada no começo do mês, pela cidade do Crato com a quinta edição do evento. As atividades foram ministradas pelos estagiários, com cerca de 80 alunos inscritos. As crianças de escolas públicas e particulares tiveram a oportunidade de conhecer o Centro de Interpretação do Geopark Araripe, que fica no parque de exposições do Crato, e a sede do escritório do Instituto de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), no Cariri.

Resgate
Em Missão Velha, foram inseridos na Colônia de Férias desse ano, crianças da comunidade Cachoeira, da área do geossítio, além do Riacho do Meio, em Barbalha. Já em Santana do Cariri, a comunidade do Pontal da Santa Cruz participa da programação de 29 a 31 deste mês.

Para a realização das atividades na sede do geopark, no Crato, foi cobrada uma taxa de inscrição e os alunos de escola pública têm direito à meia-entrada. Já nas comunidades, a participação é gratuita.

A estudante de biologia, Cintia dos Santos Barros, afirma que o trabalho também envolve um resgate das brincadeiras, como a contação de histórias e as cantigas de roda. Este ano, houve uma ampliação no número de estagiários, segundo a coordenadora de Educação Ambiental do geoparque, para também atender às crianças das comunidades dessas localidades do geossítios.

A coordenadora destaca o projeto como um espaço de formação, voltado para as crianças e os estagiários, que passaram dois meses recebendo orientações para dar segmento ao trabalho nas comunidades. As principais temáticas trabalhadas são a sustentabilidade, preservação e conservação dos geossítios.

Para Neuma, essa é uma forma criativa de educar as crianças, por ainda haver uma falta de conhecimento das próprias comunidades sobre o projeto do geopark. Para a educadora, um dos principais resultados desse trabalho, que vem sendo desenvolvido há cerca de três anos nas comunidades, é o reconhecimento dos moradores.

Ela ainda destaca a importância deste evento para a divulgação do geopark nas comunidades. Ao mesmo tempo, tem verificado a possibilidade de desenvolvimento local por meio do artesanato, de forma sustentável.

Os artigos são socializados durante a Feira de Geoprodutos. A segunda edição acontece durante o mês de fevereiro, na sede do geoparque, em Crato.

Os responsáveis pela organização e viabilização do evento passaram por um treinamento para lidar com as crianças de forma eficiente e sem riscos. Uma destas ações anteriores que está ocorrendo é um curso de primeiros socorros.

“Sendo assim, este será um ambiente seguro que fará com que as crianças aprendam o que é o geopark Araripe ao mesmo tempo em que se divertem”, diz a professora Neuma.

Mais informações
Geopark Araripe
Sede em Crato
Rua Carolino Sucupira, S\N
Região do Cariri
Telefone: (88) 3102.1237

ELIZÂNGELA SANTOS
REPÓRTER

Fonte: Diário do Nordeste

Apesar de chuvas, Nordeste levará uma década para se recuperar de efeitos da seca, preveem especialistas

A volta das chuvas no semiárido nordestino trouxe a esperança de dias melhores ao sertanejo, mas ainda estão longe de acabar com a devastação ambiental causada pela seca desde o início de 2012. Segundo especialistas e autoridades, a recuperação de um período de estiagem tão longo e intenso só deve acontecer em um década. Isso, caso as chuvas voltem à média nos próximos meses e ações governamentais sejam tomadas para garantir o abastecimento de água. A seca 2012-2013 já é considerada a pior em pelo menos 40 anos.

Em muitas regiões do sertão, a semana foi de chuva intensa, que chegaram a causar prejuízos e levaram municípios que sofriam com a seca a decretar emergência no Piauí e na Bahia. Porém, devido ao deficit hídrico acumulado, as chuvas não devem ser capazes de suprir toda a carência deixada nos últimos meses. É a chamada "seca verde", quando o pasto floresce, o chão fica úmido, mas não houve um bom acúmulo de água.

"As chuvas que caíram esses dias foram importantes, mas não foram suficientes para a regularização do deficit hídrico no Estado. O que tem chovido não corresponde a 10% do necessário para a normalização hídrica do Estado. É necessário que as chuvas continuem a cair", afirma o meteorologista da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Sergipe, Overland Amaral.

Mesma situação de "seca verde" é enfrentada na Bahia. "Essas chuvas deram uma aliviada, mas não resolvem o problema, pois o deficit é muito grande e vem de longo tempo. Há ainda um prejuízo muito grande para a agricultura, pois a retomada vai demorar muito tempo.", afirma o coordenador da Defesa Civil da Bahia, Salvador Brito.

10 anos de recuperação
Em Alagoas, 37 municípios sofrem com a estiagem e a situação também é de caos. Para o ex-secretário de Estado da Agricultura e recém-empossado na cidade de Pão de Açúcar, Jorge Dantas (PSDB), é preciso que o governo federal participe de forma mais atuante no processo. Ele também acredita que a recuperação nordestina só ocorrerá a longo prazo.

"Serão 10 anos para recuperar os efeitos desta seca. Precisamos pensar em ações de médio e longo prazo, porque a seca é um efeito natural que sempre acontece. É necessário propor a criação de um órgão a nível federal específico para seca", disse.

Diante da necessidade de recuperação a médio e longo prazo, a AMA (Associação dos Municípios Alagoanos) preparou uma série de reivindicações que serão entregues, nos próximos dias, ao ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho. Entre as medidas solicitadas estão o fortalecimento do programa de segunda água, que prevê a construção de cisternas com capacidade para 52 mil litros (que serviria para consumo animal), recuperação de 100% dos poços artesianos e criação de um programa para plantio da palma (vegetação da mesma família do cacto, que sobrevive a longos períodos de seca, mas serve de alimento para o rebanho).

Na Paraíba, onde 195 municípios decretaram emergência, as chuvas caíram com menos intensidade nos últimos dias. A situação no Estado ainda é considerada bastante preocupante, especialmente no que diz respeito a questão pecuária. Segundo o presidente da Federação da Agricultura da Paraíba, Márcio Borba, 40% das cabeças de gado do Estado foram perdidas com a seca, seja por morte, transferência de Estado ou abate antecipado.

"A Paraíba tinha 1,2 milhão de reses [animais que se abatem para a alimentação] antes da seca, e hoje não temos 800 mil. Se continuar seco, além das 40% perdidas, 30% irão daqui para o final de 2013. Vamos levar de oito a 10 anos para recuperar esse índice, caso tenhamos anos normais e se houver incentivo do governo federal, que até agora tem feito algo quase que insignificante", disse.

Segundo um estudo do Etene (Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste), ligado ao Banco do Nordeste, os Estados também sofreram severamente com a perda de lavoura, o que levará um tempo para ser recuperado. Em 2012, por exemplo, houve uma queda da safra de 85% de milho e feijão no Ceará --foram 1,179 milhão de toneladas colhidas em 2011, contra 176 mil no ano passado. A perda foi a maior desde 1958.

Falta de chuva
Segundo dados da Ufal (Universidade Federal de Alagoas), o ano de 2012 foi marcado por uma queda considerável na precipitações. "Nos meses de fevereiro, março e abril de 2012, por exemplo, choveu entre 300 e 500 mm a menos do que o ano de 2011. É importante mencionar que, para o semiárido nordestino, o principal período chuvoso costuma iniciar entre fevereiro e março", afirmou o professor Humberto Barbosa, coordenador do Laboratório de Análise e Processamento de Imagens de Satélite da Ufal. Cada milímetro de chuva equivale a um litro de água em 1 m².

"A seca hídrica é ainda muito intensa e é o maior problema enfrentado hoje, pois o deficit é muito alto. Precisamos que, ao menos este ano, a chuva ocorra na média, para não piorar ainda mais a situação", complementou Barbosa.

Fonte: UOL

Mutirão revê situação de internos no Cariri

Mutirão realizado pela Defensoria Pública e pela Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado (Sejus) irá rever a situação processual de 32 internos da Penitenciária Industrial e Regional do Cariri (Pirc). Eles são originários de outras comarcas do Ceará, Pernambuco e São Paulo. O mutirão será realizado nos próximos dias 28 e 29, segunda e terça-feira.

Os internos têm registros de entrada nos municípios de Barro, Crato, Quixadá, Pacatuba, Maracanaú, Quixeramobim, Icó, Icapuí, Jaguaribe, Orós, Missão Velha, Sobral, Acopiara, Mombaça, Aracati, Iguatu, Lavras, Cedro, Trairi, Campos Sales, Milagres, Mauriti, Caririaçu, Aurora, no Ceará, Petrolina em Pernambuco e na cidade de São Paulo.

Longe das famílias, os internos não recebem visita. A permanência fora de suas comarcas pode ser causada por fatores como local do crime, a falta de unidades ou envolvimento com facções em uma região.

Fonte: O Povo



Crato (CE): Vendedores ambulantes têm dias contados para desocuparem as calçadas do centro da cidade

O ministério público e CDL do Crato pedem ação da prefeitura para a desocupação das calçadas do centro da cidade, ocupadas por vendedores ambulantes que vem infligindo a lei orgânica do municipio, além de criarem transtorno e riscos para a população que muitas vezes tem que descer da calçada por estarem obstruídas pela venda de produtos.

O prefeito Ronaldo está no aguardo da oficialização do pedido do ministério público para que o orgão responsavel da prefeitura cumpra a lei.

Esse relaxamento para os vendedores ambulantes voltarem às calçadas do centro, veio da gestão passada motivado principalmente pelas eleições municipais.

Foto: Jota Lopes

Fonte: Rádio Cetama


Sua saúde: Dormir mal pode acabar com seu relacionamento, diz estudo

Cônjuges e namorados com frequência se sentem negligenciados pelo parceiro. O motivo para isso, segundo estudo realizado na Universidade da Califórnia em Berkeley, nos EUA, pode ser simplesmente a falta de sono.

De acordo com a pesquisa, dormir menos do que o necessário pode deixar as pessoas cansadas demais para dizer um simples "obrigado".

"A privação de sono pode nos tornar mais egoístas e fazer com que nossas próprias necessidades tenham prioridade sobre as do parceiro", diz a psicóloga Amie Gordon, principal autora do estudo.

Junto com a psicóloga Serena Chen, também da Universidade da Califórnia em Berkeley, ela apresentou os resultados do trabalho no último fim de semana, na reunião anual da Sociedade para a Personalidade e Psicólogos Sociais, em Nova Orleans.

O estudo traz evidências de que uma noite de sono ruim torna parceiros menos afinados com o humor e a sensibilidade do outro.

Campo de batalha
Para muitos casais, a cama pode ser um campo de batalha: o barulho do laptop, a tosse ou ronco do outro podem ser irritantes, assim como o parceiro que, ao virar, deixa o outro descoberto.

"Você pode ter dormido como um bebê, mas se o seu parceiro não dormiu bem, os dois vão acabar ficando ranzinzas", comenta Gordon.

A pesquisa contou com mais de 60 casais, com indivíduos entre 18 e 56 anos. Em um dos experimentos, os participantes tinham que manter um diário sobre padrão de sono e anotar como uma noite reparadora ou ruim interferia na relação com o parceiro.

Em outro experimento, eles foram filmados enquanto resolviam alguns problemas propostos. Aqueles que tinham dormido mal na noite anterior mostravam menos apreço pelos parceiros.

A psicóloga observa que muitas pessoas afirmam ser ocupadas demais para dormir, e até orgulham-se das poucas horas de sono que têm. O fato a inspirou a estudar como a falta de sono pode ter impacto sobre os relacionamentos.

De um modo geral, os resultados mostravam que quem dorme pouco tende a valorizar menos o parceiro. Como resolver isso? Não se esqueça de dizer 'obrigado' quando o seu parceiro faz algo de bom", sugere Gordon. Deixe-o saber o quanto você gosta dele."

Fonte: UOL



Barbalha (CE): Primeira-dama eleita vice-presidente da APMDCE para o biênio 2013-2014

A primeira-dama do Município de Barbalha, Isabel Cristina Nóbrega Cruz, foi eleita nesta quarta-feira (23), a vice-presidente da Associação para o Desenvolvimento dos Municípios do Estado do Ceará (APMDCE) para o biênio 2013-2014. A eleição aconteceu durante o Encontro Estadual de Primeiras-Damas e Técnicos Municipais no Hotel Oásis Atlântico, na Avenida Beira Mar, em Fortaleza. Durante o evento foi apresentada a agenda da associação para o primeiro semestre de 2013 e a adesão dos municípios aos programas e projetos: Ceará Cresce Brincando, Eu Sou Cidadão – Amigos da Leitura e Ceará Cidadão. Isabel Cristina é vice-presidente de Jô Farias, prefeita de Horizonte.

A nova diretoria da APMDC tem ainda em sua composição: Wilma Rocha Diogo (Nova Russas), primeira secretária; Jeane de Menezes Alencar (Pacatuba), segunda secretária; Maria da Conceição da Silva (Itapiúna), primeira tesoureira; Francisca Zirlanda Bernardo Goés (Apuiarés), segunda tesoureira; Marta Ângela Sobreira (Ibiapina), primeira conselheira; Eline Gomes Oliveira (Aracati), segunda conselheira; Micheline Bernardino da Silva (Choró), terceira conselheira; Rossana Catunda Resende Sousa (Tauá), primeira suplente; Maria Clezeni da Cruz Matos (Tejuçuoca), segunda suplente; e Géssica Pereira Cavalcante (Guaraciaba do Norte), terceira suplente.

Fonte: Rádio Cetama



Crato (CE): Romaria celebra vaqueiro na Floresta Nacional do Araripe

A tradição da festa da Romaria da Santa Cruz da Baixa Rasa, neste município, é fortalecida a cada ano. Centenas de cavaleiros e fieis reúnem-se hoje, em pleno coração da Floresta Nacional do Araripe para rezar pelo lendário vaqueiro que ficou perdido na mata até morrer de fome e sede. A lenda data de 1877. Os moradores e vaqueiros, com imagens de santos, percorrem desde o sítio Lameiro até o local, em meio a um clarão, no alto da Chapada do Araripe.

No local, há várias barracas com comidas típicas e a presença de grupos de tradição popular, para fazer reverências à cruz. A estimativa é que mais de três mil pessoas participem das comemorações.

Duas missas serão celebradas durante o dia. Neste ano, os veículos ficarão isolados por uma barreira. Os cavaleiros entram na área com os animais para a primeira missa, na chegada dos grupos, às 9 horas. Em seguida, os cavalos serão encaminhados para um espaço delimitado. Todos os anos também são escolhidas as rainhas da Baixada e do Vaqueiro, que seguem à frente do cortejo. A segunda missa acontece às 11 horas, para a comunidade e os visitantes, com a reza do terço ao meio-dia.

A intenção é fortalecer a manifestação popular, que é acompanhada por instituições como Ibama e secretarias de Cultura e Meio Ambiente do Crato. Uma fiscalização é desenvolvida no intuito de proteger a floresta de danos. A venda de bebidas alcoólicas é proibida no local.

Sustentável
De acordo com o chefe da Floresta Nacional do Araripe, William Brito, a maior dificuldade é tornar clara a importância da conservação da floresta para os frequentadores da evento. "O que nós queremos é que seja uma festa sustentável, que ao final a floresta esteja no mesmo estado de conservação e não cheia de lixo e degradada. Estamos tomando toda essa cautela para que a floresta fique intacta", afirma William.

Uma comissão com representantes do Distrito do Belmonte foi montada para discutir a organização da festa. Aline da Silva, bisneta dos fundadores da Festa da Baixa Rasa, é uma das integrantes. Ela destaca que a parceria da prefeitura ajudará a promover uma festa mais organizada e com segurança.

Para a secretária de Cultura, Dane de Jade, a Festa da Baixa Rasa faz parte do calendário da tradição popular, como manifestação enriquecedora e singular. Ela enfatiza a importância da união das secretarias no atendimento das demandas.

Grande parte das pessoas percorre mais de dois quilômetros a pé, até chegar ao clarão, em meio à flora. Ao lado do local onde está a cruz, protegida por uma pequena coberta, são encontradas outras sepulturas. São familiares de Expedita Gomes Magalhães, como irmã e mãe, que foram enterradas em covas vizinhas, e também de catadores de pequi. Pessoas que se embrenharam na floresta, adoeceram e não tiveram como sair, por conta da enfermidade.

A tradição se sustenta pela fé das pessoas, segundo um dos organizadores, Wilson Rosto, que defende o apoio de instituições ao festejo que já faz parte do calendário cultural.

São mais de duzentos anos em que os homens e mulheres acendem suas velas, pagam promessas e reverenciam a cruz.

Morte do vaqueiro
Ainda de madrugada, os cavaleiros começam a sair de casa, de várias partes do Cariri e até do Estado de Pernambuco. Foi bem lá na divisa entre os dois Estados, na Baixa Rasa, que morreu o vaqueiro. Dias depois, o corpo foi encontrado ao lado do cavalo magro, que continuou com o seu dono. Desse tempo para cá, passou a ser reverenciado pela fé de todo o povo.

A devoção do vaqueiro sertanejo faz com que a originalidade da festa da Cruz da Baixa Rasa mantenha seu caráter religioso e festivo. Cerca de 400 vaqueiros de várias cidades participam todos os anos do cortejo e da missa. O percurso é feito em duas horas. Com santos nas mãos e o gibão de couro, os homens simples sobem a serra.

Desde criança, os filhos dos vaqueiros decidem acompanhar os pais. É uma forma de não deixar morrerem os costumes. Há aqueles que preferem ornamentar o seu animal.

O vaqueiro Inaldo Antônio de Amorim participa há mais de 13 anos. Ele vai com a esposa e filhos pequenos. Ainda sai animando os grupos para estarem presentes e não deixar a tradição cair no esquecimento.

As rainhas escolhidas saem à frente numa charrete, em seguida, os vaqueiros caracterizados à frente do cortejo, com as imagens de Nossa Senhora Aparecida e a de São Jorge. Os gritos de aboio animam os integrantes do grupo. Em cima da serra também se encontra outro grupo a espera do cortejo. As pessoas pagam e fazem novas promessas. Pedem pela cruz, que consideram milagrosa.

Mais informações
Casa Sede do Ibama-Cariri
Escritório do Ibama
Praça Filemon Teles, S/N
Bairro Pimenta - Crato
Fones: 3523.1999 / 3501.1702

ELIZÂNGELA SANTOS
REPÓRTER 

Fonte: Diário do Nordeste



Barbalha (CE): Fundador da COOPATARC é morto dentro de churrascaria

Um crime com características de pistolagem foi registrado por volta das 20h30min desta quinta-feira no interior de uma churrascaria que funciona às margens da rodovia estadual que liga os municípios de Barbalha e Missão Velha. O fundador e ex-presidente da COOPATARC (Cooperativa dos Transportes Alternativos da Região do Cariri), Marceno dos Santos, de 44 anos, foi morto com quatro tiros de revólver sendo três no abdômen e mais um no rosto.

A vítima residia na Rua Jundiaí (Bairro Alto da Alegria) e ainda tentou fugir da linha de tiros, mas tombou morta na calçada da Churrascaria Bom Paladar onde se encontrava com um casal de amigos. Segundo testemunhas, dois homens chegaram em uma motocicleta e um deles adentrou o estabelecimento quando anunciou um assalto. Em seguida, pediu que o casal se retirassse da mesa e começou a disparar fugindo logo depois sem levar nenhum pertence de Maceno do estabelecimento.

A dupla partiu na moto em alta velocidade, enquanto a polícia era acionada e esteve imediatamente no local a exemplo do perito criminal Antonio Barbosa e o rabecão que transportou o corpo para ser necropsiado no IML (Instituo Médico Legal) de Juazeiro. Marceno foi um dos grandes lutadores pelas causas dos transportadores alternativos no Cariri e promoveu vários manifestos contra o que considerava perseguição do Detran. Ele era arrendatário da Churrascaria Fernandes que funciona no Sítio Estrela.

Marceno foi assassinado no dia em que completou três meses de um atentado à bala na residência do atual presidente da COOPATARC, Francisco Inácio Cruz, de 44 anos, mais conhecido como Leão, residente na Rua Nezinho de Sá no centro de Barbalha. O relacionamento entre os dois não era amistoso e houve insinuações de que o ex-presidente teria envolvimento no caso ocorrido na madrugada do dia 24 de outubro do ano passado.

Foram vários disparos de calibre 12 atingindo o portão do imóvel e a carroceria de um veículo Fiat Pick-up Strada de cor vermelha. Uma voz do lado de fora teria apelado para que o “presidente” saísse a fim de levar “tiros nos peitos”. Na época, Leão ameaçou entregar o cargo juntamente com toda a diretoria eleita com o apoio de Marceno em virtude das ameaças de mortes que ele e sua família vinham sofrendo, segundo disse em outubro ao Site Miséria.

A cooperativa foi fundada há seis anos com a intenção de organizar o transporte alternativo no Cariri e possui 48 associados trabalhando em cinco linhas outorgadas pelo Governo do Estado. São elas: Barbalha/Juazeiro, Missão Velha/Juazeiro, Jardim/Barbalha, Abaiara/Juazeiro e Barbalha/Crato via Distrito de Arajara. O cargo de presidente é remunerado com um salário mínimo.

Demontier Tenório

Fonte: Miséria



Conta de energia: Redução da Coelce é uma das menores, 18,05%

A medição da conta de luz dos consumidores residenciais no Ceará já está sendo feita com 18,05% de desconto. A redução para a concessionária cearense, a Companhia Energética do Ceará (Coelce), é levemente maior do que o anunciado pela presidente Dilma Rousseff nesta quarta, 23, de 18%. No entanto, das 63 concessionárias, 41 delas teve um desconto maior do que o da Coelce. A maior redução foi de quase 26%, numa distribuidora gaúcha, o efeito médio total é de 20,2%.

Ainda sem a notificação oficial da Aneel até o fechamento desta edição, a Coelce não soube dizer como se dará o novo cálculo. “Como empresa regulada, a Coelce irá cumprir o que for definido pela Aneel”, limitou-se a dizer, por nota enviada pela assessoria de imprensa. A Aneel explicou que os novos valores deveriam ser publicado no Diário Oficial da União (DOU) ainda ontem, o que não aconteceu até o fechamento desta edição.

Para hoje, ou os próximos dias, estão previstos serem anunciados os descontos para a tarifa de alta tensão - indústria, comércio e agricultura. A redução pode chegar até 32%, segundo a Aneel.

Para garantir o barateamento, foram reduzidos os custos de transmissão, os encargos setoriais e foram retirados subsídios da estrutura da tarifa, com aporte direto do Governo Federal, no valor aproximado de R$ 17 bilhões em 2013 e 2014, segundo a Secretaria do Tesouro Nacional.

Riscos assumidos
Para o consultor de energia da Federação das Indústrias do Ceará (Fiece), Jurandir Picanço, a redução é expressiva, mais do que o que foi anunciado em setembro de 2012, de 16%. No entanto, faz ressalva por conta dos riscos de racionamento de energia.

“Em setembro de 2012, não se tinha a perspectiva de racionamento. Agora, temos, apesar dessa risco começar a ser eliminado em função das chovendo nas cabeceiras dos reservatórios”, comenta. Picanço destaca que ainda está sendo produzida energia cara e poluente, a energia térmica.

“Esse valor da energia elétrica mais cara vai ser transferido na conta posteriormente. Não será na mesma proporção do desconto, mas vai reduzir esse impacto positivo da conta mais baixa”, analisa.

A redução das tarifas deverá ser sentida na próxima fatura de energia elétrica emitida, já que a redução passou a valer ontem, com a publicação no Diário Oficial da União (DOU). A determinação dos valores foi feita pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), também a partir de ontem. (Com agências)

Serviço
Simulador de consumo da Coelce
Clique AQUI 

Arce
Fone: 0800 727 0167

Aneel
Fone: 167

Andreh Jonathas

Fonte: O Povo



Crato (CE): Prefeito lança Mutirão de Limpeza na cidade

Com mais de 50 homens trabalhando, 25 caminhões nas ruas e 10 retroescavadeiras, o prefeito do Crato, Ronaldo Sampaio Gomes de Mattos, lançou nesta quarta-feira, após entrevista coletiva no Gabinete da Prefeitura, um Mutirão de Limpeza em parceria com a classe empresarial do Crato.

A grande preocupação da administração nesse momento, segundo o prefeito, é poder limpar a cidade. A própria população, conforme Ronaldo tem solicitado esse serviço, e depois de pouco mais de 20 dias à frente da administração, o gestor decidiu empreender um trabalho em forma de mutirão. Durante o lançamento da ação, o prefeito conclamou o povo do Crato a auxiliar nesse trabalho. Segundo ele, será desenvolvido um projeto educativo para a população, também destinado as crianças nas escolas, com atuação das Secretarias de Meio Ambiente e Educação. O projeto de limpeza emergencial da cidade foi encampado pela Coordenação da Limpeza Urbana e Conservação do Patrimônio.

De acordo com o prefeito, esse foi o ponta pé inicial para dar encaminhamento às obras da cidade, começando pela limpeza pública. Ele ainda destacou que o Centro de Zoonoses do Crato está realizando o trabalho de captura dos animais errantes. Somente no mercado público Walter Peixoto foram apreendidos cerca de 100 cães e gatos. Ronaldo ainda destacou que no espaço público está proibida a comercialização de bebida alcoólica.

O prefeito ainda esclareceu à imprensa regional, além de empresários, assessores e secretários, que em breve estará divulgando para a cidade, o relatório de todos os levantamentos realizados na prefeitura do Crato, de como se encontrava a situação da prefeitura, ao assumir a administração da cidade. “Desde o dia 2 de janeiro que estou me deparando com uma realidade que era desconhecida da população”, disse.

Limpeza do Canal
Semana passada foi iniciado o processo de limpeza do interior do Canal do Rio Grangeiro. Segundo o prefeito Ronaldo Sampaio, a população está dando uma resposta positiva, já que as muriçocas existentes na área, segundo ouviu dos próprios moradores, praticamente acabaram. A grande preocupação de Ronaldo é justamente com o início das chuvas. Ele afirma que é um momento de se ter cuidados redobrados, para que a população não venha sofrer em virtude da sujeira, além das doenças que podem se proliferar e insetos de toda natureza. A prioridade para este momento de retirada dos entulhos é justamente a limpeza dos terrenos baldios, para que o mosquito da dengue não se prolifere.

Caçambas, tratores e retroescavadeiras são encaminhadas para os bairros
No primeiro dia de trabalho foram encaminhados para os bairros as caçambas, tratores e retroescavadeiras. As primeiras áreas visitadas foram as localidades da Caixa D’água, Grangeiro, Sossego, Vila Alta, São Miguel, Pinto Madeira, Alto da Penha, Batateira, Muriti de Baixo e de Cima, Conjunto Padre Cícero, Zacarias Gonçalves, Lameiro e Novo Lameiro. Em cada uma dessas localidades foram encaminhadas duas máquinas e três caçambas.

O bairro Seminário recebeu o dobro desses equipamentos, para retirada dos entulhos. Os coordenadores de área permanecem com suas atividades nos bairros, fiscalizando e encaminhando o trabalho de limpeza. A população tomará conhecimento da atuação desses profissionais até por meio de telefones, para auxiliar no repasse das informações das áreas que necessitam de limpeza, que serão divulgados brevemente.

Fonte: Assessoria de Imprensa / PMC



Ciro Gomes faz duras críticas ao ex-presidente Lula

O ex-deputado Ciro Gomes (PSB) disparou, na manhã de ontem, duras críticas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Durante encontro com a Associação dos Jovens Empresários (AJE), Ciro disse que o petista “gosta muito do povo, desde que ele fique em cima mandando em todo mundo”. O irmão do governador Cid Gomes (PSB) ainda acusou Lula de “querer manipular” - em 2010 - a indicação da então ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, à presidência da República. “A minha ideia era que todos os partidos lançassem candidato no primeiro turno. Depois ele (Lula) quis manipular e pressionou todo mundo a apoiar ela (Dilma)”,.

Ciro Gomes classificou o processo de escolha dos candidatos à presidência como um “grande problema político do Brasil”, porque alguns políticos “fraudam o primeiro turno” para forçar uma polarização. Questionado sobre a eleição presidencial de 2014, o ex-deputado afirmou que enxerga como “natural” o apoio do PSB à reeleição de Dilma Rousseff. “Qual é a justificativa para nós, que apostamos na Dilma em 2010, quando deveríamos ter lançado candidatura própria pois ela era mera aposta, para lançar candidato agora, que nós vemos que ela quer fazer o governo que achamos correto?”, diz.

Sobre a equipe de governo de Dilma, o ex-parlamentar disse que o atual ministro da Educação, Aloísio Mercadante (PT), jamais ocuparia a pasta em uma gestão de Lula. “Ele é preterido indefinidamente porque é excessivamente educado e sério. Ele sabe ler...”, destacou Ciro, que foi ministro da Integração Nacional por três anos, no primeiro governo Lula.

Relógios Urbanos
Após o evento, ao ser questionado sobre o cachê da cantora Ivete Sangalo, Ciro disse apenas; “Não tem polêmica. O jornal O POVO adora essas coisas”. Mais tarde, sugeriu ao repórter que fizesse matéria sobre os novos relógios urbanos de Fortaleza, insinuando que o jornal teria interesses não-revelados neles.

O Grupo de Comunicação O POVO esclarece que é formado pelo Jornal, pela rádio o POVO /CBN e pela rádio O Globo/O POVO. Como o próprio jornal publicou no último dia 30 de dezembro, mantém uma parceria para fornecimento de conteúdo noticioso e permuta de anúncios com a empresa responsável pela manutenção destes equipamentos. A matéria pode ser lida AQUI.

Entenda a notícia
A relação entre Ciro Gomes e Lula “esfriou” nas últimas eleições. Em outubro passado, o petista participou de evento de Elmano de Freitas (PT) em Fortaleza, provocando críticas do peesebista, que apoiava Roberto Cláudio (PSB).

Carlos Mazza

Fonte: O Povo



Crato (CE): Pedreiro sacou o dinheiro do FGTS e foi morto no caminho de casa

Um homicídio foi registrado por volta das 14h30min desta quinta-feira na Rua Pedro Felício Cavalcante (Bairro Ossian Araripe) em Crato. O ajudante de pedreiro Flaviano da Silva Bezerra, de 34 anos, era mais conhecido como Sabão e residia na Rua Padre Ibiapina, 960 (Bairro Alto da Penha). Ele foi alvejado com três tiros de revólver, sendo dois no peito esquerdo tombando morto na calçada em frente ao número 2406 da rua em que trafegava na sua moto.

Segundo familiares, o mesmo tinha ido até a agência da Caixa Econômica Federal no centro de Crato sacar o dinheiro do seu FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) e retornava para sua residência. No caminho, dois homens se aproximaram de Sabão em outra motocicleta e um deles passou a efetuar os disparos. O veículo da vítima era uma Honda Fan de cor preta e placa HYS-8097 inscrição de Crato, e caiu por sobre uma canaleta.

A polícia descartou a tese de latrocínio já que o pedreiro estava com os R$ 840,00 do saque feito no bolso da calça e a motocicleta não foi levada. Provavelmente, a motivação do crime tenha sido um acerto de contas, pois a vítima respondia inquéritos por roubos e já tinham tentado matá-lo duas vezes. Uma viatura do Ronda do Quarteirão ainda diligenciou sem o êxito de encontrar a dupla assassina, enquanto o corpo foi trazido para ser necropsiado no IML (Instituto Médico Legal) de Juazeiro do Norte.

Veja o vídeo (Por Ricardo Sampaio):



Demontier Tenório

Foto: Chinês / Ag. Miséria

Fonte: Miséria



Seu filho é desobediente? A culpa é sua

Na luta por colocar limites em seus filhos, pais podem notar que algumas táticas estão longe de causar o efeito necessário. Na verdade, algumas atitudes chegam a acarretar o resultado contrário. Antes de culpar as crianças, os pais devem prestar atenção se estão dando bronca direito – e “direito” não significa com cara de bravo ou com ameaças assustadoras. Muito pelo contrário.

Ações como gritar excessivamente e bater são vetadas por psiquiatras, psicólogos e psicopedagogos. De acordo com Içami Tiba, autor de “Disciplina: Limite na Medida Certa” (Integrare Editora), as crianças aprendem com o que os pais fazem. Se eles batem na criança, “o filho aprende a linguagem da violência”. A psicopedagoga Larissa Fonseca afirma que tanto gritar quanto bater demonstram falta de controle pessoal dos pais, o que é bastante danoso para a criança. “Gritar é mostrar que a criança te afetou – e ela adora isso”, afirma Larissa.

Leila Tardivo, professora do Instituto de Psicologia da USP, explica que as crianças, como todas as pessoas, precisam de atenção. “Se os pais só olham para a criança quando ela faz algo de errado, ela continuará fazendo isso”, fala.

Na opinião de Dora Lorch, psicóloga e autora do livro “Superdicas para educar bem seu filho” (Editora Saraiva), educar é passar por certos desconfortos. Ou seja, dar bronca é chato e prometer um chocolate para a criança parar de chorar parece bem mais fácil. Só que os pais precisam estar preparados para se posicionar quando as desobediências acontecem.

Mas como se posicionar corretamente?

Consultamos especialistas que resumiram 9 frases que não devem ser ditas para a criança

1. “Não te amo mais”
“A criança é muito mais frágil que o adulto. Tudo que se fala ganha uma dimensão maior”, comenta Dora Lorch. Portanto, ouvir uma frase destas da boca dos pais pode causar estragos. Larissa Fonseca explica que esta falta de aceitação pode ser muito forte. “A criança não consegue entender a complexidade do mundo, e alguns adultos não têm consciência disso”, diz Larissa.

2. “Você é feio”
Xingamentos e palavras feias podem afetar a formação da autoimagem, explica Leila Tardivo. Repetidos excessivamente, também podem ser considerados violentos. Larissa Fonseca aponta que existe uma diferença sutil, mas essencial entre “você é feio” e “o que você acabou de fazer foi muito feio”, que desloca o adjetivo negativo para a ação e não para a criança.

3. “Vou te matar”
“O que traz a educação é a firmeza, e não a agressividade”, diz Içami Tiba. Ameaças do tipo servem apenas para criar medo nas crianças, o que, segundo o psiquiatra, não leva a lugar algum. “O medo não educa, só traumatiza”, diz Içami. A longo prazo, a intimidação tampouco é efetiva e esvazia o discurso dos pais, já que eles obviamente não vão cumprir o que prometeram. “Primeiro, as crianças sentem um desamor muito grande. Depois, quando descobrem que as ameaças não funcionam, não levam mais os pais a sério”, afirma Dora Lorch.

4. “Nunca mais te trago aqui”
Como a noção temporal das crianças é diferente, as punições precisam ser imediatas. Este tipo de ameaça também não faz efeito por ser mentirosa. “As crianças sentem que estão sendo enganadas. E isso não faz bem para elas”, diz Larissa. Dora Lorch aponta que ameaças do tipo, assim como “você nunca mais vai ver televisão” ou “nunca mais vou falar com você”, passam uma ideia ambígua para criança, o que prejudica a sua formação moral.

5. “Você puxou o seu pai” ou “Você é igualzinho a sua mãe”
Quando os pais estão separados e há algum conflito entre ambos, não é nada saudável usar este tipo de frase. Segundo Leila Tardivo, as crianças entendem que elas são parecidas com a parte rejeitada – e se sentem dessa forma.

6. “Se ficar bonzinho, dou um chocolate para você”
Comportar-se bem, arrumar o quarto, guardar os brinquedos ou fazer a lição de casa são responsabilidades dos filhos, por isso eles não precisam ganhar nada em troca quando fazem isso. Quando os pais fazem estes acordos de maneira repetida, os filhos podem achar que não se tratam de deveres. “A criança precisa aprender a fazer as coisas por responsabilidade, e não porque vai ganhar algo”, diz Larissa.

7. “Para com isso, todo mundo está olhando!”
Esta frase é mais fruto do embaraço dos pais que um tipo de bronca para os filhos. Segundo Içami Tiba, ela também passa a mensagem da “campanha da boa imagem”, quando a criança só tem que parecer educada para os outros. “O que os pais estão falando é um problema deles. As crianças não ligam para o que os outros estão vendo”, explica.

8. “Fica quieto!”
No geral, as crianças tendem a atender ordens mais específicas. Quando escutam frases como esta, elas se confundem. “Ela não sabe se é para parar de falar, de pular ou de fazer o que está fazendo”, diz Dora Lorch. Os pais devem apontar exatamente o que eles gostariam que a criança fizesse.

9. “Limpe já seu quarto, senão você vai ficar de castigo”
“Quando um adulto coloca um ‘senão’ do lado de suas ordens, isso quer dizer que ele não acredita muito nelas”, diz Dora Lorch. Isso demonstra que os próprios pais já estão negociando, o que faz com que as crianças não respeitem as ordens dadas. Os “senões” só podem aparecer quando a criança questionar muito. “Firmeza é dizer que não pode, e não poder mesmo”, resume Içami.

Fonte: Acidez Mental



Crato (CE): Túmulo é violado no cemitério e crânio desaparece

Dois túmulos do cemitério Nossa Senhora da Piedade, no município do Crato foram violados na madrugada de hoje, 24. O crime foi descoberto no início da manhã, quando funcionários faziam a limpeza do campo-santo. O mausoléu da família Mendonça foi quebrado e de lá, o (s) criminoso (s) levaram o crânio e o fêmur de Valdir Bastos Leal, sepultado no dia 22 de Julho de 2007.

Durante a tentativa de um segundo furto, o (s) delinquente (s) violou (aram), também, o jazigo da família Oliveira Cavalcante, porém não levaram nenhum resto mortal. O coveiro ligou para a administradora do cemitério, Tereza Portela, que acionou a polícia militar. Durante inspeção, o Sargento Paulo interrogou algumas testemunhas e solicitou a presença do perito forense, Antônio Pequeno para a tentativa de levantar algumas pistas que possam levar ao (s) autor (es) do crime.

Existem dez cemitérios no município do Crato, sendo um na sede e os demais nas áreas rurais e em distritos, todos eles administrados por Tereza, que durante entrevista concedida ao Site Miséria, informou que há cerca de quatro anos uma ocorrência da mesma natureza foi registrado por ela, entretanto, na ocasião não houve a consumação do furto.

Ainda de acordo com Tereza, a falta de segurança da necrópole já era uma preocupação antiga. “Já havia enviado um ofício ao gestor público do Crato, Ronaldo Matos, solicitando a presença de cinco guardas municipais em cada turno, totalizando 15 vigias. Já tivemos muitas depredações aos túmulos, atos de vandalismo, mas este foi um caso gravíssimo, inclusive, já registrei um boletim de ocorrência”, explicou.

André Costa

Foto: Chinês / Ag. Miséria

Fonte: Miséria



Icó (CE): Hospital suspende atendimento por falta de recursos

O hospital e maternidade particular Sociedade Beneficente Nossa Senhora de Lourdes, um dos mais antigos do município de Icó, localizado a 358Km de Fortaleza, fechou as portas ontem, após mais de quatro décadas de atividades.

Quem foi à procura de atendimento logo cedo pela manhã foi surpreendido por uma faixa na entrada do Hospital do Dr. Quilon, como é mais conhecido o equipamento de saúde. "Sem condições de funcionar! Após 42 anos servindo ao povo icoense, este hospital fecha suas portas. Pacientes, procurem o Hospital Regional", dizia a faixa no alto da fachada.

De acordo com ofício encaminhado pela atual diretora do Nossa Senhora de Lourdes, Maria de Lourdes Maciel de Melo Peixoto, à Secretaria de Saúde de Icó, o motivo do fechamento é o atraso no repasse dos recursos públicos por prestação de serviços referentes aos meses de novembro e dezembro do ano passado.

O documento faz referência a repasses do Sistema Único de Saúde (SUS) como o da Autorização de Internação Hospitalar (AIH).

Fornecedores
Segundo a direção do hospital, esses repasses representam 95% do dinheiro utilizado para pagar compromisso com fornecedores e funcionários. Ainda conforme o ofício, os médicos, que contavam com os seus pagamentos com recursos municipais para os plantões, não foram remunerados pelos meses de novembro e dezembro do ano passado, sendo impraticável organizar uma escala para atendimento dos mesmos.

Com o atraso, também estão vencidos encargos e impostos diversos. A consequência foi a paralisação da prestação de serviço e atendimento.

Plantão médico
Outro fator determinante é que a unidade contava com a parceria da administração municipal até 31 de dezembro do ano de 2012,e, por conta disto, o município arcava com os plantões médicos na área de obstetrícia.

Só que, desde primeiro de janeiro de 2013, o hospital deixou de contar com tal suporte, e até agora, segundo a direção, não foi mantido qualquer contato com a nova administração municipal sobre o assunto, representando incerteza na continuidade da parceria.

A titular da Secretaria de Saúde de Icó, Lúcia Barreto, informou que existe a intenção de renovar o convênio, porém o órgão cobra o detalhamento de como estavam sendo gastos os R$ 95 mil repassados mensalmente para o Nossa Senhora de Lourdes. "A gente precisa que o hospital apresente os requisitos, escala de plantão, e os demais detalhes. O pagamento de dezembro e a renovação do contrato estão atrelados a essa prestação de contas", contou, acrescentando que o mês de novembro é de responsabilidade da gestão anterior. "O vice-prefeito passado era diretor desse hospital", comentou Lúcia.

Internamento
A secretária não soube informar a quantidade de pessoas que estavam internadas no Nossa Senhora de Lourdes, e qual o destino delas. "A gente ainda não tem essas informações. Estamos, nesse momento, trabalhando para adequar o Hospital Regional para receber a população que está sendo prejudicada", explicou, acrescentando que o convênio que a Prefeitura tinha com o Hospital do Dr. Quilon era direcionado na área de obstetrícia.

"Paralelamente à resolução rápida deste problema, estamos organizando melhor o serviço de atenção básica, com alocação de médicos", disse.

O Hospital Regional de Icó, que atende clínica geral, traumatologia e cirurgia, informou que está providenciando a estrutura também para passar a atender às gestantes e realizar partos.

"e uma forma responsável, com muita tranquilidade, estamos apoiando as gestantes que aqui estão chegando, e providenciando os equipamentos e recursos humanos para atender a essa demanda", ratificou a diretora do Hospital Regional, Geania Landim. Segundo ela, por enquanto, o aumento no atendimento foi pequeno, de apenas quatro mulheres grávidas.

Contudo, mesmo assim, o hospital está sendo adaptado para mais esse tipo de demanda. "Esse serviço não era feito por nós. Era encaminhado para o Nossa Senhora de Lourdes. Já abrimos a contratação de mais médicos. Na equipe, já temos dois obstetras, anestesistas, enfermeiros e técnicos de enfermagem qualificados. Com certeza, deveremos estar acolhendo essas pessoas sem nenhum agravo para gestante nem para o bebê. É nosso compromisso", contou a diretora.

O Hospital Regional de Icó atende 169 mil habitantes de sete municípios. Desempenha papel relevante na saúde pública de toda a região.

ILO SANTIAGO
REPÓRTER 

Fonte: Diário do Nordeste



Plantão Infotech: Orkut completa nove anos de vida hoje

O primeiro grande sucesso social da internet no Brasil completou hoje seus nove anos de existência. O Orkut foi uma verdadeira febre e, pouco tempo depois de seu lançamento em 2004, já contava com milhões e milhões de usuários no país. Em seus primeiros anos, era preciso ser convidado para fazer parte do “grupo seleto”, o que deixava os novatos muito empolgados com o serviço.

Muita gente atribui o sucesso inicial do Orkut no Brasil ao seu rápido interesse nos usuários daqui. Em pouco tempo, a rede social já tinha sua versão em nosso idioma, enquanto o Facebook adotou a prática muito tempo depois.

O fato é que, só em nosso país, o Orkut já teve mais de 30 milhões de visitantes. Hoje, o total mundial não passa dos 33 milhões. No fim das contas, as operações da rede do Google foram transferidas dos EUA para o Brasil e ainda hoje funciona na filial da empresa por aqui.

Pensando no aniversário do Orkut, e consequentemente nas “velinhas de aniversário” que a rede social manda aos usuários quando eles completavam um ano de participação, você pode estar imaginando: “O Orkut ainda existe?”. Tanto existe como deve se manter rentável. Não tanto quanto o novo sucesso chamado Facebook, mas rentável. Do contrário, o Google já teria desistido de manter o serviço.

No fim das contas, ver o Orkut fazer nove anos e já ser considerado “velho” faz imaginar quanto tempo o Facebook ainda tem para também ser largado de lado.

Fonte: Tecmundo



Editorial: Conflito de interesses e ameaças de morte no Cariri

A denúncia feita pelo bispo da Diocese de Crato, dom Fernando Panico, de que estaria sendo ameaçado de morte, juntamente com seu advogado, Hiarles Macedo, em decorrência de uma disputa jurídica em torno da posse de um terreno, repercute não apenas no meio católico, mas na sociedade cearense por inteiro, chegando a alcançar o noticiário nacional.

O terreno em vista está situado próximo à divisa dos municípios de Juazeiro do Norte e Crato, no Cariri cearense. A Diocese alega que foi vendida apenas uma parte do terreno e tenta reaver a área onde teria sido construído, indevidamente, um conjunto de casas. Os responsáveis pela construção retrucam que obtiveram o terreno por completo.

Independentemente de quem tenha razão no caso, o fato é que é constrangedor, em pleno século XXI, o nome do Ceará estar associado a esse tipo de denúncia, passando a imagem de um lugar primitivo, onde a força do direito possa ainda ser atropelada pelo direito da força.

O denunciante, não só pela importância do cargo ocupado, mas pela credibilidade pessoal, é merecedor do maior respeito por parte da sociedade local, sendo membro hierárquico de uma instituição religiosa de grande prestígio nacional e mundial – a Igreja Católica. Suas palavras têm um peso respeitável. São merecedoras, portanto, de uma atenção cuidadosa por parte das autoridades públicas em suas diversas instâncias de responsabilidade.

Tratamento semelhante deve receber qualquer cidadão ameaçado, mas, no caso específico de uma figura destaque na vida comunitária, a forma como o caso for tratado será exemplar como fator dissuasório a outros atentados. Ou o inverso: a omissão, ou falta de empenho das autoridades, levará ao desprestígio as instituições do Estado e será uma senha para quem tiver más intenções semelhantes.

Ninguém ignora que no Ceará a persistência de traços da antiga “cultura do trabuco” na resolução de conflitos de interesses é ainda uma realidade. Volta e meia, notícias sobre crimes de pistolagem ganham o noticiário local, expondo os resquícios de um tempo que se imaginava restrito apenas aos registros históricos. No caso presente, é preciso agir com rapidez e eficácia para fazer valer a ordem jurídica do Estado Democrático de Direito.

Editorial do jornal O Povo
Edição de 24/01/2013



Os 10 países onde a gasolina é mais cara e mais barata

A consultoria Air Inc avaliou o preço do galão da gasolina em 35 países de todo o mundo. Abaixo os preços foram convertidos da pesquisa original de dólares americanos por galão (3,78 litros) para reais por litro. Confira onde é mais caro e barato abastecer:


Lista completa neste link 
Fonte: AIR INC 




Vaticano é dono oculto de imóveis caros em Londres

Poucos turistas em visita a Londres imaginariam que as instalações da refinada joalheria Bulgari em New Bond Street têm qualquer conexão com o papa. O mesmo vale para a sede do próspero banco de investimento Altium Capital, na esquina de St. James' Square e Pall Mall.

Mas esses edifícios de escritórios em um dos bairros mais caros de Londres são parte de um surpreendente império secreto de imóveis comerciais do Vaticano.

Por trás de uma estrutura disfarçada por companhias de paraísos fiscais, a carteira internacional de imóveis da igreja foi expandida ao longo dos anos, com o uso de dinheiro pago originalmente por Mussolini em troca do reconhecimento do regime fascista pelo papa, em 1929.

Desde então, o valor internacional desse patrimônio criado com a ajuda de Mussolini vem crescendo até atingir os 500 milhões de libras.

Em 2006, no auge da mais recente bolha imobiliária, o Vaticano investiu 15 milhões de libras desse dinheiro para adquirir o imóvel do nº 30, St. James' Square. Outros imóveis britânicos controlados pela igreja ficam em 168 New Bond Street e na cidade de Coventry. O Vaticano também controla edifícios de apartamentos em Paris e na Suíça.

O aspecto surpreendente da história, para alguns, será o esforço do Vaticano para preservar o sigilo sobre os milhões de Mussolini. O edifício da St. James' Square foi adquirido por uma empresa chamada British Grolux Investment, que detém outros imóveis no Reino Unido.

O registro de empresas britânico não revela os verdadeiros proprietários da empresa e não menciona o Vaticano.

Menciona dois acionistas nominais, ambos proeminentes executivos bancários católicos: John Varley, que até recentemente presidia o Barclays Bank, e Robin Herbert, ex-executivo do banco de investimento Leopold Joseph.

O "Guardian" enviou cartas a ambos perguntando a quem eles representavam, mas não recebeu respostas. A lei britânica permite que os verdadeiros proprietários de uma empresa sejam protegidos por sócios nominais.

Banqueiro
Os investimentos com o dinheiro de Mussolini no Reino Unido são controlados hoje, em companhia de outras propriedades europeias e de uma subsidiária de câmbio, por um funcionário do Vaticano em Roma, Paolo Mennini, que opera como banqueiro de investimento do papa.

Mennini comanda uma divisão especial do Vaticano, a divisão extraordinária da Amministrazione del Patrimonio della Sede Apostolica, que administra o chamado "patrimônio da Santa Sé".

De acordo com um relatório do Conselho da Europa no ano passado, que investigou os controles financeiros do Vaticano, os ativos controlados pela divisão de Mennini superam € 680 milhões.

Embora o sigilo quanto à origem fascista da riqueza papal pudesse ser compreensível durante a guerra, o que fica menos claro é o motivo para que o Vaticano tenha continuado a guardar segredo sobre suas propriedades em Londres mesmo depois que sua estrutura financeira foi reorganizada, em 1999.

O "Guardian" perguntou ao representante do Vaticano em Londres, o núncio apostólico Antonio Mennini, por que o papado continuava a manter tanto segredo sobre seus investimentos imobiliários na cidade. Também perguntou em que o papa gastava a receita gerada por eles.

Confirmando sua tradição de silêncio sobre o tema, um porta-voz da Igreja Católica afirmou que o núncio nada tinha a declarar.

Fonte: Folha.com



Procurador quer que Estado devolva cachê de R$ 650 mil pago à Ivete Sangalo

O procurador-geral do Ministério Público de Contas, Gleydson Alexandre, informou que entrará com um recurso no Tribunal de Contas do Ceará pedindo que o Estado devolva o cachê de R$ 650 mil pago à Ivete Sangalo pela inauguração de um hospital, na cidade de Sobral. O show aconteceu na última sexta-feira (18).

O MPC questiona que o valor é alto e foram feitos apenas dois orçamentos, sendo que são exigidos três. Um deles ainda seria referente a um show da cantora no Réveillon de 2011, quando a prefeitura de Fortaleza pagou R$ 840 mil. O MPC afirmou que o show de Ano-Novo não deveria servir como parâmetro de preço, já que eles estão elevados nesta época do ano.

O órgão chegou a pedir para o Tribunal de Contas do Estado suspender o pagamento do cachê, mas a decisão não saiu a tempo e o show foi realizado.

O governador se pronunciou sobre o caso e disse que o poder público tem o dever de proporcionar saúde, educação, mas também lazer, diversão e alegria para as pessoas. Ele disse ainda que vai continuar promovendo shows assim ‘doam a quem doer’.

O TCE volta a funcionar no dia 5 de fevereiro. Os funcionários ainda estão em recesso.

Fonte: R7



MEC divulga os aprovados para as bolsas de estudo do Prouni

O Ministério da Educação disponibilizou na manhã desta quinta-feira (24) o sistema de consulta dos candidatos pré-selecionados no Programa Universidade para Todos (ProUni). Acesse o sistema do Prouni.

Para saber se obteve uma das 162.329 bolsas de estudos em instituições particulares de ensino superior, o estudante deve inserir o número de inscrição e a senha do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) e digitar os caracteres que aparecem na tela.

O prazo para matrícula na instituição de ensino e apresentação dos documentos nas instituições de ensino vai até o dia 31. Estes documentos devem comprovar as informações prestadas na ficha de inscrição, entre eles os comprovantes de rendimentos. Para concorrer à bolsa integral (100% do valor da mensalidade), o candidato deve comprovar renda familiar por pessoa até um salário mínimo e meio (R$ 1.017). Para as bolsas parciais (50% do valor da mensalidade), a renda familiar deve ser até três salários mínimos (R$ 2.034) por pessoa. Veja a lista de documentos necessários

Ao receber a documentação entregue pelo candidato, a instituição deve, obrigatoriamente, entregar o Protocolo de Recebimento de Documentação do Prouni. Contudo, o candidato deve ficar atento, pois esse procedimento não afasta eventual exigência de entrega de documentos adicionais caso seja julgado necessário pelo coordenador do Prouni na instituição.

No dia 8 de fevereiro será feita a segunda chamada de pré-selecionados, com prazo para matrícula e comprovação de informações até o dia 19.

Ao fim das duas chamadas, os candidatos não pré-selecionados, ou aqueles que foram pré-selecionados em cursos sem formação de turma, podem manifestar interesse em fazer parte da lista de espera, que será usada pelas instituições participantes do programa para a ocupação das bolsas eventualmente ainda não ocupadas.

O período para manifestação de interesse na lista irá de 24 a 25 de fevereiro. Ao fim desse prazo, serão feitas duas convocações dos integrantes. A primeira, em 28 de fevereiro, com prazo para comprovação de documentos e matrícula até 5 de março. A segunda, em 8 de março, com prazo até o dia 13 de março.

1,03 milhão de inscritos
O Prouni registrou 1.032.873 inscritos, segundo o Ministério da Educação. O prazo de inscrições terminou às 23h59 de segunda-feira. Como cada candidato teve a oportunidade fazer até duas opções curso, o total de inscrições foi de 2.011.538.

O programa oferece bolsas de estudo de 50% ou 100% em instituições particulares de ensino superior para estudantes de baixa renda. São oferecidas 162.329 bolsas distribuídas em 12.159 cursos de 1.078 instituições de todo o país. O total de bolsas integrais é de 108.686; o de parciais (50% do valor da mensalidade), 53.643.

São Paulo foi o estado com o maior número de inscritos, segundo o MEC: 187.489. Em seguida estão Minas Gerais (141.839), Rio de Janeiro (75.935), Bahia (71.651) e Rio Grande do Sul (70.855).

O estado de São Paulo é também a unidade da federação que oferece mais bolsas, as instituições paulistas oferecem 56.289 bolsas, sendo 33.824 integrais e 22.465 parciais (50% da mensalidade). Além de São Paulo, Minas Gerais, com 17.923 bolsas, e Paraná, com 12.671, são os estados com maior oferta.

O programa é uma alternativa para estudantes de baixa renda que não conseguiram ser aprovados para as vagas em instituições federais de ensino superior pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) estudarem em uma faculdade particular com bolsa de estudos paga pelo governo.

Para pleitear a bolsa, o aluno precisava ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012 e ter obtido nota mínima de 450 pontos. Precisa ainda ter tirado nota na redação que não tenha sido zero.

De acordo com o edital do Prouni, o estudante pré-selecionado deverá comparecer à respectiva instituição de ensino superior para aferição das informações prestadas em sua ficha de inscrição e eventual participação em processo seletivo próprio da instituição, quando for o caso, nas seguintes datas:

Primeira chamada: 24 a 31 de janeiro

Segunda chamada: 8 a 19 de fevereiro

Nota mínima no Enem
A principal novidade é a mudança da nota mínima exigida no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Agora, os candidatos devem ter atingido a média geral de 450 pontos no Enem de 2012 para concorrer às bolsas do Prouni. No ano passado, a exigência era de 400 pontos. Participantes que tiraram nota zero na redação também não puderam participar.

As bolsas são divididas em duas modalidades: integrais e parciais. A integral custeia todo o valor da mensalidade e é destinada a candidatos que tenham renda familiar per capita de até 1,5 salário mínimo. Já a parcial custeia 50% da mensalidade e é oferecida a quem possui renda familiar per capita de até três salários mínimos.

No ato da inscrição, os estudantes podiam optar por até duas opções de curso de institutições de ensino superior conveniadas em todo o país. Os candidatos que obtiveram as maiores notas no Enem ficam com a vaga escolhida na primeira opção. Quem não tiver nota suficiente para o primeiro curso, passa a concorrer ao curso escolhido como segunda opção.

Podem participar do programa estudantes que fizeram o ensino médio integralmente em escola pública ou que tenham obtido bolsa integral em instituições particulares. Os candidatos também não podem ter diploma de ensino superior nem estar cursando uma faculdade pública pública. Neste caso, se o candidato for aprovado no Prouni, vai ter que optar por uma das duas instituições.

Pessoas com deficiência e professores da rede pública de ensino também podem participar. Os professores só podem se inscrever para cursos de licenciatura para formação na educação básica. O site do Prouni traz um "tira-dúvidas" sobre o programa.

Fonte: G1



Addthis