Temer decide que Plano Nacional de Educação não será prioridade no orçamento de 2018

O governo federal decidiu vetar o artigo da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) que incluía entre as prioridades para 2018 o cumprimento das metas previstas pelo Plano Nacional de Educação (PNE).

A LDO, que estabelece as metas e prioridades do governo para o ano seguinte e orienta a elaboração da lei orçamentária anual, foi sancionada, com vetos, pelo presidente Michel Temer.

Temer vetou um artigo que previa que a alocação de recursos na área de educação deveria ter por objetivo, no Projeto e na Lei Orçamentária de 2018, o cumprimento das metas previstas no PNE.

A razão do veto foi que a medida restringiria a liberdade do Poder Executivo de alocar recursos para a implementação das políticas públicas e reduziria a flexibilidade na priorização das despesas discricionárias em caso de necessidade de ajustes previstos na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), "colocando em risco o alcance da meta fiscal".

Para o coordenador-geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, Daniel Cara, o veto do governo oficializa o descumprimento do PNE.

O Ministério da Educação (MEC) disse que os vetos à LDO não mudam a prioridade da pasta em relação ao PNE. "O MEC tem envidado esforços para cumprir a execução e as metas do Plano Nacional de Educação", informou o ministério, em nota.

PNE
O PNE é uma lei federal, sancionada em 2014, que prevê metas para melhorar a qualidade do ensino brasileiro em um prazo de 10 anos, desde a educação infantil até a pós-graduação.

O texto estabelece 20 metas para serem cumpridas até 2024, das quais oito têm prazos intermediários, que já venceram. A lei também aponta 254 estratégias relacionadas a cada uma das metas e 14 artigos que definem ações a serem realizadas no país.

Um balanço do Observatório do PNE (OPNE) divulgado em junho mostrou que, após três anos de vigência do Plano Nacional de Educação (PNE), apenas 20% das metas e estratégias que deveriam ter sido cumpridas até 2017 foram alcançadas total ou parcialmente

Fonte: Huffpost Brasil

Curta nossa página no Facebook

24 truques para saber se o alimento é fresco ou não

Embalagens bonitas, ofertas atraentes, prateleiras incríveis, tudo nos supermercados tem como objetivo atrair nossa atenção para conseguir, a todo custo, que compremos mais. No entanto, você não deve acreditar em todas as ofertas, já que até mesmo os alimentos mais atraentes podem ser uma enganação.

Preparamos para você uma lista de truques que o ajudarão a selecionar apenas os produtos saborosos e seguros.

Carne
  • Ao selecionar a carne é muito importante prestar atenção à sua cor. A carne em boas condições deve ser vermelha. A de cordeiro também, mas de uma cor mais intensa. A de vitela deve ser rosa e a do porco, rosa pálido.
  • Se a carne for fresca, a qualidade pode ser percebida com o toque. Por isso, a superfície úmida e pegajosa da carne é uma boa razão para evitar a compra do produto. É muito melhor se a carne estiver seca e não grudar nos dedos.

Carne moída
  • A principal característica da carne moída congelada é sua cor. Ela varia do vermelho ao rosa pálido, dependendo da carne. A cor cinza significa que está no balcão há tempos e as manchas escuras, que durante a preparação não usaram carnes tão frescas.
  • No caso da carne congelada, primeiro verifique se está saindo algum suco. Caso contrário, o produto é composto principalmente de tendões e cartilagens e não vale a pena pagar por isso. É melhor comprar a carne moída com suco vermelho, claro, que mostra que está realmente fresca. Ou, se possível, pedir para moer na hora.

Frango
  • Já escrevemos sobre a cor que o frango deve ter. No entanto, mesmo a ave da cor "certa" (rosa) pode ser perigosa para a saúde. Para ter certeza de seu frescor, toque o frango para conferir: a pele deve estar limpa e seca.
  • Lembre-se de que até mesmo um frango fresco pode ser insípido e duro, simplesmente porque é muito velho. Nesses casos, a pele da ave é gordurosa e amarelada. O frango jovem e macio apresenta um aspecto pálido, com escamas visíveis nas pernas.

Embutidos
Às vezes, na mercearia, você pode encontra embutidos com um revestimento da cor branca, como se estivessem sido polvilhados com farinha. Na verdade, não há nada de errado nisso: por si só, essa capa é inofensiva e é simplesmente eliminada. No entanto, se a superfície do embutido também for pegajosa, então você não deve comprá-lo em nenhuma circunstância.

Leite
  • Se o leite é vendido em frascos de vidro, determinar sua qualidade é muito fácil, até mesmo antes de comprá-lo. O leite de qualidade deve ser grosso, da cor branca. Se for observado um tom azulado, saiba que foi diluído em água.
  • Uma outra maneira de verificar sua qualidade é deixar cair uma gota sobre uma superfície plana. Se o leite for natural, não desnatado, a gota praticamente não mudará sua forma e não se espalhará.

Legumes, frutas e bagas congelados
  • Primeiro, verifique a temperatura do mostrador do freezer: você pode vê-lo na tela da geladeira ou em um termômetro em seu interior. Se estiver acima de 18 graus negativos, evite a compra.
  • É possível verificar se os produtos foram descongelados durante o transporte, apenas olhando a embalagem. Se notou traços de formação de gelo ou inchaço, deixe-os de lado.

Pão
O pão bem assado feito de farinha de alta qualidade recupera seu formato facilmente. Tente pressioná-lo e veja se a deformação permanece. Se assim for, o pão foi feito com produtos de má qualidade.

Macarrão
A massa de qualidade feita de trigo duro se diferencia por sua cor dourada ou âmbar. Mas o macarrão muito barato, que se destaca por sua cor branca ou amarela artificial, deve ser evitado.

Arroz
O arroz quebrado é considerado um desperdício da produção, mas às vezes acaba sendo vendido como o comum. Portanto, você deve olhar bem para a embalagem: se vir muitos grãos cortados, pense se vale a pena comprar o produto.

Ovos
  • Para não se confundir ao escolher ovos, traga um deles para uma fonte de luz e dê uma olhada. Se vir manchas escuras em seu interior, o ovo já está danificado e não deve comê-lo.
  • Você pode determinar o frescor dos ovos se agitar um. Se houver muito movimento por dentro, significa que a clara já se tornou aquosa. Você ainda pode comer este ovo, mas é melhor se apressar.

Café
  • Ao comprar café em grãos, experimente mastigando um deles. Deve ser fácil de quebrar, mas seu interior deve estar seco e firme. Se for macio, só podem ser grãos de baixa qualidade.
  • A qualidade do café moído pode ser avaliada pelo seu aroma: deve ser exatamente o mesmo que a dos grãos da mesma variedade. Se o cheiro não parecer natural e for muito forte, é provável que tenham adicionado galhos da própria planta do café ou outros corpos estranhos.
  • Finalmente, o café instantâneo pode ser verificado empiricamente. Despeje 1 xícara do produto em um copo de água fria e espere: o pó de qualidade deve se dissolver sem nem sequer ser preciso mexer o líquido com a colher e certamente não deixará nenhum resíduo.
  • Uma boa dica é verificar se o café possui o selo de segurança da Associação Brasileira das Indústrias de Café.

Açúcar
O açúcar absorve facilmente a umidade e, com o armazenamento inadequado, pode simplesmente ficar úmido. Para verificar isso, simplesmente agite bem o recipiente. O açúcar deve se mover facilmente e não formar bolotas pegajosas.

Óleo
Se observar resíduos na garrafa, não compre o produto. Esse detalhe indica que o óleo pode estar oxidado e pode apresentar um sabor amargo.

Manteiga
  • A manteiga natural sem aditivos tem muita gordura: pelo menos 72,5%. Se a porcentagem for inferior, o fabricante tem de adicionar substâncias como intensificadores de sabor, corantes alimentares e emulsionantes.
  • Embora contenha muita gordura, a manteiga não deixa nenhum vestígio na folha de papel alumínio ou em qualquer outro tipo de embalagem. Se ao abrir a embalagem você perceber manchas brancas nela, será difícil chamar essa manteiga de natural.
  • A cor da manteiga autêntica não é branco puro, mas sim amarelo claro. Qualquer outro tom indica uma composição incorreta e baixa qualidade ou que possui um grande número de corantes alimentares.

Fonte: Incrível

Curta nossa página no Facebook

25 dados interessantes — e assustadores — relacionados com o câncer

1 – Existem mais de 100 tipos de câncer, e qualquer parte do corpo pode ser afetada;

2 – Mais de 30% dos cânceres poderiam ser prevenidos se as pessoas seguissem dietas saudáveis, praticassem algum tipo de atividade física e evitassem o consumo de álcool e o tabagismo;

3 – Um único cigarro contém mais de 4,8 mil compostos químicos — dos quais 69 são cancerígenos;

4 – Não um, mas três “Homens de Marlboro” morreram de câncer de pulmão: Wayne McLaren, David McLean e Dick Hammer;

5 – Mais de 20 mil pessoas morrem de câncer todos os dias no mundo;

6 – Isso significa que o câncer provoca mais mortes anualmente do que a tuberculose, a malária e a AIDS juntas;

7 – Por outro lado, existem 28 milhões de sobreviventes de câncer no mundo;

8 – O índice de mortalidade de doentes de câncer caiu de 215 mortes a cada 100 mil pessoas em 1991 para 172 mortes (em cada 100 mil) em 2010;

9 – Atividades físicas simples como a caminhada podem reduzir o risco do desenvolvimento do câncer de mama em 25%;

10 – Existe um composto da maconha que previne que o câncer se espalhe pelo organismo ao forçar que as células cancerosas “congelem”;

11 – E estudos apontaram que o vinho tinto pode matar células cancerosas;

12 – Pesquisas recentes concluíram que os multivitamínicos podem aumentar o risco do surgimento de doenças cardíacas e câncer;

13 – Uma pesquisa revelou que mulheres mais altas são mais propensas a desenvolver câncer;

14 – Ter os níveis de glicose perigosamente acima do normal pode aumentar o risco de desenvolvimento de câncer em 15%;

15 – O câncer de mama mata 450 homens — sim, homens — anualmente nos EUA;

16 – Existem cães treinados para “cheirar” o câncer — e eles conseguem detectar o de próstata com 98% de precisão;

17 – E falando em câncer de próstata, os homens são 35% mais propensos a serem diagnosticados com essa doença do que as mulheres de serem diagnosticadas com câncer de mama;

18 – As plantas também podem desenvolver cânceres;

19 – A poluição do ar, além de poder causar câncer de pulmão, está associada ao aumento no risco de desenvolvimento de câncer de bexiga;

20 – Os cânceres são, em sua maioria — entre 90% e 95% dos casos —, provocados por fatores ambientais. Apenas 5% a 10% deles são resultados de fatores genéticos;

21 – O consumo de álcool é responsável por 3,5% de todas as mortes de câncer que ocorrem no mundo anualmente;

22 – Estima-se que 10% dos cânceres invasivos estejam relacionados com a exposição à radiação;

23 – Homens que tomam seis ou mais xícaras de café por dia têm suas chances de desenvolver câncer de próstata reduzidas em 20%;

24 – Mas eles devem ter cuidado para não tomar o cafezinho quente demais — uma vez que o consumo de bebidas muito quentes pode aumentar o risco do surgimento de câncer;

25 – Injetar ouro no organismo pode ajudar a combater alguns tipos de câncer.

Fonte: Mega Curioso

Curta nossa página no Facebook

Juazeiro do Norte (CE): Projeto inovador reduz morte de bezerros

Reduzir a quase zero a mortalidade de bezerras. Essa foi a ousada meta estabelecida por um professor universitário antes de implantar um bezerreiro tropical, também conhecido como bezerreiro argentino, na fazenda Mata dos Araçás, neste Município, na região do Cariri cearense. Após um ano e meio da implantação, o resultado foi alcançado. "Antes, a mortalidade das bezerras era de quase 30%, hoje é quase zero", destaca o veterinário e professor universitário, Antônio Nélson da Costa.

O processo, conforme explica Nélson, "é simples". O bezerreiro contém uma sombrite, espécie de tenda negra que garante conforte térmico ao animal, e cabos de aços que dividem os bichos. "Cada bezerra fica no seu próprio espaço. Os bichos não têm contato um com os outros", detalha o veterinário. O benefício, ainda segundo Costa, é a redução do número de doenças entre as bezerras. Antes da implantação desse sistema, os animais eram criados em baias.

"Eles ficavam todos juntos. Comiam e bebiam água em um único ambiente. Então, quando um adoecia, a probabilidade dos demais também ficarem doentes era muito grande", conta o gerente da fazenda, George Freitas. Com isso, a redução da mortalidade declinou. "Nos últimos 16 meses, apenas um animal morreu", acrescenta Freitas.

Os bichos são destinados ao bezerreiro da fazenda, que conta com capacidade para 20 animais, logo nas primeiras horas de vida. O animal é desmamado após seis horas e levado ao local, aonde permanece por três meses, com alimentação especifica e balanceada. O chefe da ordenha, Bruno Alexandre Santos, lembra que esse alojamento é voltado para animais em uma fase bastante delicada, em que estão constantemente sendo desafiados pelo ambiente e baixa imunidade.

Manejo
Apesar da ressalva, Nélson da Costa afirma que, de todos os sistemas utilizados, o uso de abrigos individuais é uma das mais eficazes práticas de manejo, com melhoria na sanidade dos animais durante a fase de aleitamento. Embora seja largamente utilizado no mundo todo, sendo uma das mais populares opções para bezerras, os bezerreiros ainda são uma realidade distante na região. "São apenas dois em todo o Cariri", pontua. Para Costa, a região possui uma das maiores riquezas ambientais de climas e solo para criação de animais; porém, "a mentalidade dos criadores ainda é muito restrita para novas experiências, ainda que de baixo custo e comprovadamente eficazes", critica o docente.

A opção pelo uso dos abrigos individuais tem como principal vantagem, destaca George, a individualização dos animais. O telhado geralmente é feito com uma manta, que age como isolante térmico, diminuindo a incidência de calor. No bezerreiro, a contenção dos animais é feita através de coleiras fixadas ao chão por grampos. "Usamos coleiras de cachorro. Tudo muito prático e barato", destaca Bruno Alexandre. Isso permite a movimentação da bezerra, que pode transitar para o sol ou ao abrigo dela, nos horários de maior incidência dos raios solares.

Futuro
Com a mortalidade reduzida, o próximo passo será implantar, ainda este ano, um projeto já testado em vacas leiteiras da mesma fazenda. Estudantes da Universidade Federal do Cariri (UFCA) irão medir a temperatura do rebanho com o objetivo de identificar o tipo de raça mais apropriada para a região do Cariri e, atrelado a isso, identificar alternativas para reduzir a temperatura corpórea dos bichos. De acordo com o veterinário Nélson, através de vários parâmetros climáticos, a serem coletados por meio de uma câmera termográfica de infravermelho, seus alunos irão identificar o grupo racial mais apropriado para ser criado nas condições climáticas encontradas na região.

Após identificar o grupo racial com melhor adaptabilidade ao clima semiárido, os pesquisadores vão atuar na melhoria estrutural da fazenda, cujo objetivo é garantir a redução climática do rebanho.

ANDRÉ COSTA
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Estes 6 hábitos matinais são capazes de mudar o seu dia todo

1. Tomar um copo de água com limão
Beber um copo de 100 ml de água com a metade de um limão espremido na primeira hora da manhã é uma excelente forma de começar o dia. Enquanto a água contribui para a hidratação do trato gastrointestinal, o limão, com sua ação desintoxicante, ajuda a preparar o sistema digestivo para as primeiras refeições do dia.

2. Esticar-se sem moderação
Além de provocar a sensação de retirada de um peso das costas, reservar alguns minutos pela manhã para alongar diferentes grupos musculares relaxa o corpo, diminui a tensão causada pela má postura e o prepara para as exigências que ele vai sofrer ao longo do dia. 

3. Acordar muito cedo
Pode parecer papo de mãe querendo que o filho durma cedo; mas, não, este é um conselho dado por monges e pessoas bem-sucedidas. Elas não só têm mais controle das primeiras horas do dia ao acordarem antes de o sol raiar, como possuem mais oportunidades de fazer as coisas que são realmente importantes.

4. Meditar em silêncio
Em um mundo com pessoas sofrendo cada vez mais transtornos de ansiedade, dedicar alguns minutos por dia à meditação é como chegar a um oásis no meio do deserto. Essa prática ajuda a reduzir o estresse provocado pela exaustiva rotina diária e a prevenir doenças a ele relacionadas. Se for difícil de manter a concentração no começo, uma boa pedida é prestar atenção na respiração ao som de músicas relaxantes.

5. Comer como um rei
A primeira refeição do dia acumula a importante função de repor a energia gasta durante o sono e reabastecer os estoques de glicose e glicogênio, essenciais para a manutenção do corpo em jejum. Comer bem no café da manhã, no entanto, não significa comer exageradamente, mas sim seguir uma dieta rica em nutrientes e adequada para seu tipo físico.

6. Conectar-se com aqueles que você mais ama
Mais eficaz do que qualquer alimento ou prática esportiva, começar o dia ao lado das pessoas que amamos e dos nossos animais de estimação é a maneira perfeita de dar um pontapé inicial na rotina. Na companhia deles, você pode fazer refeições agradáveis, praticar exercícios físicos, meditar e conseguir incentivo para modificar os seus velhos hábitos. 

Fonte: Mega Curioso

Curta nossa página no Facebook

Prefeito do Crato Zé Ailton Brasil se reúne com Eunício Oliveira para tratar da implantação da Faculdade de Medicina

O presidente do Senado, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), recebeu nesta quarta-feira (09), uma comitiva do Crato liderada pelo prefeito Zé Ailton Brasil que pediu o apoio do parlamentar para conseguir, junto ao ministério da Educação (MEC), a autorização para instalação do curso de medicina na cidade. 

Na semana passada, o presidente do Senado antecipou informação do MEC relacionando cinco municípios cearenses a serem contemplados com a faculdade. Como Crato não estava entre os beneficiados, os representantes resolveram solicitar o reforço de Eunício junto a pasta.

O prefeito do Crato, Zé Ailton, ressaltou as iniciativas de autoria do senador Eunício a favor dos cearenses e pediu apoio para atração do curso de medicina. “Seu apoio é a chave para que esse curso, que foi prometido e nunca saiu, venha a sair e beneficiar nossa região”, disse.

O presidente do Senado acrescentou ainda que independentemente de filiação partidária, trabalhará sempre pelos cearenses que mais necessitam e jamais deixará de atuar por aqueles que solicitam seu apoio. “Não pensem que eu me dei por satisfeito com esses cinco cursos já autorizados pelo ministério. A nossa intenção é trabalhar para que o ensino superior de qualidade seja ampliado no interior do Ceará beneficiando muitos outros municípios”, garantiu.

Eunício elogiou a comitiva que resolveu unir todas as forças políticas em torno de um único objetivo. “Essa luta ainda não acabou. E eu fico muito feliz que você todos se uniram, independente do interesse pessoal de cada um, por causa de uma missão que é muito maior: melhorar a educação superior do nosso Ceará”, parabenizou.

O senador cearense finalizou o encontro afirmando que atuará para que um novo edital seja publicado. “Vocês terão o meu compromisso para lutar, e conseguir, nem que seja a publicação de um novo edital. Independe de qualquer coisa, de qualquer posicionamento político, vocês podem contar com meu apoio integral”, finalizou. Eunício citou várias vezes as questões de posicionamento político por muitos ali não fazerem parte do mesmo grupo político o qual o peemedebista faz parte.

Até agora, o MEC confirmou o lançamento de um edital autorizando a instalação do curso de medicina nas cidades de Iguatu, Itapipoca, Quixadá, Crateús e Russas.

Curta nossa página no Facebook

Juazeiro do Norte (CE): Aeroporto pode ir para a iniciativa privada

Após a concessão do Aeroporto Pinto Martins, em Fortaleza, considerada bem-sucedida pelo governo federal e por especialistas da área de aviação, o Aeroporto Orlando Bezerra de Menezes, em Juazeiro do Norte, deverá ser incluído em um dos três lotes de terminais que serão concedidos à iniciativa privada. A informação foi dada ontem (8) pelo ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella, durante audiência na Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado.

Ele informou que o conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) vai analisar no próximo dia 23 de agosto a proposta de concessão de aeroportos que hoje são administrados pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). Segundo Quintella, esses aeroportos devem ser leiloados em blocos, que terão terminais superavitários e deficitários. "A primeira e a segunda rodada de concessões tirou da Infraero o filé. A perspectiva a partir de agora é fazer concessões em bloco: aeroportos superavitários com deficitários. Para quem levar o filé levar o osso também", assegurou.

Só essas concessões deverão engordar o caixa federal em R$ 4,1 bilhões em taxas de outorga, numa estimativa preliminar. Os investimentos estão estimados em R$ 6,7 bilhões.

Lotes
O lote do Sudeste reunirá os aeroportos Santos Dumont (RJ), Vitória (ES) e Pampulha (MG) e outros menores: Macaé e Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, e Carlos Prates, em Minas Gerais.

Haverá um bloco no Nordeste, composto por Recife e Petrolina (PE), Maceió (AL), João Pessoa e Campina Grande (PB), São Luís e Imperatriz (MA), Teresina e Parnaíba (PI), Aracaju (SE), Juazeiro do Norte (CE) e Paulo Afonso (BA). No entanto, ainda está em discussão se o pacote englobará todos eles ou apenas alguns. Outro bloco no Centro-Oeste, inclui Cuiabá, Sinop, Barra do Garça e Alta Floresta, todos em Mato Grosso.

Em nota, o Ministério dos Transportes informou que "o governo estuda a possibilidade de novas concessões aeroportuárias. Porém, a definição de formato de concessão, ainda não está fechada. No final de agosto, o Ministério vai encaminhar estudos técnicos para serem avaliados pelo Programa de Parcerias e Investimentos (PPI), responsável pela política de concessões do governo federal".

Privatização
O ministro dos Transportes negou durante a audiência na Comissão que o governo federal tenha planos de privatizar a Infraero. Ele admitiu, contudo, a possibilidade de abrir parte do capital da empresa. Segundo Quintella, o governo estuda medidas a serem tomadas para resolver os problemas da empresa, que acumula prejuízos bilionários nos últimos anos. Além da venda de parte da Infraero para a iniciativa privada, está em pauta a criação de uma nova estatal para ficar com os ativos da Infraero ligados à área de navegação e que se chamaria Nav Brasil.

"O que vem causando intranquilidade nos servidores é a notícia de que a Infraero seria totalmente privatizada. O governo federal jamais anunciou que a empresa seria privatizada. Para o governo ela é absolutamente estratégica e precisa ser, do ponto de vista financeiro, recuperada. E é isso que estamos fazendo", disse o ministro.

Ele também não descartou a hipótese de se vender mais de 50% da empresa. Nesse caso, a Infraero ganharia mais flexibilidade administrativa, pois suas compras não ficariam atreladas às regras da Lei nº 8.666, que trata das licitações no setor público, explicou o ministro. A expectativa é que, com abertura de capital, a gestão da Infraero melhore e a empresa se modernize tecnologicamente.

Após registrar prejuízo de cerca de R$ 3 bilhões entre 2013 e 2015, além de R$ 750 milhões, no ano passado a Infraero deve lucrar neste ano R$ 400 milhões. O resultado operacional deste ano se deve à nova governança implementada na empresa com cortes, reduções e melhoria da receita comercial.

Viracopos
A inclusão do aeroporto de Viracopos para nova licitação ainda depende de análise jurídica sobre os procedimentos da devolução. O governo corre para editar um decreto tratando dos procedimentos para poder inscrever o aeroporto para um novo leilão. O ministério também vai propor a inclusão no programa de concessões de um trecho rodoviário da BR-364 entre Porto Velho (RO) e Comodoro (MT) e 18 terminais portuários.

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Camilo Santana sanciona lei que equipara salários de policiais civis do Ceará aos do Nordeste

O governador Camilo Santana sancionou nesta segunda-feira (7) o projeto de lei que estabelece o pagamento da média salarial do Nordeste aos policiais civis do Ceará. O governo também autorizou o adicional de trabalho para cabos e soldados da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, aumentando os subsídios das categorias.

As medidas foram aprovadas pela Assembleia Legislativa no último dia 18 de julho e serão publicadas no Diário Oficial do Estado. O benefício para a Polícia Civil inclui escrivães e inspetores.

Segundo o Governo do Estado, os policiais civis poderão receber até R$ 6.275,51 a partir de janeiro de 2018, com o teto chegando a R$ 6,8 mil em dezembro do mesmo ano.

A estipulação da média do Nordeste para os policiais civis segue o mesmo padrão já concedido pelo Governo do Ceará aos militares. Há pouco mais de um ano, os policiais civis receberam aumento remuneratório que elevou os subsídios em média de 25% e remodelou a carreira do policial Civil. Com isso, criou subgrupos dentro do Grupo Ocupacional Atividade de Polícia Judiciário.

"Temos feito um esforço, mesmo nos momentos de dificuldades, para priorizar as áreas mais importantes para os cearenses, entre elas a segurança. Essa é mais uma demonstração do Governo do Ceará para melhorar as condições de trabalho dos nossos policiais”, disse o governador Camilo Santana.

Adicional por Serviço Militar
A sanção da mensagem que cria o adicional por atividade de execução de serviço militar vai beneficiar cabos e soldados da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar. O governo ampliou os ganhos que eram de aproximadamente 3% e 7%, respectivamente, para cerca de 10% e 14%.

O adicional será concedido aos profissionais, inclusive quando estiverem cedidos ou gozando de afastamentos do serviço legalmente considerados de efetivo exercício.

Fonte: G1 CE

Curta nossa página no Facebook

Golpe clona celular e usa o WhatsApp para pedir dinheiro em seu nome

Os crimes digitais estão cada vez mais sofisticados e causando dor de cabeça entre as vítimas. O golpe da vez agora é a invasão de contas no WhatsApp e pedidos de dinheiro emprestado depois que a linha telefônica é "sequestrada". E o pior: os criminosos fingem ser as vítimas para pedir o empréstimo, amenizando qualquer desconfiança.

O processo todo começa com um golpista que consegue clonar uma linha móvel. A vítima fica sem sinal, enquanto o criminoso "toma conta" do número. Durante este período, o farsante entra no WhatsApp se passando pela pessoa e pedindo dinheiro emprestado para amigos. 

Criminoso se passa por amigo
O advogado José Carlos Rizk Filho, de Vitória (ES), foi uma das vítimas do golpe. Há pouco mais de cinco dias, ele leu uma mensagem -- supostamente-- de um amigo num grupo perguntando se alguém tinha uma conta no Banco do Brasil.

Ao responder que era correntista do banco, Rizk Filho recebeu uma mensagem privada com um falso relato de que o amigo precisava fazer uma transação bancária, mas que o seu limite para aquele dia estava excedido.

"Ele me solicitou R$ 1.500 e disse que me devolveria no outro dia. Fiz a transação, mas a sorte foi que o sistema de segurança do banco travou. Fui na minha agência para ver o que tinha acontecido e soube que era um golpe", lembrou o advogado. "Entrei em contato com meu amigo e disse que o celular dele havia clonado".

Segundo o advogado, o amigo fez um B.O. (Boletim de Ocorrência) e vai abrir uma ação contra a operadora. Infelizmente, um conhecido conseguiu concluir a transferência e perdeu R$ 900.

Para ele, o novo golpe é extremamente bem articulado, pois é muito difícil alguém desconfiar que é outra pessoa se passando por você. "Você cai porque acha que [o pedido] é do seu amigo, seu pai, irmão. Agora, o que vou fazer é sempre ligar para a pessoa se ela me pedir ajuda por mensagem".

Procurada pela reportagem, o SindTeleBrasil (Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviços Móvel Celular e Pessoal), afirmou, por meio de nota, que as operadoras fraudadas também são vítimas e que ações criminosas devem ser apuradas e punidas pelas autoridades competentes. Além disso, ressaltou que as prestadoras estão sempre investindo em sistemas de segurança.

Casos investigados
A Polícia Civil do Espírito Santo, por meio da Delegacia de Repressões aos Crimes Eletrônicas (DRCE), informou que dois casos estão sendo investigados no Estado. O órgão investiga ainda se há participação de funcionários de empresas de telefonia no golpe. Em um dos casos, uma servidora pública transferiu R$ 900 reais para a conta dos criminosos achando que estava ajudando uma colega.

"São dois casos, mas dezenas de pessoas foram envolvidas. Tanto as vítimas que tiveram o seu celular clonado quanto as pessoas que fizeram as transferências", informou um representante da DRCE.

De acordo com a pasta, o criminoso consegue clonar o número de telefone da vítima e usa essa linha para acessar a conta de WhatsApp. O número original para de funcionar por um tempo e é nessa hora que eles aplicam o golpe. Depois de um tempo, a linha telefônica é devolvida, mas o estrago já pode ter sido grande.

Em um alerta divulgado no último dia 4, o órgão destacou que o golpe estava sendo recorrente em todo o Brasil. 

Como forma de ajudar evitar o problema, a DRCE aconselha os usuários a usarem a autenticação em dois fatores no WhatsApp. Basicamente, o sistema do aplicativo usa duas formas diferentes para validar o acesso do usuário no serviço.

Uma vez habilitado, você precisa digitar uma senha de seis dígitos. O sistema usará então essa senha e o código enviado via SMS para ativar ou reativar sua conta no WhatsApp.

Veja como fazer:
  • Entre nas configurações do aplicativo e selecione o campo "conta";
  • Procure pela opção "verificação em duas etapas" e ative;
  • O serviço pedirá uma senha de seis dígitos (obrigatória) e um endereço de e-mail (opcional); E, pronto! O WhatsApp sempre pedirá essa senha quando o seu número de telefone for registrado novamente no aplicativo. 

Fonte: UOL

Curta nossa página no Facebook

Juazeiro do Norte (CE): Letreiro 'hollywoodiano' causa polêmica

Quem olha para o alto da Colina do Horto, neste Município, o maior do interior cearense, avista de quase todos os pontos da cidade a imponente estátua do Padre Cícero, religioso responsável pela fundação da cidade. Em breve, porém, o monumento, que se constitui no terceiro maior do mundo em concreto, esculpido por Armando Lacerda, não mais reinará sozinho na Colina, tido como local sagrado pelos devotos romeiros. O Governo do Estado, através da Secretária das Cidades, divulgou o resultado do edital que escolheu a empresa responsável pela construção de um letreiro, na Serra do Catolé, no Horto.

Ao estilo hollywoodiano, o letreiro com placas de aço estampará a frase "Juazeiro, Capital da Fé". A altura da estrutura metálica do letreiro é de aproximadamente 15 metros, enquanto a largura é de 8,2m. Cada letra terá 14 metros de altura e 8,2 m de comprimento. A obra, a ser gerida pela empresa Salinas Empreendimentos e Construções Ltda, vencedora da licitação, vai custar aos cofres públicos mais de R$ 1,5 milhão, e tem prazo de conclusão de dez meses, a partir da assinatura da ordem de serviço. Ao todo, o investimento, incluindo o acesso ao letreiro é de R$ 1.998.170,90.

Idealizado no ano de 2009, pelo radialista Aluísio Nery, o projeto divide opiniões. Num momento de austeridade econômica, destinar mais de R$ 1,5 mi é visto, por alguns, como "desnecessário". A psicóloga Maria do Carmo Forti, em artigo escrito logo após o letreiro ter sido ventilado, considera o que ela chama de marketing "caro em dinheiro e barato e pobre em sentido e espiritualidade". Conforme analisou, o dinheiro poderia ser empregado no reflorestamento do próprio Horto, ou até mesmo na despoluição do Rio Salgadinho.

A religiosa Irmã Annette Dumoulin também é reticente com a construção do letreiro por considerar o "Horto e Santo Sepulcro lugares sagrados". Na sua visão, as obras irão "matar e dessacralizar a originalidade e a riqueza de Juazeiro". Para o Secretário de Turismo e Romaria de Juazeiro do Norte, Júnior Feitosa, o letreiro "chega em um momento de grande importância para a região".

Feitosa recorda que "obras desse tipo estão ocorrendo em várias cidades do Brasil e se equiparam aos monumentos já existentes". Ainda conforme o secretário, "o letreiro atrai mais turistas, fomenta a economia o turismo, além de reforçar a identidade da cidade, tornando-se mais um cartão postal".

Aluísio compartilha da mesma opinião de Júnior Feitosa. Para ele, "qualquer investimento que seja destinado em benefício ao turismo religioso não pode ser considerado alto, pois o retorno, não só para a cidade de Juazeiro, quanto para a região, será muito maior". A inspiração de Aluísio para o letreiro é simples. "Sofro de insônia e assisto a muitos filmes à noite. Em uma dessas madrugadas, passou um filme americano com o letreiro de Hollywood. Achei aquele cenário parecido com a Colina do Horto e pensei que seria bonito algo semelhante na Colina", detalhou. Em alguma medida, o Mount Lee, em Hollywood, lembra o cenário de Juazeiro do Norte. "Os dois são como uma cordilheira que se estendem por centenas de metros formando uma divisa natural", pontua.

Investimentos
A Colina do Horto, um dos pontos mais visitados da cidade, em breve ganhará outro atrativo. A construção de um bondinho que teve seu projeto aprovado no semestre passado pelo governador do Estado Camilo Santana dever impulsionar o número de visitantes. Além da construção do teleférico, o Horto passará por revitalização. "Essa será uma obra importantíssima para o Horto. Vai melhorar a acessibilidade, trazer mais conforto e segurança para os romeiros e alavancar ainda mais o turismo em toda a região do Cariri", destacou Camilo. O projeto foi orçado em R$ 14 milhões.

Segundo Arnon Bezerra, prefeito de Juazeiro, a cidade se tornará mais atrativa, além de ver fortalecido o turismo regional, também despertando as potencialidades das outras cidades da região. "Queremos que o romeiro demore mais em Juazeiro do Norte, visite as cidades e comece a dar vazão ao potencial que temos", diz. Com isso, destaca o gestor municipal, "haverá fortalecimento da economia e consequentemente o desenvolvimento local e do Cariri".

ANDRÉ COSTA
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Governador Camilo Santana convocará 1,4 mil policiais militares

O governador do Ceará, Camilo Santana, anunciou nesta terça-feira (8) que fará a convocação de 1,4 mil policiais militares para atuar nas ruas. Os convocados fazem parte da terceira turma de aprovados em concurso público para ingressar na Polícia Militar. A convocação ocorrerá na segunda-feira (14).

"Já convoquei a segunda turma e agora estou antecipando a terceira, que seria chamada só no ano que vem, para que a gente possa ter um efetivo maior da polícia trabalhando na segurança do nosso Estado. Ao todo, teremos mais 4.200 homens para defender o povo cearense", afirmou.

O anúncio foi feito em uma conversa do governador com internautas pelo Facebook.

Atualmente, os 2.800 integrantes das duas primeiras turmas do concursos estão em aulas na Academia Estadual de Segurança Pública. Os primeiros 1.400 têm previsão de término do curso de formação para setembro.

Os 4.200 agentes representam um acréscimo de 25,7% ao efetivo da PMCE e serão responsáveis pela ampliação de novas unidades do Batalhão de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) no Interior e Região Metropolitana de Fortaleza, e na redistribuição de policiais nas ruas.

Fonte: G1 CE

Curta nossa página no Facebook

Juazeiro do Norte (CE): Presos de facções criminosas rivais se rebelam na Penitenciária do Cariri

Detentos da Penitenciária Industrial Regional do Cariri (PIRC), neste Município, se rebelaram na manhã desta terça-feira (8) contra um grupo de internos da facção criminosa Comando Vermelho. De acordo com a Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado, a rebelião iniciou por volta das 9h30 e não deixou nenhum preso ferido. Segundo Carlos Eduardo de Brito, diretor do Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindasp-CE), presos de três vivências da unidade prisional (2, 3 e 4) quebraram celas e pularam os muros em direção a outra vivência, conhecida como Bopil, “onde se encontravam os detentos de uma facção rival”.

Ainda conforme o diretor do Sindasp, a rebelião foi contida, inicialmente, por 16 agentes penitenciários que estavam de plantão, com apoio de uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). “Nossa penitenciária fica muito distante da área central. Não podíamos simplesmente esperar o reforço policial para só depois agirmos. Nossa função é zelar a integridade do preso”, conta. Os internos do Comando Vermelho (CV) foram isolados em outra área da Pirc até a chegada de policiais do Comando Tático Rural (Cotar) e Força Tática de Apoio.

Precariedade
Brito destaca o “heroísmo” dos agentes penitenciários que atuaram “com total precariedade de material de trabalho”. Segundo afirma, dos 40 agentes que participaram da contenção da rebelião, incluindo profissionais que estavam de folga e de outras unidades, apenas dez possuíam armas não letais.

“Foi um ato de heroísmo. Muitos agentes tiveram que utilizar armas particulares, para proteger a própria vida, embora não tenha sido preciso efetuar nenhum disparo contra os detentos. Os agentes que possuíam armas não letais tinham poucas munições e muitos utilizaram coletes vencidos”, criticou Brito. Durante a ação, alguns agentes penitenciários ficaram levemente feridos. “Nada grave, apenas escoriações. Os presos da Bopil jogaram pedras e paus”, acrescenta.

Transferência
Sessenta e sete presos da facção criminosa Comando Vermelho foram transferidos, ao fim da noite, para a Cadeia Pública de Juazeiro do Norte, de acordo com a Sejus. Após o controle da rebelião, os agentes penitenciários, com apoio da Polícia Militar, realizaram revistas nas celas. “Encontramos inúmeros cossocos, que são armas de fabricação artesanal, paus e muitas barras de ferro”, detalhou Carlos Eduardo. De acordo com a Sejus, outra motivação da rebelião seria uma tentativa de fuga. Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria, “internos de duas vivências tentaram efetuar fuga pela parte superior da unidade após quebrarem celas e queimarem colchões”.

ANDRÉ COSTA
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Aprovada a extinção do Tribunal de Contas dos Municípios

Os deputados estaduais cearenses  aprovaram a Proposta de Emenda à Constituição do Estado, acabando com o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Nesta segunda votação, 30 deputados votaram a favor da emenda constitucional contras 9, que defendiam a permanência do Tribunal.

Agora, para que o Tribunal de Contas do Estado (TCE) assuma todos os processos do TCM só depende da promulgação da emenda constitucional que pode acontecer nas próximas horas, pela Mesa Diretora da Assembleia.

Os sete conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios ficam em disponibilidade e até podem ir para o Tribunal de Contas do Estado, na medida que forem surgindo vagas de conselheiro. Todos os servidores efetivos do TCM irão compor os quadros do TCE.

Após a promulgação da emenda, o atual presidente do TCM, Domingos Filho, garante que a Associação dos Tribunais de Contas do Brasil ajuizará uma Ação Direta de Inconstitucionalidade, como aconteceu quando foi votada a primeira emenda constitucional, com o mesmo objetivo, em dezembro do ano passado, oportunidade em que a ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal concedeu uma liminar suspendendo os seus efeitos, garantindo o funcionamento do TCM até aqui.

Brasil só terá 3 estados com TCM`s
De autoria do deputado Heitor Férrer (PSB), a matéria começou a tramitar na Casa em 17 de maio e foi aprovada em primeiro turno no último dia 20 de julho por 32 a 8. “No Brasil, 23 estados não possuem TCM”, questionou Heitor Férrer. Apenas Bahia, Pará e Goiás seguirão com tribunais para analisar as contas dos municípios.

Ainda segundo Heitor, o TCM do Ceará custa, por ano, R$ 126 milhões aos cofres públicos, mais do que o Tribunal de Contas do Estado (TCE) de várias Unidades Federativas do País.

Liminar do STF derrubou votação de dezembro; entenda
A PEC votada hoje é a segunda apresentada nesta legislatura. A primeira – aprovada em 21 dezembro por 31 votos a favor, 9 contra e uma abstenção, foi suspensa pelo Supremo Tribunal Federal, em caráter liminar.

Na decisão, a ministra Cármen Lúcia considerou o argumento relativo a velocidade incomum, de 13 dias, em que a emenda constitucional foi votada, com regime de urgência e sequência de sessões de primeiro e segundo turno sem intervalo.

EDISON SILVA
EDITOR DE POLÍTICA

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Temer estuda aumento da alíquota do Imposto de Renda

O presidente Michel Temer (PMDB) afirmou nesta terça-feira (8) que há estudos sendo feitos para o aumento da alíquota do Imposto de Renda (IR), mas que não há nada definido. A equipe econômica quer aumentar a arrecadação - até junho, o déficit das contas do governo era de R$ 56,092 bilhões.

“Há estudos, há dos mais variados estudos. São estudos que se fazem rotineiramente. A todo momento estão fazendo planejamento nos setores da economia, eles fazem esses estudos. São estudos que estão sendo feitos, mas nada decidido”, disse o presidente após cerimônia de abertura da Fenabrave em São Paulo.

Parte da equipe econômica decidiu tirar da gaveta projetos de aumentos de impostos. As ações vão desde criar uma nova alíquota de Imposto de Renda para as pessoas físicas (que poderia chegar a 35%), passar a cobrar IR sobre lucros e dividendos e até rever desonerações. As medidas precisam ser aprovadas pelo Congresso por meio de projeto de lei e teriam efeito sobre as contas de 2018.

De acordo com o jornal "O Globo", há pouco fôlego do presidente para conseguir concretizar medidas impopulares como essa, e a que teria "maior potencial de arrecadação seria a instituição de uma tributação sobre lucros e dividendos, superando R$ 10 bilhões".

No mesmo evento, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), falou que "o Brasil não aguenta mais pagar impostos". "O Brasil não aguenta mais a ineficiência do estado brasileiro. O Brasil precisa que todos nós, juntos, tenhamos a coragem de reconstruir todos os males que foram feitos nos últimos anos”, disse.

Medidas que voltaram à mesa de discussão:
  • Criação de uma nova alíquota de imposto de renda para pessoa física – que poderia variar de 30% a 35% para salários acima de R$ 20 mil
  • Cobrança de Imposto sobre os Dividendos – os rendimentos de empresas que declaram sobre o lucro presumido
  • Revisão de desonerações
  • Regimes especiais, como o reintegra, que concentra os benefícios em um pequeno número de empresas

Reformas
Após ganhar uma sobrevida política com o apoio da Câmara, Temer retomou pessoalmente nesta terça a campanha pública pela aprovação da reforma da Previdência Social.

Em discurso na cerimônia de abertura do 27º Congresso & ExpoFenabrave, na capital paulista, o presidente afirmou que aprovar a reforma neste momento é uma maneira de assegurar que haverá aposentadorias sociais no futuro.

"Fazer a Previdência reformada hoje é ter Previdência para o futuro. É prever o futuro. Esta é a ideia da Previdência. Ou seja, em um país em que este ano o déficit previdenciário é de R$ 184 bilhões e, no ano que vem, de R$ 205 bilhões, se nós não fizermos essa reforma, será dificílimo enfrentar os próximos anos", ressaltou Temer no evento organizado pela federação dos bancos para discutir tecnologia da informação das instituições financeiras.

Rodrigo Maia (DEM-RJ) também defendeu as mudanças - ele disse em discurso que o “coração das reformas” que o país precisa é a da Previdência e que só ela poderá “acabar com os privilégios”.

“É por isso que eu tenho defendido com muita clareza que o coração de todas as reformas é a reforma da Previdência. Não porque nenhum de nós queira ou porque nós estamos tirando o direito do trabalhador brasileiro, mas nós precisamos acabar com os privilégios no Brasil”, disse. “Os privilégios, tanto do setor público quanto do setor privado, que nós sabemos, se beneficiam do estado brasileiro, e não querem mudanças”, completou Maia.

Maia também criticou o que chamou de “ineficiência do estado brasileiro” e afirmou que o país “não aguenta mais pagar impostos”. Ele defendeu que após a reforma tributária se diminua o tamanho do estado.

“Esse tem que ser o objetivo dos políticos no Brasil: reduzir o tamanho do estado, garantir segurança jurídica para que vocês (empresários) possam produzir e gerar emprego pra população brasileira”, declarou.

Fonte: G1 CE

Curta nossa página no Facebook

Preço dos combustíveis tem grande variação de preço no Interior

A livre concorrência, associada aos custos de cada posto, essa é a justificativa do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do Estado do Ceará (Sindpostos), para a variação de até R$ 0,74 por litro de gasolina, combustível automotivo mais consumido no País, nos postos do Ceará. Todavia, sobre as políticas de preços aplicadas pelos seus associados, o Sindpostos não se manifesta. Em nota, respondeu não ter a visão de formar nem informar preços, pois o mercado dos combustíveis é livre e se auto-regula de acordo com a concorrência entre seus agentes.

Logo após o aumento da alíquota do PIS/Cofins, no dia 22 de julho, o Diário do Nordeste divulgou o aumento do preço dos combustíveis no Interior do Ceará. No dia seguinte, a gasolina já era vendida a até R$ 4,29. Dois dias depois o consumidor já estava pagando até R$ 4,70 pelo litro, em Morada Nova, no Vale do Jaguaribe. Entretanto, na cidade é possível economizar até R$ 0,74 por litro. No Auto Posto São Luiz, custa R$ 3,959. A coleta de preço é Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Sobre a guerra nas bombas um empresário com mais de 20 anos de experiência no comércio de combustíveis explicou não haver mistério e nem mágica para a diferença de preço entre os concorrentes. A habilidade empresarial conta a partir de saber onde reduzir os custos, como a mão de obra, energia elétrica e manutenção do estabelecimento. Todavia, o preço dos combustíveis repassado pelas distribuidoras e até por quem opta por bandeira branca, é um só, embora a ANP aponte variação de até R$ 0,10. Quem faz esse controle é a Petrobras, destaca.

Quem estiver praticando preços menores está se arriscando ou precisando de fluxo no caixa, para pagar as contas, entretanto, mais cedo ou mais tarde, precisará desembolsar esse ônus, quando for obrigado a pagar os impostos. Essa dívida, o governo não perdoa. Se o proprietário do posto não paga, é obrigado a fechar seu estabelecimento e ainda pode responder na Justiça por sonegação. O consumidor ganha, por um determinado período, mas, dentro de algum tempo, também vai acabar pagando a conta, acrescenta.

Outra estratégia é a compra do combustível noutros Estados. É o caso do Rio Grande do Norte. Um dos pontos de venda mais procurados pelos empresários é o de Guamaré, na microrregião de Macau, a 176Km da capita, Natal. O Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) do Estado vizinho é de 12,5% enquanto o aplicado no Ceará é 27,5%, uma diferença de 15%. Os caminhões-tanque podem cruzar a fronteira estadual sem problema, todavia, a Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz) vai acabar cruzando os dados e cobrando a diferença.

Sobre a diferença acentuada de preços entre os postos de combustíveis, o coordenador de Fiscalização do Programa de Defesa do Consumidor (Decon) do Ceará, Ian Sarmento, informou não haver interferência do órgão estadual por se tratar de uma livre disputa de comércio. Por outro lado, estão sendo realizadas fiscalizações para detecção da prática de preços abusivos, da elevação sem justa causa. Os proprietários foram notificados. Em um deles, a diferença chegou ao valor de R$ 1. Como ainda está na fase de análise, o nome do estabelecimento não foi divulgado.

O representante do Decon acrescentou o reajuste sobre os preços de estoque dos combustíveis como a prática irregular mais comum detectada após o reajuste dos impostos federais.

Os consumidores de 14 cidades do Interior do Ceará - Beberibe, Canindé, Crateús, Crato, Icó, Iguatu, Ipu, Itapipoca, Juazeiro do Norte, Limoeiro do Norte, Morada Nova, Quixadá e Sobral - e ainda Caucaia e Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza e da própria capital podem acompanhar a variação dos preços da gasolina no Sistema de Levantamento de Preços da ANP, no endereço www.anp.gov.br/preco. Além do valor mínimo e máximo, é possível saber os nomes e os endereços dos postos em cada cidade.

Desde que o preço dos combustíveis teve alta, na segunda quinzena de julho, os postos de combustíveis na região Norte aplicaram preços parecidos em suas bombas. Em Viçosa do Ceará, na Serra da Ibiapaba, os quatro postos instalados operam com preços semelhantes, cobrando R$ 4,29, pelo litro de gasolina. Antes, havia uma pequena diferença, num dos postos, que passou a cobrar R$ 0,20 a menos, pelo mesmo combustível, que custava R$ 3,99.

Mais em conta
Em Sobral, também no Norte do Estado, buscar por um abastecimento com o preço mais abaixo da média de R$ 4,19, aplicada na cidade, para algumas pessoas, se transformou numa atividade corriqueira, ao longo da semana. Que o diga o vendedor Francisco Estevão Sampaio Júnior, que tem circulado pelos estabelecimentos, nos últimos dias, em busca de preços que não pesem tanto no bolso. A pesquisa valeu à pena, segundo o vendedor. Eu descobri, num bairro próximo do Centro, um posto que cobrava a mesma média dos outros (R$ 4,19), mas baixou para R$ 4,12. Então passei a abastecer aqui", comemora.

Como o repasse para as bombas é livre, cabendo a cada estabelecimento calcular sua média de reajuste, em postos do Centro, a gasolina saltou de R$ 3,83, para R$ 4,19, preço aplicado em mais dois estabelecimentos, no entorno do Centro. A média diferença ficou entre R$ 0,42 e R$ 0,40, o que fez o empresário Português Antônio Gomes Samuel evitar utilizar o carro com mais frequência. Ao longo da semana, o veículo de passeio foi substituído pela motocicleta, mais econômica. "Nesses 12 anos no Brasil, eu acho os impostos um absurdo, ainda mais abusivo em relação à gasolina, em comparação com um País que não produz, como Portugal", diz.

Segundo dados do Sistema de Levantamento de Preços da Agência Nacional de Petróleo e Gás, a média aplicada entre os 13 postos, no que se refere a gasolina cobrada em Sobral ficou entre R$ 13,70 e R$ 13,87. A pesquisa, que se refere a dados coletados até o dia 29 de julho.

ALEX PIMENTEL/MARCELINO JÚNIOR
COLABORADORES

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

A Ciência comprova: veja 8 estudos que mostram os benefícios da cerveja

Ninguém vai conseguir convencer os apreciadores de uma boa cerveja de que o consumo desse líquido está errado. De fato, os beberrões têm cada vez mais certeza de que o líquido é benéfico para a sua saúde, mesmo que muitos tentem desencorajá-los a tomar, alegando que pode fazer mal e “causar peitinhos”.

Com ajuda do site Cool Material, trazemos uma lista com 08 estudos científicos que comprovam os verdadeiros benefícios que uma “gelada” pode te proporcionar.

Mas calma lá: as vantagens são comprovadas mediante consumo moderado da bebida. Então, não adianta exagerar, porque tudo o que é em excesso acaba trazendo prejuízos. Ah, para aqueles que não gostam de cerveja, mas apreciam outras bebidas alcoólicas, temos um bônus contando alguns dos benefícios de outros produtos. Confira:

Ossos fortes
Não só a cerveja, mas também o vinho tinto pode contribuir para o fortalecimento dos ossos. Isso acontece devido a alguns ingredientes presentes nessas bebidas, e não somente ao álcool em específico, já que o mesmo estudo, publicado no International Journal of Endocrinology, constatou que bebidas quentes e mais fortes não possuem o mesmo efeito. O consumo desses itens aumenta a densidade dos ossos. Além disso, os pesquisadores também descobriram que o silício presente na cerveja, de maneira moderada, pode afetar a formação óssea.

Ajuda a bloquear a inflamação
Que tal substituir os anti-inflamatórios por algumas cervejas? Bem, estudos recentes mostraram que o lúpulo presente na bebida, além de muitas vezes ser o responsável pelos aromas tão atrativos aos amantes do produto, também possui propriedades que combatem as inflamações. A constatação dos pesquisadores é que, entre os efeitos dos diferentes tipos de lúpulo, o consumido na cerveja age nos compostos que causam esse problema.

Pode ajudar a prevenir o câncer
Segundo um estudo conduzido pelo Centro de Pesquisas do Câncer da Alemanha, o composto xanthohumol, presente no lúpulo da cerveja, bloqueia reações químicas que dão origem, principalmente, ao câncer de próstata. A mesma pesquisa também sugere que o mesmo elemento pode ajudar a diminuir os riscos de câncer de mama nas mulheres.

Coração forte
Tomadores moderados de cerveja tendem a ter 31% menos risco de desenvolver uma doença cardíaca. Esse dado foi ressaltado pela Fundação Italiana de Pesquisa e Tratamento de Câncer. Porém, o único problema é que quantidades exageradas acabam diminuindo as vantagens. Uma cerveja, com teor alcoólico de 5%, por dia é suficiente para que os consumidores tenham um coração menos propenso a adoecer. Agora, para os tomadores, o difícil é respeitar aquele convite do “vamos tomar uma” e não consumir 4, 5 garrafas ou mais, não é mesmo?

Evita a formação de pedras nos rins
Tomar cerveja ou vinho diminui de 33 a 41% a chance de desenvolver cálculo renal, de acordo com um estudo publicado no Jornal Clínico da Sociedade Americana de Nefrologia. A má notícia fica para os tomadores de refrigerante: segundo a mesma pesquisa, as pessoas que costumam tomar essas bebidas cheias de açúcar são 23% mais suscetíveis a ter esse problema do que aquelas que não consomem esse tipo de produto.

Ajuda a digestão
A cerveja é repleta de ingredientes com propriedades digestivas. Eles estimulam a produção de ácido gástrico e enzimas pancreáticas, além de exercerem diversas outras funções. A conclusão é de um estudo publicado no Jornal de Química da Agricultura e Alimentos e mostra que o ideal é consumir a bebida após as refeições — não antes nem durante.

Previne o desenvolvimento de Alzheimer
Tomadores de cerveja têm uma chance 23% menor de desenvolver o mal de Alzheimer ou demência do que aqueles que não bebem. Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Loyola, em Chicago, nos Estados Unidos, sugere que o silício presente na bebida protege o cérebro de substâncias suspeitas de causar esse tipo de doença. Segundo os cientistas, o colesterol da cerveja também reduz o risco desses distúrbios.

Emagrece
Um estudo recente, publicado pelo Jornal do Metabolismo da Célula, mostrou que uma molécula presente na cerveja atua na prevenção de obesidade e diabetes. A nicotinamida riboside, como é conhecida, também é chamada de “molécula milagrosa” e previne contra o ganho de peso. A pesquisa foi realizada com ratos, e aqueles que foram alimentados com a molécula durante 10 semanas apresentaram maiores níveis de energia e resistência do que outros que não receberam o elemento.

Bônus: outras bebidas também têm seus benefícios

Se você não é tão apreciador do gosto amargo das cervejas, mas curte outras bebidas alcoólicas, há estudos que comprovam os benefícios do álcool cientificamente. O vinho, por exemplo, se encaixa em alguns dos itens nos quais a cerveja também está presente. O álcool, de maneira geral, também pode trazer alguns benefícios, conforme uma publicação do Psy Blog.

Diminui os riscos de depressão
Consumir bebidas alcoólicas de maneira moderada diminui os riscos de desenvolver depressão. Segundo um dos autores do estudo que constatou esse fato, o professor Miguel A. Matínez-González, pequenas quantidades de bebidas alcoólicas contribuem para a prevenção de doenças coronárias, que, por sua vez, compartilham os mesmos mecanismos comuns de doença que a depressão.

Melhora a lembrança de memórias do passado
Um estudo seguiu cerca de 700 pessoas desde os anos 1970. Os dados analisados revelaram que a ingestão moderada de álcool melhora a memória das pessoas e a capacidade de lembrar de eventos passados. A pesquisa foi publicada pelo Jornal Americano da Doença do Alzheimer e Outras Demências.

Deixa você mais atraente
Sim, não são só os seus “alvos” que ficarão mais bonitos com o consumo do álcool. Você também. Isso porque, segundo o PSY Blog, um estudo revelou que as outras pessoas percebem os tomadores de bebidas alcoólicas como pessoas mais atrativas sexualmente. No entanto, é preciso dizer, não exagere! Caso contrário, todo esse charme produzido pelo álcool pode ir por água abaixo.

Fonte: Mega Curioso

Curta nossa página no Facebook

Número de reprovações no Detran-CE triplica após implantação de fiscalização eletrônica

O índice de reprovação nos exames para retirar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) subiu de 14% para 43% no Ceará depois que o Detran passou a adotar o sistema de fiscalização eletrônico, que acompanha o desempenho do candidato e do avaliador.

O sistema começou a ser utilizado em Sobral, em março deste ano. Nos meses seguintes ele foi implantado em outras cidades do interior cearense (Baturité, Tianguá, Tauá, Crateús, Itapipoca, Quixadá, Iguatu, Russas, Limoeiro do Norte, Morada Nova e Juazeiro do Norte) e em junho passou a ser instalado nos veículos utilizados para testes em Fortaleza.

Câmera e captação de áudio
Segundo o Detran, os carros utilizados nos exames práticos são equipados com câmeras e equipamentos de captação de áudio. Além disso, o sistema de telemetria verifica se houve interrupção no funcionamento do motor e se o condutor utilizou corretamente as setas para conversão. Uma câmara com ângulo de 360 graus será fixada na parte superior externa do veículo, acompanhando também a movimentação durante o circuito do exame de prática de direção.

De acordo com o órgão, o aumento no número de reprovações deve ocorrer apenas enquanto o sistema de fiscalização é uma "novidade". "Ainda é uma novidade, e as pessoas estão se adaptando. Mas muitos candidatos já entenderam que é preciso se preparar melhor, e esse índice deve se normalizar novamente. A sociedade vai ter motoristas mais preparados com a melhor preparação para o exame", avalia Paula Enersto Serpa, do Detran.

O Departamento de Trânsito afirmou que sistema de telemetria e videomonitoramento aumenta a transparência e a credibilidade do processo de emissão da CNH. O órgão ressaltou que, apesar dos novos sistemas, a carteira de motorista não deve ficar mais cara, já que não haverá nenhum aumento das taxas pagas pelos candidatos à primeira CNH.

Fonte: G1 CE

Curta nossa página no Facebook

13 hábitos do dia a dia que destroem o nosso cérebro

Assim como qualquer órgão do corpo humano, o cérebro também é afetado por hábitos do dia a dia. Muitas vezes, esses hábitos parecem inofensivos, mas não são.

Confira, a seguir, a lista de costumes que podem fazer mal a seu cérebro e tente mudá-los a partir de hoje.

13. Falta de comunicação
Pesquisas realizadas na Universidade de Michigan, Esrtados Unidos, mostraram que até mesmo 10 minutos de comunicação todos os dias são suficientes para aumentar a capacidade mental de alguém. Para isso, você não precisa sair e falar com qualquer pessoa na rua. Ligar para um amigo ou para um familiar são formas eficientes de estimular o cérebro.

12. Muito açúcar
Segundo pesquisas de alguns cientistas, o consumo de grandes quantidades de açúcar afeta o fator neurotrófico do cérebro, o BNDF, responsável pela produção de neurônios. Mais especificiamente, o BDNF é muito importante para formar a memória no longo prazo e para o aprendizado.

11. Falta de exercício para cérebro
De acordo com informações científicas, o pico de ’eficiência’ do cérebro está entre os 16 e os 25 anos. Após essa fase, a produtividade cai um pouco. Não obstante, uma pesquisa mostrou que, se treinamos o cérebro com regularidade, podemos ajudar a melhorar o seu funcionamento. Isso vale para pessoas que mostram os primeiros sinais de demência senil.

10. Não tomar café da manhã
Com base em outras pesquisas, as crianças que costumam tomar café da manhã tiram melhores notas na escola, sobretudo nas áreas de ciências. Não tomar café da manhã diminui o nível de glicose, o que, por sua vez, afeta o funcionamento cerebral.

9. Fast food
Comer apenas ou muito fast food afeta os contatos entre as células cerebrais, o que significa que o aprendizado e a formação da memória de curto prazo são afetados. Além disso, o consumo de comida muito gordurosa pode causar depressão.

8. Sorvete
Qualquer comida fria, inclusive o sorvete, pode causar dor de cabeça repentina. Dizem que a comida fria ou gelada diminui os vasos sanguíneos. O corpo, ao tentar prevenir a hipotermia, envia mais sangue ao cérebro para dilatar os vasos sanguíneos. Segundo cientistas, esse tipo de mudança causa dores de cabeça.

7. Celular
Um experimento com ratos mostrou a conexão entre o câncer de cérebro e o uso de telefone celular. Não obstante, você não precisa jogar o seu fora, os médicos recomendam o uso de viva-voz e afirmam que o ideal é deixar o aparelho mais longe da cama na hora de dormir.

6. Cobrir a cabeça enquanto dormimos
Quando dormimos com a cabeça coberta, reduzimos a quantidade de oxigênio que chega ao organismo porque, nesse caso, precisamos respirar o ar ’reciclado’, cheio de dióxido de carbono. Ou seja, obrigamos o cérebro a sentir a deficiência de oxigênio.

5. Falta de água
Sabemos que o corpo é formado por 70-80% de água. Além disso, a água é importante para ’administrar’ alguns nutrientes essenciais. Ou seja, o cérebro funciona na máxima eficiência quando tem boas reservas de H2O.

4. Álcool
Segundo pesquisas, o consumo de álcool destrói as células cerebrais. Não obstante, com o tempo o cérebro de todas as pessoas que param de abusar do álcool volta à normalidade.

3. Tabagismo
De acordo com cientistas, o tabagismo não apenas provoca câncer, ele também causa a redução do córtex cerebral. Esses danos podem afetar consideravelmente as capacidades intelectuais de uma pessoa.

2. Falta de atividade física
O cérebro, assim como outros músculos, precisa de treino. Em um estudo descobriu-se que o exercício físico influencia positivamente a síntese de BDNF e, portanto, a memória de longo prazo.

1. Dieta limitada
Durante períodos em que fazemos dietas rígidas, o cérebro também diminui. Uma pesquisa mostrou que a pouca alimentação obriga o cérebro a ’comer a si mesmo’. Essa é uma razão que mostra a importância de fazer dietas balanceadas e saudáveis.

Fonte: Incrível

Curta nossa página no Facebook

Addthis