Top 10 dicas: Como lidar com um chefe escroto

Preste atenção meu amigo: Chefe escroto é igual hemorróida, dor nas costas ou carro à álcool. Você tem, já teve ou ainda vai ter.

Seu chefe é um escroto? Ele pega no seu pé todo dia? A diversão dele é transformar sua vida em um inferno? O cretino está a ponto de te deixar louco?

Aqui estão algumas estratégias para ajudá-lo a manter a sua sanidade mental e talvez o seu emprego.

1) Evite responder a altura
Se o seu chefe age como um idiota, se torna abusivo ou está em pânico, o seu impulso inicial poderia ser a de fazer a mesma coisa. Combata essa tentação, por mais difícil que seja. Responder mal com mal não leva a nada e só piora a situação. Se você manter o seu profissionalismo, irá criar uma impressão positiva em quem estiver assistindo ou ouvindo a sua discussão – incluindo, provavelmente, o chefe do seu chefe.

2) Documente o seu trabalho
Mantenha o controle de suas realizações e dos elogios que receber dos colegas de trabalho ou gerentes de outros departamentos. Registre as datas destes acontecimentos. Ao documentar estes itens, tente ressaltar a importância da realização. O problema existia na época? O que teria acontecido se você não agisse? Que efeito positivo a sua ação tem em toda a organização? Mantenha essas informações em um sistema diferente do seu computador do trabalho ou da rede da empresa – isto é, mantenha em um lugar seguro e onde você possa acessa-las, mesmo se você sair da empresa.

3) Utilize medidas objetivas
Ao documentar suas realizações, tente usar medidas objetivas. Se você estiver em um HelpDesk, por exemplo, "Eu resolvi esse chamado prontamente" é uma afirmação fraca. Tente desta forma, "Eu resolvi este chamado três horas, diferentemente da média do departamento que é de cinco horas", desta maneira, você consegue mais credibilidade. Por outro lado, se você estiver em um call center, ao invés de uma declaração de que "eu respondi 80% das minhas chamadas" é preferível usar "Respondi prontamente TODAS as minhas chamadas".

4) Confronto com provas
É fácil para um chefe gritar com você com base em falsas afirmações, porem isso se torna mais difícil de acontecer se você enfrentar o patrão com dados detalhados, em especial, dados que tem medidas objetivas. Assim, quando o seu chefe se queixa que você não atende suas chamadas rapidamente, mostre os seus dados. Ao fazer isso, você está dizendo implicitamente ao chefe que ele pode estar com raiva o quanto quiser, mas os dados e os Fatos te favorecem.

5) Seja claro sobre as medidas do seu desempenho 
As medidas objetivas são igualmente importantes quando você está definindo as suas medidas de desempenho. Ter padrões subjetivos torna mais fácil para o seu chefe medir o seu desempenho de maneira errada. Por outro lado, Ter padrões Objetivos, já que você está fazendo seu trabalho corretamente, torna mais difícil para o patrão menospreza-lo.

6) Mantenha sua rede ativa
Mantenha suas conexões com outras pessoas em sua empresa, ou mesmo fora de sua empresa. Fique ativo com os alunos de sua escola ou faculdade. Seja ativo nos assuntos da comunidade. Fazendo isso você se mantém visível e isso pode ajuda-lo a encontrar outro emprego, no caso de você decidir que precisa, ou se for demitido pelo seu chefe.

7) Nunca chute o balde
Se você já fez de tudo para não perder a cabeça com o seu chefe, e nada adiantou, você poderia agora “Chutar o Balde” já que não tem mais nada a perder, Certo ?¿ Errado !!! Combata essa tentação e tente ser agradável – sem ser medíocre é claro. Você aprendeu alguma coisa de valor com o seu chefe ?¿ Em especial, houve um momento em que você pensou que o chefe estava errado, mas descobriu que ele estava certo ?¿ Por mais difícil que seja, Admita isso… Embora não seja fácil, também não é impossível. Seria muito difícil, mesmo para um chefe ruim, reagir negativamente a esse tipo de declaração. Ser gentil irá causar uma boa impressão sobre os outros.

8) Aprenda com a experiência 
Uma parte da Lei de Murphy nos diz que “Nada é sempre uma perda de tempo.” Pode levar algum tempo para analisar por que seu chefe é um chefe ruim. Mas, tenha em mente que as pessoas têm diferentes perspectivas. Seu chefe pode estar reagindo a fatores e influências que você talvez ignore. Embora esse fato não justifique o mau comportamento, ele pode explica-lo. De qualquer forma, fazer essa análise pode te ajudar a se tornar um bom chefe ou patrão, porque você vai acabar descobrindo o que não fazer.

9) Use o Bom-Humor
O bom-humor é uma ótima maneira de lidar com situações desagradáveis. Ao invés de ficar perturbado com um encontro passado, tente rir sobre isso. Você pode até mesmo levar isso um pouco mais distante. Por exemplo, você poderia tentar prever com quem o chefe terá as primeiras crises de briga pela manha, ou a que horas o patrão vai ficar chateado naquele dia, então comparar sua previsão com o que realmente aconteceu. Embora pudesse ser politicamente arriscado, você pode até iniciar uma pesquisa de escritório com os colegas de trabalho que têm as mesmas dificuldades.

10) Tenha cuidado quando falar com o chefe do chefe
Não calunie seu chefe com chefe dele, você pode se arrepender e acabar pagando caro por isso. Lembre-se sempre que o Chefe do seu chefe, também é SEU chefe. Você pode ter uma chance, talvez uma em um milhão, de ter uma reunião com seu chefe superior. E se isso acontecer, essa pessoa pode perguntar sobre o seu chefe. Então, tome muito cuidado com o que pretende falar. Esteja ciente, em particular, que críticas ao seu chefe podem ser tomadas como críticas ao chefe do seu chefe e isso pode causar ainda mais problemas. Lembre-se do velho ditado, "Não critique o julgamento de sua esposa. Olha com quem ela se casou". Se você tiver uma oportunidade como essas, escolha muito bem o que dizer ao patrão sobre o seu chefe. Direcione o foco sobre o comportamento e não sobre a pessoa. Ao invés de dizer .: "O meu chefe é muito desorganizado", provavelmente é melhor dizer: "É difícil me concentrar quando as prioridades continuam mudando."

'Dilma foi induzida a erro', diz Cid Gomes sobre veto dos royalties

O governador do Ceará, Cid Gomes, afirmou nesta sexta-feira (30) que a presidente Dilma Rousseff foi "induzida a erro" ao vetar a divisão de royalties do pré-sal entre estados não produtores. "Acho que a presidenta foi induzida a erro. O que sempre defendi foi a conquista do Rio de Janeiro alcançada ao longo dos anos. Sou gestor, sei que depois que você incorpora uma receita aos seus orçamentos é difícil retirar, e o Rio já assumiu compromissos. Agora assumiu compromissos com o que recebe hoje. Amanhã é ganhar mais. Isso é injusto, a meu juízo, com o país", disse Cid Gomes após o anúncio sobre a divisão de royalties.

Cid Gomes afirmou também que vai se reunir na próxima semana com governadores de estados não produtores para tentar reverter a situação. "Estou convidando todos os governadores para a gente avaliar qual deve ser a nossa estratégia. Eu particulamente acho que a gente não deve se conformar com isso não", disse.

Como alternativa, o governador do Ceará propôs a elaboração de uma medida provisória alterando a redistribuição dos royalties de petróleo. "Eu acho que na medida provisória pode ser mexido, estou dando uma alternativa. Na própria MP que ela mandar, o Congresso pode emendar e rever algumas coisa", propôs.

O que mudou
A presidente Dilma Rousseff decidiu vetar o artigo 3º do projeto de lei aprovado no Congresso que diminuía a parcela de royalties e da participação especial dos contratos em vigor destinada a estados e municípios produtores de petróleo. O veto, anunciado nesta sexta (30), era uma reivindicação de estados como Rio de Janeiro e Espírito Santo, dois dos principais produtores.

Dilma também decidiu editar uma medida provisória na qual destina para a educação 100% dos royalties de estados e municípios provenientes dos contratos futuros de concessão de áreas para exploração de petróleo.

Royalties são tributos pagos ao governo federal pelas empresas que exploram petróleo como compensação por possíveis danos ambientais causados pela extração. Participação especial é reparação ligada a grandes campos de extração, como o da camada pré-sal descoberta na costa brasileira recentemente.

O texto do Congresso contrariou o governo porque afeta contratos já firmados e campos licitados. Em maio, Dilma foi vaiada em evento da Marcha dos Prefeitos ao defender que alterações na distribuição de recursos só afetem novos contratos.

Outro ponto do texto aprovado pelo Congresso que contraria o Planalto é a não vinculação do uso dos royalties para projetos ligados à educação.

Educação
Nesta quinta, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, afirmou que a “luta” para destinar 100% dos recursos da extração de petróleo para a educação “continua”.

“Independente da decisão que ela [presidente Dilma] vai tomar em relação ao projeto da Câmara, a nossa luta para vincular 100% dos recursos do pré-sal e todos os royalties para a educação continua”, afirmou Mercadante após cerimônia no Palácio do Planalto.

Para o ministro, a vinculação dos recursos é necessária para atender o Plano Nacional de Educação (PNE), que prevê a destinação, em até dez anos, de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a educação. O PNE foi aprovado na Câmara em outubro e ainda precisa ser votado no Senado.

“O Plano Nacional de Educação não pode virar o Tratado de Kyoto, que todo mundo concorda, mas depois não cumpre. Para cumprir, tem que ter fonte de financiamento, e a única fonte disponível para cumprir as metas do PNE são os recursos do pré-sal”, argumentou Mercadante.

Fonte: G1

Mauriti (CE): Foge da cadeia dupla acusada de roubar moto e matar agricultor na frente da esposa

O crediarista Cícero Hadom Barbosa Barreto, de 20, o Rambo, e Vanderlei Nunes de Santana, de 24 anos, o Vando, não ficaram sequer cinco dias presos na cadeia pública de Mauriti. Eles moram em Missão Velha, sendo o primeiro na Rua Valmir Esmeraldo Alves, 166 e o outro na Rua Sagrada Família, 12 (Vila Feliz), mas não retornaram para casa após fugirem da cadeia pública de Mauriti por volta de 08h30min desta sexta-feira num descuido do carcereiro que é funcionário terceirizado da Prefeitura Municipal.

A dupla foi retirada da cela para o banho de sol quando arrombaram a porta da cozinha e destelharam a mesma para fugirem em seguida. A polícia já estava pensando em pedir a transferências dos mesmos para um presídio mais seguro. De nada valeu o esforço da polícia para prender Vando e Rambo acusados do latrocínio contra o agricultor Sebastião Firmino dos Santos, de 42 anos, que residia na Rua São Sebastião (Distrito de Buritizinho).

Na noite do último sábado, quatro homens em duas motos o interceptaram na estrada, mandaram o mesmo descer de sua moto na qual viajava com a esposa e seguir a pé sem olhar para trás. Sebastião cumpriu ordens, mas foi surpreendido com um tiro nas costas e morreu 30 horas depois no hospital após ser submetido a uma cirurgia. Numa ação rápida, a polícia prendeu seis pessoas, sendo três menores de idade. Vando teria sido o autor do tiro que matou Sebastião.

Seu comparsa Rambo recolheu a moto da vítima e saiu pilotando-a na fuga com mais dois adolescentes, sendo um de Missão Velha e outro de Mauriti que foram liberados após serem ouvidos. O terceiro adolescente foi apreendido juntamente com o comerciante José Pequeno do Nascimento Neto, de 37 anos, acusados da compra da moto roubada. Como o grupo, a polícia encontrou este veículo e mais outras duas motos levadas para delegacia a fim de serem averiguadas.

Ontem foi um dia de diligencias em Mauriti e Missão Velha coordenadas pelo Major Sobreira, Comandante da Companhia de Brejo Santo, para tentar recapturar Vando e Rambo. Ele teve o apoio do Subtenente Marcos, todo o efetivo do Destacamento de Mauriti e a equipe da FTA (Força Tática de Apoio) de Brejo Santo. Agricultores disseram ter visto dois jovens descalços e a pé na estrada de Mauriti. Qualquer informação pode ser dada para o telefone (88) 3552.1534

Demontier Tenório

Fonte: Miséria

Copa das Confederações: Brasil cai em grupo da morte com Japão, México e Itália

O caminho da Seleção Brasileira na Copa das Confederações de 2013 está definido. Neste sábado, em São Paulo, foi sorteado que México e Japão estarão no Grupo A junto com Brasil e Itália, que já estavam definidos nesta chave. A partida de estreia será contra os japoneses e só na última rodada haverá o esperado duelo contra os italianos. No Grupo B estarão Espanha, Uruguai, Taiti e o campeão da Copa Africana das Nações, que será decidido em fevereiro.

A Seleção Brasileira caiu no temido grupo da morte, já que enfrentará os adversários mais difíceis que poderia ter pelo caminho. O Uruguai, por ser da mesma confederação que o Brasil (Conmebol), não poderia estar no mesmo grupo. Com isso, ele foi automaticamente para a chave da Espanha, na qual houve um problema: por erro de Alex atala no sorteio, duas seleções ficaram na mesma posição. Após o evento, ficou esclarecido que o Uruguai entrou na posição B2 e fará o primeiro jogo da chave contra os espanhóis.

O Japão, que será o primeiro adversário do Brasil na Copa das Confederações, vai disputar a Copa das Confederações porque foi campeão da Copa da Ásia de 2011. Já o México se credenciou para a competição após vencer a Copa Ouro da Concacaf. Quarta adversária do Brasil, a Itália foi vice-campeã da Eurocopa e por isso conquistou a vaga.

A Copa das Confederações será realizada no Brasil entre os dias 15 e 30 de junho de 2013. Seis cidades serão sede dos jogos: Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Recife, Rio de Janeiro e Salvador. O primeiro jogo, entre Brasil e Japão, será realizado na capital do País. As duas melhores seleções de cada grupo avançarão para as semifinais.


Fonte: Terra

Chuvas em 25 cidades do Estado não têm relação com inverno

As chuvas que atingiram 25 cidades cearenses entre as sete horas da manhã de quinta-feira e o mesmo horário de ontem ainda não podem ser consideradas prévias de uma boa quadra chuvosa no próximo ano, de acordo com a meteorologista Claudia Rickes da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

Precipitações como essas, consideradas de pré-estação, são comuns essa época do ano. O fenômeno causador é chamado vórtice ciclônico de altos níveis, formado acima de cinco mil metros de altitude. Com ele, há movimentação de ar em seu centro de cima para baixo e formação de nuvens em sua periferia. Atualmente, o vórtice está sobre o continente e já causou chuvas - mais fortes do que aqui - no Piauí e no Maranhão.

No Estado, choveu em cidades no litoral norte, na região metropolitana, no Maciço de Baturité, no Cariri e no Sertão Central. O município onde houve a maior precipitação foi Assaré com 36 mm. A ele, se segue Cariús por conta do índice de 34 mm. Na terceira colocação, está Missão Velha devido a 16 mm. Já Ubajara, na serra da Ibiapaba, recebeu a menor quantidade de chuva, apenas 0,6 mm.

Os números não são significativos para mudar o panorama climático, segundo a meteorologista da Funceme, Claudia Rickes. Para que o sertanejo possa comemorar um bom inverno, os agentes climáticos devem ser outros: o Atlântico Sul e o Pacífico. Diante de um Pacífico com temperatura neutra, quem deve determinar a extensão e a abundância das chuvas em 2013 deve ser o Atlântico Sul, que precisa se aquecer. Segundo ela, esse oceano está num período de transição. Apenas em janeiro será possível prever com mais precisão.

Nas cidades premiadas, o espírito tem estado mais esperançoso. A vendedora Elisabete Gonçalves, embora não estivesse em Assaré quando a chuva caiu, percebeu que “as pessoas ficaram felizes, porque fazia tempo que não chovia”. Em Juazeiro do Norte, a atendente de supermercado Neide Galvão não considerou muita água, mas, para ela e para muita gente, “começou o inverno”. “A sensação é de esperança”, pontua.

Entenda a notícia
Segundo meteorologistas, chuvas são comuns nesta época do ano. Elas, entretanto, não têm relação com a estação chuvosa. Somente em janeiro será possível dizer com mais precisão se teremos ou não inverno abundante.

Pluviometria

1. Assaré 36 mm
2. Cariús 34 mm
3. Missão Velha 16 mm
4. Barbalha 15,5 mm
5. Farias Brito 15 mm
6. Trairi 13 mm
7. Iguatu 12 mm
8. Palmácia 11 mm
9. Várzea Alegre 10,4 mm
10. Potiretama 10 mm
11. Juazeiro do Norte 10 mm
12. Crato 7,2 mm
13. Saboeiro 7 mm
14. Redenção 6,2 mm
15. Santana do Cariri 4,4 mm
16. L. da Mangabeira 4 mm
17. Eusébio 4 mm
18. Choró 3 mm
19. Ipaumirim 3 mm
20. Iracema 3 mm
21.Sobral 2,9 mm
22. Antonina do Norte 2,8 mm
23. Maracanaú 1,5 mm
24. Umari 1 mm
25. Ubajara 0,6 mm

Fonte: O Povo

Homem pede fim de casamento após descobrir o segredo da "esposa"

Um belga de 64 anos pediu a anulação de seu casamento depois de descobrir que sua mulher, uma indonésia de 48 anos, com quem está casado há 19 anos, tinha nascido homem e havia passado por uma cirurgia de mudança de sexo.

Jan e Monica se casaram em 1993, segundo o jornal "Het Nieuwsblad".

"Achei que ela fosse uma mulher. Ela não tinha traços masculinos", disse Jan. "Mesmo durante o sexo, eu nunca percebi nada", disse ele, que só descobriu recentemente que sua esposa era transexual.

Na época em que a mulher mudou para a Bélgica, a Justiça belga chegou a levantar dúvidas sobre a autenticidade de seus documentos, mas, mesmo assim, Jan não desconfiou de nada e decidiu se casar.

Jan contou que ele e sua mulher tinham decidido não ter filhos, porque ele tinha dois de um casamento anterior.

Ele começou a desconfiar da esposa depois que ela começou a usar roupas muito chamativas, minissaias e tops minúsculos. Jan iniciou um processo judicial para ter o casamento anulado.

Fonte: G1

A melhor versão de "Call me maybe"


E você aí reclamando da idade. Francamente!

Crato (CE): Pesquisadores estudam abelha nativa do Cariri

Um grupo de pesquisadores da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) esteve na região do Cariri para analisar as abelhas da espécie Sacpototrigona-SP., mais conhecida como Canudo.

O inseto, que é nativo da encosta da Serra do Araripe, produz pólen, mel e ajuda na fecundação dos cultivos regionais e na preservação das plantas existentes no território onde elas vivem. O intuito dos estudiosos foi colher amostras e conhecer a produção dos criadores. Eles já desenvolvem outras pesquisas sobre o comportamento, fisiologia, ecologia e genética de abelhas de vários tipos.

Temperamento
No momento, estão tentando descobrir mais detalhes sobre o tipo da classe local. Cada um tem bolsa de incentivo de fundações de apoio à pesquisa e instituições acadêmicas renomadas como o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

A Canudo chama a atenção devido ao seu temperamento. Segundo os criadores, elas são extremamente dóceis. Os estudiosos pretendem auxiliar no melhoramento do manejo e na conservação da espécie que pode ser ameaçada pelos constantes desmatamentos, incêndios e até pelo uso indiscriminado de agrotóxicos. De acordo com os pesquisadores, essas ações estão contribuindo para a matança das abelhas e gerando a despolinização das plantas.

Eles afirmam que é importante mantê-las na região nativa. No Crato, apenas no bairro Grangeiro, área que se assemelha à zona rural, já há três criadores deste inseto. Porém, na cidade, existem vários outros que ainda estão sendo catalogados. Estima-se que o número já passa de 15.

Produção
No Brasil, existem mais de 300 espécies de abelhas nativas. Se for comparada com as Italianas, que são exóticas, a Canudo produz pouco mel, apesar de seu potencial de produção ser considerado alto.

O alimento ainda não é exportado como o fabricado pelas demais abelhas. Elas se alimentam da própria produção e comem o pólen e néctar das flores, que são suas principais fontes de energia. Em toda a encosta do Araripe, os pesquisadores observaram que a diversidade da flora contribui para a conservação da espécie. Eles afirmam que, nas colmeias, cada pólen tem uma cor peculiar que depende do tipo de planta que a abelha visitou. O produto também pode ter sabor e cor variados.

O período de maior produção das abelhas Canudo acontece durante a quadra invernosa. Entretanto, mesmo em anos de seca, como está acontecendo em 2012, elas continuam fabricando o mel. Elas têm aparência de cor preta, não possuem ferrão e, em termos científicos, são classificadas como sociais, já que, no ano inteiro, convivem em grupos permanentes, onde uma líder mantém a comunicação com as demais, que durante o trabalho auxiliam a rainha na manutenção da colônia.

A produção anual dessa espécie, por caixa racional, chega a três litros de mel. No mercado, o preço do produto poder ser de até R$ 100, por cada mil mililitros. As grandes vendas ainda não são frequentes. O apicultor Manoel Ivan Pedroza pretende, em parceria com outros criadores, iniciar comercialização em larga escala e formar uma associação. No ano passado, sozinho, ele engarrafou 200 potes de mel, cada um contendo 100 mililitros.

O produto foi doado e vendido. Para ampliar a criação, Pedroza conta que está investindo na multiplicação das caixas racionais. Atualmente, ele mantém 50 colônias e já planeja obter lucros com a iniciativa.

No Ceará, a apicultura tem como característica marcante a produção de mel de abelhas exóticas. Estima-se que o cultivo está presente em 150 municípios. A produção tem referência na exportação, colocando o Estado entre os cinco maiores exportadores do Brasil. O Cariri é uma das regiões com maior número de produtores.

O biólogo holandês Dirk Koedan é um dos membros do grupo de pesquisadores que está analisando as colônias das Canudos no Cariri. Ele é pós-doutor e especialista em etologia, com ênfase em insetos sociais. Koedan estuda abelhas sem ferrão há mais de 20 anos e afirma que a geografia, o clima e a vegetação úmida da Chapada do Araripe ajudam a formar ilhas de abelhas, onde elas se adaptaram e estão se mantendo por muitos anos.

"Planejamos essa viagem exatamente para analisar melhor esse tipo de abelha, observar como elas são diferentes das existentes em outras regiões e como se adaptam a diversos ambientes. Já vimos que a Chapada do Araripe é muito diferente da Caatinga", revela.

Entre os benefícios dos estudos sobre as abelhas está a previsão do que poderá acontecer com a espécie nos próximos 50 anos. As hipóteses iniciais indicam que, com o aquecimento global, elas poderão ser amplamente afetadas. Contudo, produtores e pesquisadores estão esperançosos. A meta é dar previsões que possam contribuir para a elaboração de alternativas que evitem o problema.

Mais informações
Criação de abelhas Canudo
Rua George Lucetti, 301
Bairro Grangeiro
Crato (CE)
Telefone: (88) 3521.6894

YACANÃ NEPOMUCENA
COLABORADORA

Fonte: Diário do Nordeste

Eike Batista perde título de mais rico do Brasil em ranking da Bloomberg

O empresário Eike Batista, do grupo EBX, perdeu nesta sexta-feira (30) o posto de homem mais rico do Brasil, segundo ranking da Bloomberg. O posto, agora, pertence ao investidor Jorge Paulo Lemann, da InBev.

A fortuna de Eike está hoje estimada em US$ 18,6 bilhões quase metade do que ele possuía no final de março, ainda de acordo com o ranking de bilionários da publicação. Lemman, por sua vez, tem US$ 18,9 bilhões.

Até quinta-feira, o ranking mostrava Eike na 35ª posição entre os maiores bilionários do mundo, com US$ 18,9 bilhões, duas posições acima de Lemann, com US$ 18,7 bilhões.

A "virada", segundo a Bloomberg, ocorreu com a queda das ações da OSX – a fabricante de navios de Eike Batista, de 6,35% nesta sexta, enquanto as ações da ABInBev subiram 1,3%.

De janeiro a setembro, as empresas de Eike Batista tiveram prejuízo de R$ 1,68 bilhão – 64% superiores ao prejuízo acumulado ao longo de todo o ano passado, que foi de R$ 1,02 bilhão, segundo dados da consultoria Economatica.

Jorge Paulo Lemann controla, junto com os empresários Marcel Telles e Carlos Alberto Sicupira, a Anheuser-Busch InBev, maior fabricante de cerveja do mundo. Por meio do fundo 3G Capital, os três controlam ainda a rede de fast food Burger King e as Lojas Americanas.

Segundo a "Bloomberg", Eike Batista afirmou, em e-mail, que o Brasil "merece ter mais brasileiros na lista" de bilionários, mas não quis comentar sobre a perda de posição no ranking.

Forbes
Em agosto, a revista "Forbes" colocava os dois empresários em "empate técnico". Segundo os cálculos da revista, o patrimônio de Eike somava R$ 30,26 bilhões, enquanto Lemann possuía R$ 29,3 bilhões.

Fonte: G1

Rafael Cortez deixa o “CQC” e negocia com a Record

Repórter do “CQC” desde a estreia do programa, em 2008, o jornalista Rafael Cortez está deixando o programa e a Band. Nesta sexta-feira ele contou para vários colegas que não continuará na emissora em 2013.

O destino mais provável de Cortez é a Record. A emissora está negociando para ter o jornalista como apresentador da versão brasileira do “Got Talent”, que exibirá no ano que vem no lugar de “Ídolos”. Trata-se de um programa britânico cujo formato já foi adaptado em meio mundo. Foi no “Got Talent” que Suzan Boyle revelou o seu talento em 2009.

Cortez é também ator e músico. Em 2011, lançou um CD com composições próprias, intitulado “Elegia da Alma”.

Procurada, a Band confirmou que Cortez não renovou seu contrato com a emissora, mas ainda será visto no “CQC” até o final do ano. É a terceira baixa, depois de Danilo Gentili e Rafinha Bastos, na turma de sete “homens de preto” que estreou o programa em março de 2008. Restam deste grupo original Marcelo Tas, Marco Luque, Oscar Filho e Felipe Andreoli.

Fonte: Blog do Mauricio Stycer / UOL

01 de dezembro

1640 - Restauração da Independência de Portugal; João, Duque de Bragança, torna-se rei como João IV de Portugal após 60 anos de domínio espanhol.
1822 - Pedro I (foto) é coroado Imperador do Brasil.
1887 - É publicado o primeiro romance policial de Arthur Conan Doyle: Um Estudo em Vermelho, onde ocorre a primeira aparição de Sherlock Holmes.

Nasceram neste dia…
1734 - Adam Kazimierz Czartoryski, escritor e político polaco (m. 1823).
1885 - Camille Chautemps, político francês (m. 1963).
1935 - Woody Allen, cineasta estadunidense.

Morreram neste dia…
1135 - Henrique I de Inglaterra (n. 1068).
1784 - Samuel Johnson, escritor e lexicógrafo britânico (n. 1709).
1825 - Czar Alexandre I da Rússia (n. 1777)

Fonte: Wikipédia

Brejo Santo (CE): Cidade tem economia em baixa devido a seca

A seca deste ano já causou um prejuízo de R$ 18.716.400,00 aos agropecuaristas de Brejo Santo, segundo relatório da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Agrário e da Ematerce. Cerca de 1.154 cabeças de gado morreram. Como cada uma custa em torno de R$ 600,00, o prejuízo é de R$ 692.400,00.

Neste município, a situação da seca é das mais preocupantes. Segundo levantamento da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Agrário e da Ematerce, o maior prejuízo é com a quantidade de animais que perderam peso. São 20.576 animais nesta situação. Com relação à produção leiteira, a estimativa é que houve uma queda de 50%. Como os criadores deixaram de vender quase dois mil litros de leite, o prejuízo foi de R$ 1,5 milhão.

Reservas
Outro aspecto grave é com relação ao nível de água dos açudes, numa comparação aos últimos sete anos. Em 2005, as bacias hidrográfica terminaram o período chuvoso (por volta do mês de junho)- com 71% de água armazenada; em 2006, o percentual foi semelhante: 70 %; em 2007, a quantidade de água armazenada caiu para 62 %; em 2008, subiu para 85%; em 2009, aumentou ainda mais. Para 96%; Em 2010, caiu para 79%; e em 2011 caiu para 85%.

A maior preocupação é que até o fim da quadra chuvosa deste ano o armazenamento dos açudes era de apenas 69% até chegar a cerca da metade. Atualmente, os açudes monitorados pela Cogerh e pelo Dnocs acumulam apenas 51% de água. Um número considerado preocupante para o deputado Wellington Landim (PSB), ao levar em conta que a Funceme ainda não fez qualquer previsão de chuva por duas razões. O Oceano Pacífico mostra-se numa posição de neutralidade e o Atlântico não deu nenhuma sinalização de chuva. Com isso, aumentam as especulações de quadra chuvosa para a pré-estação abaixo da média histórica do Ceará.

Número
51 por cento são o percentual das reservas hídricas do Estado, consideradas as baixas já verificadas no Ceará nos últimos sete anos

Mais informações
Cogerh: 3218.7661
Funceme: 3101.1117
SDA: 3101.8105
Defesa Civil do Estado: 199
Ciops: 193

MARCUS PEIXOTO / SUCURSAIS
REPÓRTER

Fonte: Diário do Nordeste

Juazeiro do Norte (CE): Homem foi preso tentando roubar uma moto e quase era linchado por populares

A tentativa de roubar a motocicleta de uma jovem resultou no espancamento do acusado que foi parar no Hospital Regional do Cariri de Juazeiro bastante ferido. Por volta das 13 horas desta sexta-feira, nas imediações de um edifício empresarial na Avenida Ailton Gomes (Cidade Universitária), José Gilberto da Silva Souza, de 35 anos, residente no bairro João Cabral, abordou uma mulher de aproximadamente 30 anos que ia passando em seu veículo.

O mesmo insinuou que estivesse com um revólver e mandou a garota descer da sua moto Honda de cor vermelha. Operários que trabalham em uma obra nas imediações testemunharam o fato e notaram que o rapaz não possuía armas. Daí, abandonaram o canteiro e investiram para cima do acusado que tentou fugir, mas foi agarrado. Eles passaram a espancar Gilberto e a polícia foi acionada tratando de evitar um linchamento e ainda o conduziram ao Hospital Tasso Jereissati de onde foi transferido ao HRC.

Ontem pela manhã, no Lara Mercantil que funciona na Rua São Paulo, 649 (Centro) em Juazeiro do Norte, foi registrada uma tentativa de furto. Francisca Audenora Sales da Silva, de 44 anos, adentrou o estabelecimento e, na saída, terminou flagrada quando ia levando sem pagar cinco pacotes de sucos, quatro sabonetes, um sabão em barra, um sabão em pó e um. A mulher foi detida e entregue a policiais militares.

Demontier Tenório

Fonte: Michel Dantas / Ag. Miséria

Fonte: Miséria

Problema de abastecimento no Campus URCA Crajubar é solucionado

Os problemas relacionados ao abastecimento de água do Campus Crajubar, da Universidade Regional do Cariri (URCA), em Juazeiro do Norte estão sendo solucionados, com a compra de uma nova bomba d’água, por meio de pregão eletrônico. Uma empresa de São Paulo venceu a licitação e o equipamento está sendo providenciado em caráter de urgência para ser implantado.

Segundo a Reitora da Universidade, Professora Otonite Cortez, não haverá problemas relacionados ao abastecimento que possam prejudicar o andamento das atividades acadêmicas e administrativas no local. O Corpo de Bombeiros, por meio de uma decisão em comum acordo com a URCA, estará realizando suprindo essa necessidade no Campus até que a nova bomba seja instalada.

A Reitora ressalta que a administração está atenta aos problemas e tem buscado solucioná-los, tanto que as instalações elétricas, tendo em vista os vários anos do prédio, foram melhoradas, no intuito de atender as necessidades mais urgentes dos cursos de Física, Matemática e Engenharia de Produção, que fazem parte do Centro de Ciência se Tecnologia (CCT), da Instituição.

Mas, a partir do próximo ano, estarão sendo destinados ao Campus, com recursos já assegurados e repassados à URCA, por meio do Tesouro Estadual, R$ 820 mil. Esse valor será utilizado na execução do projeto de reforma e ampliação da rede elétrica, além de promover melhorias no espaço físico. “Temos que compreender que as instalações envelhecem, e para isso fomos buscar recursos para possibilitar as melhorias necessárias”, diz a Reitora da URCA.

Este ano, o Governo do Estado destinou a Instituição mais de R$ 15,6 milhões, para execução de diversos projetos em toda a Universidade. É o maior montante em verbas do orçamento estadual já destinado à URCA. De acordo com a Reitora, é importante ressaltar que as compras efetuadas por meio de processos licitatórios devem seguir todos os procedimentos legais, para que sejam efetuados. Com isso, é comum que haja certa elasticidade dos prazos, mas que até lá não haverá prejuízos à Universidade.

Fonte: Diário do Nordeste

Álbum 'Thriller', de Michael Jackson, completa 30 anos

O álbum Thriller, de Michael Jackson, completa 30 anos nesta sexta-feira (30). Sexto trabalho de estúdio do Rei do Pop, o disco foi lançado em 30 de novembro de 1982 pela gravadora Epic/CBS Records, seguindo Off The Wall, álbum de 1979.

Thriller foi o primeiro a usar com sucesso o videoclipe como ferramenta promocional. Clipes de Thriller, Billie Jean e Beat It eram exibidos constantemente na MTV, e foram considerados "extremamente inovadores" e "altamente a frente de seu tempo" para a época.

O álbum ficou na vigésima posição da lista dos 500 Melhores Álbuns de Todos os Tempos feita pela revista Rolling Stone em 2003, e foi classificado pela National Association of Recording Merchandisers na terceira posição de sua lista de 200 Álbuns Definitivos de Todos os Tempos.

Wanna Be Startin' Somethin, Baby Be Mine, The Girl is Mine, Thriller, Beat It, Billie Jean, Human Nature, P.Y.T. (Pretty Young Thing) e The Lady In My Life são as músicas que compoem o trabalho.

Fonte: Terra

Cariri recebe R$ 132 mi para obra de urbanização

Um conjunto de obras de infraestrutura está melhorando a infra-estrutura de vários municípios cearenses. As obras de requalificação urbana fazem parte do Projeto Cidades do Ceará, realizado pela Secretaria das Cidades, e contemplam municípios do Cariri Central: Crato, Juazeiro do Norte, Barbalha, Farias Brito, Nova Olinda, Caririaçu, Jardim, Missão Velha e Santana do Cariri.

Os serviços de infraestrutura incluem a construção e reforma de praças, pavimentação em paralelepípedo em substituição ao asfalto, quiosques, padronização de calçadas, rede de drenagem de águas pluviais e reordenamento do trânsito.

No total, a região do Cariri está recebendo investimentos da ordem de R$ 132 milhões, com recursos do Banco Mundial e contrapartida do Governo do Estado. Em Farias Brito, foram investidos R$ 3 milhões. As obras começaram em fevereiro passado e devem ser concluídas até o fim do próximo mês, prevê o prefeito Vandevelder Freitas Francelino. "É um projeto muito importante que trouxe impacto positivo para a área urbana, melhorando a qualidade de vida dos moradores", disse. "As calçadas ficaram padronizadas, mais largas, com maior segurança e acessibilidade para os deficientes físicos".

Drenagem
Foram reformadas quatro praças e construída uma nova área de lazer. Os operários trabalham na conclusão da Praça Antonio Moreira. A rua principal foi regularizada, pois apresentava medidas inadequadas. As calçadas ficaram mais largas, receberam piso em mosaico e no centro lajota antiderrapante. A área central também ganhou obra de drenagem de águas pluviais a partir da implantação de galerias.

O projeto previu a substituição de asfalto por pavimentação em paralelepípedo. "Reduz o calor, permite a infiltração de água da chuva e diminui a velocidade dos carros, dando mais segurança para os pedestres", observou a técnica da Secretaria de Infraestrutura, Solange Gomes. "O centro ficou bem mais bonito, organizado e os moradores estão satisfeitos", atesta.

O aposentado Francisco Oliveira costuma sentar à calçada todas as tardes com a esposa. "Agora ficou melhor porque a calçada está mais larga e segura, melhor de caminhar", disse. "A população aprovou esse projeto". No entorno do Centro, novas praças vão receber jardins, quiosques e nova iluminação. Os comerciantes também estão satisfeitos com a implantação do projeto. "No começo, houve alguma resistência para o nivelamento das calçadas, mas agora todos aprovam".

O vendedor lojista, Luís Rodrigues, disse que ficou bem melhor hoje trafegar pela área. "O Centro está limpo, bonito e beneficiou os empresários e consumidores", disse. Para o prefeito, Vandevelder Francelino, a realização das obras de requali-ficação da área central era um sonho de todos.

"Já exerci dois mandatos e agora fui reeleito. Com esse projeto, conseguimos melhorar a qualidade de vida dos moradores", afirma ele.

A cidade de Farias Brito é um elo de ligação entre a Região Centro-Sul e o Cariri. Há intenso fluxo de veículos leves e pesados que se deslocam entre Várzea Alegre e Crato, passando na área central da cidade. Antes, o acesso era feito por única rua em sentido duplo. "Agora, o trânsito de veículos será feito em via única com a abertura de um novo acesso, diminuindo o congestionamento no Centro", explicou o prefeito. "No futuro, vamos ampliar esse sistema com a continuação do projeto".

A realização de serviço de tapa-buracos na BR-230, entre Várzea Alegre e Farias Brito, ampliou o tráfego de veículos entre as regiões Centro-Sul e Cariri.

Em Crato, foram reformadas quatro praças centrais e requalificação do bairro do Seminário. Em Juazeiro do Norte, construção do Centro Multifuncional, execução do Roteiro da Fé (reforma de praças e vias de acesso). Em Barbalha, estão previstas requalificação do centro histórico do município, instalação de um teleférico no distrito de Caldas e ações na Avenida do Contorno. Nos demais municípios, intervenções em áreas de lazer, reurbanização de vias e melhorias na infraestrutura.

Financiamento
3 milhões de reais foram destinados para o município de Farias Brito como parte do projeto estadual de requalificação urbana em cidades caririenses

HONÓRIO BARBOSA
REPÓRTER 

Fonte: Diário do Nordeste

Plantão Infotech: Vivendi coloca GVT à venda por R$ 19 bilhões; 4 grupos estão interessados

A francesa Vivendi, controladora da GVT, está vendendo a operadora brasileira de telefonia e internet no momento em que ela chega à capital paulista, sede no Brasil da espanhola Telefónica -que perdera a disputa pela GVT para a Vivendi em 2009.

As propostas começaram a chegar há duas semanas e nenhuma será levada adiante se for inferior a R$ 19 bilhões, mais do que o dobro dos R$ 7,7 bilhões pagos pela Vivendi para a GVT.

A Folha apurou que a Vivendi avalia quatro propostas, sendo três de fundos de "equity" (participações em empresas). Um deles é o BTG Pactual, de André Esteves. O Gávea, de Armínio Fraga, está num segundo grupo, com fundos estrangeiros.

Nenhuma operadora de telefonia está em negociação. A DirecTV fez proposta, abaixo de R$ 16 bilhões. A Telecom Italia, dona da TIM, interessou-se, mas, endividada, teria de aceitar um aporte bilionário de um de seus acionistas que levaria os demais a uma diluição.

Os italianos preferiram aguardar uma nova rodada de negociações, porque acreditam que a Vivendi aceitará propostas abaixo do patamar mínimo estipulado.

Além da GVT, a Vivendi está procurando interessados na Maroc Telecom, operadora de celular do Marrocos, e na Activision Blizzard, empresa de games.

A Vivendi é um dos maiores grupos de mídia do mundo e, com essas vendas, pretende retomar o foco nesse tipo de negócio. Ela é dona dos estúdios Universal.

Com essa retomada, a companhia acredita que dará ainda mais retorno aos acionistas, apesar de os resultados (incluindo os negócios de telecom) ficarem acima do esperado. As ações da companhia estão cotadas a cerca de R$ 46, e a expectativa dos acionistas era algo em torno de R$ 32, considerando os impactos da crise na Europa.

Abertura de capital
A Folha apurou que o prazo máximo para a venda da GVT é março de 2013. Caso nenhuma das quatro propostas seja fechada até essa data, a Vivendi colocará em prática um "plano B": a abertura de capital da GVT.

Para essa tarefa, já foram contratados três bancos para estruturar a possível oferta de ações -o Deustche Bank, o Credit Suisse e o Rothschild.

O modelo ainda não está fechado, mas a ideia inicial é ir direto para o Novo Mercado -onde são negociadas ações ordinárias, com direito a voto, e que exigem da companhia maior grau de transparência. O valor da oferta, nesse caso, será um pouco superior a R$ 20 bilhões.

Antecedentes
Antes de ser vendida para a Vivendi, a GVT tinha 65% de suas ações pulverizadas, o que permitiu que os franceses adquirissem o controle diretamente no mercado.

A Telefónica tentou comprá-lo por meio de uma OPA (Oferta Pública para Aquisição de Ações). Mas os franceses anunciaram, antes do leilão, ter obtido o controle de acionistas diretamente.

A operação foi considerada irregular pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários), porque parte das ações não estava integralmente garantida para a Vivendi.

Esse caso terminou com o pagamento de uma multa pela Vivendi de R$ 150 milhões à CVM, a maior da história, para que o processo não fosse a julgamento.

A Telefónica move uma ação contra a Vivendi porque, segundo a CVM, a empresa francesa não tinha o controle da GVT quando fez o anúncio ao mercado.

Com a manobra, a companhia impediu a oferta dos espanhóis. Dias depois, a Vivendi concluiu a compra do controle no mercado. Procurados, Vivendi e GVT não quiseram comentar, assim como o BTG e o Gávea.

Fonte: Folha.com

Festival de flores espera receber 40 mil visitantes do Cariri

Aproximadamente 200 espécies de flores e plantas estão sendo expostas na Praça Padre Cícero, neste município. O local serviu de palco para a quarta edição do Festival das Flores de Holambra, que voltou à região do Cariri. Até o próximo dia 9 de dezembro, são esperadas mais de 40 mil pessoas. A meta é ultrapassar o público do ano passado, que foi de 35 mil visitantes. O evento é realizado pelo Centro Espírita Beneficente União do Vegetal, em parceria com as cooperativas de produtores de flores de Holambra, no Estado de São Paulo. Ao todo, aproximadamente, 100 colaboradores estão envolvidos com os trabalhos de logística e transporte dos produtos.

Nesta edição, apenas na estrutura do Festival, foram investidos cerca de R$ 15 mil. A expectativa é que, com a comercialização das espécies, seja gerado em torno de R$ 120 mil. Deste valor, um percentual relevante permanecerá girando no comércio do Cariri. A feira já entrou para o calendário de eventos regionais e atrai visitantes de várias cidades e até de Estados vizinhos.

Devido à proximidade com o período natalino, eles aproveitam a ocasião para realizarem compras nas lojas da cidade e ampliam as estimativas das vendas de fim de ano, além de estimularem o comércio informal.

Espécies
Entre as flores estão rosas, bromélias, samambaias, bonsais, plantas carnívoras e exóticas, pinheiros, crotes, uma grande variedade de cactos, sementes e adubos. As mais procuradas são as patas de elefante, rosas do deserto, as plantas carnívoras, orquídeas azuis, amarílis, azaleia, bromélias, kalanchoe e os lírios. A preocupação dos coordenadores do Festival foi a de trazer espécies que se adaptassem bem ao clima local. Os preços variam a partir de R$ 1 e podem chegar a R$ 250, dependendo da beleza, raridade e dificuldade de encontrar a espécie.

Anualmente, a feira começa a ser planejada ainda durante o mês de junho, quando os organizadores iniciam os contatos para patrocínios e novas parcerias. Em cada edição, a estrutura e o acolhimento aos visitantes são melhorados. Em 2012, eles esperam um crescimento de 20% das vendas com relação ao ano passado. Tentando oferecer uma diversidade maior de espécies, entre os 11 dias do evento, quatro carretas carregadas de flores chegam à cidade.

Para proporcionar a conservação das flores e plantas e atrair os compradores a permanecer por um período de tempo maior no local, todo o ambiente da feira foi climatizado.

A beleza e as peculiaridades de algumas espécies de plantas e flores despertam o interesse dos visitantes da feira. Há outras que nem são cultivadas na região. Por isso, a dificuldade de encontrá-las nas floriculturas.

Atração
A dionaea, mais conhecida como planta carnívora, é uma das atrações, devido se alimentar de insetos. O fluxo de compradores é maior nos turnos da tarde e noite. De acordo com a administradora Fábia Sá, que anualmente visita a feira, o Cariri ainda é muito carente de floriculturas. Ela conta que sua paixão pelas flores custa caro. "A gente vê que na região existe um monopólio, onde esse tipo de produto é muito caro. Essa feira nos dá a oportunidade de adquirir várias espécies raras a um preço acessível. Estou amando e já fiz muitas compras", revela.

Volante
Como estratégia de vendas e para atingir um público consumidor mais amplo, este ano, o Centro Espírita União do Vegetal e seus parceiros vão realizar a feira volante. No próximo dia 3, algumas amostras das flores e plantas serão levadas à cidade do Crato, onde irão permanecer das 8h30 horas ao meio-dia, na Praça da Prefeitura.

No Ceará, além do Cariri, o Festival das Flores de Holambra acontece também em Fortaleza. No Nordeste, o evento é realizado em outros Estados como Pernambuco, Paraíba, Piauí, Bahia e Alagoas.

Segundo o colaborador Manoel Teixeira Barros, a feira é uma oportunidade para se fazer novos amigos e gerar renda para a cidade. "Para nós, essa feira é uma festa. Traz cores e flores para a nossa região. A gente acaba incentivando o comércio local e captando recursos para o Centro Espírita". Nesta edição, os visitantes podem contribuir com o Programa Mesa Brasil, doando um quilo de alimento não perecível para a campanha "Nossos irmãos não podem mais esperar", que auxilia as vítimas da seca no Ceará. A ação é realizada pelo Sesc. A meta do Festival, que tem entrada gratuita, é arrecadar cinco mil quilos.

Produtos
200 espécies de flores e plantas estão disponíveis para a compra durante o Festival. Todos os anos, o evento acontece e já conquistou os moradores do Cariri

Mais informações
Festival das Flores de Holambra
Praça Padre Cícero
Centro da cidade
Juazeiro do Norte-CE
Telefone: (88) 8842.4790

YAÇANÃ NEPONUCENA
REPÓRTER

Fonte: Diário do Nordeste

‘Fantasma do elevador’ é a nova estrela do SBT

Sugestão do próprio Silvio Santos, a pegadinha da menina fantasma no elevador, que virou hit na internet, vai ganhar frutos no SBT.

A Folha apurou com a produção do “Programa Silvio Santos” que a emissora pretende capitalizar com o vídeo, que já ultrapassou 3,5 milhões de visualizações no YouTube e tornou a jovem Lívia Padilha, de 11 anos, a mais nova estrela do SBT.

A menina, que aparece de surpresa no elevador, como uma fantasma, aterrorizando as pessoas, é a mais nova contratada do canal e será entrevistada por Silvio Santos no programa de domingo.

Lívia, que era freelancer, vai até participar da vinheta de final de ano da emissora. Ela explicará como foi gravar a pegadinha, que já ganhou legendas em inglês, japonês e espanhol na internet.

Produtores contaram que nem o próprio SS, que deu a ideia para a brincadeira, imaginava que a “fantasminha” fosse gerar tanta repercussão. Outras pegadinhas assustadoras já foram encomendadas na emissora.

As vítimas da brincadeira são figurantes, que foram chamados no SBT com a justificativa de participar de uma seleção. Depois do susto, eles receberam cachês de até R$ 300, por isso a suspeita de que tudo não passou de armação. A emissora não comenta o assunto.

Assista a pegadinha: 



Fonte: Outro Canal / Folha.com

Barbalha (CE): Pai é preso acusado de estuprar filha de cinco anos

Um comerciário foi trazido na noite desta quarta-feira para a Delegacia Regional de Polícia Civil de Juazeiro do Norte, sob a acusação de estupro contra sua própria filha. Vicente Férrer Soares, de 31 anos, reside na Vila Santa Terezinha no município de Barbalha e admitiu que tinha colocado o dedo na vagina da criança de cinco anos.

O fato chegou ao conhecimento da polícia a partir de denúncias formuladas por populares e o acusado terminou preso por volta das 20 horas. A esposa do mesmo e, consequentemente, mãe da criança estava de serviço em um hospital onde trabalha. Diante da suspeita que algo tinha ocorrido com a menor, o caminho foi comunicar ao Destacamento de Barbalha.

Mesmo Vicente tendo admitido o crime com o dedo, o Delegado de Plantão quer a prova do atentado e determinou que a criança fosse levada ao Instituto Médico Legal (IML) para os devidos exames. O estupro aconteceu dentro de casa na Vila Santa Terezinha.

Demontier Tenório

Foto: Michel Dantas / Ag. Miséria

Fonte: Miséria

Dilma veta mudanças na divisão da renda do petróleo sobre royalties

Depois de sinalizar publicamente a intenção de "respeito a contratos" na análise da lei de divisão dos royalties do petróleo, a presidente Dilma decidiu ontem vetar o artigo do projeto aprovado na Câmara dos Deputados que muda as regras de distribuição desses tributos referentes a campos em exploração.

Com o veto, fica mantida a legislação atual que destina a maior parcela dos royalties dos campos em exploração aos Estados e municípios produtores, como defendiam o Rio e o Espírito Santo.

Pela regra atual, os grandes Estados produtores, por exemplo, ficam com 26,25% dos royalties. Os não produtores recebem apenas 1,76%.

Com isso, saem derrotados os Estados e municípios não produtores, responsáveis pela aprovação do projeto no Congresso que mudava essa divisão da receita. O texto reduzia a parcela dos Estados produtores para 20%.

Quanto às regras de exploração dos futuros campos de petróleo do pré-sal, o governo decidiu manter o que foi aprovado no Congresso. O texto fixa em 15% a alíquota dos royalties no modelo de partilha de produção e define a distribuição desses recursos de forma mais igualitária entre todos os Estados e municípios.

Nesta divisão, os Estados produtores devem ficar com 22% da receita de royalties a ser gerada na exploração dos campos que ainda serão licitados na área do pré-sal. Já os Estados e municípios produtores ficariam com uma parcela maior, de 51%.

O Palácio do Planalto analisava ainda incluir numa medida provisória mudanças na divisão de royalties de futuros campos de petróleo que ainda serão explorados pelo sistema de concessão (fora da região do pré-sal).

Nesta MP, o governo deve incluir dispositivo destinando toda receita dos royalties (União, Estados e municípios) para educação. Com isso, a presidente Dilma quer viabilizar a proposta de investir no setor 10% do PIB (Produto Interno Bruto).

Durante a reunião em que discutiu o assunto, a presidente Dilma voltou a insistir que sua decisão evitaria quebrar contratos e respeitaria o direito adquirido dos Estados e municípios produtores.

Ou seja, seguindo a linha defendida pelo governador Sérgio Cabral (PMDB-RJ), ela optou por não fazer qualquer alteração na legislação atual que destina mais recursos para as regiões produtoras, mas nos campos já licitados.

No caso dos futuros campos, ainda a serem leiloados, Dilma entendeu que a regra da distribuição dos royalties pode ser alterada. Por isso, optou por manter a proposta aprovada na Câmara.

Com a sanção do projeto, o governo vai fazer os primeiros leilões, no segundo semestre do próximo ano, de áreas de exploração de petróleo do pré-sal com base no novo modelo de partilha de produção.

Deputados e senadores de Estados não produtores vão tentar derrubar os vetos. Caso isso ocorra, o governador Sérgio Cabral já avisou que recorrerá ao STF (Supremo Tribunal Federal).

Fonte: Folha.com

Pagamento da primeira parcela do 13º salário está sendo paga hoje

Termina nesta sexta-feira o prazo para o pagamento da primeira parcela do décimo terceiro salário. Planejar com antecedência como esse dinheiro vai ser gasto – somado ou não à segunda parcela, a ser paga até 20 de dezembro – pode ser vantajoso, pois o trabalhador aproveita possíveis rendimentos gerados pela aplicação do valor, evita o aumento de dívidas devido à cobrança de juros por contas atrasadas ou gasta de forma mais consciente.

O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) estima que cerca de R$ 130 bilhões serão injetados na economia com os gastos do décimo terceiro, o que representa cerca de 2,9% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro. Segundo a Previdência, só com o pagamento da segunda parcela do decimo terceiro a beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), mais de R$ 11 bilhões estarão disponíveis para os gastos de fim de ano.

De acordo com o advogado trabalhista e previdenciário Paulo Pirolla, o planejamento do uso do décimo terceiro vai depender da situação econômica e financeira de cada trabalhador na hora do recebimento. As opções são quitar dívidas, poupar, investir ou gastar. Pirolla explicou à Agência Brasil os benefícios e prejuízos de cada uma dessas opções e ressaltou que a melhor solução é pensar de antemão quais são os objetivos a ser alcançados com o uso do dinheiro.

Fonte: Agência Brasil

Seca fecha creche, escola e posto de saúde no Interior

O fechamento de creches, escolas e postos de saúde está acontecendo em Milhã, Itapajé e Irauçuba. Para que a situação não se generalize nas localidades onde se vive o colapso no abastecimento de água, o Corpo de Bombeiros socorre de forma emergencial com veículos de suas unidades para atendimento nas sedes.

Em Milhã, a 315 quilômetros de Fortaleza, a crise no abastecimento atingiu a Creche Comunitária Criança Feliz, localizada na sede, e a Escola de Ensino Fundamental José Pedro de Lima, em Passo Verde. A falta d´água também prejudicou o funcionamento do posto de saúde de Carnaubinha, distrito que passou 12 dias sem contar sequer com água dos carros-pipa.

"Estamos fazendo todo o possível para que as unidades de ensino não fiquem fechadas e assim possamos concluir o calendário escolar", disse, ontem, a secretária de Educação, Erantelma Holanda.

Assim, quando as escolas fecham, os professores transferem os conteúdos para trabalhos a serem feitos nas residências dos alunos com acompanhamento dos educadores.

Ontem, um caminhão-pipa do Corpo de Bombeiros com 40 mil litros se deslocou para Milhã, onde creches e escolas já interromperam o funcionamento pela falta d´água. Segundo informou o coordenador da Defesa Civil do Estado, coronel Gilberto Tavares Araújo, a ação é uma resposta ao clamor feito nesta semana pelo prefeito José Cláudio Dias (PMDB).

Tavares disse que a água tanto transportada pelo Corpo de Bombeiros, quanto pelo Exército, é tratada pela Companhia de Água e Esgoto (Cagece) ou tratada com pastilha de cloro. Ele informou que uma nova reunião do Comitê Integrado de Combate à Seca, marcada para a próxima segunda-feira na cidade de Russas, poderá apresentar novas localidades onde se verificam o quadro de colapso hídrico. Residente em Carnaubinha, Ana Maria Martins Ferreira disse que o problema é ter água para consumo humano.

"A água que tem chegado por carro-pipa não serve para beber. Desse modo, quem tem dinheiro compra água boa, quem tem bebe aquela que chega salobra e inadequada para consumo", disse Ana Maria. Ela informou que preocupa o fechamento dos postos de saúde.

Afinal, a comunidade está localizada a 18 quilômetros da sede, onde está situado o hospital mais próximo. A comunidade não dispõe de ambulância.

Quiterianópolis
"Se a situação atual persistir pelo mês de dezembro, no início do ano não teremos como abrir postos de saúde e escolas no município". A afirmação é do chefe de gabinete da Prefeitura Municipal de Quiterianópolis, Costa Júnior, ao tratar sobre o colapso de água que o município enfrenta como consequência da grave estiagem. No Açude Colina, que abastece a cidade, há vários meses não há água de qualidade para consumo, nem para cozinhar e higiene pessoal. A população utiliza apenas para serviços de limpeza.

A zona rural está sendo atendida pela Operação Pipa, com 18 caminhões. A sede com uma carreta de 35 mil litros, semanalmente. A Prefeitura já pediu o aumento no número de veículos à Defesa Civil. Teme estado de calamidade pública a partir de janeiro de 2013.

Conforme Júnior, por enquanto, a água para os postos de saúde, escolas e a população da zona urbana está sendo garantida por meio da carreta que abastece a cidade com água proveniente do Açude Flor do Campo, do município de Novo Oriente. Mas é insuficiente.

Para complementar, populares pegam água em carros e motocicletas na zona rural, em alguns poços profundos. As pessoas que têm maior poder aquisitivo compram água de carros-pipas particulares com valor em torno de R$ 100. Trazem água de poços próximos.

Quem quer água de melhor qualidade compra dos carros-pipas que trazem água do município de Assunção, no Piauí, cuja água é vendida a R$ 40.

Irauçuba
Em Irauçuba, o professor Flávio Sousa diz que, desde o início do mês, a situação está bastante grave, até mesmo para as pessoas que buscam o produto para consumo humano.

O Açude Jerimum, construído na década de 1990, tido na época pelos políticos como a solução para a falta d´água, encontra-se atualmente com 10% de sua capacidade hídrica.

Mais informações
Cogerh: 3218.7661
Funceme: 3101.1117
SDA: 3101.8105
Defesa Civil do Estado: 199
Ciops: 193

MARCUS PEIXOTO / SUCURSAIS
REPÓRTER

Fonte: Diário do Nordeste

30 de novembro

1939 - Segunda Guerra Mundial: a URSS invade a Finlândia.
1993 - Estreia A Lista de Schindler, filme de Steven Spielberg.
2004 - O Presidente da República Portuguesa, Jorge Sampaio, anuncia a decisão de dissolver a Assembleia da República e como consequência o governo em funções.

Nasceram neste dia…
1835 - Mark Twain, escritor estadunidense (m. 1910).
1874 - Winston Churchill , estadista britânico (m. 1965).
1955 - Billy Idol, roqueiro britânico.

Morreram neste dia…
1900 - Oscar Wilde, escritor irlandês (n. 1854).
1935 - Fernando Pessoa (foto), poeta português (n. 1888).
1980 - Cartola, sambista compositor e cantor brasileiro (n. 1908).

Fonte: Wikipédia

Didi e cassetas ficam sem programas na Globo em 2013

A turma dos cassetas e Renato Aragão (foto) não terão mais espaço na programação da Globo em 2013.

Tanto o “Casseta & Planeta” como a “Turma do Didi” acabarão em dezembro, sem possibilidade de novas temporadas no próximo ano. Os atores do elenco e a produção dos dois programas foram avisados na tarde de quinta-feira (29) que as duas atrações vão acabar. Muitos deles serão dispensados.

Os cassetas, que estão renovando contrato com a Globo, seguirão em projetos solos na emissora.

Renato Aragão também seguirá como contratado do canal, mas não deve ganhar uma nova atração tão cedo.

A emissora pretende investir em novos humoristas em 2013. Está tentando contratar Marcelo Adnet, da MTV.

Fonte: Outro Canal / Folha.com

Seca no Interior do CE preocupa deputados

A manchete do Diário do Nordeste de ontem: "Seca causa colapso de abastecimento d´água no Interior", provocou os deputados, na Assembleia Legislativa, a tratarem mais uma vez sobre a seca no Estado. Os parlamentares têm se mostrado preocupados com a falta de água e reclamam mais atenção por parte do Executivo, para os problemas que a estiagem vem causando ao homem do campo.

De acordo com o deputado Welington Landim (PSB), no início deste ano, o ministro da Integração, Fernando Bezerra, assinou um convênio, em parceria com o Governo do Estado, a partir do programa Água para Todos, com o compromisso de liberar recursos para mil projetos de abastecimento de água, mas até o momento nenhuma verba chegou ao Ceará.

Da parte do Estado, garante, já está tudo preparado, destacando que o governador Cid Gomes pediu aos prefeitos agilidade para apresentarem seus projetos que já chegaram a ser analisados pela Secretaria do Desenvolvimento Agrária, faltando agora somente a parte que cabe à União, segundo atesta Landim.

Outra iniciativa que já poderia ter iniciado, aponta o parlamentar, é o programa São José, que prevê a construção de 100 projetos de abastecimento de água. Segundo afirma, o projeto foi assinado em março deste ano, mas a licitação ainda será iniciada no próximo mês.

O parlamentar argumenta que basta olhar para a foto de capa veiculada ontem, no Diário do Nordeste, em que aparece o gado morto devido a falta de água e comida, para ter uma noção dos estragos que estão sendo causados pela Seca.

Reserva
Conforme Landim, se não chover na região do Cariri até o mês de janeiro, açudes que nunca secaram ficarão com 10% da reserva de água, afirmando que muitos poços profundos e cacimbas também já estão secos. "Temos que reagir, peço uma reação rápida e enérgica para o sofrimento desse povo", cobrou.

Há uma preocupação também, analisa, com a economia do Estado. Landim destaca que os produtores que passaram uma vida inteira para juntar 30 cabeças de gado perderam mais da metade ou por conta da fome ou porque tiveram que vender, já que não tinham como sustentar os animais. De acordo com ele, há um "empobrecimento geral" de quem já vivia em dificuldade.

De acordo com o deputado Sineval Roque (PSB), também da Região do Cariri, os prejuízos causados pela seca ainda irão perdurar por quatro ou cinco anos. Isso porque, avalia, o homem do campo terá de repor o que perdeu por falta de água e de comida, entendendo que se não chover, até o fim do ano, a situação irá se agravar ainda mais.

Cestas básicas
Já o deputado Ely Aguiar (PSDC) diz reconhecer o esforço do Governo Federal, Estadual e Municipal para amenizar os impactos da seca no Ceará. Segundo o parlamentar, a situação do homem do campo só não é mais caótica porque como este foi um ano de eleição, deve ter havido ajuda com cestas básicas. "Mas como já passou a eleição, este homem está entregue a própria sorte. Acredito que devemos olhar de forma mais constante. Essa Casa não pode ficar omissa, porque daqui a dois anos vamos percorrer o interior atrás de voto", lembrou.

Fonte: Diário do Nordeste

ShareThis