Vila da Música e Solibel promovem I Trilha Musical em memória ao aniversário de morte do Padre Ágio

A Vila da Música Monsenhor Ágio Augusto Moreira em parceria com a Sociedade Lírica do Belmonte (Solibel), irá realizar, no dia 12 de junho, a I Trilha Musical Monsenhor Ágio, uma programação em memória ao aniversário de 4 anos de morte do Padre Ágio, que faleceu em 12 de junho de 2019.

A realização desta atividade parte do entendimento da Vila da Música sobre a importância e significado desse momento para a comunidade. A programação foi pensada a partir dos hábitos do Padre Ágio, e envolvem trilha na Floresta Nacional do Araripe e café da manhã musical, com apresentação do Duo Oigá, da Vila da Música, e dos músicos da Associação dos Condutores de Visitantes e Amigos da Floresta Nacional do Araripe (ACAFA).

Confira a programação:

6h – terço na Capela do Belmonte
7h – café da manhã musical (Casa do Guarda – Flona Araripe)
8h – trilha dos 3 tornos (trilha leve)
• Contação de história

Após o terço, haverá transporte gratuito saindo da Capela do Belmonte para a Casa do Guarda. Ao final das atividades o transporte retornará até a Capela.



Para participar, é necessário se inscrever gratuitamente por meio deste link.

Sobre o Padre Ágio
O Padre Ágio faleceu em 2019 aos 101 anos de idade, dos quais 50 anos foram dedicados à educação musical com a população camponesa do distrito de Belmonte, em Crato, lugar onde viveu até o fim dos seus dias. O religioso desenvolveu no Belmonte um trabalho social inclusivo, que tem como legado o amor pela música, consciência de coletividade e empatia social.

Serviço:

I Trilha Musical Monsenhor Ágio
Data: 12 de junho de 2023
Horário: a partir das 6h
Local: Capela do Belmonte / Floresta Nacional do Araripe
Inscrições gratuitas: clique aqui

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter
 

Pavimentação da CE-153 entre Porteiras e Missão Velha vai diminuir o trajeto entre as cidades

As obras de pavimentação da CE-153, no trecho entre a CE-397, no município de Porteiras, e a CE-496, no distrito de Jamacaru, em Missão Velha, avançam para a reta final, com mais de 65% de execução. Quando concluída, a rodovia vai funcionar como mais uma alternativa de acesso entre a CE-397 e CE-293, diminuindo o trajeto entre as cidades em 16 km.

Em Porteiras, a área onde a rodovia está sendo pavimentada era considerada “fim de linha” por não possuir uma rota direta de acesso. Antes, a única maneira de entrar e sair da cidade era utilizando a CE-397, ligada à BR-116, próximo a Brejo Santo.

Com 25km de extensão, estão sendo realizados serviços de terraplanagem, sub-base e base, instalação de bueiros e revestimento (TSD). A obra faz parte do programa Ceará de Ponta a Ponta e conta com investimentos de R$ 19 milhões do Tesouro Estadual.

Além de funcionar como um trajeto direto entre os municípios, o novo trecho também garante a Porteiras mais facilidade no acesso à Região Metropolitana do Cariri, com redução do tempo de deslocamento, que contribui para o desenvolvimento econômico e social da região.

Outros investimentos no Cariri
Outro trecho importante da CE-153 que está para ser entregue é o segmento de 19 quilômetros que fica entre o município de Aurora e o distrito de Ingazeiras. A rodovia, que antes era de leito natural, vai beneficiar os distritos de Ingazeiras e Espinheiro, que ganham uma estrada pavimentada e segura para chegar à sede do município, facilitando o acesso aos serviços de saúde, educação e lazer.

No início deste mês, o governador Elmano de Freitas entregou também outra estrada importante para a região. O trecho de 32 km da CE-390, que conecta a CE-060, em Jardim, e a BR-116, em Penaforte. As obras fazem parte de um conjunto de investimentos em infraestrutura rodoviária que tem o objetivo de garantir mais opções de acesso aos centros urbanos e de colaborar para o desenvolvimento socioeconômico do Cariri.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Nova Olinda recebe seminário sobre a Chapada do Araripe; evento tem início nesta quinta-feira (8)

A Chapada do Araripe, primeira Paisagem Cultural do Ceará aprovada pelo Conselho Estadual de Preservação do Patrimônio Cultural do Ceará (Coepa), segue com a campanha para se tornar um patrimônio da humanidade, título concedido pela Unesco. Para aprofundar o debate e fortalecer a candidatura também junto ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), o Governo do Ceará, junto à Fundação Casa Grande, realizam em Nova Olinda a 3ª edição do Seminário Chapada do Araripe – Patrimônio Dá Humanidade, de 8 a 10 de junho. A entrada é franca e as inscrições podem ser feitas pelo site

Para promover o diálogo e o intercâmbio de conhecimentos para fortalecer as ações de conservação e o desenvolvimento sustentável da região da Chapada do Araripe, o seminário reunirá especialistas, pesquisadores, gestores públicos, lideranças políticas, universidades, acadêmicos e entusiastas nacionais e internacionais. 

“O Seminário faz parte do processo de defesa e articulação do Governo do Estado, da Fecomércio, da Urca e da Fundação Casa para que a Chapada do Araripe entre na lista indicativa do Brasil para a Unesco e que seja uma das candidatas à titulação de patrimônio da humanidade. Desde 2019, uma rede de instituições públicas e privadas têm trabalhado na elaboração de um dossiê que embase e justifique essa solicitação. Essa documentação já foi enviada ao Iphan com o pedido oficial do governador Elmano de Freitas e agora o Seminário rearticula essas instituições para garantir e mobilizar as pessoas para a compreensão e defesa dessa titulação para a Chapada do Araripe. Não resta dúvida que a Chapada do Araripe pode ser considerada patrimônio da humanidade, por suas características históricas, culturais, naturais e arqueológicas”, destaca a secretária da Cultura do Ceará, Luisa Cela.

Atualmente, são, ao todo, 22 patrimônios brasileiros listados pela Unesco, reconhecidos como patrimônio da humanidade. Alguns bem conhecidos, como o centro histórico de Salvador, a cidade de Ouro Preto e o Pantanal. 

Destaques da programação
A programação do Seminário contará com roda de conversas, debates e apresentações culturais.  Entre os destaques, na quinta-feira, dia 08, acontecerá o painel “Arqueologia Social Inclusiva como princípio do Patrimônio Dá Humanidade”, sob o comando do gestor Cultural criador da Fundação Casa Grande e gerente do Sesc, Alemberg Quindins e da coordenadora do Centro de Estudos em Arqueologia, Artes e Ciência do Patrimônio da Universidade de Coimbra, Portugal; e Consultora Científica do Dossiê de Candidatura da Chapada do Araripe Patrimônio Dá Humanidade, Conceição Lopes.

Na sexta-feira, dia 09, uma das palestras será sobre “As primeiras ocupações humanas americanas no nordeste brasileiro”, com a professora da Universidade Federal do Piauí (UFPI), Conceição Lage; e uma roda de conversas sobre a “Rede de Turismo Responsável na Chapada do Araripe”, com o presidente do Consórcio Intermunicipal do Sertão do Araripe, Pernambuco, Raimundo Saraiva.

No último dia do seminário, sábado, dia 10, haverá a formalização do início do processo de elaboração da candidatura, que contará com a presença da governadora de Pernambuco, Raquel Lyra; do secretário de Formação Artística, Livro e Leitura do Ministério da Cultura, Fabiano Piúba; do presidente do Iphan, Leandro Grass; do presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Fernanda Castro; da secretária de Cultura do Governo do Estado do Ceará, Luísa Cela e do presidente do Consórcio Intermunicipal do Sertão do Araripe, Raimundo Saraiva.

Serviço: 

Seminário Chapada do Araripe – Patrimônio Dá Humanidade
Data: 08 a 10 de junho
Local: Fundação Casa Grande – Avenida Jeremias Pereira Nº: 444, Centro, Nova Olinda-CE

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Turismo no Ceará tem crescimento de 15,2% no primeiro trimestre de 2023

O turismo cearense cresceu, no primeiro trimestre de 2023, 15,2%, mesmo diante de uma base elevada verificada em igual período de 2022, quando apresentou índice de 47,7%. Aliás, o desempenho turístico do Ceará, nos três primeiros meses deste ano, superou a atividade turística nacional, que registrou alta de 11% no mesmo período. O setor na Bahia foi ligeiramente maior que Ceará no mesmo período – praticamente empatados -, pois atingiu 15,6%, enquanto Pernambuco cresceu apenas 3,5%. A boa notícia está no Enfoque Econômico (Nº 254) – Desempenho do Índice de Atividades Turísticas do Ceará no Primeiro Trimestre de 2023, trabalho publicado pela Diretoria de Estudos Econômicos (Diec) do Instituto Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece).

O analista de Políticas Públicas do Ipece, Daniel Suliano, autor do estudo, observa que o Índice de Atividades Turísticas do Ceará (Iatur) é um indicador construído a partir da Pesquisa Mensal dos Serviços (PMS) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e que a PMS é mensurada com base nos serviços empresariais não-financeiros mediante o uso da receita bruta de serviços de empresas formalmente constituídas. Ele explica que a atividade turística cearense segue a mesma tendência da atividade nacional na série histórica trimestral a partir de 2019 até 2023. Além disso, pode ser observado que, em 2019, e, portanto, antes da pandemia, o setor turístico cearense crescia acima do setor nacional, não obstante apresentasse sinais de arrefecimento.

Daniel Suliano chama a atenção para o fato de que, no Brasil, foi decretado estado pandêmico na segunda quinzena de março de 2020, portanto no final do primeiro trimestre do referente ano. “Ao observar de forma retroativa, as evidências revelaram que os dados não haviam captado ainda queda das atividades econômicas e, possivelmente, também, no setor de turismo. É possível que esse recuo de 9,3% na Iatur cearense e de 6,3% no Brasil, verificado no primeiro trimestre de 2020, não seja reflexo das medidas de isolamento social adotadas no período”, analisa.

No segundo trimestre de 2020, frisa o analista de políticas, são claros os efeitos da crise sanitária diante das medidas de isolamento social e fechamento de atividades econômicas não essenciais, quando o setor cearense recuou 72,3%. “É importante destacar que o segmento seguiu apresentando taxas negativas, embora a taxas decrescentes ao longo de 2020 seguindo uma recuperação em V”.

No primeiro trimestre de 2021, o setor continuava operando em terreno negativo, possivelmente em decorrência dos efeitos da segunda onda. Nesse período outras medidas de isolamento social foram novamente implantadas, atingindo diretamente um setor que funciona mediante demanda presencial – ressalta, acrescentando que, no segundo trimestre de 2021, o setor apresentava alta expressiva – no Ceará o crescimento é de quase 100% com o desempenho continuando positivo nos trimestres subsequentes de 2021, mas desacelerando. A partir do segundo trimestre de 2022, o turismo cearense ainda registrava desempenho positivo, mas também a taxas decrescentes, mas no primeiro trimestre de 2023 o setor voltou a crescer.

Para concluir, Daniel Suliano afirma que o turismo cearense foi mais impactado ao longo pela crise sanitária (Covid -19) em 2020 e 2021, mas que, a partir de julho de 2022, o índice de atividade turística cearense segue operando acima do nacional bem como acima do período pandêmico (fevereiro de 2020). “Em janeiro de 2023, o turismo cearense estava 38% acima de fevereiro de 2020 tendo, por sua vez, em fevereiro de 2023 ficado abaixo 5% para então ficar no mesmo patamar em março utilizando essa mesma base de comparação. Já o Brasil opera 12% em março de 2023, quando comparado a fevereiro de 2020”.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

“Operação Corpus Christi 2023” do BPRE tem início nesta quarta-feira (7)

A Polícia Militar do Ceará (PMCE), por meio do Batalhão de Polícia de Trânsito Urbano e Rodoviário Estadual (BPRE), inicia, nesta quarta-feira (7), a “Operação Corpus Christi 2023” em todas as vias estaduais. A ação segue até o dia 11 de junho, com foco na segurança dos usuários das estradas e melhor fluidez do trânsito.

A ação preventiva e ostensiva contará com 256 policiais militares, 44 viaturas, 36 motocicletas, 16 guinchos, 28 postos de fiscalização fixos e 11 postos de fiscalização avançados. Ainda, junto a PMCE, participarão do momento o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) de Fortaleza e Departamentos Municipais de Trânsito.

“O objetivo da Operação é realizar a fiscalização do trânsito e o policiamento ostensivo nas rodovias estaduais de todo o estado, visando a diminuição de acidentes, bem como a ostensividade e prevenção de diversos tipos de crimes, tratando ainda a fluidez no trânsito com as operações de saída e de retorno nas rodovias estaduais. Uma atenção maior será dada a trechos mapeados com maiores índices de acidentes e de ações criminosas”, explica o comandante do BPRE, tenente-coronel Nazareno.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Servidores e beneficiários estaduais tem até o final de junho para realizarem a prova de vida

Os servidores e beneficiários estaduais do Ceará têm até o dia 30 de junho para realizar o cadastro e prova de vida por meio do aplicativo Cearaprev On-line, idealizado pela Fundação de Previdência Social do Estado do Ceará (Cearaprev). Após o fim do prazo, aqueles que não estiverem com suas informações cadastrais atualizadas terão seus pagamentos bloqueados.

Até o momento, mais de 92 mil servidores, segurados e pensionistas, concluíram sua prova de vida, ficando livres do risco de terem seus proventos bloqueados. Porém, essa não é a realidade dos outros 51 mil servidores que seguem com essa pendência.

O cadastro e prova de vida de 2023, iniciado em janeiro deste ano, deve ser realizado através da versão mais recente do aplicativo Cearaprev On-line, disponível nas lojas Google Play e App Store. O processo é obrigatório para todos os servidores públicos ativos, aposentados, pensionistas, da reserva e reforma do estado do Ceará.

Canais de atendimento
Para auxiliar o público que tiver dúvidas sobre a prova de vida, a Cearaprev disponibiliza de segunda a sexta, de 8h às 12h e 13h às 17h, a Central de Atendimento através do telefone (85) 3108-0135, e também suporte pelas redes sociais Instagram e Facebook, basta procurar por @cearaprev.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Brasileiros ainda não sacaram R$ 7,08 bi de valores a receber do Banco Central

Os brasileiros ainda não sacaram R$ 7,08 bilhões em recursos esquecidos no sistema financeiro, divulgou nesta quarta-feira (7) o Banco Central (BC). Até agora, o Sistema de Valores a Receber (SVR) devolveu R$ 3,93 bilhões, de um total de R$ 11,01 bilhões postos à disposição pelas instituições financeiras.

Em relação ao número de beneficiários, 13.970.528 correntistas resgataram valores. Isso representa apenas 35,93% do total de 38.876.360 correntistas incluídos na lista desde o início do programa, em fevereiro do ano passado.

Entre os que já retiraram valores, 13.477.382 são pessoas físicas e 493.146, pessoas jurídicas. Entre os que ainda não fizeram o resgate, 36.120.242 são pessoas físicas e 2.756.118, pessoas jurídicas.

A maior parte das pessoas e empresas que ainda não fizeram o saque têm direito a pequenas quantias. Os valores a receber de até R$ 10 concentram 62,68% dos beneficiários. Os valores entre R$ 10,01 e R$ 100 correspondem a 25,24% dos correntistas. As quantias entre R$ 100,01 e R$ 1 mil representam 10,31% dos clientes. Só 1,78% tem direito a receber mais de R$ 1 mil.

Depois de ficar fora do ar por quase um ano, o SVR foi reaberto em março, com novas fontes de recursos, um novo sistema de agendamento e a possibilidade de resgate de valores de pessoas falecidas. Em março, informou o BC, foram resgatados R$ 505 milhões esquecidos. Em abril, o valor caiu para R$ 259 milhões.

Melhorias
A nova fase do SVR tem novidades importantes, como impressão de telas e de protocolos de solicitação para compartilhamento no WhatsApp e inclusão de todos os tipos de valores previstos na norma do SVR. Também haverá uma sala de espera virtual, que permite que todos os usuários façam a consulta no mesmo dia, sem a necessidade de um cronograma por ano de nascimento ou de fundação da empresa.

Além dessas melhorias, há a possibilidade de consulta a valores de pessoa falecida, com acesso para herdeiro, testamentário, inventariante ou representante legal. Assim como nas consultas a pessoas vidas, o sistema informa a instituição responsável pelo valor e a faixa de valor. Também há mais transparência para quem tem conta conjunta. Se um dos titulares pedir o resgate de um valor esquecido, o outro, ao entrar no sistema, conseguirá ver as informações: como valor, data e CPF de quem fez o pedido.

Fontes de recursos
Também foram incluídas fontes de recursos esquecidos que não estavam nos lotes do ano passado. Foram acrescentadas contas de pagamento pré ou pós-paga encerradas, contas de registro mantidas por corretoras e distribuidoras encerradas e outros recursos disponíveis nas instituições para devolução.

Além dessas fontes, o SVR engloba os seguintes valores, já disponíveis para saques no ano passado. Eles são os seguintes: contas-corrente ou poupança encerradas; cotas de capital e rateio de sobras líquidas de ex-participantes de cooperativas de crédito; recursos não procurados de grupos de consórcio encerrados; tarifas cobradas indevidamente; e parcelas ou despesas de operações de crédito cobradas indevidamente.

Golpes
O Banco Central aconselha o correntista a ter cuidado com golpes de estelionatários que alegam fazer a intermediação para supostos resgates de valores esquecidos. O órgão ressalta que todos os serviços do Valores a Receber são totalmente gratuitos, que não envia links nem entra em contato para tratar sobre valores a receber ou para confirmar dados pessoais.

O BC também esclarece que apenas a instituição financeira que aparece na consulta do Sistema de Valores a Receber pode contatar o cidadão. O órgão também pede que nenhum cidadão forneça senhas e esclarece que ninguém está autorizado a fazer tal tipo de pedido.

Fonte: Agência Brasil

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Elmano de Freitas destaca a importância da participação popular na criação de políticas públicas na apresentação do Plano Plurianual (PPA) Participativo

O governador Elmano de Freitas apresentou, na tarde desta terça-feira (6), o Plano Plurianual (PPA) Participativo 2024- 2027 aos secretários de Estado. A ação é realizada no primeiro ano de cada gestão para definir as diretrizes, objetivos e metas da gestão pública pelos próximos quatro anos. 

O chefe do Executivo cearense destacou a importância desse momento de escuta para o Governo, depois de diversos debates políticos e êxitos eleitorais.

“Nós queremos construir um projeto político, e nosso povo não pode ser cidadão apenas em época eleitoral. Nós queremos uma cidadania muito mais ativa, para isso deveremos ter algumas características, como a humildade. Todos aqui [secretários] conhecem muito das suas áreas, são referência, mas terão que ter humildade para sentar e ouvir as demandas da população, demandas que não conhecemos com a profundidade que deveríamos”, pontuou.

Encontro com o cearense
Para a construção do plano será adotado o sistema de plenárias regionais, que serão realizadas em 14 municípios, para que as prioridades do Governo sejam traçadas de acordo com as necessidades da população. Assim, dando voz à população para promover o desenvolvimento e reduzir desigualdades regionais. “Nós decidimos que vamos definir as metas dos próximos anos com o povo do Ceará, e eu estarei pessoalmente presente nas 14 regiões para ouvir a população, junto com os secretários e secretárias, para ouvir as lideranças”, afirmou o governador.

Os municípios que receberão os encontros, no período de 21 de junho a 20 de julho deste ano, são:

21/6/23 — Baturité (Maciço de Baturité)
22/6/23 — Morada Nova (Vale do Jaguaribe)
27/6/23 — Granja (Litoral Norte)
28/6/23 — São Benedito (Serra da Ibiapaba)
29/6/23 — Sobral (Sertão de Sobral)
30/6/23 — Itapipoca (Litoral Oeste/Vale do Curu)
4/7/23 — Pedra Branca (Sertão Central)
5/7/23 — Tauá (Sertão dos Inhamuns)
6/7/23 — Tamboril (Sertão de Crateús)
11/7/23 — Icó (Centro-Sul)
12/7/23 — Crato (Cariri)
18/7/23 — Beberibe (Litoral Leste)
• 19/7/23 — Canindé (Sertão de Canindé)
20/7/23 — Fortaleza (Grande Fortaleza)

O público alvo para esses encontros são lideranças comunitárias, instâncias de controle social, Organizações Não-Governamentais (ONGs), sindicatos, representações de categorias profissionais, iniciativa privada, e o cidadão comum.

Eixos
O PPA 2024-2027 foi espelhado no modelo do Governo Federal. Presente no evento, a ministra da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos, Esther Dweck, destacou que o primeiro ano de governo é sempre muito importante, tanto na esfera estadual quanto federal, e enxergou muitos pontos positivos nessa iniciativa cearense.

“Ouvir o governador falando das metas e dos compromissos já assumidos desde a campanha é um alento porque é muito alinhado com as metas do Governo Federal. Isso é um potencial enorme de avanço no Ceará, um estado que já tem várias marcas importantes, é reconhecido no Brasil por seus avanços e tende a continuar muito forte”, pontuou a ministra.

O PPA 2024-2027 está dividido em quatro eixos que organizam as áreas de atuação e as prioridades da atual gestão: O Ceará que cuida, educa e valoriza as pessoas; O Ceará que inova, produz e trabalha; O Ceará que preserva, convive e zela pelo território; e O Ceará que participa, planeja e alcança resultados. “O PPA é um documento abrangente e sério, é escrito de forma consciente e criteriosa. Quando ele for votado, os objetivos e metas não serão mais compromissos, serão obrigações. Seu cumprimento será conferido e cobrado”, ressaltou a secretária de Planejamento e Gestão, Sandra Machado.

O Governo do Ceará vem trabalhando, desde o início do ano, junto a representantes de órgãos e entidades de administração pública, a construção dos resultados desejados e indicadores para o PPA. De acordo com cronograma da Seplag, em setembro o documento estará consolidado e será enviado à Assembleia Legislativa do Ceará (Alece) para aprovação.

A vice-governadora e também secretária das Mulheres, Jade Romero, pontuou a importância desse tipo de ação. “Para a gente, é motivo de muita satisfação ter o governador Elmano [de Freitas] como aliado dessa pauta, e prontamente atendeu ao nosso pedido de ter esse orçamento sensível. Isso quer dizer que todas as políticas do Estado terão marcadores e acompanhamento, esse recorte, para atender a questão da equidade de gênero e também racial. É muito importante para termos isso como um valor de governo”, afirmou a vice-governadora.

Plataforma digital
Além dos encontros presenciais, onde haverá o diálogo sobre os problemas e as potencialidades de cada região, os cidadãos cearenses também podem contribuir com a construção do PPA 2024-2027 de forma virtual.

Dois dias após a realização do encontro presencial, todos os cidadãos da região poderão contribuir para a construção do PPA acessando a plataforma, onde será possível priorizar as diretrizes definidas nos eventos, bem como fazer novas propostas ao Governo do Ceará.

Ao entrar no site, o cidadão poderá priorizar até seis temas que considera mais importantes para sua região, escolher uma diretriz prioritária dentro de cada tema e sugerir até três novas propostas.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Governo Federal lança programa para renegociar dívidas de até R$ 5 mil; entenda

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou nesta segunda-feira (5), a Medida Provisória que institui o programa Desenrola, com potencial para renegociar dívidas de até 70 milhões de brasileiros.

"Mais uma proposta de campanha tomando forma. Assinei hoje a Medida Provisória para o Desenrola, programa de renegociação de dívidas do nosso governo", afirmou o presidente em seu perfil oficial no Twitter. 

Mais cedo, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, detalhou como vai funcionar o programa, que tem como conceito facilitar o pagamento de dívidas de até R$ 5 mil para cerca de 70 milhões de brasileiros que estão inadimplentes. A MP permite que os credores possam comprar créditos em leilões a partir de julho.

“Nós vamos adquirir as carteiras com maior desconto. A ideia é que o credor dê o maior desconto possível porque ele sabe que se for incorporado ao programa, o crédito passa a ter garantia do Tesouro, ele sabe que vai receber. Vamos refinanciar para o devedor, mas o credor não vai ficar esperando o pagamento”, relatou Haddad.

Serão contempladas as dívidas de famílias com renda de até dois salários mínimos (R$ 2.640), no valor de até R$ 5 mil e que tenham sido contraídas pelos devedores até o fim de 2022. Além disso, qualquer credor que deseje participar do Desenrola deverá abonar dívidas que estejam em aberto no valor de até R$ 100. De acordo com cálculos da Fazenda, cerca de 1,5 milhão de brasileiros se encontram nessa situação e poderão voltar a ter o nome limpo caso as instituições entrem no programa.

O ministro afirmou também que os recursos para o programa virão do Fundo Garantidor de Operações (FGO). “Com o fim da pandemia, ele tem sido cada vez menos usado”, explicou Haddad.

Como será 
O Desenrola será executado em três etapas: publicação da Medida Provisória; adesão dos credores e realização do leilão; e adesão dos devedores e período de renegociação. Com a publicação da MP, será editada uma regulamentação pelo Ministério da Fazenda detalhando os critérios dos bancos que vão "desnegativar" dívidas em definitivo.

Programa será dividido em duas faixas

Faixa 1
A faixa 1 é para aqueles que recebem até dois salários mínimos ou que estejam inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Para esse grupo, o Desenrola oferece recursos como garantia para a renegociação de dívidas bancárias e não bancárias cujos valores somados não ultrapassem R$ 5 mil. O potencial em dívidas a serem negociadas é de mais de R$ 50 bilhões, o que deve beneficiar 43 milhões de pessoas. Os beneficiários serão incentivados a realizarem curso de Educação Financeira.

O pagamento da dívida pode ser à vista ou por financiamento bancário em até 60 meses, sem entrada, por 1,99% de juros ao mês e primeira parcela após 30 dias. Essa operação pode ser feita pelo celular. No caso de parcelamento, o pagamento pode ser realizado em débito em conta, boleto bancário e pix. O pagamento à vista será feito via Plataforma e o valor será repassado ao credor.

Faixa 2
A Faixa 2 é destinada às pessoas com dívidas no banco, que poderá oferecer a seus clientes a possibilidade de renegociação de forma direta. Nesse caso, o governo oferece às instituições financeiras, em troca de descontos nas dívidas, um incentivo regulatório para que aumentem a oferta de crédito.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Elmano de Freitas anuncia reajuste nas bolsas de formação acadêmica

O governador Elmano de Freitas anunciou, na tarde desta segunda-feira (5), o reajuste das bolsas de iniciação científica, mestrado, doutorado e pós-doutorado. O anúncio foi transmitido ao vivo por meio das redes sociais.

O governador destacou que a medida equipara os valores das bolsas recebidas pelos pesquisadores no Ceará aos patamares do que hoje é repassado pelo Governo Federal. A proposta agora segue para aprovação na Alece. “Na data de hoje, enviarei à Assembleia Legislativa uma mensagem fazendo o reajuste das nossas bolsas [estaduais]. A bolsa de iniciação científica, que era no valor de R$ 450, na proposta será de R$ 700. A de mestrado, antes no valor de R$ 1.660, estamos reajustando para R$ 2.100. A de doutorado, estamos reajustando de R$ 2.440 para R$ 3.100. A de pós-doutorado, de R$ 5 mil para R$ 5.200. Com isso, o investimento anual será de quase R$ 67 milhões, para ajudar a academia e os pesquisadores. Isso é uma grande conquista”, detalhou.

Atualmente, a Funcap tem 3.931 bolsistas de iniciação científica, 620 de mestrado, 472 de doutorado e 30 de pós-doutorado. Com o reajuste, o orçamento anual da Funcap para o programa de formação de recursos humanos por meio de bolsas passa a ser de R$ 54,9 milhões, em 2023. Para o próximo ano, a previsão é de investimento de R$ 66,9 milhões no programa. “A Funcap tem o quarto maior orçamento do País nesse tipo de investimento”, reforçou o presidente da Funcap, Raimundo Costa.

A titular da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Sandra Monteiro, afirmou que a iniciativa fortalece o apoio aos pesquisadores e, consequentemente, à produção científica. “Mais do que o recurso é o investimento na cidadania e na dignidade dos estudantes e suas famílias. O Estado compreende a importância da educação, da ciência e, principalmente, da dignidade”, disse Sandra Monteiro.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Dois irmãos adolescentes morrem ao tomar banho em canal de irrigação no interior do Ceará

Dois irmãos adolescentes morreram quando tomavam banho em um canal de irrigação na cidade de Marco, no interior do Ceará, na manhã deste domingo (4). As vítimas foram identificadas como José Samuel Sousa Nascimento, de 14 anos, e João Eduardo Sousa Nascimento, de 13 anos.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que os adolescentes apresentavam sinais de possível afogamento. Porém, somente após o laudo da Perícia Forense (Pefoce) será possível confirmar a causa das mortes. A Delegacia Municipal de Marco apura o caso.

Segundo testemunhas, Samuel e Eduardo moram no município de Amontada, mas estavam no local a passeio, quando foram encontrados sem vida no canal de irrigação.

A Prefeitura de Amontada divulgou uma nota de pesar pela morte das vítimas, que eram alunos da Escola Raimundo Edmilson Lima.

"Deixamos nossas mais sinceras condolências aos familiares e amigos", publicou a prefeitura.

Fonte: g1 CE
 
Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Tratamento revolucionário contra o câncer cerebral começará a ser testado em humanos

Pesquisadores do Memorial Sloan Kettering Cancer Center (MSK), de Nova York, podem ter descoberto uma vacina eficaz contra o neuroblastoma, um câncer cerebral bastante agressivo. O imunizante se mostrou promissor ao ser testado em camundongos, aumentando a sobrevida deles em 51%.

O teste nos roedores foi feito com um imunoterapêutico, de base viral, capaz de destruir as células do tipo "T", que suprimem a resposta imune do corpo. Foram coletadas amostras cirúrgicas de 283 pacientes de alto risco, e a partir delas, atestou-se uma maior eficiência da vacina nos camundongos mais jovens.

A próxima etapa da pesquisa será a testagem em humanos.

O neuroblastoma é responsável por 15% de todas as mortes por câncer infantil. De acordo com os pesquisadores, a doença surge durante o desenvolvimento do feto no útero, e rapidamente se modifica geneticamente.

Outra vacina contra o câncer cerebral apresentou eficácia
Uma pesquisa publicada na revista de medicina Science Translational Medicine, desenvolvida por Khalid Shah, professor em Harvard e diretor do Centro de Células-Tronco e Imunoterapia Transalacional (TSCI), também apresentou bons resultados no combate ao câncer cerebral, porém de outro tipo, o gliobastoma.

O tratamento é inovador, já que se baseia no reaproveitamento das células tumorais ativas no combate ao câncer. "Nossa equipe buscou uma ideia simples: pegar células cancerígenas e transformá-las em assassinas contra si mesmos", afirmou Shah.

O imunizante é visto com otimismo, tendo em vista a capacidade de alojamento das células tumorais ativas em outras células tumorais dentro do cérebro, direcionando assim, os agentes anticangerícionos ao alvo de forma assertiva.

A terapia apresentou resultados seguros e eficazes, proporcionando uma resposta imune de longo prazo. De acordo Khalid Shah, a abordagem adotada também pode ser usada contra outros tumores sólidos.

"Nosso objetivo é adotar uma abordagem inovadora, mas traduzível, para que possamos desenvolver uma vacina terapêutica contra o câncer que, em última análise, terá um impacto duradouro na medicina", afirmou.

Fonte: Seleções

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Enem 2023: inscrições começam nesta segunda e vão até 16 de junho; confira taxa e mais detalhes

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) começam nesta segunda-feira (5). Interessados em participar do certame, a ser aplicado nos dias 5 e 12 de novembro, têm até 16 de junho para fazer o cadastro na Página do Participante. A taxa de inscrição é R$ 85 e deve ser paga até 21 de junho.  

O edital com o cronograma e também com as regras para o Enem 2023 foi publicado no início do mês. Além de apresentar as datas e os horários do exame, o texto detalha os documentos necessários e as obrigações do participante, incluindo situações em que o candidato pode ser eliminado. 

Provas
A publicação do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep) traz, ainda, critérios para correção das provas e procedimentos para pessoas que precisam de cuidados especiais durante o concurso.  

Os gabaritos das provas objetivas serão publicados no dia 24 de novembro no portal do Inep. Já os resultados individuais serão divulgados no dia 16 de janeiro de 2024 no mesmo site. 

Fonte: Agência Brasil

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

05 de junho

1849 - Dinamarca torna-se uma monarquia constitucional após adotar uma nova Constituição.
1947 - Na Universidade de Harvard, George Marshall apresenta o Plano Marshall de ajuda aos países europeus afetados pela Segunda Guerra Mundial.
1967 - Tem início a Guerra dos Seis Dias.

Nasceram neste dia…
1723 - Adam Smith, economista e filósofo britânico (m. 1790).
1877 - Pancho Villa, revolucionário mexicano (m. 1923).
1917 - Pinheiro de Azevedo, militar e político português (m. 1983).

Morreram neste dia…
1316 - Luís X de França (n. 1289).
1986 - Lilian Lemmertz, atriz de teatro, cinema e televisão brasileira (n. 1938).
2004 - Ronald Reagan (foto), político estado-unidense (n. 1911).

Fonte: Wikipédia

AddThis