Cinco passos para largar o vício nos eletrônicos

Os sons e vibrações infinitos do celular e o impulso de checar as notificações a cada cinco minutos pode fazer qualquer um ir a loucura e ter vontade de jogar tudo no lixo. Até que o trabalho vem à cabeça e, afinal, manter contato com parentes e amigos também não é tão ruim assim.

Utilizar as vantagens dos dispositivos não significa viver diariamente tendo eles como centro, nem se contentar com uma caixa de entradas lotada e um interminável número vermelho em cima de cada aplicativo, o que é preciso é aprender a ter um plano. Veja algumas dicas de como se “desviciar” do seu querido eletrônico.

1 - DOMESTIQUE O SEU CELULAR
Mantenha-o fora de vista 
Um estudo recente no Reino Unido descobriu que simplesmente ter o celular em sua mão ou em cima da mesa pode ter "efeitos negativos sobre a proximidade, conexão e qualidade da conversa". Esteja você fazendo uma caminhada ou bebendo com os amigos, mantenha o dispositivo guardado e no modo silencioso.

Tenha favoritos
A não ser que você ajuste as configurações, todos os sons e vibrações do celular serão iguais. Para resolver esse problema e diminuir a preocupação, primeiro crie uma lista VIP de contatos, com telefone do cônjuge, filhos, baba, etc, então descubra em seu aparelho como permitir chamadas apenas de sua lista VIP. Em um IPhone, por exemplo, é possível ligar a função não perturbe.

Quebre o ciclo
Além de controlar as sensações de prazer do cérebro, o neurotransmissor dopamina também causa o comportamento de busca. Quando você começa a buscar informações como mensagens no Twitter, curtidas e emails, automaticamente é criado o ciclo da dopamina, que aumenta o desejo de continuar se atualizando. Para quebrar este ciclo, Larry Rosen, psicólogo e autor de iDisorder, um livro sobre o poder da tecnologia em nós, sugere um recondicionamento. Coloque o telefone no modo silencioso virado para baixo por 15 minutos, em seguida separe um minuto para responder notificações e e-mails. "Isso envia um estímulo para o cérebro que diz: você vai olhar tudo em breve e você vai ficar bem ", diz Rosen. Depois de checar as novidades por um minuto, desligue o telefone novamente e repita.

Com o aplicativo Moment (iOS), é possível acompanhar quantas vezes por dia você pega o telefone e quantas horas você gasta com ele.

2 - DEFINA REGRAS EM CASA
Bloqueie o azul
Qualquer tipo de luz pode interferir no seu sono, mas especialmente as luzes de LED das telas de celular suprimem a produção de melatonina, hormônio que regula os ciclos do sono. Tente limitar o seu tempo de tela antes de dormir, escureça o brilho do seu aparelho e coloque na configuração noturna que exibe textos em um esquema de branco e preto.

Mantenha os aparelhos fora do quarto
Se há uma coisa que os especialistas concordam é que todos os dispositivos digitais devem ser mantidos fora do quarto. Se você usa o telefone como um alarme, gosta de dormir ouvindo podcasts ou usa algum aplicativo a noite, não se esqueça de desligar todas as notificações para o telefone não acender durante a noite. “Suas pálpebras são um pouco transparente e mesmo quando elas estão fechadas, a luz azul pode penetrar e suprimir melatonina”, explica a oftalmologista Maria Alice.

3 - SEJA O CHEFE DOS SEUS EMAILS
Dia a dia
Responder aos emails conforme eles chegam na caixa de entrada diminui a produtividade. Diversos estudos afirmam que você pode demorar mais de 20 minutos para se recuperar mentalmente de apenas uma mensagem. O melhor jeito é definir horários para ler e responder ao longo do dia.

Noites e fins de semana
Atualmente algumas empresas desligam os servidores de email a noite e nos fins de semana. Mas provavelmente o seu chefe não é dono de uma dessas, então segundo o psicólogo Arthur Brandão, a dica é desligar as notificações de emails ao invés de ignorá-las e ficar com o sentimento de culpa.

Férias
Se bloquear as contas de email ou enviar mensagens de férias quando está fora do escritório não é uma prática na sua empresa, avise aos colegas de trabalho que não irá responder emails, mude a senha para algo incomum e difícil de ser lembrado e deixe anotado no escritório, assim só será possível checar as mensagens quando voltar.

4 - ADMINISTRE A TECNOLOGIA DAS CRIANÇAS
Seja exemplo
“Se você espera que seu filho escolha esportes e caminhadas ao invés de jogos no IPad faça desse o seu comportamento”, afirma Artur.

Seja realista
Definir limites de tempo e filtrar conteúdos são boas abordagens, mas não pense que é possível manter seu filho completamente longe das telas. Segundo o psicólogo, é preciso definir parâmetros realistas e um bom equilíbrio separando tempo para os eletrônicos mas também para outras atividades.

5 - FOTOS E MEMÓRIA
Lute contra o desejo
De acordo com um estudo realizado pela Associação de Pscicologia Americana, tirar fotos ou fazer vídeos constantemente altera a maneira como você processa a experiência. A chave é a moderação, sendo um pouco mais seletivo, tirando um pequeno número de fotos depois de guardando a câmera e obtendo o melhor dos dois mundos.

Fonte: WebventureUol

Curta nossa página no Facebook



21 coisas que as verdadeiras melhores amigas dizem

1 - ''Não tem comida nessa casa não?''

2 - "Eu te falei que essa maquiagem iria ficar esquisita"

3 - "Se ele te deu um fora, só pode ser tonto"

4 - "Relaxa amiga, você está bem mais bonita do que ela"

5 - "É aquele ali, mas não olha agora"

6 - "Pede você para minha mãe. Se você pedir ela deixa"

7 - "Eu vou na frente e você vê se tá marcando"

8 - "Olha esse cofrinho aparecendo"

9 - "Você merece coisa melhor"

10 - "Só vou se você for"

11 - "Liga pra minha mãe e fala que vou dormir na sua casa, que eu ligo pra sua e falo que você vai dormir na minha"

12 - "Se a minha mãe ligar, não atenda. Eu disse que estou aí!"

13 - Ele está vindo, vamos fingir que estamos conversando"

14 - Quem saiu perdendo foi ele, não você"

15 - Me dá esse telefone aqui. Você não vai mandar mensagem nenhuma pra ele"

16 - "Essa roupa não ficou legal para você. Vamos ver outra melhor"

17 - "Você é mais forte que esse brigadeiro"

18 - "Vamos fazer regime juntas?"

19 - "Essa calça 42 tem molde pequeno amiga"

20 - No banheiro: "Segura a porta pra mim"

21 - "Vai passar amiga, você logo esquece ele!"

Fonte: Mega Curioso

Curta nossa página no Facebook



Pagamento de compras por meio de smartphones chega ao Brasil

Depois de desbancar o cheque na preferência dos consumidores, o cartão de plástico começa a ser ameaçado. Chegou ao Brasil a tecnologia que permite o pagamento de compras em lojas físicas por meio de smartphones.

Em vez de inserir ou passar o cartão na máquina, o cliente aproxima o celular de um leitor com a tecnologia Near Field Communication (NFC). Inicialmente disponível apenas para telefones com o sistema Android, a novidade foi lançada nesta semana pelo Banco do Brasil e vale tanto para operações de crédito quanto de débito.

Diferentemente de outros países, onde os pagamentos por telefones móveis utilizam créditos de celulares, a solução adotada pelo Banco do Brasil (BB) usa cartões virtuais atrelados ao cartão físico. Por meio do aplicativo Ourocard-e, disponível no sistema Android, o correntista pode criar quantos cartões virtuais desejar, todos atrelados ao cartão de plástico do cliente e sem a cobrança de anualidade, que vale apenas para o cartão principal.

O vencimento da fatura, os benefícios e os atributos dos cartões virtuais seguem o cartão principal. “Essa é uma tecnologia pioneira em todo o mundo”, diz o vice-presidente de Negócios de Varejo do Banco do Brasil, Raul Moreira. Desde o ano passado, o banco oferece cartões virtuais para compras em sites eletrônicos. A ferramenta agora foi estendida às lojas físicas.

A compra por meio da tecnologia NFC funciona da seguinte forma: o lojista informa o valor da compra na máquina. Em vez de entregar o cartão com seus dados ao vendedor, o cliente abre o aplicativo, escolhe o cartão virtual que deseja usar e a forma de pagamento (crédito ou débito). Para concluir a transação, o comprador aproxima o celular do leitor, digita a senha do cartão e espera a emissão do comprovante. Compras abaixo de R$ 50 dispensam a senha.

Segundo Moreira, a tecnologia não oferece risco de clonagem. Ao fazer um pagamento, o sistema emite para a máquina uma chave de segurança que elimina qualquer possibilidade de captura do número do cartão do cliente. “A segurança é a mesma dos chips instalados nos cartões de plástico. Para o lojista, a tecnologia NFC reduz as filas nos caixas porque as transações são mais rápidas que no sistema tradicional”, explica.

Para evitar contratempos em caso de perda do celular, o usuário deve seguir os procedimentos padrões para o extravio de smartphones. Basta inserir uma senha segura para o aparelho, de modo que o ladrão não consiga desbloqueá-lo, ou programar a desativação remota do smartphone.

Na primeira etapa, a novidade está disponível apenas para clientes com cartões Ourocard Visa. Em maio, os clientes do Banco do Brasil com cartões Elo também poderão criar cartões virtuais. Apesar de a tecnologia estar em fase inicial, o vice-presidente do BB diz que 70% dos terminais nos pontos de venda estão preparados para a tecnologia NFC. “Nos Estados Unidos, apenas 15% das máquinas estão adaptadas ao NFC”, compara.

Raul Moreira diz que o banco pretende estender a tecnologia aos smartphones com os sistemas iOS (da Apple) e Windows Phone. No entanto, ainda não existe data para que a funcionalidade seja incorporada a esses aparelhos. “Decidimos dar prioridade ao Android, que responde por 80% do mercado brasileiro de smartphones. A utilização da ferramenta nos iPhones exige a definição de que solução a Apple pretende adotar para o NFC”, justifica.

Há uma semana usando o cartão virtual no smartphone, o engenheiro Guilherme Rodrigues, 31 anos, aprova a tecnologia. “Além de agilizar o pagamento, acho mais seguro que o cartão tradicional porque o risco de clonagem é menor”, diz. Segundo ele, a maior dificuldade, até agora, tem ocorrido com lojistas que não sabem operar o NFC: “É uma questão temporária, que vai ser resolvida quando os comerciantes se habituarem ao sistema”.

Para usar a tecnologia, é necessário ter um celular Android com função NFC. O telefone deve ter ainda sistema operacional mínimo Kit Kat 4.4.2 e acesso à internet móvel ou ao wi-fi.

Fonte: Agência Brasil

Curta nossa página no Facebook



Governador sanciona novo piso salarial de agentes de saúde

O governador Camilo Santana sancionou nesta sexta-feira (27), em solenidade no Palácio da Abolição, a lei que instituiu o piso salarial dos agentes de saúde do Ceará, no valor de R$ 1.014,00. Serão beneficiados mais de 8 mil agentes de saúde em todo o Estado. A lei entra em vigor na data da publicação e tem efeito retroativo a 1º de janeiro de 2015.

“Estou honrando um compromisso que assumi ainda durante a campanha. Esta é uma área fundamental no atendimento da população e pode ajudar a melhorar a qualidade de vida dos cearenses”, afirma o governador.

O Projeto de Lei 15.774 foi encaminhado à Assembleia Legislativa no último dia 23 de fevereiro pelo governador e aprovado na Casa no dia 26 de fevereiro. A medida atende a um compromisso reafirmado pelo governador durante reunião com os representantes da categoria vindos de vários municípios. Na ocasião, a presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde no Estado (Sindsaúde Ceará), Marta Brandão, comemorou a notícia, afirmando ser a conquista de uma luta prioritária.

Ceará pioneiro
O Ceará foi o pioneiro no país na experiência dos Agentes Comunitários de Saúde. Foi também o primeiro a estadualizar os Agentes de Saúde. Há uma Lei Estadual (14.101), de 4 de abril de 2008, que rege a categoria, que agora é complementada pela Lei do Piso.

As mudanças fazem jus ao piso salarial dos agentes comunitários de saúde que se dedicam integralmente aos serviços e ações de promoção da saúde, vigilância epidemiológica e combate a endemias dentro dos territórios de atuação. O piso, além de elevar a remuneração mensal, um acréscimo em relação aos R$788,00 atuais, valoriza os profissionais e coloca todos no mesmo pé de igualdade nas negociações de ponta a ponta do país.

Assessoria de Imprensa/Sesa

Curta nossa página no Facebook



Brasil cai para 89º em ranking de velocidade de conexão à internet

Apesar do Brasil ter registrado um aumento na velocidade de conexão na internet de 11% em um ano, o país perdeu posições em um ranking mundial sobre o assunto, segundo relatório trimestral publicado nesta semana pela Akamai, empresa de infraestrutura de internet.

O Brasil ficou na posição 89 do ranking mundial de internet mais rápida no quarto trimestre de 2014, seis posições abaixo do que no mesmo período de 2013. Estamos em décimo na lista entre os do continente americano, ficando atrás da Colômbia, Equador, Peru, México, Argentina, Chile, Uruguai, Canadá e Estados Unidos.

Apesar de o Brasil ter aumentado sua velocidade de 2,7 Mbps para 3,0 Mbps entre esses dois períodos -outros países tiveram um maior crescimento, como por exemplo o Peru e o Uruguai, que cresceram 50% e 87%, respectivamente.

Comparando-o com países de outros continentes o Brasil fica atrás de países como a África do Sul (3,2 Mbps), Portugal (8 Mbps), Suécia (14,6 Mbps), entre outros. O primeiro colocado no ranking é a Coreia do Sul, com média de velocidade de 22,2 Mbps. Pelo terceiro trimestre seguido, a média global de velocidade da conexão permaneceu acima da conexão banda larga de 4 Mbps, com aumento de 0,7%, passando para 4,5 Mbps.

Fonte: Folhapress

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Dois homicídios à faca e bala em um intervalo de duas horas e meia

Gredson Pereira Mourão, de 25 anos, foi morto com duas
facadas no peito esquerdo e nas costas.
(Foto: Enviada pelo leitor/Whatsapp)
A noite de sexta-feira foi violenta em Crato com o registro de dois homicídios em um intervalo de duas horas e meia nos bairros Independência e Seminário elevando à cinco o número de assassinatos este mês e para nove no decorrer do ano naquele município. Por volta das 21 horas o servente de pedreiro, Gredson Pereira Mourão, de 25 anos, que morava na Rua Coronel Luiz Teixeira, 562 no bairro Seminário, foi morto com duas facadas no peito esquerdo e nas costas.

O crime aconteceu nas imediações do Bar da Marina que funciona na Avenida J.P.B de Meneses no bairro Independência tendo como autor o açougueiro José George Duarte, de 36 anos, residente no imóvel 195 daquela avenida e filho da dona do estabelecimento o qual fugiu. Houve uma discussão entre os dois e quando a equipe da FTA e uma ambulância do SAMU chegaram ao local já encontraram o rapaz morto ao lado da arma utilizada para tal. A vítima respondia por crime de danos, enquanto George responde procedimento por contravenção penal em 2004 e uma lesão corporal no dia 16 de fevereiro de 2009 em Crato.

Edilberto Flor da Silva, de 26 anos, o “Novim Caxexa”,
foi alvejado com cinco tiros na cabeça e tórax.
(Foto: Enviada pelo leitor/Whatsapp) 
Outro
Já por volta das 23h30min, na Rua José Wálter Dias imediações da sede do Sport Clube de Crato no bairro Seminário, foi registrado o segundo homicídio da noite. O ferreiro Edilberto Flor da Silva, de 26 anos, o “Novim Caxexa” que residia na Rua Maria Socorro de Alencar, 36 do Conjunto Vitória Nossa (Bairro Seminário), foi alvejado com cinco tiros na cabeça e tórax. Segundo a polícia, a vítima respondia por um crime de lesão corporal em 19 de julho de 2009 e figurava em processo como testemunha de um homicídio no dia 28 de setembro de 2007 em Crato.

Demontier Tenório

Fonte: Miséria

Curta nossa página no Facebook



F-1: Na chuva, Vettel quase tira pole de Hamilton; Massa é 7º, Nasr cai no Q1

A tradicional chuva de fim de tarde em Sepang caiu com força bem no meio do treino classificatório deste sábado, que definiu o grid de largada para o GP da Malásia, válido pela 2ª etapa da temporada 2015 da Fórmula 1. E já que em condições climáticas normais as Mercedes de Lewis Hamilton e Nico Rosberg são imbatíveis, era na pista molhada que os concorrentes alimentavam esperança de desbancar as Flechas de Prata. Mas o bicampeão Lewis Hamilton, atual líder do campeonato, fez sua parte e garantiu a pole position com o tempo de 1m49s834. Ele só não contava que não seria seu companheiro Nico Rosberg, mas sim o alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, seu principal concorrente desta vez. E que concorrente. Nos instantes finais da sessão, o tetracampeão encaixou uma ótima volta e anotou 1m49s908, ficando a apenas 74 milésimos do britânico. Não fosse uma balançada na última curva do circuito, Vettel poderia ter superado o tempo de Lewis, que ainda teria mais uma chance de recuperar a primeira posição, caso tivesse sido superado, mas dificilmente conseguiria dar o troco, pois acabou perdendo um pouco de tempo para Nico, que estava lento.

Massa à frente de Bottas; Nasr com problema
Relegado a coadjuvante, Rosberg marcou 1m50s299 e teve que se contentar com o terceiro lugar no grid. A equipe Williams, por sua vez, novamente se atrapalhou com a estratégia e ainda errou na calibragem dos pneus, fazendo Felipe Massa e Valtteri Bottas abortarem várias voltas durante o Q3. Ao fim, o brasileiro ficou com a sétima colocação, enquanto o finlandês foi o oitavo graças à punição a Romain Grosjean, que perdeu duas posições no grid de largada por ter furado fila na saída dos boxes no Q2. A RBR reagiu após o mau começo de temporada e emplacou seus dois pilotos no top 5: Daniel Ricciardo em 4º e Daniil Kvyat em 5º. Max Verstappen (STR) foi 6º. A surpresa ficou por conta do sueco Marcus Ericsson, que levou a Sauber ao Q3 e ficou com o nono lugar. Quem decepcionou foi Kimi Raikkonen. Após mostrar força nos treinos livres, o finlandês pegou tráfego no Q2, não conseguiu melhorar o tempo por causa do começo da chuva e acabou eliminado precocemente, ficando em 11º.

Quem também não se deu bem foi Felipe Nasr. Após a histórica estreia na Austrália, o jovem brasiliense de 22 anos tem amargado um fim de semana difícil. Com um problema no diferencial do carro (sistema que faz as rodas girarem em rotações diferentes nas curvas), Nasr acabou precocemente eliminado no Q1, junto com as McLaren de Fernando Alonso e Jenson Button e as Manor de Roberto Merhi e Will Stevens. Com isso, o piloto da Sauber largará na 16ª colocação.

Nos instantes finais a surpresa: não fosse uma balançada na última curva, o tetracampeão Vettel tinha tudo para ter desbancado a marca de Hamilton. O alemão ficou a apenas 0s074 do inglês. Na sequência, Rosberg completou sua volta, mas anotou 1m50s299, suficiente apenas para lhe dar o terceiro lugar no grid. Caso tivesse sido superado por Vettel, Hamilton ainda teria mais uma chance para retomar a pole, mas teria dificuldades, já que perdeu um pouco de tempo com o próprio companheiro. Nos minutos finais, Massa e Bottas tiveram que voltar aos boxes para colocarem um novo jogo de pneus intermediários porque a Williams não acertou a calibragem dos compostos anteriores. Com isso, o brasileiro e o finlandês só conseguiram completar uma volta cronometrada e terminaram em sétimo e oitavo, respectivamente.

Fonte: Globoesporte.com

Curta nossa página no Facebook



Janine Ribeiro assumirá o Ministério da Educação; Eduardo Alves deve ir para o Turismo

Enfrentando problemas com a articulação política no Congresso e em um dia marcado por notícias negativas na economia, a presidente Dilma Rousseff tentou sair da defensiva articulando a definição de três novos ministros.

Dilma pôs um petista para comandar a comunicação do governo, escolheu um nome para tentar se reconciliar com a ala do PMDB na Câmara, onde seu governo tem enfrentado derrotas, e nomeou um acadêmico para substituir na Educação um político que saiu após brigar no Congresso.

Pela manhã, depois do anúncio de que a economia ficou estagnada no ano passado e agora caminha para a recessão, Dilma divulgou o nome do petista Edinho Silva, que foi seu tesoureiro de campanha, para comandar a Secom (Secretaria de Comunicação Social) da Presidência.

No início da noite, oficializou a escolha do professor da USP Renato Janine Ribeiro para substituir Cid Gomes, que deixou o governo depois de um embate com a base aliada do governo em sessão tumultuada no Congresso.

Fez ainda um gesto na direção da bancada do PMDB na Câmara, comandada pelo deputado Eduardo Cunha (RJ), e convidou oficialmente o ex-deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) para o Ministério do Turismo.

A nota confirmando a indicação do peemedebista estava praticamente pronta, mas a divulgação foi suspensa à noite porque faltava um sinal verde vindo do PMDB de que o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) não vai se opor à escolha, já que Eduardo Alves irá ocupar o lugar de Vinicius Lages, afilhado político de Renan.

Edinho substitui o jornalista Thomas Traumann, que pediu demissão na quarta (25) depois do vazamento de uma análise interna da secretaria com críticas ao PT e à comunicação do governo.

Ex-prefeito de Araraquara (SP) e ex-deputado estadual, Edinho atualmente estava dando aulas em uma faculdade particular. Ele aceitou o convite depois de se reunir com Dilma no Palácio do Planalto. Sua posse está marcada para a próxima terça (31).

À Folha o novo ministro afirmou que a presidente pediu a ele a implantação de uma "política de diálogo" com os meios de comunicação e elogiou seu antecessor. Sobre o desejo do PT de controlar a distribuição de verbas publicitárias da área de comunicação para beneficiar grupos simpáticos ao governo, Edinho disse que a presidente foi clara na orientação para "manter critérios técnicos" na distribuição das verbas publicitárias do governo.

"Só quem não me conhece pode imaginar que eu assumiria um posto desta importância para fazer algum tipo de manipulação. Os critérios são técnicos e vão continuar assim", afirmou Edinho.

Na Educação, área considerada prioritária por Dilma, a presidente optou por um ministro com perfil oposto ao de Cid Gomes, que construiu sua carreira na política e não "media as palavras", segundo seus próprios aliados, quando discordava de algo.

Janine fez carreira na academia. Professor de Ética e Filosofia Política na USP (Universidade de São Paulo), ele trabalhou no governo Lula de 2004 a 2008 como diretor de Avaliação da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), do Ministério da Educação.

Sua escolha surpreendeu porque a pasta da Educação era disputada por petistas e peemedebistas e, recentemente, ele fez críticas duras tanto a Dilma como ao PT.

Em entrevista à edição de março da revista "Brasileiros", Janine criticou o fato de os avanços sociais do país nos últimos anos terem ocorrido pela via do consumo e disse que a presidente Dilma está isolada porque não dialoga.

Ele também criticou a falta de uma explicação mais clara do governo para as medidas do ajuste fiscal e disse que Dilma não dá autonomia aos integrantes de sua equipe. "Os ministros continuam tendo as orelhas puxadas cada vez que falam uma coisa de que ela não gosta", disse.

A oficialização do nome de Henrique Eduardo Alves esbarrava, dentro do PMDB, em dois aspectos. Renan Calheiros, que esteve na quinta-feira (26) com o ex-presidente Lula, quer uma compensação pela eventual perda da pasta do Turismo. Gostaria de indicar um nome para o Ministério da Integração Nacional.

Além disto, a entrega de um ministério neste momento a um expoente do PMDB contraria o discurso de Renan e Eduardo Cunha, que em público passaram a defender o corte de metade dos ministérios. A assessores, a presidente disse que estava tudo em suspenso, depois de ter acertado a indicação com o próprio Henrique Alves.

Leia a íntegra da nota sobre o Ministério da Educação:

A presidenta da República Dilma Rousseff convidou nesta sexta-feira (27) o professor doutor Renato Janine Ribeiro para assumir o cargo de ministro da Educação.

A posse do novo ministro será no dia 6 de abril.

Perfil
Renato Janine Ribeiro tem formação em Filosofia pela Universidade de São Paulo (USP), mestrado pela Université Paris 1 Pantheon-Sorbonne, doutorado pela USP e pós-doutorado pela British Library. É professor titular de Ética e Filosofia Política da USP.

Tem 18 livros editados, além de inúmeros ensaios e artigos em publicações científicas. Em 2001, recebeu o prêmio Jabuti de melhor ensaio.

O novo ministro foi membro do Conselho Deliberativo do CNPq (1993-1997), do Conselho da SBPC (1997-1999), secretário da SBPC (1999-2001) e diretor de Avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) (2004-2008). Além disso, atuou como membro do Conselho Deliberativo do Instituto de Estudos Avançados da USP e é membro do Conselho Superior de Estudos Avançados da FIESP.

Secretaria de Imprensa
Presidência da República 

Fonte: Folha.com

Curta nossa página no Facebook



Pioneiro no Brasil, Tribunal de Justiça do Ceará recebe denúncias via Whatsapp

A ouvidoria do Tribunal de Justiça do Ceará disponibilizou o Whatsapp para receber denúncias, iniciativa pioneira no Brasil. Ao todo, foram disponibilizados três novos canais de comunicação: Whatsapp, mensagem de texto (SMS) e chamadas telefônicas pelo número (85) 87781426.

O serviço está disponível 24 horas para a comunicação digital, e atende chamadas de segunda a sexta, das 8h às 18h. Além disso, através do e-mail ouvidoriamulher@tjce.jus.br, o TJCE recebe denúncias exclusivamente relacionadas a mulheres vítimas de violência doméstica, que têm processo tramitando nas unidades judiciárias.

“O objetivo é oferecer mais um suporte às mulheres que necessitam de auxílio sobre o andamento de processos”, explica o ouvidor-geral, desembargador Raimundo Nonato Silva Santos. Segundo o magistrado, até o final de abril, a população também pode falar com a Justiça pelo número 159. As ligações são gratuitas para todo o Ceará. O canal funciona durante o horário de expediente da Ouvidoria.

Além de utilizar os três novos canais, o público pode encaminhar reclamações, sugestões e solicitações por meio dos telefones (85) 3207.7428, pelo fax (85) 3207.7430 ou por e-mail ouvidoriageral@tjce.jus.br. Já o atendimento pessoal é realizado de segunda a sexta, das 8h às 18h, na sala da Ouvidoria Geral, localizada no TJCE – Avenida General Afonso Albuquerque Lima, S/N – Cambeba, em Fortaleza.

O Whatsapp é um dos aplicativos mais populares do mundo, com 600 milhões de usuários ativos.

Fonte: Tribuna do Ceará

Curta nossa página no Facebook



URCA abre inscrições para Processo Seletivo 2015.1

Estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo Unificado 2015.1, da Universidade Regional do Cariri (URCA), voltado para os 16 cursos da Instituição, com as Unidades Descentralizadas de Iguatu, Missão Velha e Campos Sales. As inscrições foram iniciadas no último dia 18 de março e terão continuidade até 9 de abril, e podem ser efetuadas por meio do site cev.urca.br/vestibular.

Resultado das inscrições deferidas e indeferidas sairá no dia 23 de Abril no dia Através do site: cev.urca.br/vestibular.

A aplicação das provas do Processo Seletivo acontece nos dias 13 e 14 de junho, no horário das 13 horas às 17 horas, em Crato, Campos Sales, Iguatu, Juazeiro do Norte e Missão Velha. O resultado do Vestibular sairá no dia 10 de julho.

O presidente da Comissão Executiva do Vestibular, Ricardo Bacurau, afirma que todas as todas as datas referentes ao processo poderão ser vistas no site da Universidade. Segundo ele, estima-se que mais de seis mil inscritos deverão estar concorrendo a um dos cursos da Instituição. No Vestibular Unificado anterior, foram mais de 10 mil inscrições.  

Para os alunos das escolas públicas, que pela segunda vez estão fazendo o vestibular, será paga uma taxa no valor de R$ 60,00. Para os demais, R$ 120,00.

Assessoria de Imprensa/Urca

Curta nossa página no Facebook



Divergência de pautas expõe racha entre grupos anti-Dilma Rousseff

O co-fundador do Movimento Brasil Livre, Kim Kataguiri, no ato do dia 15, na Avenida Paulista
Apesar de terem parecido homogêneos pela prevalência de camisas verde-amarelas e cartazes contra a chefe do Poder Executivo brasileiro, os protestos que se espalharam pelo Brasil no último dia 15 de março se mostraram bem distantes disso. E a divergência de pautas de seus protagonistas começa, aos poucos, a gerar o início de um racha entre os grupos já confirmados para participar do próximo protesto contra Dilma, marcado para 12 de abril em São Paulo e em outras dezenas de cidades do País.

A divergência de ideias ficou explícita na Avenida Paulista já durante o protesto de 15 de março. Enquanto um trio elétrico emitia de suas caixas de som discursos de ódio contra o PT e em prol do impeachment de Dilma, um outro veículo, comandado por homens com roupas camufladas, pedia intervenção militar com o Hino Nacional ao fundo. Ao mesmo tempo, manifestantes rezavam o Pai Nosso logo ao lado, e outros, 200 metros à frente, bradavam músicas do pop nacional e gritavam contra a corrupção.

São dois os pontos que vêm desagradando o Movimento Brasil Livre (MBL), grupo de jovens responsável pelo agendamento dos protestos, e o Revoltados Online, ambos pró-impeachment. Primeiro, a presença de manifestantes defensores da intervenção militar no governo federal, encabeçados pelo SOS Forças Armadas, vistos por ambos como indesejados. Segundo, o fato de a organização que mais vem recebendo atenção midiática nos últimos dias, o Vem Pra Rua, não levantar a bandeira pela queda de Dilma Rousseff, o que vai de encontro à ideia central proposta pelos atos.

"Para nós, o Vem Pra Rua tem se mostrado quase tão contraproducente quanto os militaristas nos protestos", diz ao iG Kim Kataguiri, de 19 anos, co-fundador do MBL. "O nosso manifesto é por impeachment", concorda Marcello Reis, de 40 anos, líder do Revoltados Online.

"E aí surgem pessoas que querem aproveitar a oportunidade, que chamamos de oportunistas, para também levar suas causas aos atos que organizamos – o que deixamos, desde que não nos atrapalhem. E é justamente o que o Vem pra Rua tem feito. Enquanto pedimos impeachment, eles só pedem o fim da corrupção. Isso não faz sentido para nós."

"Esvaziamento das manifestações"
A insatisfação com o que chamam de "apropriação dos atos" que organizaram vem na semana em que o fundador do grupo Vem Pra Rua, Rogerio Chequer, passou a ser apontado por alguns veículos midiáticos como o principal líder dos protestos contra Dilma. No último fim de semana, a revista "Veja" publicou na seção "Páginas Amarelas" uma entrevista de três páginas com o empresário de 46 anos. Dias depois, na segunda-feira (23), Chequer foi o entrevistado da semana no tradicional "Roda Viva", da TV Cultura.

Tanto o MBL quanto o Revoltados evitam usar nomes, mas deixam claro que, para eles, tanta atenção seria consequência de um suposto envolvimento do Vem pra Rua, de Chequer, com o PSDB. "Todos os grupos no Brasil, e isso está muito claro para nós, estão pedindo impeachment. Agora, existe um grupo com uma pauta muito similar à do maior partido de oposição do País e que possui uma relação de grande amizade com as principais lideranças do partido. E me parece que ele ajuda a criar nestes atos um simulacro de 2013, que é justamente o desejo da Dilma", comenta Renan Santos, de 31 anos, um dos líderes do MBL.

Para Santos, do MBL, a presença de grupos sem o foco unânime de tirar a presidente do poder pode acabar levando ao esvaziamento das manifestações, como teria ocorrido quase dois anos atrás. Na ocasião, após alguns atos em prol da tarifa zero no transporte público, a população aderiu com empolgação às ruas, mas com reivindicações e ideologias tão distantes que em poucos protestos as chamadas "Jornadas de Junho" chegaram ao fim. Chequer, no entanto, rechaça a postura dos colegas de rua.

"Não vejo qualquer sentido nisso. Nosso posicionamento é o mesmo de antes do dia 15: não somos a favor do impeachment, mas isso pode mudar a qualquer momento. Já tínhamos essa postura antes e isso não esvaziou as ruas. Pelo contrário, levamos centenas de milhares de pessoas a elas", rebate Chequer. "Além disso, não vejo nada que pudesse indicar que estaríamos tentando nos apropriar do movimento em geral. Não é o nosso objetivo diminuir a importância de nenhum grupo ou de suas causas. E, não, não temos nenhuma conexão com o PSDB, nem ideológica e nem financeira."

Rogerio Chequer no protesto do último dia 15 de março: a mais festejada figura dos atos
Os grupos pró-impeachment discordam. "Ninguém sai de casa contra um inimigo genérico, contra a corrupção, pela esperança, pela probidade, pela ética. É um protesto contra a Dilma, com foco, cara e objetivo. E, quando o Vem Pra Rua age como tem agido, eles e os militares acabam competindo para ver quem nos atrapalha mais", ataca Santos, do MBL. 

"Eu não posso afirmar que o Chequer tenha relação com o PSDB, mas o grupo dele fez campanha em prol do Aécio [Neves à presidência], os mesmos artistas que apoiaram o Aécio [Neves à presidência] aparecem nos vídeos deles, o [senador tucano] José Serra discursou no caminhão deles [em dezembro]. É aquela coisa do cavalo: relincha, tem crina, anda de quatro, mas eu não posso falar que é um cavalo."

Cordialidade ameaçada
Também houve um afastamento entre os grupos de alguns meses para cá. Se, de acordo com os líderes do MBL, antes havia um relacionamento próximo para debates, inclusive de discussões devido a discordâncias políticas – o Revoltados Online, por exemplo, chegou a postar nas redes sociais após as eleições que "a única saída para o Brasil é a intervenção militar", e voltou atrás, hoje rechaçando a proposta –, atualmente a proximidade entre os pró-impeachment e os grupos discordantes a eles é quase nula. 

No meio desse caldeirão ideológico, a questão militar passou a ser ridicularizada. Após ver um cartaz no caminhão do movimento SOS Forças Armadas nos protestos do dia 15 com a frase "impeachment é para otário", Marcello Reis passou a classificar "quem pede intervenção de abestado". O líder do Revoltados também adotou um apelido que tem sido disseminado nas redes sociais a respeito de Rogerio Chequer, a quem passou a chamar, de forma bem-humorada, de "Talão de Chequer". 

"Só não estamos batendo em ninguém porque nosso lema é 'juntos somos mais fortes'", ameniza Reis, do Revoltados. "Mas não venha usurpar ou tirar os nossos méritos, frutos de anos de luta contra este governo. O cidadão está vindo para a rua porque está revoltado, quer mudança, quer impeachment, e vemos alguns grupos pegando o carro andando e querendo mudar o rumo da proza."

Marcello Reis, do Revoltados Online: ele voltou atrás e não quer mais a intervenção militar
O MBL tem postura semelhante. No protesto do dia 15, o grupo por diversas vezes gritou contra o Vem Pra Rua em seus discursos, bradando que o movimento segue "a mesma cartilha de uma oposição frouxa, que não funciona para este País". Também incentivou vaias entre seus seguidores em direção aos caminhões do SOS Forças Armadas ao longo de toda a tarde.

Mas, por ora, o grupo de Chequer é bem-vindo nos atos dos pró-impeachment. Como define Renan Santos, é um movimento "que não afronta a sociedade, com reais valores democráticos e composto por pessoas sérias, apesar de confundir e atrapalhar nosso foco". "Se começassem a tomar posições diferentes das do PSDB até sentiríamos mais confiança em trabalhar com eles", diz a liderança do MBL. Em relação aos pró-militares, no entanto, a coisa muda bastante de figura. 

"Nós os repudiamos. Tanto que, se necessário, entraremos com uma liminar na Justiça exigindo que eles sejam impedidos de protestar conosco. É uma opção e, se houver meios de cumpri-la, a levaremos adiante", afirma Santos, do MBL. "Existem vários outros dias no ano para que eles exponham suas groselhas. Mas que fiquem longe da gente, pois não somam em nada e só atrapalham." 

O iG pediu entrevistas a Renato Tamaio e a Aparecido Duca de Almeida, lideranças do SOS Forças Armadas, para comentar as críticas dos outros movimentos à sua ideologia, mas não obteve resposta até a publicação desta reportagem.

Fonte: Último Segundo

Curta nossa página no Facebook



Juazeiro do Norte (CE): Jovem que ironizou suas prisões no Facebook foi baleado


"No mundo do geitor q eu vivo em Juazeiro, eu por mim eu não tenho ninguém. Só tenho as minhas atitudes pramim poder sobreviver no mundo... só isso mesmo o q eu tenho pra fala. Sem atitude eu não sou ninguém... então não meche comigo não que só vai levar atropello na frente". A advertência foi feita em postagem às 17h11min do dia 28 de fevereiro pelo jovem Fabrício Batista Guedes, de 18 anos, em sua conta do Facebook que assina como “Fabrício Styfler Batista”.

Por volta das 21h30min desta quinta-feira ele estava em uma lanchonete perto da bifurcação das avenidas Aílton Gomes e Carlos Cruz com a Rua Pio IX (Franciscanos) quando chegaram dois homens em uma moto e foram atirando. Fabrício mora na Rua Pinto Madeira (Santa Tereza) e saiu lesionado nas costas e na perna esquerda, enquanto um homem de 53 anos, residente no bairro São Miguel, foi atingido nas costas por balas perdidas a exemplo de uma criança que jogava bola nas imediações ferida no braço.

Todos foram socorridos em viaturas da PM ao Hospital Regional do Cariri. Segundo a polícia, Fabrício responde por crimes de lesão corporal, tentativa de furto, ameaça e tráfico de drogas. Da última vez que foi preso, ele ironizou em seu face book: “kkkkk fui preso, mas já estou solto. A firma é grande”. Mais recentemente ou às 10h27min do dia 4 de março, o rapaz postou um texto um tanto cercado de despedidas afirmando: "Antes de euu morre, eu desejo a meus amigos uum grande abraço i muitas felicidades prá vcs".

Quando tinha apenas 15 anos ele foi apreendido ameaçando sua avó de 67 anos e a própria mãe no dia 8 de janeiro de 2012 na Rua Vereador José Rodrigues, 181 (Pirajá) bastante embriagado. Fabrício já tinha sido vítima de tentativa de homicídio no dia 28 de setembro de 2014 quando o menor de iniciais J. V de S. N., de 16, o “Orelha”, residente na Rua Rui Barbosa, o lesionou com quatro perfurações nas costas com uma chave de fenda. O menor foi apreendido no cruzamento das ruas São Benedito e Rui Barbosa (Limoeiro).

Fabrício guarda semelhanças com o ator americano Seann William Scott o qual faz sucesso no papel de Steve Stifler na série American Pie. Provavelmente, vem daí a adoção de “Styfler” em seu nome. Numa definição dada por um jovem na Internet sobre o que seja “Stifler”, cita como “os caras que mais aprontam na vida”. Mais além destaca: “São os únicos que quando falam uma coisa, fazem mesmo”. Mais que isso, detém as melhores cantadas e as mulheres mais bonitas. “Enquanto todos pensam em fazer, a gente já está fazendo, pois onde tiver emoção eu tô dentro. Não há limites para um Stifler e podem me chamar de louco, mas sou um louco feliz”, complementa o blogueiro de Brasília (DF) Ernanne (Beta).

Demontier Tenório

Fonte: Miséria

Curta nossa página no Facebook



Cientistas descobriram maneira de cozinhar arroz que reduz as calorias drasticamente

Estima-se que 90% das regiões mundiais consumam arroz. Mas ultimamente o alimento, um carboidrato, é considerado um dos vilões da dieta. Uma xícara de arroz cozido (puro, sem contar outros ingredietes que possam ser usado em seu preparo, como óleo e manteiga) tem 200 calorias. A maior parte delas vem do amido, que é processado pelo corpo em forma de açúcar e , se consumido em excesso, armazenado como gordura.

Mas e se houvesse uma forma de tornar o arroz mais saudável e menos calórico?
Cientistas da Faculdade de Química do Sri Lanka encontraram uma maneira de preparar o arroz que pode reduzir suas calorias em 50%. Como, você nos pergunta? Nós explicamos: você ferve água e cozinha o arroz. Mas antes de adicionar o arroz à água, os pesquisadores colocam óleo de coco no líquido (a quantidade de óleo de coco usada precisa ser de 3% o peso do arroz a ser preparado). Depois de pronto, os pesquisadores deixam o arroz na geladeira por 12h antes de requentá-lo para ser servido.

E como esse preparo pode reduzir as calorias?
Vamos dar às mãos para a química. Em alimentos como milho, arroz e batata existem tipos diferentes de amido. Alguns são digeridos pelo corpo, se transformam em glicose e, possivelmente, em gordura - como explicamos lá em cima. Outros são mais resistentes e, como demoram mais para serem processados pelo seu organismo, acabam sendo menos absorvidos e eliminados. Ou seja, você acaba armazenando menos gordura.

Pesquisas mostram que o modo de preparo de um alimento pode alterar a forma do amido, transformando uma substância que seria facilmente absorvida pelo corpo em algo mais resistente. E é exatamente isso que o método de preparação do arroz propõe.

Isso acontece em outros alimentos também. A batata, por exemplo, se torna de mais fácil digestão quando é cozida ou transformada em purê (triste, sabemos) - logo, será transformada em gordura mais facilmente. Outras pesquisas revelaram que resfriar um vegetal logo após seu cozimento pode tornar seu amido de difícil absorção, como no caso das ervilhas.

O arroz, ao receber um lipídio (o óleo de coco) antes de seu cozimento e ao ser resfriado logo após o processo, passa por algumas mudanças químicas, que mudam a sua composição para o melhor (para a sua saúde). Usando esse método, cientistas foram capazes de reduzir as calorias do arroz menos saudável em 12% e do mais saudável (o Suduru Samba) em 50%. Mesmo com uma redução menos expressiva, como o do primeiro caso, cientistas estão otimistas e acreditam que podem transformar a dieta, principalmente de países asiáticos, com esse hábito mais saudável. E, claro, esses métodos podem se estender a outros carboidratos além do arroz - já imaginou um pãozinho que tenha menos 50% de calorias?

Fonte: Galileu (Via WaPo)

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): "Minha casa está aberta para investigações", afirma prefeito Ronaldo Gomes de Matos


Por conta de operações do Ministério Público do Ceará (MPE) e das Polícias Civil e Militar na manhã desta sexta-feira (27), onde 51 mandados de busca e apreensão como parte de uma investigação onde apura supostas fraudes licitatórias na Prefeitura e na Câmara Municipal de Crato, o prefeito Ronaldo Gomes de Matos (PMDB) deu entrevista ao jornalista Antonio Vicelmo (Rádio Educadora) e disse está com as portas de sua casa abertas para as investigações.

"Hoje de manhã me disseram que iam à minha casa para investigar e eu respondo que a minha casa é aberta, saí de casa agora e mandei deixar o portão aberto, pra quem quiser entrar, mas também Vicelmo, após as apurações eu queria que a mesma imprensa que está direcionando fatos negativos ao nosso respeito, que esta mesma imprensa, também divulgue onde nos somos inocentes. Então está aberto, não tenho licitações fraudulentas, não tenho nada pra esconder, talvez seja por isso que eu dei o não a tanta gente, nossa administração é completamente aberta", disse o prefeito de Crato.

Ronaldo Matos afirmou ainda que não recebeu ordem judicial pra que fosse investigada a sua casa e nem a prefeitura. Disse que o prédio da prefeitura está em reforma e nem porta tem.

“Na minha administração não precisa desse tipo de ordem (judicial de busca e apreensão). A prefeitura está em reforma e nem porta tem, tá é aberta. O procurador (George Borges) me telefonou e disse que o gabinete não era pra ser investigado, mas rebati e disse pra abrir a porta do gabinete, eu quero tudo aberto. Disseram que vão investigar até meio dia. Que passe uma semana. Eu quero é o completo esclarecimento dos fatos, eu não tem nada pra esconder, as portas estão abertas tanto na minha casa como na prefeitura”, finalizou.

Ronaldo finalizou a entrevista na Rádio Educadora dizendo sentir muito pela população de Crato passar por esse constrangimento e disse cuidar bem do dinheiro público.

João Boaventura Neto

Fonte: Miséria

Curta nossa página no Facebook



Cidades do Interior ignoram Planos de Mobilidade Urbana

Prestes a vencer o prazo determinado pela Lei N° 12.587/2012, que institui as diretrizes da Política Nacional de Mobilidade Urbana, no qual os municípios acima de 20 mil habitantes ficam obrigados a instituir, até abril deste ano, Planos Municipais de Mobilidade Urbana, a maioria das cidades cearenses sequer iniciou discussões que possam resultar na construção da legislação exigida.

Entre os principais pontos estabelecidos pela Lei, a acessibilidade universal e a equidade no acesso do cidadão ao transporte público coletivo são ações fundamentais a serem efetivadas pelos municípios.

A legislação estabelece, ainda, de maneira detalhada, a classificação de todos os sistemas de transportes, bem como apresenta os dispositivos que criam a infraestrutura necessária para o desenvolvimento da mobilidade urbana e que interagem com as políticas de desenvolvimento urbano, habitação, saneamento básico, planejamento e gestão do uso do solo nas esferas federal, estadual e municipal.

Conforme a lei, os municípios que não tenham elaborado o Plano na data de sua promulgação contarão com o prazo máximo de três anos de sua vigência para fazê-lo. Findo o prazo, ficam impedidos de receber recursos federais destinados à mobilidade urbana até que atendam à exigência da Política Nacional de Mobilidade Urbana.

O Ceará possui 92 municípios com índice populacional acima de 20 mil habitantes, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Deste total, cerca de 90% ainda não elaboraram seus Planos Municipais de Mobilidade Urbana.

"Não é que falte interesse ou responsabilidade das gestões municipais para que os planos sejam elaborados. A questão é mesmo financeira. Há uma série de legislações em tramitação que obrigam os municípios a se adequarem sem que, para tanto, haja recursos disponíveis para elaboração de planos e efetivação de ações", avaliou o vice-presidente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), Evanildo Simão, que também integrou a diretoria executiva da Associação Brasileira de Municípios (ABM).

Prefeito do Município de Mauriti, ele avalia que os municípios, mesmo sem a elaboração do Plano de Mobilidade Urbana, conseguiram avançar na questão nos últimos anos. "Houve avanços significativos, embora tenhamos a necessidade da adequação ao que a Lei Nº 12.587 estabelece. O número de municípios que hoje atuam na fiscalização do trânsito é infinitamente superior se comparada à situação há cerca de vinte anos", afirmou.

Conforme levantamento do Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE), até dezembro do ano passado, o Ceará contava com uma frota de 1.627.558 veículos. Deste total, cerca de 1.593.402 circulam pelos 90 municípios que possuem mais de 20 mil habitantes e que, até o próximo mês, precisam estar adequados ao Plano Nacional de Mobilidade Urbana.

"A frota de veículos nos municípios do Interior tem crescido consideravelmente nos últimos anos. Esse crescimento acarreta situações de conflito ao que estabelece a lei da mobilidade. Há, no entanto, mecanismos que podem ser utilizados para diminuir o problema e estabelecer novas formas de deslocamento, como a construção de ciclovias ou ciclofaixas, não apenas nos municípios, mas, também, em rodovias estaduais que interliguem cidades próximas", defendeu o vice-presidente da Aprece.

Evanildo observou, no entanto, que para tal finalidade, há demanda por recursos. "O gargalo de toda a administração é justamente a falta de dinheiro. Não se pode pensar a elaboração de Planos Municipais de Mobilidade ou construção de ciclovias, dentre outros equipamentos, sem que haja recurso para tais finalidades". Conforme ainda Evanildo Simão, a Aprece tem buscado estabelecer parceria com o governo do Estado, no sentido de que os municípios venham a receber aporte financeiro para a elaboração de seus Planos, bem como sejam construídos equipamentos que facilitem o tráfego de veículos e pessoas.

De todas as regiões que formam o Ceará, o Cariri parece ter saído na frente em relação às discussões em torno da questão da Mobilidade Urbana.

O tema já foi debatido durante audiência pública realizada pelas câmaras municipais de Crato e Barbalha, além de ter sido pauta de um encontro realizado por vereadores e grupos de ciclistas em Juazeiro do Norte.

Na região, o município de Crato foi o que mais avançou na busca de construir mecanismos que reflitam positivamente na questão. O município já possui, por meio da Lei Municipal Nº 2.844/2013, a criação do Sistema Cicloviário, que prevê a instituição da rede viária para o transporte por bicicletas, formada por ciclovias, ciclofaixas, faixas compartilhadas e rotas operacionais de ciclismo, além de locais específicos para estacionamento, bicicletários e paraciclos.

Agora, a cidade se prepara para construir estes equipamentos como forma de se garantir as condições seguras para a prática do ciclismo e do uso da bicicleta como meio de locomoção diária. "Há uma exigência legal para que o plano seja efetivado. Inclusive, é neste plano onde estarão relacionados todos os programas, projetos e ações que visam atender a esta demanda da sociedade", disse o secretário adjunto do Meio Ambiente e Controle Urbano de Crato, Hildo Júnior.

Crato
Segundo ele, o Plano Municipal de Mobilidade Urbana do Município de Crato deverá ser entregue até o fim deste ano. No entanto, as ações que resultarão na construção das ciclovias, ciclofaixas, estacionamentos, bicicletários e paraciclos, acontecerão de forma paralela à criação do documento.

O governador Camilo Santana anunciou a pretensão do governo de criar um sistema de ciclovias interligando os municípios de Barbalha, Juazeiro do Norte e Crato, na Região Metropolitana do Cariri.

A autorização para início do projeto na região já teria sido repassada ao Departamento Estadual de Rodovias (DER). O governador Camilo Santana também informou que pretende firmar parcerias com prefeituras da região para viabilizar a implantação de planos diretores cicloviários.

Alguns municípios do Interior cearense já possuem ciclovias ou ciclofaixas, como Iguatu e Farias Brito, por exemplo. No entanto, conforme o Detran, apenas Fortaleza possui sistema cicloviário, com ciclovias, ciclofaixas e bicicletários instalados, estruturado conforme determina a legislação vigente.

Mais informações
Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE)
Telefone (85) 3101-5813

Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece)
Telefone: (85) 4006-4006

ROBERTO CRISPIM
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Após forte chuva, prefeito Ronaldo determina força tarefa entre várias secretarias para atendimento e limpeza

Desde às 4 horas da manhã da última quarta-feira, 25, o prefeito do Crato, Ronaldo Gomes de Mattos,  o secretário de Serviços Públicos, Antonio de Mano, o secretário de Obras Públicas, Tárcio Luiz, representantes da Defesa Civil e vários secretários municipais, estiveram acompanhando os serviços de socorro , coleta de lixo, entulhos e muita lama no centro da cidade.

A força tarefa foi montada após a forte chuva caída durante a madrugada em toda a cidade, principalmente no distrito do Lameiro, que registrou mais de 100mm, provocando  o transbordamento do canal do rio Grangeiro, e outros riachos da cidade.

Cerca de 50  homens, 4 máquinas e 6 caminhões estiveram envolvidos nesta força tarefa  para a coleta de todo material trazido pela correnteza das águas.

A resposta da gestão municipal teve eu ser rápida, garantiu o prefeito Ronaldo Gomes de Mattos que visitou diversas localidades.

A operação não se restringiu às margens do Rio Granjeiro, mas a diversas comunidades.

A SAAEC (Sociedade Anônima de Água e Esgoto) por exemplo, enviou equipes para várias comunidades atendendo pedidos da população ou onde detectou algum problema de vazamento.

 Até as 11h da manhã de ontem, 26, 20 carradas de lama, entulhos e lixo tinham sido retirados do centro da cidade e  no bairro Vila Lobo.

O Prefeito, Ronaldo Gomes de Mattos, esteve visitando os locais atingidos, pela chuva, toda a extensão da avenida José Alves de Figueiredo, ruas próximas, o bairro Vila Lobo, que também teve pontos atingidos e danificados.

O prefeito orientou toda a administração para ficar atenta às próximas chuvas.

Durante a visita a Vila Lobo, o prefeito solicitou do secretário de Obras, estudos e ação imediata na solução dos problemas causados pelas chuvas na cidade.

As secretarias municipais  de Obras, Serviços Públicos e a Defesa Civil est[a com todo o pessoal em alerta  para atendimento de qualquer chamada, visto que por dados da Funceme pode voltar a chover forte em nossa região.

Assessoria de Imprensa/PMC

Curta nossa página no Facebook



Sua personalidade pode estar te engordando

Por que tantas pessoas fazem dietas e poucas emagrecem de fato? De acordo com uma nova pesquisa, o problema pode estar em nossas personalidades. Nossos níveis de neuroticismo, segundo o estudo, afetam a nossa vontade de comer queijo e chocolate.

Para chegar a essa conclusão, pesquisadores do Instituto Federal de Tecnologia Suíço pediram que mais de mil participantes respondessem um questionário em três partes. A primeira era sobre sua personalidade, a segunda sobre seus hábitos alimentares e a terceira sobre escolhas de alimentos.

A primeira parte media o que psicólogos acreditam ser as cinco dimensões da personalidade - neuroticismo, extroversão, amabilidade, escrupulosidade e abertura para novas experiências. A ideia era relacionar os traços predominantes de cada voluntário com seus hábitos alimentares.

Os resultados mostraram relações claras:
  • Pessoas menos escrupulosas tendem a perder o controle e exagerar mais frente a alimentos mais aromáticos.
  • Os mais neuróticos buscam alimentos mais calóricos (queijo e chocolate) para compensar suas emoções negativas.
  • Extrovertidos, como costumam comer fora mais vezes e com outras pessoas, acabam tendo uma dieta mais calórica que a média.
Com isso, pesquisadores acreditam que podem provar um laço mais próximo entre a dieta e a personalidade - e verificar fatores de risco para a obesidade através de testes psicológicos.

Fonte: Galileu (Via Science of Us)

Curta nossa página no Facebook



Caso do mensalão tucano está parado na Justiça de Minas há quase dez anos

Um ano depois de o Supremo Tribunal Federal determinar que o processo do mensalão tucano contra o ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB) deveria ser julgado na primeira instância da Justiça em Minas Gerais, nada foi feito para concluir o caso, que se arrasta há quase uma década.

Além de o julgamento não ter acontecido, desde 7 de janeiro a 9ª Vara Criminal de Belo Horizonte, onde tramita a ação, está sem juiz, porque a titular se aposentou.

O processo de Azeredo chegou a Minas já totalmente instruído pelo Supremo e pronto para ser julgado. Nenhuma audiência mais é necessária, basta o julgamento.

Parte da demora também pode ser explicada pela lentidão do Judiciário. O STF decidiu devolver o caso para Minas no dia 27 de março do ano passado. Depois disso, foram necessários cinco meses para que a ação chegasse à 9ª Vara. O processo só chegou no dia 22 de agosto de 2014.

Quanto maior a demora, maior é o risco de que os crimes apontados pela Procuradoria-Geral da República prescrevam e fiquem impunes.

Segundo o Ministério Público, o mensalão tucano foi um esquema de desvio de dinheiro público do governo de Minas para a fracassada campanha do então governador Azeredo à reeleição, em 1998.

Azeredo, que depois se elegeu senador e deputado e hoje está sem mandato, sempre negou as denúncias, assim como os demais réus.

O caso começou a ser investigado em 2005, quando foi descoberto em meio ao escândalo do mensalão petista. A Procuradoria apresentou denúncia à Justiça em 2007.

Prescrições
Não se sabe quando o Tribunal de Justiça de Minas nomeará um juiz substituto para a 9ª Vara. Isso deveria ter acontecido nesta quarta (25), quando o tribunal prometia indicar juízes para 12 varas na capital mineira e no interior.

A sessão foi adiada porque uma juíza candidata recorreu ao CNJ (Conselho Nacional de Justiça) questionando a lista. Como o processo terá de ser refeito, o tribunal diz que não há previsão de quando a nomeação dos juízes ocorrerá.

Tramitam ainda na 9ª Vara mais dois processos ligados ao mensalão mineiro. Um deles tem como réu o ex-senador Clésio Andrade (PMDB). Azeredo renunciou ao mandato de deputado e Clésio ao de senador, e assim perderam o direito de serem julgados pelo Supremo. Foi por isso o STF devolveu o caso para a primeira instância.

O outro processo tem oito réus e ainda está na fase de instrução. Falta ouvir testemunhas, além de todos os réus. Dois deles –Cláudio Mourão, tesoureiro da campanha de Azeredo, e o ex-ministro Walfrido dos Mares Guia– já completaram 70 anos, beneficiando-se da prescrição.

A demora no julgamento pode beneficiar outros réus, inclusive Azeredo, que completará 70 anos em setembro de 2018. Se ele for julgado antes disso, ainda assim poderá se beneficiar da prescrição, caso seja condenado.

Isso ocorreria no caso de ser aplicada a pena mínima, três anos pelo crime de lavagem de dinheiro. A prescrição ocorreria porque já teriam passado nove anos entre o fato (1998) e a denúncia (2007). A lei nesse caso fixa a prescrição em oito anos.

Fonte: Folha.com

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Obras e equipamentos da Prefeitura são destaques no Legislativo cratense

Vereador Paulo de Tarso
(Foto: Arquivo Pessoal)
Fazendo uso da tribuna durante o tempo destinado ao grande expediente da sessão ordinária de terça-feira, 24, da Câmara Municipal, o líder do Executivo na Casa, vereador Paulo de Tarso, destacou algumas obras e equipamentos da gestão municipal.

O parlamentar iniciou seu discurso citando a inauguração do Centro de Referência da Mulher (CRM), realizada no último dia 17, e que recebeu o nome da professora e ex-secretária de Educação do município, Maria Yara de Brito Gonçalves, assassinada nos anos 90. Para Paulo de Tarso, esta é uma demanda que a cidade ainda não tinha, e que irá ajudar muito no combate à violência contra a mulher.

O vereador falou também sobre a inauguração da estrada da Bela Vista, que segundo ele, se alinha ao plano de desenvolvimento que o prefeito Ronaldo Sampaio Gomes de Mattos traçou para a criação do Distrito Industrial, e que irá gerar emprego e renda para a população daquela região. “Essa estrada vem para facilitar a vida daquelas pessoas que terão a oportunidade de trabalhar perto de onde moram”, ressaltou.

Assessoria de Imprensa/PMC

Curta nossa página no Facebook



Quem era o copiloto do Airbus A320 da Germanwings

Identificado como Andreas Lubitz, o copiloto do Airbus A320 da Germanwings que caiu na França parece ter sido o responsável pelo acidente que matou 150 pessoas no início desta semana.

Para autoridades francesas, Lubitz teria deliberadamente acionado o mecanismo de descida do Airbus enquanto sobrevoava os Alpes franceses, fazendo com que o avião se chocasse contra o solo. Os motivos que o levaram a tomar tal atitude, contudo, permanecem desconhecidos.

O piloto, identificado como Patrick S., não estava na cabine na hora do acidente. Gravações mostram que Lubitz teria se trancado do lado de dentro, impedindo o comandante de retornar ao local. Ao perceber o que acontecia, Patrick teria tentado derrubar a porta, mas sem sucesso.

Até o momento, pouco se sabe sobre Lubitz, um jovem alemão de apenas 28 anos. Nascido em uma cidade chamada Montabaur, que fica a cerca de 100 km de Colônia, ele vivia atualmente em Düsseldorf.

Segundo o jornal El Pais, Lubitz obteve a licença para voar em 2010 e foi treinado pela escola da Lufthansa, onde era considerado “bem preparado para o trabalho”. Tornou-se funcionário da Germanwings em 2013 e, com esta empresa, acumulou 630 horas de voo.

Conhecidos do copiloto disseram à agência de notícias AP que ele não aparentava estar deprimido quando renovou sua licença no ano passado. “Parecia feliz de estar trabalhando na Germanwings”, contou um colega, “e me passou uma impressão positiva”.

Sua religião é desconhecida, mas sabe-se que Lubitz não constava em listas de suspeitos de atos terroristas.

Em uma nota de pesar, um clube de aviação alemão da qual era sócio informou que ele se tornou um membro do grupo para “concretizar o sonho de voar. Um sonho que acabou pagando com a vida”.

Fonte: Exame

Curta nossa página no Facebook



Addthis