7 fatos sobre cachorros que você provavelmente ainda não conhecia

Você sabia que o convívio entre homens e cachorros já tem mais de 15 mil anos? E essa amizade é tão sincera que é comum acharmos que sabemos tudo a respeito do nosso animal de estimação favorito. Então talvez você se assuste com os fatos a seguir, mas acredite: a verdade é que você não sabe tudo – ainda – a respeito de cachorros.

1 – Cachorros têm doenças de humanos
Você sabia que existem 6 milhões de cães no mundo diagnosticados com câncer? Além dessa grave doença, os bichinhos estão sujeitos também a outras patologias conhecidas por nós, como as relacionadas com funções neurais e paralisias musculares. O lado positivo disso é que muitos cachorros podem ser tratados com medicamentos usados em pessoas.

2 – Eles sabem pelo cheiro quando você está doente
Seu cachorro vai provavelmente ser o primeiro a saber se você tiver alguma doença como câncer, diabetes ou epilepsia. Cientistas afirmam que cães podem ser treinados a detectar pelo cheiro cânceres como os de pulmão, pele e mama.

3 – Tão espertos quanto uma criança
Cientistas apontam que cachorros têm a mesma inteligência de uma criança de dois anos e podem aprender até 200 palavras. Na escala dos cachorros mais espertos, em uma ordem crescente estão: border-collies, poodles, pastores-alemães, golden retrievers e dobermans.

4 – Eles podem mesmo nos transmitir doenças
Esqueça aquela história de que cachorros são mais limpos do que humanos. A questão nem é a limpeza propriamente dita, mas o fato de que algumas doenças típicas em cães, quando passadas para humanos, podem causar muito mal, como a raiva. Embora existam vacinas para muitas dessas enfermidades, as bactérias presentes no seu cãozinho nem sempre serão inofensivas a você. É importante sempre lavar as mãos depois de brincar com o seu animalzinho.

5 – Cachorros são ciumentos
Se seu cãozinho vir você agradando outro canino, pode se preparar para ter problemas. Ao que tudo indica, seu melhor amigo acha injusto que ele esteja sempre ao seu lado, aprenda todos os truques para conseguir as melhores recompensas e seja fiel enquanto você, humano, começa a falar com voz de criança diante do primeiro cachorro que vê pela rua.

Portanto, tenha cuidado com os elogios e agrados que faz a outro cão que não o seu. Nesses casos, é preciso dar carinho para ambos igualmente.

6 – Os caninos quase nunca se sentem culpados
Se você já morreu de remorso após dar aquela bronca em seu cãozinho e ver o olhar triste que ele faz quando é repreendido, saiba que essa expressão nada tem a ver com culpa. Aparentemente, ela é apenas uma resposta à sua censura. Pesquisadores já descobriram, inclusive, que cachorros acusados injustamente de realizar uma “arte” têm olhares mais de piedade do que aqueles que são verdadeiramente culpados. Espertinhos!

7 – Ter um cachorro contribui para a sua vida social
De acordo com uma pesquisa americana, passear na rua com um cachorro triplica o número de interações sociais que você pode desenvolver. O estudo revelou que, mesmo que você esteja malvestido e seu cachorro não esteja muito bem cuidado, as pessoas vão abordá-los na rua. E aí, o que você acha disso?

Fonte: Mega Curioso



Aécio Neves é eleito presidente do PSDB

Lideranças, militantes e parlamentares do PSDB aclamaram hoje (18) o senador Aécio Neves (MG) como o novo presidente nacional do partido. O senador foi eleito com mais de 97% dos votos dos delegados tucanos.

Entre os líderes presentes na Convenção Nacional do PSDB estavam o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o ex-governador José Serra.

Em seu discurso, o senador disse que é hora de construir uma nova trajetória para o PSDB e para o país. “A nossa história vai recomeçar e só terá êxito se devolvermos ao Brasil uma administração séria, responsável e eficiente”, afirmou.

Aécio Neves ressaltou a importância da união das frentes do partido, conclamando a militância a percorrer a estrada.

“Assumo um partido unido como nunca. Essa unidade responde pelo nome do companheiro Sérgio Guerra”, reconheceu.

A nova Comissão Executiva Nacional terá como secretário-geral o deputado federal Mendes Thame (SP), e como vice-presidentes Alberto Goldman (SP), os senadores Alvaro Dias (PR), Cássio Cunha Lima (PB) e Cyro Miranda (GO), o deputado federal Bruno Araújo (PE) e o ex-senador Tasso Jereissati (CE).

Fonte: Agência Brasil



Crato (CE): CCBNB-Cariri e Sesc-Crato realizam a I Mostra de Curtas-Metragens Cariri

O Centro Cultural Banco do Nordeste-Cariri e o Sesc-Crato realizam em conjunto a gratuita I Mostra de Curtas-Metragens Cariri, na Praça Siqueira Campos, na cidade do Crato, no período de 21 a 23 de maio (terça-feira a quinta-feira desta semana), sempre às 19h30, com curadoria de Ythallo Rodrigues e produção de Alana Morais.

Com a exibição de nove filmes, a programação gratuita de exibição de curtas-metragens da Mostra é a seguinte:

DIA 21 (TERÇA-FEIRA)
  • Busca alguma – direção de Daniel Batata, de Juazeiro do Norte-CE (10 min / cor / ficção). Uma busca pelos mais variados pontos da cidade, busca alguma, buscar algo. O que seria? As imagens filmadas em celular de baixa resolução dão ao filme um tom impressionista, pixelado.
  • Herança – direção de Carlos Robério, Fábio Tavares, Francisco dos Santos e Jaildo Oliveira, de Juazeiro do Norte-CE (05 min / cor / experimental). Sobre materiais de arquivo, um olhar sobre o passado mais remoto que retorna como uma herança maldita no presente.
  • Uma história da terra – direção de Jefferson Albuquerque Júnior, da cidade do Crato-CE (34 min /cor / documentário). A história da criação do Assentamento 10 de Abril, na cidade do Crato, desde os seus primórdios, no período da primeira ocupação no Caldeirão da Santa Cruz até os dias de hoje.
Tempo total da sessão: 50 min.

DIA 22 (QUARTA-FEIRA)
  • Conecto – direção de Joseph Olegário, Cimara Teotônio, Annah Paula de Alencar, Germana Andrade e Jefferson de Lima Pontes, todos de Juazeiro do Norte-CE (13 min / cor/pb / experimental). O curta é resultado de uma vídeo-instalação do diretor.
  • Roberto Cabeção – direção de Salomão Santana, de Juazeiro do Norte-CE (13 min / cor / documentário). Meu tio tinha uma cabeça enorme.
  • Couro tecido – direção de Adriana Botelho, de Nova Olinda-CE/Exu-PE (19 min / cor / documentário). O curta mostra o ofício do couro por dois mestres: Espedito Seleiro e Luís dos Couros. Projeto selecionado pelo VII Edital de Cinema e Vídeo do Governo do Estado do Ceará.
Tempo total da sessão: 45 min.

DIA 23 (QUINTA-FEIRA)
  • Tempo menino – direção de Kelyenne Maia, Cimara Teotônio e Samara Lopes, todas de Juazeiro do Norte-CE (07 min / cor/pb / ficção). Um homem deleita-se sobre as lembranças do seu tempo de criança.
  • A promessa – direção de Jaildo de Oliveira, de Milagres-CE (30 min / cor / ficção). Suely, uma jovem simples moradora do sítio Serra Brava, no município de Milagres, no sul do Ceará, vive com a mãe Terezinha e a irmã Nina. Fenômenos sobrenaturais começam a acontecer e atormentam-lhe a vida tranquila, deixando seus nervos à flor da pele. Suspense numa trama baseada em fatos reais.
  • Água pra que te quero! – direção de Nívia Uchoa, de Crato, Brejo Santo, Barbalha e Juazeiro do Norte – quatro municípios do Cariri cearense (16 min / cor / documentário). O filme percorre por quatro das cidades que compõem a sub-bacia do rio Salgado.
Tempo total da sessão: 53 min.

Assessoria de Comunicação / CCBNB



Ceará tem mais de 1.400 vagas abertas em concursos públicos

Mais de 1.400 vagas são ofertadas em concursos públicos neste mês de maio. A maior parte delas é para um concurso no Eusébio, na Grande Fortaleza. A cidade oferece 933 vagas para candidatos de níveis fundamental médio e superior. As inscrições devem ser feitas no site www.promunicipio.com até 3 de junho das 8h às 12h e 13h às 17h, exceto sábados, domingos e feriados.

A inscrição custa R$ 80 para candidatos de nível fundamental, R$ 80 para nível médio e R$ 120 para os de nível superior. Além do site, a inscrição pode ser feita na sede do Mercado Central de Eusébio, na Avenida Eusébio de Queiroz, no Centro da cidade, das 8h às 17h.

Os salários base vão de R$ 675,00 para cargos de nível fundamental a R$ 4.483,07 para médico do Programa de Saúde da Família. As provas serão realizadas em 30 de junho, em local a ser definido.
Leia mais.

Itapipoca
Já a cidade de Itapipoca oferece dois concursos, um com 223 vagas e outro com 146.O edital de com 223 vagas é para os cargos de diretor escolar e coordenador pedagógico. O salário é de até R$ 3.665 para jornada de trabalho de até 40 horas. Confira o edital completo.

A inscrição custa R$ 100 e poderão ser feita de 24 de abril a 13 de maio, no site da instituição responsável pelo concurso. De acordo com o edital, 5% das vagas são destinadas a portadores de deficiência. Leia mais

O segundo concurso em Itapipoca é orientador de informática. O cargo tem salário de R$ 700, e a escolaridade exigida é de nível médio completo. No site da organizadora, é possível ver o edital (acesse o edital).

A vaga de orientador de informática tem a carga-horária de 40 horas semanais e as funções de orientação em laboratórios de informática junto às escolas de educação básica ou outros centros de educação, desempenhando atividades de capacitação de alunos e servidores em tecnologia da informação. Leia mais

Maracanaú
A Prefeitura de Maracanaú (CE) abriu 53 vagas para agente de combate às endemias. O salário é de R$ 688. As inscrições devem ser feitas de 13 a 24 de maio pelo site www.promunicipio.com. A taxa é de R$ 67,50. O cargo exige nível fundamental de escolaridade.

O processo seletivo público constará de 4 etapas: prova objetiva, prova de aptidão física, prova prática e prova de títulos. A prova objetiva será aplicada em 14 de julho, das 14h às 18h. Leia mais

IFCE
As inscrições para o concurso público visando ao provimento do cargo de professor de ensino básico, técnico e tecnológico do Instituto Federal do Ceará (IFCE) estarão abertas entre o período de 20 a 31 de maio. São 30 vagas distribuídas entre os campi de Acaraú, Canindé, Cedro, Crateús, Crato, Fortaleza, Iguatu, Juazeiro do Norte, Limoeiro do Norte, Morada Nova, Quixadá, Sobral e Tianguá. As inscrições serão efetuadas somente pela internet, no endereço eletrônico (www.ifce.edu.br). Os salários variam de R$ 3.594.57 (graduados) a R$ 8.049,77 (doutores). Se o professor tem titulação, há uma retribuição adicional. Quanto maior a titulação, maior o vencimento total.

Para se inscrever o candidato deve preencher o requerimento, informando os dados solicitados e optando apenas por uma área de estudo. Após esse processo, deve-se imprimir o boleto bancário eletrônico e efetuar o pagamento da taxa no valor de R$ 100,00, em qualquer agência bancária ou lotérica, até a data limite do encerramento das inscrições. Os pedidos de isenção da taxa poderão ser feitos no período de 20 a 22, mediante requerimento padrão. Leia mais

Unilab
A Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), no município de Redenção, no Ceará, lançou sete editais para concurso de professor efetivo do Instituto de Humanidades e Letras. Os editais estão disponíveis desde quarta-feira (15), no site da instituição.

São duas vagas para língua inglesa; uma para antropologia; duas para história; três para ciências humanas; três para língua portuguesa; uma para sociologia; e uma para filosofia. Há ainda um edital para seleção de professor visitante do Instituto de Ciências Exatas e da Natureza, na área de Física Geral. As inscrições vão ficar abertas até 31 de maio.

A remuneração inicial prevista nos editais é dee R$ 3.594,57. Um aperfeiçoamento acrescenta R$272,46 na remuneração; a especialização, R$ 496,08; o mestrado, R$ 1.871,98; e o doutorado R$ 4.455,20. Leia mais

Concursos nacionais
A Polícia Federal reabre nesta sexta-feira (17), após quase um ano de suspensão, as inscrições dos concursos para 600 vagas de nível superior: 100 para perito criminal federal, 150 para delegado e 350 para escrivão. As vagas são para os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e Roraima e em unidades de fronteira.

Nos novos editais está prevista a reserva de 5% das vagas (18 para escrivão, 8 para delegado e 8 para perito) para candidatos com deficiência, atendendo à determinação do Superior Tribunal de Justiça (STJ). A perícia médica será realizada no dia 3 de novembro para candidatos deficientes aprovados na prova objetiva, na prova discursiva e no exame de aptidão física. Leia mais

Fonte: G1



FATEC Cariri abre inscrições para o Curso de Especialização em Agricultura Irrigada e Meio Ambiente

O Instituto CENTEC está com inscrições abertas para o curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Agricultura Irrigada e Meio Ambiente que será realizado na Faculdade de Tecnologia do Cariri, a partir de julho de 2013, com carga horária de 440 horas/aula e 40 vagas.  Segundo o diretor de Ensino e Pesquisa, Prof. Francisco Moreira de Meneses, o lançamento do curso atende a uma demanda da Região e está alinhada com a nova politica de expansão das atividades do Instituto CENTEC, estabelecida pelo novo presidente, Francisco Férrer Bezerra.

O curso é realizado em parceria com a Secretaria da Ciência, Tecnologia e  Educação Superior – SECITECE. De acordo com o coordenador do Curso, Clayton Moura de Carvalho, o especialista em agricultura irrigada e meio ambiente, tem potencialidade de disseminar conhecimentos, habilidades, atitudes e valores que sejam aplicados de maneira segura e responsável seguindo as tendências mundiais de desenvolvimento sustentável da agricultura.

As inscrições para o curso de especialização podem ser realizadas até o dia 7 de junho de 2013. Os interessados deverão comparecer a sede da Fatec, na Rua: Amália Xavier de Oliveira, S/N – Triângulo, em Juazeiro do Norte, das 8h00 às 11h00 e das 14h00 às 20h00, portando os seguintes documentos:
  • Formulário de inscrição no local;
  • Diploma ou declaração de conclusão do curso de graduação (fotocópia);
  • Curriculum Lattes ou Vitae;
  • RG (fotocópia);
  • CPF (fotocópia);
  • Histórico escolar da graduação (fotocópia);
  • Comprovante do Pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 30 reais;
  • Duas fotos 3x4 coloridas recentes.
As inscrições também podem ser feitas pelos correios, desde que o candidato mantenha contato telefônico com a coordenação do curso, solicitando a reserva da vaga.

As aulas acontecerão às sextas-feiras das 18h00 às 22h00, aos sábados das 8h00 às 12h00 e das 14h00 às 18h00, e aos domingos das 8h00 às 12h00.

Dependendo da carga horária da disciplina, as aulas serão realizadas uma vez por mês, ou quinzenalmente.

O investimento poderá ser facilitado em 18 parcelas iguais de R$ 180,00 (cento e oitenta reais). A taxa de matricula custa R$ 150. Os egressos do Instituto CENTEC terão 10% de desconto na mensalidade e os funcionários terão 20%.

Serviço:
Data: inscrição até 7 de junho
Horário: das 8h às 11h e das 14h ás 20h
Local: Fatec Cariri – Rua: Amália Xavier de Oliveira, S/N – Triângulo
Contato: (088) 3566 – 4044 / 9952. 8640 ou pelo e-mail: ceama_centec@yahoo.com.br

Assessoria de Marketing e Comunicação do Instituto Centec



Saiba um pouco mais sobre 7 das substâncias mais letais do planeta

Os casos de intoxicação e envenenamento — sejam eles provocados propositalmente, por acidente e até por atos de terrorismo — são mais comuns do que você imagina. O pior é que algumas substâncias perigosas são de acesso relativamente fácil, mesmo sendo capazes de provocar efeitos devastadores sobre os seres humanos.

O pessoal do Discovery News reuniu algumas das toxinas mais poderosas que existem por aí em uma interessante lista, a qual você pode conferir — até mesmo para saber o que evitar — a seguir:

1 – Sarin
Este composto sintético foi desenvolvido originalmente na década de 30 para ser empregado como pesticida, mas, devido à sua ação sobre o sistema nervoso, passou a ser utilizado como arma em guerras químicas. O sarin é inodoro, e a exposição a ele pode provocar diminuição da frequência cardíaca, náuseas, cegueira, paralisia, convulsões e fortes contrações musculares.

Seu índice de mortalidade é bastante alto, e os casos mais recentes envolvendo essa substância ocorreram no Japão na década de 90, quando ataques terroristas provocaram a morte de 20 pessoas, além de deixar cerca de 1.600 feridos.

2 – Estricnina
Muito usado no passado como veneno para matar ratos, a estricnina é derivada de uma árvore nativa do sudoeste da Ásia e da Índia. Esta toxina normalmente se apresenta na forma de um pó branco amargo, e pode ser mortal quando ingerida, injetada ou inalada. Os sintomas provocados pela intoxicação através dessa substância podem causar espasmos musculares, falência respiratória e morte cerebral em um período de 30 minutos após a exposição.

3 – Antrax
Quem é que não se lembra das correspondências contaminadas por Antrax que circularam nos EUA há alguns anos? Na época, diversas pessoas foram infectadas pela bactéria — Bacillus anthracis —, e o ataque resultou em 17 doentes e 5 mortos. Os esporos desse microrganismo se propagam facilmente pelo ar, e o contágio ocorre principalmente através da ingestão de alimentos contaminados, inalação e contato com ferimentos.

Os sintomas da infecção dependem da forma de exposição, mas normalmente se parecem aos provocados pela gripe comum. Contudo, o tipo de contágio mais perigoso é através da inalação, que chega a ser fatal em 90% dos casos.

4 – Botox
Apesar de ser popularmente empregada em tratamentos estéticos, essa substância é composta pela toxina botulínica, obtida a partir da bactéria Clostridium botulinum. Embora a versão utilizada pelos médicos sirva para amenizar rugas, tratar problemas musculares e até algumas disfunções oculares, a ingestão de alimentos contaminados pode ser fatal — e causar o botulismo —, podendo causar danos neurológicos, levar à falência respiratória e à morte.

5 – Amatoxina
Apesar de o cogumelo da foto ter uma aparência inofensiva — e inclusive seja parecido à versão comestível que compramos nos mercados —, são necessários menos de 30 gramas dele para matar um ser humano. Os venenos contidos nesses cogumelos, as amatoxinas, podem provocar graves danos ao fígado e aos rins, além de levar ao coma e à falência múltipla de órgãos.

6 – Mercúrio
O mercúrio, que tem como uma de suas formas a substância prateada acima, pode ser encontrado no interior de termômetros, lâmpadas fluorescentes, pilhas e até em alguns peixes. A substância pode ser mortal se inalada ou ingerida — embora não provoque mal algum ao ser tocada. Os principais sintomas da intoxicação por mercúrio envolvem perda de memória, cegueira, danos graves aos pulmões e ao cérebro e convulsões.

7 – Ricina
Presente nas sementes de mamona, a ricina é considerada uma das toxinas de origem vegetal mais potentes do planeta. Essa substância é capaz de penetrar nas células e se conectar aos ribossomos, evitando que ocorra a síntese de proteínas e levando as células à morte. O envenenamento acidental por ricina é extremamente raro, mas apenas 500 microgramas dela — seja em doses injetáveis ou inaláveis — podem provocar a morte.

Fonte: Mega Curioso



Construção do Anel Viário do Cariri começa na 2ª feira

Começa na próxima segunda-feira a obra do Anel Viário, que irá facilitar o fluxo de veículos na cidade de Juazeiro do Norte, principalmente durante o período das romarias na cidade. O projeto, idealizado há vários anos na cidade, possibilitará infraestrutura de acesso fora do perímetro urbano. Ontem pela manhã, o governador Cid Gomes, durante solenidade no município, assinou a ordem de serviço para início dos trabalhos. Em Barbalha, também foi assinada outra ordem de serviço para obra de contorno, de mais de R$ 3 milhões.

Segundo o governador do Estado, Cid Gomes, esse projeto se estende para outras cidades do Ceará, possibilitando o crescimento de forma ordenada nos municípios e também garantindo melhor qualidade de vida para as pessoas. Conforme Cid Gomes, é importante o desenvolvimento de obras de infraestrutura, como forma de garantir o processo de desenvolvimento, de forma ordenada.

A obra, de pouco mais de 8 quilômetros, será feita em três etapas. A primeira, conforme a empresa Coral, vencedora da licitação, deverá estar pronta em seis meses. O trecho inicial é de 3,4 quilômetros, no valor de R$ 3 milhões. A segunda etapa, segundo o secretário das Cidades, Camilo Santana, já está em fase de licitação.

O valor total dos três primeiros trechos da obra ficará no valor de R$ 22 milhões. O projeto será financiado pelo Banco Mundial, em parceria com o Governo do Estado.

O Anel Viário começa na saída da CE-060, na entrada de Juazeiro do Norte, para quem vem de Caririaçu, no começo da Rodovia Padre Cícero, passando pela conhecida estrada de Damião dos Coqueiros, Avenida Zé de Melo, passando pelas margens do Rio Salgadinho, na direção à Avenida Paulo Maia. A via contará com ciclovia, passeio para pedestre e mão dupla e será finalizada à altura da Avenida Padre Cícero, na CE-292, área de tráfego intenso durante o dia.

Mais de 80 pessoas deverão ser ressarcidas das área desapropriadas do Anel Viário. São terrenos e casas. Segundo a Secretaria da Cidade de Juazeiro, na medida em que foram sendo liberadas as casas, o Banco Mundial irá repassar os valores aos proprietários. No mês de abril foi realizada uma das últimas etapas para a liberação das obras, com a realização de uma audiência pública e apresentação do Relatório de Impacto Ambiental (EIA/Rima).

Além da obra da avenida, foram assinados projetos relacionados à melhoria de infraestrutura de acesso à Nova Olinda e também obras em Barbalha, e a inauguração da revitalização do centro antigo da cidade de Barbalha, um dos mais bem preservados do Interior do Estado.

De acordo com o coordenador do projeto Cidades do Ceará - Cariri Central, Adauto Oliveira, estará sendo concluída em um mês a obra do Roteiro da Fé, no Socorro, que estava paralisada há vários meses em Juazeiro.

A discussão sobre a construção do Parque de Exposições do Crato foi retomada, após uma conversa do prefeito do Crato, Ronaldo Gomes de Mattos, e vereadores da cidade.

O governador pediu que fossem abertos debates com a população sobre o assunto e autorizou uma nova discussão, que segundo ele, depende da própria população. O novo projeto, que levantou polêmica na cidade há alguns anos, está relacionado principalmente à retirada do Parque de Exposições do centro da cidade.

O prefeito disse que novos espaços estão sendo analisados, para a construção. Ele afirma que a ideia será avaliada junto à sociedade e dentro de uma visão técnica. Quanto ao atual espaço, deverá ser repassado para a Universidade Regional do Cariri (Urca), e a possível construção de um centro administrativo para o município.

O secretário das Cidades disse que vem sendo encaminhado o projeto do Roteiro da Fé. Já está sendo licitado, segundo, ele o trecho que vai da Matriz ao Memorial Padre Cícero e também haverá uma intervenção, até a subida do Horto. O secretário destacou o andamento do projeto do aterro sanitário e afirma que o governo desapropriou a área, em Caririaçu.

"Vamos agora fazer edital de lançamento da licitação e esse trecho do Anel Viário vai servir inclusive para o escoamento desse material que será encaminhado para o aterro", diz ele.

Mais informações
Secretaria das Cidades
Av. General Afonso Albuquerque Lima
Edifício Seplag , 1ºAndar, Cambeba
Telefone: (85) 3101.4488
Fortaleza (CE)

ELIZÂNGELA SANTOS
REPÓRTER 

Fonte: Diário do Nordeste



O que levou Gloria Perez a perder o rumo de “Salve Jorge”

Muitos são os sinais de que Gloria Perez errou a mão em “Salve Jorge”, a novela das 21h da Globo com mais baixa audiência na história. Mas o que a levou a perder o rumo de forma tão gritante? Tenho algumas hipóteses. A principal é que o método que fez a fama da autora não tem como funcionar numa trama essencialmente policial.

Em suas novelas, Gloria sempre apostou na ideia de que o espectador aceita os maiores absurdos em troca do prazer de curtir uma boa história. “Todos nós precisamos sonhar. Sonhar faz parte das necessidades humanas. Se a novela cumpre essa função, já faz o seu papel”, ela disse uma vez.

Com enorme despudor (“Só os imbecis têm medo do ridículo”, dizia Nelson Rodrigues, um dos ídolos de Gloria), a autora tentou reeditar em “Salve Jorge” absurdos que caíram no gosto do público em “O Clone” e “Caminho das Índias”. E, de fato, ninguém mais se incomoda de ver o português como língua oficial na Turquia, nem a facilidade como as pessoas se locomovem entre Istambul e o Rio de Janeiro.

O problema é que a trama central de “Salve Jorge” era um enredo policial. E não há leitor ou espectador que aceite “sonhar” ou “voar” quando está acompanhando uma história do gênero. Pistas falsas, lançadas intencionalmente pelo autor, tudo bem. Mas erros, furos, incoerências, falta de nexo são inaceitáveis. Num sinal de que não entendeu o problema que criou, Gloria Perez enxergou “patrulhamento da criatividade” onde havia cobrança por lógica.

Inexperiente, talvez, no gênero, a autora acreditou que teria a cumplicidade do espectador em seus “voos”. Lógico que não teve. Ao contrário, virou motivo de chacota. Não vou repetir aqui lista de equívocos cometidos, seja pelos vilões, seja pelos policiais da trama. Mas tenho certeza que nenhum espectador com mais de 12 anos aceitou, sem se irritar, o desenrolar desta comédia de erros.

Para piorar, a autora errou na mão na caracterização de seus vilões. O texto que escreveu para a líder da gangue, Livia, tinha um tom involuntariamente cômico, que remetia ao “TV Pirata”. Russo, segurando um gatinho, parecia personagem de “Austin Powers”, uma paródia de James Bond. Irina, sempre sentada, foi a vilã mais bizarra da temporada. Só Wanda se salvou da comédia, talvez por mérito da atriz Totia Meirelles, que conseguiu transmitir humanidade ao personagem. Ainda assim, a personagem falou uma das frases mais cômicas da novela, ao se confrontar com a chefona no penúltimo capítulo: “Meu revólver é mais rápido que a sua seringa”.

Chama a atenção, também, o fato de Gloria Perez ser uma das poucas autoras da Globo a escrever suas novelas sem ajuda de colaboradores. Numa trama com mais de 90 personagens e capítulos de 50 minutos, seria inevitável que ocorressem os acidentes vistos em “Salve Jorge”.

Nunca uma novela teve tantos personagens “orelha”, escalados exclusivamente para contracenar como coadjuvantes de outros coadjuvantes. A lista é enorme: Cacilda (Rosi Campos) só contracenava com Aurea (Suzana Faini), Maitê (Ciça Guimarães) com Bianca (Cleo Pires), Julia (Cris Vianna) com Erica (Flavia Alessandra), sem falar no núcleo da Capadócia, com um sem número de personagens sem razão de existir.

Também foi motivo de piada, e ajudou no descrédito da novela, o sumiço sem explicação de uma série de personagens, a começar por Beto, o marido de Morena (foi morto, alguém disse), passando por Miro (Andre Gonçalves), Yolanda (Cristiane Oliveira) e Dalia (Eva Tudor), entre outros.

Diante das reclamações e protestos, Gloria Perez tentou manter a altivez, o que é elogiável. Sempre repetia que o pior que pode acontecer a uma novela é “a indiferença”. Demorou, porém, a se dar conta que sua novela havia se transformado em motivo de pilhéria. Foi quando começou a bater na tecla conspiratória de que havia gente recebendo para falar mal de “Salve Jorge”. Foi triste.

Para agravar ainda mais a situação, “Salve Jorge” padeceu de sérios problemas de produção e acabamento, inimagináveis em novelas deste horário. Erros de continuidade e cenas mal dirigidas chamaram a atenção do mais desatento dos espectadores, criando uma legião de “detetives”, que se divertiam vendo falhas na novela.

O último capítulo da novela repetiu todos os problemas mencionados aqui. A lista é enorme e merece até um outro texto. Mas cito alguns. A policial Jô algema Russo na cama e chama as prostitutas para se vingarem dele com a anuência da delegada Helô? O que aconteceu com Russo? E com Irina? Por que somente “tempos depois”, Theo e Morena voltaram da Turquia? O que ficaram fazendo lá?

Se o “Video Show” quiser, tem assunto para o quadro “Falha Nossa” até o final dos tempos.

Fonte: Blog do Mauricio Stycer / UOL



Armazém do Som: mostra dá espaço ao rock alternativo

Com uma programação diversificada, será finalizada na noite de hoje, a 4ª edição da Mostra de Bandas Armazém do Som. Este ano, 15 bandas de rock estão participando do evento que é realizado pelo Sesc com o objetivo fortalecer a diversidade das estéticas musicais presentes na região do Cariri.

A ação é uma continuidade de um trabalho iniciado ainda em 2009. Objetiva privilegiar os músicos que se inserem na construção do cotidiano musical. A meta é dar oportunidade com espaços para apresentação dos seus trabalhos, criando ambientes para discussões em torno de temas relativos a essa temática.

Também objetiva trabalhar a formação e melhoramento do senso crítico dos participantes e artistas, como forma de qualificar ainda mais a produção.

Motivado pelos resultados das edições anteriores, que trouxeram para o Teatro Sesc Patativa do Assaré um publico de mais de seis mil pessoas, distribuídas em atividades de artes e formação, a unidade do Sesc de Juazeiro do Norte assumiu o compromisso de, junto ao público e aos artistas, viabilizar um conjunto de ações voltadas para o intercâmbio e o diálogo entre as vertentes mais contemporâneas do fazer musical.

A meta é criar condições ideais para apresentações de grupos musicais que se classificam na categoria "bandas independentes", relacionadas às diversas vertentes da musicalidade contemporânea como o rock, pop, rap, reggae, música eletrônica, sons de raiz e outros.

A proposta da iniciativa é estabelecer diálogos e intercâmbios que possam interferir de forma qualitativa nos seus processos artístico culturais.

De acordo com o técnico de cultura do Sesc, Sérgio Magalhães, o evento consolida o cenário musical da região. "Essa ação contribui para o fortalecimento das bandas alternativas que querem conquistar seus lugares na cena da música. A partir das apresentações, as que se encaixam como independentes passam a ter incentivos para estarem apresentando seus trabalhos", diz.

Ele afirma que o impacto da ação deverá refletir em público que fomenta as políticas e atividades culturais e buscam o desenvolvimento dos valores humanos. Nesta edição, a apresentação mais esperada é a banda convidada Hardvolts, vinda de Fortaleza.

Em uma ação de caráter formativo e tendo em vista o curso de Música, em plena atividade na Universidade Federal do Ceará, no campus Cariri, este ano, a Mostra de Bandas Armazém do Som pretende estabelecer diálogos com professores e alunos. Atualmente, uma das grandes dificuldades para as bandas de garagem é a ausência de espaço para que elas tenham uma boa visibilidade na dinâmica de apresentações na grande mídia. Devido ao glamour do evento, após a seleção dos grupos realizada por curadores da área de música, os artistas articulam-se para registrar as apresentações. O material passa a ser utilizado em futuros editais de instituições ou em festivais de rock que acontecem em todo o Brasil.

Segundo o guitarrista e vocalista da banda Bela Orquídea, Anderson Matos, essa é uma oportunidade em que eles mostram o que prepararam durante o ano. "Quando se trata de trabalhos autorais, os espaços são mais escassos. Este festival é uma vitrine e gera contratações das bandas. Acredito que é extremamente positivo e a receptividade do público é boa", revela.

A maioria dos espectadores da Mostra de Bandas Armazém do Som é formada por jovens. Os shows e apresentações acontecem de forma gratuita, das 18 às 22 horas, no Teatro Sesc Patativa do Assaré. Todo o investimento na ação é oriundo do Plano de Comprometimento de Gratuidade (PCG). A expectativa é que mais de dez mil pessoas assistam as apresentações. Entre as atrações estiveram bandas que possuem trabalhos autorais e covers. Até ontem, também foi realizado o 4º Seminário de Música e Comportamento.

Nele aconteceram workshops práticos de guitarra, bateria, contrabaixo, além das exibições de filmes relacionados à imagem do rock, seguidos de debates. O objetivo é capacitar interessados em tocar instrumentos. Estima-se que mais de 200 pessoas participaram da programação.

Mais informações
Serviço Social do Comércio (Sesc) - Unidade Juazeiro do Norte
Rua da Matriz, 227, Centro - Cariri
Telefone: (88)3587.1065

YAÇANÃ NEPONUCENA
REPÓRTER 

Fonte: Diário do Nordeste



Universidade do Cariri: projeto ainda aguarda votação

O deputado Welington Landim (PSB) reclamou, ontem, na Assembleia Legislativa, a demora por parte da Câmara Federal para aprovar o projeto que cria a Universidade Federal do Cariri. Ele criticou ainda a falta de empenho dos deputados federais do Ceará para que a matéria, que já cumpriu todos os trâmites legais, tenha mais celeridade.

"Há exatamente 20 meses, a presidenta Dilma Rousseff anunciou, numa grande solenidade em Brasília, a criação da Universidade Federal do Cariri. Eu mesmo estive lá ao lado do meu filho, prefeito Guilherme Landim, e de outras lideranças cearenses", lembrou, o que teria gerado grande expectativa, principalmente na região do Cariri e no Vale do Salgado.

O pessebista se disse surpreso ao saber que o projeto ainda tramita na Câmara Federal, visto que há alguns dias havia feito um requerimento para os senadores cearenses, cobrando a celeridade na aprovação do texto. "É certo que o projeto de lei do executivo já cumpriu todos os trâmites legais, mas anda a passos da tartaruga na Câmara dos Deputados", reclamou.

Relatório
O parlamentar acrescentou que, no último dia 9 de maio, o deputado federal Onofre Santo Agostini (PSD-SC) apresentou seu relatório da redação final do projeto à Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, que ainda não se reuniu para votar o relatório. "Agora, com a Medida Provisória dos Portos resolvida". E completou: "Chegamos a apresentar requerimentos aos 22 deputados federais do Ceará e nos antecipamos mais uma vez", apontou o pessebista.

Conforme Landim, a Universidade Federal do Cariri será integrada aos campi já existentes de Juazeiro do Norte, Barbalha e Crato, que serão desmembrados da Universidade Federal do Ceará. Além disso, serão criados novos campi nos municípios de Icó e Brejo Santo. Inicialmente, serão oferecidos 27 cursos de graduação e a meta é atender a 6.490 novos estudantes de graduação e pós-graduação. "Será realizado concurso para a contratação de 197 professores, 212 funcionários de nível superior e 318 profissionais de nível intermediário. O projeto também cria 482 cargos de direção e funções gratificadas" salientou.

Impasse
O deputado ressaltou que é abordado por pessoas que cobram solução para o impasse da construção do equipamento. "Eu tenho que dizer que não é na Assembleia a decisão. No Congresso Nacional, temos 22 deputados cearenses e três senadores e passa dois anos para votar o projeto de criação de uma universidade? Isso é falta de liderança. Mas me dê uma justificativa plausível para isso", disparou.

As deputadas Eliane Novais (PSB), Ana Paula Cruz (PRB) e Mirian Sobreira (PSB) também discorreram sobre a necessidade da construção imediata do equipamento para melhorar a educação da região caririense. Mirian Sobreira chegou a chamar a bancada federal do Ceará de "omissa" em diversos aspectos e ressaltou a situação de seca como um exemplo de falta de interação dos deputados federais que representam o Estado.

Fonte: Diário do Nordeste



CNBB critica decisão da Justiça de reconhecer união civil de pessoas do mesmo sexo

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) criticou nesta quinta-feira, 16, a decisão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que orienta os cartórios a não recusar a celebração de casamento civil de pessoas do mesmo sexo ou de negar a conversão de união estável de homossexuais em casamento. A conferência também divulgou nota no qual reafirma sua posição contra a redução da maioridade penal.

Em nota, a CNBB disse que considera que as uniões de pessoas do mesmo sexo “não podem ser simplesmente equiparadas ao casamento ou à família”. A conferência defende o “matrimônio natural entre homem e mulher bem como a família monogâmica” como princípio inquestionável. “Equiparar a união civil ao casamento não é aceitável devido aos nossos valores. Esta nota reafirma posições anteriores tomada pela CNBB", disse o vice-presidente em exercício da CNBB, dom Sergio Arthur Braschi.

Na opinião dos bispos, a resolução do CNJ gerou uma confusão de competências. Eles argumentam que a competência para decidir sobre a questão seria do Congresso Nacional e não do CNJ. “Nós achamos que o CNJ não é a esfera de competência para tratar de tais questões. Definir sobre essas questões caberia à sociedade brasileira representada no Congresso Nacional”, complementou dom Sergio Braschi.

A proposta foi apresentada pelo presidente do conselho e do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, e começou a vigorar a partir de hoje em todos os cartórios do país. A decisão foi baseada no julgamento do STF, que considerou inconstitucional a distinção do tratamento legal às uniões estáveis homoafetivas e na decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que julgou não haver obstáculos legais à celebração de casamento de pessoas do mesmo sexo.

A resolução causou polêmica no meio jurídico. A principal crítica é que a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de 2011 usada para justificar a medida não tratava de casamento, mas apenas de união estável.

O advogado e especialista em direito homoafetivo, Sergio Camargo, disse à Radioagência Nacional que a resolução do CNJ é mais uma orientação para os cartórios de toda o país. Camargo esclarece que na ausência de legislação relacionada ao tema “cabe ao STF e ao CNJ tenta preencher o vazio jurídico. Aqueles cartórios que tinham duvidas sobre a possibilidade [de considerar a união civil como casamento] com a resolução se sentem mais confortáveis."

Fonte: O Povo



Barbalha (CE): Corte do Jatobá abre ritual da Festa do Pau da Bandeira

O esforço é pela fé. Uma multidão segue em carreata até a mata do Sítio Flores, neste Município, para seguir um ritual que atravessa mais de oito décadas. O corte do Pau da Bandeira, para a Festa de Santo Antônio de Barbalha, que começa no dia 2 de junho, com o cortejo do mastro do padroeiro da cidade, ocorreu na manhã de ontem. Cerca de 500 pessoas, em sua maioria carregadores do pau, foram presenciar o momento que consideram sagrado. O jatobá de 23 metros, pesando cerca de duas toneladas, foi retirado da mata com apoio de um guindaste e, finalmente, colocado na chamada "cama do pau", a mais de dois quilômetros do local onde foi cortado, no Sítio Roncador.

A preparação dos carregadores começa cedo, com o caldo, no Mercado Central, para o reforço do trabalho que vem pela frente. São cerca de 9 quilômetros para chegar ao local, que foi visitado por mais duas vezes, para a seleção de cinco árvores, um angico e quatro jatobás, no dia 14 de abril, e, no último domingo, para a escolha do Pau da Bandeira da festa deste ano. O angico, considerado o mais adequado para o corte, não foi autorizado pelos órgãos ambientais. O trabalho contou com acompanhamento do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio).

Bênçãos
Antes do deslocamento até o Sítio Flores, a equipe de carregadores pediu as bênçãos do santo padroeiro da cidade e uma carreata seguiu para a Matriz. Para o capitão do pau, Rildo Teles, esse é um momento de fé do povo de Barbalha e um dos pontos mais altos da festa. "Me sinto imensamente feliz de poder estar à frente dessa tarefa de conduzir o Pau da Bandeira, com os carregadores", afirma. Desde 2001, ele é eleito como o líder do grupo, que chega a pelo menos 150 homens.

Antes do primeiro golpe de machado para o corte do mastro, mais uma oração, com a imagem de Santo Antônio nas mãos, para abençoar o rito. A árvore é retirada da mata nativa, fora da Área de Proteção Ambiental (APA). A escolha passa por critérios também entre os carregadores. O mastro deve ser retilíneo, longo e de preferência com um peso que facilite a condução durante o cortejo. São cerca de seis quilômetros, a partir da saída, no dia 2, às 11 horas. A chegada este ano será antecipada e a previsão é hastear a bandeira do santo às 17 horas.

Segundo o secretário de Cultura da cidade, Antônio Sisnando, a partir da próxima segunda começa o processo de ornamentação da cidade. As cores de uma das maiores festas alusivas ao santo casamenteiro do Brasil invadem as ruas de Barbalha, que durante este ano recebeu o título, reconhecido por lei estadual, de Capital da Festa de Santo Antônio. E com referência a esta denominação, o secretário afirma que a cidade comemora.

Público
"Será o principal tema da festa, que irá acolher milhares de pessoas", afirma. A estimativa é mais de 350 mil pessoas estejam na cidade durante o primeiro dia do cortejo, que atrai turistas doe várias partes do Brasil.

A preocupação de chegada na Matriz mais cedo que o ano passado, segundo o secretário, é justamente para atender à expectativa dos turistas, imprensa e população em geral e tornar a festa mais segura. E o apelo foi repassado para os carregadores pelo capitão, durante o começo da concentração, ontem. "Esse ato vem sendo renovado há muitos anos, e não temos como descrever a fé e tudo que envolve esse momento mágico".

Segundo ele, exercer a função de capitão do pau é uma das coisas mais importantes, mas a responsabilidade é o fruto da fé. "Temos alguns excessos, mas há o zelo e o cuidado pelas pessoas", ressalta. O professor e pesquisador Josier Ferreira, acompanha todo o processo de retirada do jatobá. Há vários anos ele realiza pesquisa sobre o ritual, a tradição e a sustentabilidade ambiental, numa integração do homem com a natureza.

Devoção
Segundo o professor, o porte das árvores retiradas da área da Chapada do Araripe é condicionada por alguns fatores ambientais. Numa análise de foto de satélite, ele afirma que as maiores estão próximas aos cursos de águas superficiais.

No caso do jatobá, com cerca de 35 anos, a retirada aconteceu bem próximo ao leito do Riacho Seco. Para ele, duas coisas caracterizam a festa de Barbalha: uma delas, a devoção do padroeiro; e a outra, as condições de floresta que o município tem agregado a uma área de Bacia Sedimentar, na encosta. Em praticamente todos esses anos, as árvores eram retiradas do Sítio São Joaquim e, a partir de 2000, começaram, a ser retiradas também do Sítio Flores.

"É uma floresta que seca, mas mantém algumas espécies da própria vegetação da Chapada do Araripe, como é o caso do Jatobá", explica. A festa ainda passa por um processo de reconhecimento, junto ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), como patrimônio imaterial. A programação se estenderá do dia 2 até 13 de junho, encerrando com a procissão do padroeiro.

Mais informações
Secretaria de Cultura e Turismo de Barbalha
Rua da Matriz, 25
Centro
Barbalha - Cariri
Telefone: (88) 3532.1708

ELIZÂNGELA SANTOS
REPÓRTER 

Fonte: Diário do Nordeste



Comer insetos pode ser bom para você e para o planeta

Você estaria disposto — ou quem sabe até já tenha se aventurado — a saborear um gafanhoto crocante como aperitivo? Pois, apesar de não parecer muito apetitoso, nosso receio (para não dizer asco) está baseado em questões culturais, já que para cerca de 2 bilhões de pessoas no mundo os insetos fazem parte de sua dieta tradicional.

Aliás, de acordo com o pessoal do site The Economist, a FAO — Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura — afirma que comer mais insetos pode ser bom para a população mundial e para o planeta. Segundo a FAO, quanto maior a criatura, mais comida, água e espaço são necessários para produzir o produto comestível final, sem contar o impacto ambiental resultante.

Comparações de peso
Para produzir apenas um quilo de carne, cada cabeça de gado necessita consumir cerca de 8 quilos de alimentos. Além disso, apenas 40% do animal pode ser consumido. Por outro lado, para produzir um quilo de “carne” de grilo, é necessário apenas 1,7 quilo de alimento, e 80% do bichinho é considerado comestível. Além disso, vale destacar que os insetos fornecem altos teores de proteína, micronutrientes e minerais.

Contudo, há décadas que a carne tem sido a principal fonte de proteínas em países ricos, e o consumo em economias emergentes — como o Brasil e a China, por exemplo — vem aumentando gradativamente, já que em alguns desses países poder se alimentar de carne é sinônimo de riqueza. E, claro, com o aumento do consumo global, aumenta também a demanda pela produção e, consequentemente, o impacto ao meio ambiente.

Fonte: Mega Curioso



Serão iniciadas obras do Anel Viário no Cariri

Será assinada na manhã de hoje, a ordem de serviço para uma das mais importantes obras estruturantes da região do Cariri, a construção do Anel Viário, que deverá beneficiar todos os municípios próximos a Juazeiro do Norte. A ação, executada através da Secretaria Estadual das Cidades, objetiva seguir a rota de integração e do desenvolvimento que compõe o Programa de Desenvolvimento Econômico e Regional - Cidades do Ceará/Cariri Central, previsto no Plano Plurianual (PPA). Ao todo, o projeto terá custo de R$ 32 milhões.

Entretanto, nesta primeira etapa o investimento será de R$11,6 milhões. Os recursos são oriundos da parceria com o Banco Mundial. Abrindo a programação, o governador Cid Gomes vai autorizar o início dos trabalhos de urbanização. Devido ao crescimento populacional e ao incremento das atividades industriais e do comércio, uma das mais relevantes contribuições da obra do Anel Viário é o estímulo às vocações da região. Com isto, o governo pretende fortalecer a economia do Ceará por inteiro. O primeiro trecho está previsto para ser concluído em até 18 meses.

Em Juazeiro do Norte, em virtude das grandes romarias que acontecem anualmente, o empreendimento auxiliará no desafogamento do trânsito local, que passará a ter vias alternativas, que permitirão um fluxo por fora das áreas centrais. Na cidade, inicialmente, o primeiro trecho terá 3,4 quilômetros, onde serão construídas duas pistas com um canteiro central, passeios, drenagem e iluminação, além da sinalização e ciclovias.

As intervenções serão na CE-060, rodovia estadual que liga os municípios de Juazeiro e Caririaçu, passará pela estrada de Damião dos Coqueiros, Avenida Zé de Melo e ganhará as margens do Rio Salgadinho na direção da Avenida Paulo Maia.

Contrapartida
Para a realização da obra, a Prefeitura está sendo parceira com a contrapartida no processo de desapropriação dos moradores da área. Porém, os técnicos ainda estão realizando os levantamentos e entrando em contato com as famílias para estabelecerem acordos sobre os preços dos imóveis. Até agora, ninguém foi indenizado.

De acordo com o secretário de municipal da Cidade, Waldo Figueiredo, o Anel Viário criará um novo território de desenvolvimento para Juazeiro. "Essa será uma avenida imensa, que vai trazer benefícios por onde ela passar. Todo mundo que precisar cruzar a cidade poderá evitar engarrafamentos, principalmente em épocas de romarias", afirma.

Logo após passar por Juazeiro do Norte, o governador seguirá para Barbalha, onde também vai assinar uma ordem de serviço para as obras de pavimentação asfáltica com pista dupla e canteiro central, na chamada de Avenida do Contorno.

A requalificação vai abranger 2,4 quilômetros de via. Os investimentos são na ordem de R$ 2,7 milhões. Na cidade haverá ainda a inauguração das obras de requalificação do Centro Histórico, que passou por uma recuperação das zonas urbanas.

Para estes serviços, o aporte de recursos aplicados foi de R$ 1,3 milhão. A obra objetiva incrementar o turismo local e valorizar as áreas históricas, que receberam estrutura para a drenagem de suas águas. Além disto, haverá sinalização turística, que facilitará o fluxo dos visitantes e oferecerá mobilidade urbana aos visitantes.

Resultado de um convênio da Secretaria das Cidades com a Prefeitura Municipal, a estrada "Corredor do Sabino", que conta com duas pontes, passagem molhada e sinalização, foi entregue à população.

Já no município em Nova Olinda, as ações do Governo do Estado pretendem oferecer passeios, mobiliário urbano, acessibilidade e mobilidade, ciclovias, calçadões e paisagismo no entorno da Avenida Perimetral do município. O investimento total é de R$ 1 milhão.

YAÇANÃ NEPONUCENA
REPÓRTER 

Fonte: Diário do Nordeste



Plantão Infotech: Cancelamento de compra pela internet fica mais fácil

Desde ontem, empresas de comércio eletrônico devem seguir uma série de novas determinações para expor ofertas de produtos e serviços em seus sites, além de facilitar o cancelamento de compras.

Entre as novas regras, as lojas virtuais devem informar em local de destaque e de fácil visualização em seus sites o CNPJ da empresa ou CPF do responsável, os endereços físico e eletrônico para localização e contato e opções de cancelamento de compras. O decreto que prevê as novas normas tem o objetivo de tornar mais claras as informações sobre produtos, serviços e fornecedores que trabalham com o responsável pelo comércio na internet. Nas páginas de comércio eletrônico, também devem ter destaque informações sobre produtos ou serviços que proporcionem risco à saúde ou à segurança do consumidor.

Transparência nos preços
Também é prevista mais transparência em relação aos preços, que devem ter todas as despesas adicionais discriminadas, como as de entrega ou seguro. As lojas virtuais precisam informar todas as modalidades de pagamento, disponibilidade do produto e prazo para a utilização do serviço. No caso de sites de compras coletivas, deve ser informado junto da oferta a quantidade mínima de consumidores necessária para a efetivação da compra do produto ou serviço.

Cancelamentos
Também está previsto que o consumidor possa fazer uso de seu direito de arrependimento de compra. De acordo com o regulamento, o consumidor deve exercer esse direito pelo próprio site em que fez a compra ou contratação de serviço, sem qualquer tipo de prejuízo.

Fornecedor
Já o fornecedor, após receber o pedido de cancelamento, deve comunicar a instituição financeira ou administradora do cartão de crédito utilizado na compra para que a transação não seja lançada na fatura do consumidor. Caso o valor já tenha sido lançado, a empresa deverá providenciar o estorno ao consumidor. Em caso de descumprimento das condutas previstas no decreto presidencial, a empresa virtual pode sofrer punições previstas no Código de Defesa do Consumidor, como multas, suspensão temporária ou interdição total das atividades e cassação de licença da empresa.

Sites não confiáveis
Desde 2011, o Procon mantém lista de sites de e-commerce não recomendados em sua página na internet. A principal reclamação quanto às irregularidades praticadas pelas empresas é a falta de entrega de produtos.

Fonte: Diário do Nordeste



Missão Velha (CE): Homem acusado do tráfico de drogas foi morto a tiros hoje cedo

Um homicídio foi registrado por volta das 08h30min desta quarta-feira no Bairro Baixa do Tinguinzeiro no município de Missão Velha. Cícero Joaquim dos Santos, de aproximadamente 45 anos de idade e apelidado por “Ciço Cabelinho”, foi morto a tiros de revólver perto de sua casa. Segundo testemunhas, dois homens se aproximaram da vítima em uma motocicleta e um deles apontou a arma na direção de “Cabelinho” efetuando os disparos.

O mesmo ainda foi socorrido às pressas por populares para o Hospital Geral de Missão Velha, onde morreu pouco tempo após dar entrada em virtude da gravidade dos ferimentos. A polícia foi acionada e esteve no local do crime fazendo levantamentos para chegar a autoria do assassinato. Além de acionar o rabecão para trazer o corpo a fim de ser necorpsiado no IML de Juazeiro, policiais diligenciaram sem o êxito de encontrar os acusados.

O homem morto era suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas, bem como a autoria de um homicídio no dia 22 de março deste ano. Naquela data, o adolescente Damião Alexandre Carvalho Silva, de 15 anos, que residia na Rua Valmir Esmeraldo Alves, 152 por trás do cemitério e era apelidado por Dudu, foi assassinado a tiros de revólver perto de casa. Um homem que trafegava em uma moto passou atirando na direção do garoto. Na época, uma testemunha teria dito à polícia que o autor dos disparos seria o “Ciço Cabelinho”.

Demontier Tenório

Fonte: Miséria



Começa jornada contra as drogas em 22 municípios

Começa, a partir de hoje, 14, na região do Cariri, no município de Brejo Santo, uma série de 22 de encontros em cidades sedes de Coordenadorias Regionais da Saúde do Estado (Cres) para discutir ações de combate e prevenção ao uso de entorpecentes. A programação integra a I Jornada de Políticas Públicas sobre Drogas, promovida pela assessoria especial implantada em dezembro passado pelo governo do Estado.

O evento é coordenado pela assessora Especial de Políticas Públicas sobre Drogas, Socorro França, que se mostra preocupada com o avanço do consumo de substâncias entorpecentes mesmo em pequenas cidades do Interior. "Esse é um tema complexo, mas não pode continuar sendo jogado para debaixo do tapete, sem uma discussão ampla e séria", disse Socorro França.

Ao final de cada encontro, a assessora especial espera assinar com os prefeitos termos de compromissos para implantar as ações em três eixos básicos: prevenção, atenção e reinserção social. "Essa é uma questão que nos preocupa, pois a droga migrou para o Interior e não escolhe sexo e nível social".

Depois de Brejo Santo, o ciclo de debates chega à cidade do Crato, amanhã, dia 15, e Juazeiro do Norte, dia 16. O evento será retomado no dia 21, na cidade de Tauá, e no dia 22, em Crateús. O encerramento está previsto para o dia 5 de julho, em Fortaleza. Os organizadores estimam que cerca de 4.500 técnicos, lideranças comunitárias e políticas devam participar do evento, cujo objetivo é fortalecer as políticas públicas sobre drogas no Estado.

Prefeitos, secretários municipais, vereadores, empresários, representantes de entidades religiosas, escolas, integrantes de Conselhos Tutelares, juízes de Direito, promotores, defensores públicos, delegados, comunidades terapêuticas e instituições que desenvolvem ações de apoio aos usuários de drogas integram a lista de convidados.

Crack
Pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revela que o crack está presente em 98% dos municípios brasileiros, ocupando o lugar do álcool em localidades rurais. O delegado regional de Polícia Civil de Iguatu, Agenor Freitas de Queiroz, confirma a presença do crack e de outras drogas na periferia e em áreas rurais de cidades pequenas. "Nos últimos anos, infelizmente, o problema vem se alastrando", disse. O uso do crack por ser de baixo custo contribui para a expansão do consumo e ampliação do tráfico. O álcool é apontado como porta de entrada para outras substâncias entorpecentes.

O II Levantamento Nacional de Álcool e Drogas (Lenad) realizado em 2012 identificou na região Nordeste 832 mil pessoas que fizeram uso destas substâncias, sendo a segunda região com maior prevalência no País.

A implantação da Assessoria Especial de Políticas Públicas sobre Drogas, no fim do ano passado, tem por objetivo articular, integrar, organizar e coordenar as atividades relacionadas às políticas públicas sobre drogas.

"O nosso projeto é sério e precisa ser debatido sobre vários enfoques, da saúde, da espiritualidade e judiciário", frisou. "Temos de dar assistência, acolher os viciados por amor, para tratamento especializado, e não basta tirar da rua por tirar as pessoas dependentes".

Os debates nas cidades polos do Ceará vão subsidiar os planos de iniciativa do governo estadual e oferecer diretrizes para que os municípios implantem o programa do governo federal ´Crack, é possível vencer´.

A ex-procuradora Geral do Estado, Socorro França, acredita que assumiu o cargo de assessora especial de Políticas Públicas sobre Drogas do Governo do Estado por desígnio divino. "Foi Deus que me colocou nesse propósito, uma pessoa idosa, para articular e acompanhar essas ações de prevenção, tratamento e combate ao consumo de drogas", afirmou.

Nova missão
Aposentada do Ministério Público, depois de exercer por quatro vezes o cargo de Procuradora Geral da instituição, Socorro França mostra-se animada e disposta com esse novo desafio. "O consumo de droga destrói famílias, é um tema complexo, mas precisa ser enfrentado com discussão ampla, políticas públicas, apoio espiritual e da família", observou. "Vamos trabalhar em parceria com as comunidades terapêuticas, e não ficar restrito às instituições públicas".

A implantação da assessoria especial representa para o governo do Estado um desafio das gestões públicas mediante a dificuldade de se criar um projeto de enfrentamento ao tráfico de entorpecentes e a recuperação dos dependentes químicos. As ações vão envolver outras secretarias: Educação, Saúde, Segurança Pública e Justiça.

O governo do Estado quer trabalhar em duas frentes para enfrentar o problema: o combate ao tráfico de forma ostensiva e a prisão dos traficantes, e a implantação de um conjunto de políticas públicas de prevenção e tratamento para o viciado.

"O vício da droga é uma doença da alma, não basta dar apenas remédio, é preciso apoio e acolhimento com alma", ressaltou Socorro França. "O drogado não pode ser tratado como bandido, mas como doente". "É necessário um longo acompanhamento, que começa com a desintoxicação e vai até a internação em comunidades terapêuticas prosseguindo com a inserção no mercado de trabalho", diz.

Mais informações
Assessoria de Imprensa do Governo do Estado
Telefone: (85) 3466.4939

HONÓRIO BARBOSA
REPÓRTER

Fonte: Diário do Nordeste



Top 10 curiosidades sobre os Beatles

Algumas curiosidades e fatos sobre os Beatles.

1. A carreira dos Beatles só durou 10 anos (1960 / 1970).

2. A Revista Rolling Stone elegeu as 100 melhores músicas dos Beatles, abaixo, as Top 10:

A Day In The Life
I Want to Hold Your Hand
Strawberry Fields Forever
Yesterday
In My Life
Something
Hey Jude
Let It Be
Come Together
While My Guitar Gently Weeps

3. Beatles venderam até hoje 1,5 bilhão de discos.

4. Tiveram 20 Músicas no nº 1 da Bilboard.

5. A Música mais curta é “Her Majesty” com 23 segundos.

6. A Música “Revolution 9” é a mais longa com 8:22 minutos.

7. A letra de Lucy In The Sky With Diamonds foi inspirada em Alice no País das Maravilhas.

8. “Twenty Flight Rock” de Ed Cochran foi a música que garantiu a entrada de Paul McCartney nos Beatles.

9. Frank Sinatra dizia que sua música preferida composta por Lennon e McCartney era Something… só que Something foi composta por George Harrison.

10. Após o final dos Beatles, John e Paul gravaram juntos uma única vez, numa Jam Section na casa de John Lennon em 1974 (A Toot and Snore).

Fonte: Falafil



Homem que tentava ir dos EUA ao Brasil chutando bola morre atropelado

Um americano de Seattle, que tentava percorrer 16.000 km chutando uma bola até São Paulo, morreu nesta terça-feira (14) após ser atropelado em uma estrada na costa do Estado americano do Oregon.

Richard Swanson, 42, que havia iniciado sua jornada há menos de duas semanas, foi atropelado por uma caminhonete por volta das 10h locais enquanto andava próximo da cidade de Lincoln, a 420 km de Seattle. Segundo informações da polícia local, a bola que Swanson usava foi encontrada a poucos metros do corpo.

A morte de Swanson foi anunciada na página do Facebook "Breakaway Brazil", usada pelo americano para documentar sua jornada. A chegada ao Brasil estava planejada para ocorrer a tempo da abertura da Copa do Mundo da Fifa, em junho de 2014.

"É com grande pesar que notificamos que Swanson morreu nesta manhã", diz o post. "Sua equipe, família, amigos e amados sentirão sua falta."

Em sua página no Facebook, Swanson escreveu que planejava driblar a bola de Seattle, no noroeste dos EUA, a São Paulo, passando por onze países, entre eles México, Nicarágua e Colômbia.

O americano realizava a aventura para promover e arrecadar fundos para o projeto One World Futbol, baseado na cidade de Berkley, na Califórnia, e que doa bolas de futebol a crianças em países em desenvolvimento.

Swanson deixa dois filhos, de 22 e 18 anos, mencionados por ele em um vídeo postado no YouTube em março.

Neste mesmo vídeo, Swanson explica que decidiu fazer a aventura após ser demitido e encontrar dificuldade para arranjar um novo emprego. O americano trabalhava recentemente com design gráfico, após passar oito anos como fiscal de seguros.

Após perder o emprego, Swanson disse ter se sentido "um pouco chateado" e começado a pensar no que queria para a vida, chegando a conclusão que sempre havia sonhado em ir a uma Copa do Mundo.

Com os filhos crescidos, sem dívidas com hipoteca ou emprego para se preocupar, Swanson disse no vídeo que "todas as peças pareciam se encaixar e eu senti que deveria planejar essa viagem".

O americano deixou Seattle no último dia 1º, carregando apenas uma mochila com alguns pertences e um saco de dormir. Detalhes de sua aventura e um mapa com seu trajeto podiam ser conferidos também na página breakawaybrazil.com.

Fonte: Folha.com



Desmonte: Em 28 prefeituras o crime aconteceu


Técnicos do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) identificaram irregularidades administrativas nos 28 municípios cearenses onde realizaram inspeção especial, neste ano, para apurar denúncias de suposto desmonte de prefeituras no fim da gestão passada. Para todos eles serão abertos processos de Tomada de Contas Especial (TCE) revelou o presidente do Tribunal, Francisco Aguiar, ao apresentar à imprensa, ontem, o plano de fiscalização para este ano.

A possibilidade de desmonte em prefeituras cearenses começou a ser investigada pelo TCM em outubro do ano passado. Neste ano, em função de denúncias do Ministério Público e de prefeitos eleitos foram realizadas inspeções em mais 28 municípios.

Diversas
No trabalho realizado agora, em 2013, e nos três últimos meses de 2012 foram identificados 78 tipos de irregularidades, sendo 20 na área de pessoal, oito em licitações, sete em contratos, quatro em relação à convênios, 10 na área de controle interno, patrimônio e assessorias, sete em relação a receitas e movimentação bancárias, dez em relação a obras e serviços de engenharia e, 12 na área de irregularidades diversas.

As principais irregularidades identificadas são semelhantes às que foram anunciadas em 2009 por causa do desmonte de prefeituras em função das eleições de 2008. Elas dizem respeito a contratação irregular de servidores, atraso no pagamento de servidores, concessão de diárias sem respaldo legal, ausência de licitações, licitações com indícios de favorecimento, contratos com objetos indefinidos, prorrogação de contratos sem base legal, excessivo consumo de combustível no período eleitoral, veículos sucateados e medicamentos com validade vencida.

Além disso foram constatados a realização de convênios com característica de contrato, cheques assinados em branco, emissão de cheques sem fundo, cheques sacados no caixa do banco, transferências bancárias sem identificação da procedência, pagamento de serviços não executados, superfaturamento de obras e, entre outras, diversas despesas pagas e não comprovadas que foram executadas.

Consistente
O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios, Francisco Aguiar, confessa que não tem explicações para as irregularidades constatadas e atribue procedimentos dessa natureza a uma questão de cultura porque irregularidades semelhantes foram identificadas no passado. Observa que o Ministério Público tem atuado de maneira consistente, o Tribunal de Contas dos Municípios tem intensificado o processo de fiscalização e, além disso, vem realizando encontros para a capacitação das gestões públicas e da própria sociedade para exercer o seu papel de fiscalizar. Informou também que nos encontros realizados neste ano vem contando com a participação de representantes da Controladoria Geral da União o que é muito importante.

Para as inspeções ordinárias a serem realizadas neste ano foram selecionados, inicialmente, 92 municípios. As inspeções ordinárias começaram na última segunda-feira, com a fiscalização das prefeituras e câmaras de Maracanaú, Aquiraz, São Gonçalo do Amarante, Sobral e Tauá.

Fonte: Diário do Nordeste



ShareThis