Fique ligado! Esses 8 comportamentos fazem com que as pessoas não gostem de você

1 – Viver criticando a si mesmo
É o caso daquela pessoa que fala mal de si mesma o tempo todo. Além de ser chato ouvir esses tipos de comentários, essas pessoas geralmente querem atenção, e não percebem que isso fica bastante óbvio. A menina que vive dizendo que está precisando fazer regime, ainda que use tamanho P, quer, na verdade, ouvir dos outros que está magra. Já o rapaz que vive dizendo que não tem vida social por ser nerd quer ouvir que é inteligente.

2 – Não saber conversar
Tudo bem, você pode ter falta de traquejo social, mas é preciso entender algumas coisas sobre como criar diálogos interessantes se a ideia é mudar a situação. Em uma conversa, não fique apenas ouvindo sem fazer perguntas; afinal, questionamentos pertinentes demonstram interesse. É legal também que você mantenha um contato visual sempre que puder, sorria e evite fazer piadas inapropriadas.

3 – Agir de maneira instável
Se você é do tipo que perde as estribeiras, faz barraco e grita quando algo sai do seu controle, saiba que esse tipo de comportamento causa uma péssima impressão, justamente por ser um sinal típico de uma pessoa sem inteligência emocional. A verdade é que a vida é cheia de imprevistos e de falhas – ou você aprende a respirar fundo e pensar antes de agir ou não vai poder se incomodar em sempre passar uma impressão ruim a respeito da sua própria personalidade.

4 – Ficar mexendo no celular enquanto fala com alguém
Eis um grande exemplo de falta de educação da vida moderna. Quando você está conversando com alguém, mas fica conferindo notificações no celular a cada minuto, o seu interlocutor se sentirá mal – a impressão que você dá ao fazer isso é de que tanto a conversa quanto a pessoa com a qual você está falando são desinteressantes. Guarda esse celular! E se for para atender ou responder uma mensagem, peça licença.

5 – Fazer fofoca
Viver falando da vida alheia, fazendo comentários maldosos e tecendo críticas ferrenhas faz com que você seja visto como uma pessoa vazia, chata e de mentalidade pequena. Tendemos a gostar de quem fala sobre filmes, ideias, livros, músicas, notícias... Quem vive falando de outras pessoas é porque não tem repertórios melhores.

6 – Ter uma mente fechada
Entenda: pessoas não gostam de conversar com gente que tem uma opinião formada sobre tudo e não é aberta a ouvir pontos de vista diferentes dos seus. Estar disposto a ouvir outras opiniões e, principalmente, a respeitá-las é uma ótima maneira de conquistar a simpatia das outras pessoas. Nada de preconceito, hein, seja ele de que tipo for – ninguém gosta de ficar perto de gente preconceituosa.

7 – Falar demais sobre a sua vida pessoal
Uma coisa é ser uma pessoa comunicativa e aberta a conversar sobre vários temas; outra coisa totalmente diferente é achar que porque alguém sorriu para você já dá para chamar essa pessoa de melhor amiga e contar a ela sobre os problemas de saúde da sua avó, sobre sua situação financeira ou qualquer outra coisa que seja pessoal demais.

8 – Postar coisas demais nas redes sociais
Já é comprovado que quem vive compartilhando coisas nas redes sociais tem, na verdade, uma grande necessidade de aceitação. O problema é que esse comportamento compulsivo tem efeito oposto – quem nunca cancelou a assinatura daquela pessoa que posta uma selfie por minuto?

Antes de publicar alguma coisa, pense na necessidade real dessa publicação, reflita se ela vai ser útil para as pessoas que seguem você ou se vai ser apenas mais uma entre tantas outras coisas que você divulga freneticamente. As pessoas costumam implicar com quem não sai das redes sociais.

Fonte: Mega Curioso

Curta nossa página no Facebook



Trocamos de presidente, então por que ainda estamos em crise?

Não é mistério que o governo de Dilma Rousseff deixou grande déficit na economia do país. As grandes questões são: até agora, o que de fato melhorou, piorou ou ficou na mesma?

O impeachment teve grande repercussão pelo mundo. A maneira como tudo aconteceu desagradou países da América Latina e deixou o Brasil malvisto internacionalmente.

A mudança mais sensível até aqui é o aumento do desemprego. Antes, o problema foi combatido aumentando-se o poder de compra. Agora, com benesses para quem contrata.

Como crises são cíclicas e pedem mudanças, não demorou para surgirem medidas da equipe econômica para cobrir os rombos financeiros do país. Entretanto, isso nunca é tão simples quanto parece.

Problema zero (isto é, todo governo faz isso): Independentemente da posição política de onde se originam, os métodos de estabilização econômica menos usados no Brasil são os de longo prazo.

Traduzindo: Há muitas décadas sofremos com mudanças demais em tempo de menos, nunca tendo um momento exatamente "excelente" que possibilite uma comparação de conjunturas ou algo mais permanente. A Previdência, por exemplo, está sempre em discussão

A redução do abismo entre classes dos últimos 14 anos foi real, mas hoje se revela mal estruturada para embasar um segundo momento, complementar. O que temos agora, de novo, é um processo de substituição de políticas com remendos.

As medidas propostas até aqui, à primeira vista não parecem sair do formato tradicional: escritas para longo prazo, mas que sobrescrevem o que foi feito antes e passíveis de substituição a qualquer momento.

Ou seja: em essência, o que permanece é a total desconfiança de quem movimenta a economia em todos os níveis - patrões, empregados, ricos, pobres.

A fragilidade e o frequente mau uso das instituições brasileiras criaram uma barreira entre a possibilidade de resultados duradouros e confiança necessária para chegar lá. E economia tem a ver com confiança: do mercado, que decide se investe ou cai fora, por exemplo

Com tanta instabilidade acumulada ao longo de décadas, a economia do Brasil pode até sair da crise, mas não da lógica de que quem tem, prefere guardar. Quem não tem, busca de qualquer forma – pra guardar.

Fonte: Yahoo!

Curta nossa página no Facebook



Coisas suas que dizem que você é inteligente, segundo os cientistas

Uma infinidade de artigos propõe bons hábitos e conselhos que, ao se comparar uns com outros, acabam por incorrer em contradições impossíveis de serem cumpridas. Os estudos sobre aspectos do nosso caráter e comportamento que indicam se somos mais inteligentes que a média, ou que fazer determinado tipo de coisa desenvolve a nossa inteligência, são a mesma coisa. Muitos deles, ainda que não todos, estão relacionados curiosamente com hábitos que costumamos considerar um defeito ou algo politicamente incorreto.

Pesquisadores de universidades com nomes compridos têm analisado o assunto, e os meios de comunicação não duvidam em publicar suas conclusões, algumas vezes sendo muito reducionistas nas manchetes com respeito às pesquisas realizadas. Em cada título dessa lista de artigos se pode encontrar um link que afirma a relação entre inteligência e os atos com os quais se relaciona. Cada um pode julgar por si mesmo a validez dos métodos científicos empregados e a coincidência com os resultados anunciados.

1. Ser preguiçoso
A Universidade da Costa do Golfo da Flórida explica que, para compensar o esforço e o sacrifício de pensar tanto, as pessoas inteligentes reduzem a cota de atividade física diária. A equipe de pesquisadores dirigida por Todd McElroy enviou um teste a um grande número de estudantes, dos quais foram selecionados 30 que tinham a tendência de pensar demais ("pensadores") e outros 30 que tentavam evitar a todo custo a reflexão excessiva (“não pensadores"). Todos colocaram um acelerômetro no pulso durante sete dias. De segunda a sexta, os “pensadores” realizavam muito menos atividade física que os “não pensadores”, só durante o fim de semana o esforço físico de ambos os grupo se igualava.

2. Ter a mesa bagunçada
É um sinal claro de inteligência e criatividade, dizem pesquisadores da Universidade de Minessota. Entre outros muitos argumentos, apresentam como provas imagens das mesas de gênios como Albert Einstein, Steve Jobs e Mark Zuckerberg; todas elas são um desastre que, com certeza, foram a vergonha de seus pais ao aparecerem em público. Ainda que sejam mais chatas, aquelas pessoas que são organizadinhas costumam ser mais generosas, conclui o estudo.

Os pesquisadores, liderados por Kathleen Vohs, convocaram voluntários a dois escritórios com o mesmo tamanho, mobiliário e iluminação. Um deles com suas mesas bagunçadas e o outro completamente organizado. Pediram que realizassem várias atividades, como doar ou escolher entre comer uma maçã ou uma barra de chocolate. Os do escritório organizado eram mais propensos a doações e a comer a maçã, enquanto os do escritório bagunçado eram muito melhores quando solicitados a apresentar sugestões de ideias.

3. Ter poucos amigos
Por que as pessoas inteligentes ficam melhor com poucos amigos?, se perguntava no mês passado o jornal The Washington Post. A resposta é dada pela publicação com base no National Center for Biotechnology Information, que explica que "os indivíduos mais inteligentes se sentem menos satisfeitos com sua vida se decidem socializar mais frequentemente com amigos”. São mais infelizes quando se inter-relacionam, por isso fazem com menos frequência. Chegam a essa conclusão após analisarem uma pesquisa em todo o Reino Unido com 15.000 pessoas de entre 18 e 28 anos. Em geral, querem ser deixadas em paz e não serem incomodadas.

4. Falar sozinho
"Não significa que você está louco: falar sozinho tem benefícios cognitivos”, diz um artigo do Science Daily. Fazê-lo, afirma essa pesquisa, permite ter melhor memória porque ativa o mecanismo sensorial do cérebro, ajuda a se concentrar mais nas tarefas e a esclarecer os pensamentos.

O estudo, liderado pelos psicólogos Gary Lupyan (Universidade de Wisconsin) e Daniel Swingley (Universidade da Pensilvânia), colocou voluntários para encontrar determinados objetos. Em alguns momentos pediram que falassem o nome do objeto em voz alta enquanto procuravam, o que descobriram que facilitava o processo.

5. Consumir drogas
Os britânicos James White, David Batty e Catharine Gale se basearam em outro estudo para concluir que aqueles indivíduos que em sua infância contam com um QI superior a 125 têm mais possibilidades de consumir álcool e drogas na idade adulta do que aqueles com um QI inferior a 75.

A metodologia consistiu em comparar os dados de 6.713 pessoas que fizeram parte do Estudo Nacional de Desenvolvimento Infantil em 1958. Foram recolhidos vários dados quando tinham 11 anos, entre eles seu QI, e se fez um acompanhamento dos participantes ao completar 16, 23, 33, 42, 46, e 50. Aos 42 anos, foram perguntados sobre o consumo de drogas, e, um tempo depois, em 2012, esse estudo comparou os resultados dessa pesquisa. Assim pôde comprovar a correlação entre o padrão de consumo de álcool e drogas daqueles que tinham obtido melhores resultados no teste de inteligência realizado na infância.

6. Falar palavrões
Costumamos relacionar o uso de palavreado impróprio com a pobreza de vocabulário. Camilo José Cela, com seu Dicionário Secreto, e Arturo Pérez-Reverte não estariam de acordo com essa premissa e, aparentemente, estavam com a razão. A revista científica Language Sciences explicou no ano passado o experimento realizado pelos psicólogos Kristin e Timothy Jay, da Universidade de Artes de Massachusetts.

Pediram aos participantes do estudo que dissessem o máximo possível de palavrões durante um minuto. Aqueles que ofereceram uma lista mais ampla de respostas foram também os que demonstraram um vocabulário mais inteligente em outras áreas gerais (nomes de animais ou de cidades).

7. Dormir tarde
A Universidade de Liege, na Bélgica, apoia aqueles que acordam tarde porque dormem tarde. O pesquisador do sono Philippe Peigneux liderou um grupo de estudos em 2009 que comparava 15 aves noturnas (despertam às 11h da manhã) com 16 madrugadoras (acordam às 7h), e as submeteu a um scanner cerebral ao começar seu dia.

A conclusão a que chegaram é que a atividade cerebral das primeiras é superior a das segundas, ao manter um nível de alerta muito mais alto. A diferença entre ambos os tipos de pessoas não se nota tanto pela manhã como nas horas vespertinas.

O assunto de dormir tarde é muito discutido, como explicou ao Verne Ana Adan, doutora em Psicobiologia da Universidade de Barcelona.

8. O caso definitivo: de esquerda, sem filhos, gay e vegetariano
Que ninguém se chateie com essa reportagem, pois não somos nós que dizemos. Quem afirma é Satoshi Kanazawa, especialista em psicologia evolutiva da Escola de Ciências Econômicas e Políticas de Londres. Seu livro The Intelligence Paradox argumenta suas teorias, que resume em uma entrevista para a The Economist. Há consolo para aqueles que não cumprem com nenhuma dessas pautas: “Os inteligentes fazem melhor as coisas em quase todos os aspectos da vida moderna, exceto nos que importam de verdade, como encontrar um parceiro, educar um filho e fazer amigos”, afirma o autor.

Fonte: El País

Curta nossa página no Facebook



Alex Goot & Chad Sugg - Closing Time




Folia de Reis toma conta das ruas do Cariri

Por um instante, o trânsito frenético, os passos apressados dos pedestres e agitação do centro comercial deste município, o maior do interior cearense, parou. A rotina foi interrompida na tarde de ontem, dia 6 de janeiro, para contemplação de uma das tradições religiosas mais antigas de que se tem notícia. Seis grupos de Reisados e Lapinhas, com centenas de integrantes, desfilaram pela rua São Pedro, a mais movimentada no centro, marcando a celebração do Dia de Santos Reis.

Para alguns brincantes, a tradição é considerada como “uma dança divida”. Eles tratam a manifestação “como algo que vai além da religião”. A festa secular é uma continuidade do Natalício de Jesus. Em Juazeiro do Norte, por exemplo, são vários grupos, com destaque para os bairros João Cabral e o Horto que, juntos, são responsáveis pela preservação e fortalecimento dessa tradição. Em Crato, a Fundação do Folclore Mestre Elói também atua na manutenção desta cultura.

Segundo o professor de artes, Bruno Oliveira, o Dia de Reis, está presente no inconsciente coletivo dos moradores das terras interioranas do Nordeste do Brasil, como data em que deve ser mantida a reverência, com uma grande alegria contida nos corações e um dever de quem leva muito a sério essa forma de manifestação, a brincante.

Celebrações
Os últimos dias foram marcados por apresentações de Reisado e saberes dos Mestres na região do Cariri. Durante os dias 04, 05 e 06, o Sesc, em parceria com o Banco do Nordeste, realizou o I Seminário de Políticas Públicas para Mestres e Brincantes da Tradição, cujo o objetivo foi discutir propostas que garantam a manutenção dos grupos de Reisado, compreendendo-os como patrimônio imaterial da região e valorizando as comunidades nas quais estão inseridos.

Além de mesas de discussão do Seminário, a programação incluiu também apresentações de Reisado no Terreiro da Mestra Margarida, na Unidade Juazeiro do Sesc e show com o artista Geraldo Junior no Teatro Sesc Patativa do Assaré. Além do cortejo que saiu na tarde de ontem pelas ruas de Juazeiro do Norte, houve realização de Missa campal com a Benção dos Mestres e Brincantes da Tradição na Capela de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, também em Juazeiro.

Já em Barbalha, sete grupos de Reisado se apresentaram no terreiro da Escola de Saberes, localizada na Praça Engenheiro Dória. O evento reuniu, ainda, Bandas Cabaçais da cidade e o Reisado São Luiz, de Juazeiro do Norte. Ao fim das apresentações itinerantes na terra do Santo casamenteiro, que conta com mais de 50 grupos folclóricos, incluindo o reisado do couro e penitentes, houve orações e queima simbólica das palhas do presépio de Natal.

A queima de palhinhas é uma tradição antiga preservada na região, de rara beleza e encanto. Faz parte das homenagens prestadas ao Menino Jesus. No entanto, diferente do Reisado, que tem culminância no dia 06, a queimação pode ser feita durante todo o mês de janeiro, a depender do dono da casa ou da tradição da comunidade, quando a festa é da população.

Renovação
Manter a tradição do Reisado, entretanto, não é uma tarefa simples. Além das constantes descaracterizações sofridas em alguns grupos dançantes ao longo dos anos, há a necessidade de formação de novos Mestres e do incentivo para que novos adeptos aprendam a cultura.

O artista Carlos Gomide, da Associação dos Artistas da Terra da Mãe de Deus, do bairro João Cabral, em Juazeiro, destaca que um grupo mirim de Reisado foi criado “com a proposta de perpetuar a tradição”. As crianças recebem orientações de brincantes que já possuem décadas de experiência, como é o caso do Meste Aldemir. Em sua residência, no Crato, ele implantou uma espécie de “escola do Reisado” para crianças e adolescentes. A intenção, segundo ele, é também repassar a tradição que ele aprendeu com os pais.

Fique por dentro
A festa do Reisado, ou “Folia de Reis”, termologia não muito usual no nordeste brasileiro, remonta séculos passados. Chegou ao Brasil por meio de influência ibérica, no entanto, surgiu bem antes. As festas da natividade foram tendo elementos introduzidos ao longo dos séculos, até que, por volta de 1.600 foram acrescentadas as figuras dos três Reis Magos. Com isso, surgiram os grupos de Folia de Reis, que saem cantarolando hinos e exaltando o nascimento de Jesus.

São tradicionalmente realizadas no período de 25 de dezembro a 6 de janeiro e tem sua origem primária na Festa do Sol Invencível, comemorada pelos romandos e depois adotada pelos egípcios. Tem sentido católico-cristão, mas com profunda marca pagã em sua origem.

ANDRÉ COSTA
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook



Você sabia? Não é a ferrugem que causa tétano

Pregos enferrujados são uma grande ameaça a nossa saúde, certo? Afinal de contas, desde que nos conhecemos por gente escutamos que objetos metálicos oxidados são potenciais transmissores de tétano. Sim, de fato, são. Mas não se prenda à questão da oxidação: um prego aparentemente limpo ou mesmo um arranhão de um animal também podem transmitir a doença.

O tétano é causado pela bactéria Clostridium tetani, encontrada, em geral, no solo, na poeira e em fezes de animais. Então, se você se ferir com algum objeto que tenha sido exposto à bactéria, independentemente de haver ferrugem, você pode se infectar.

O fato de a bactéria ser encontrada no solo e no estrume faz, inclusive, que jardineiros e outros trabalhadores agrários estejam potencialmente expostos à doença. A população urbana também não está totalmente segura: uma calçada ou uma rua empoeirada podem abrigar muitas bactérias Clostridium tetani.

Por que, então, há a máxima de que objetos metálicos enferrujados transmitem tétano? A oxidação cria fendas que permitem o alojamento da bactéria. E, se um prego chegou a enferrujar, ele pode, também, ter sido sido exposto a solos contaminados --ou a sujeiras e poeiras que contenham a bactéria.

O Clostridium tetani, no entanto, não é perigoso no solo ou na pele. Isso porque ele só pode se reproduzir em um ambiente privado de oxigênio, como ocorre em ferimentos. As cavidades geradas pela oxidação de um metal dão à bactéria um lugar para se esconder, mas ela só faz "seu trabalho" de infeção em um ferimento de punção (quando nos "furamos" com pregos, por exemplo) no corpo humano.

Dentro da ferida, a bactéria ibera uma neurotoxina altamente poderosa conhecida como tetanospasmina. Basta uma pequena quantidade dela dentro do corpo para que o sistema nervoso seja afetado, reagindo com contrações musculares e espasmos.

Caso a pessoa que tenha sido infectada (e não tenha tomado vacina anteriormente), não seja tratada imediatamente com uma antitoxina chamada imunoglobulina antitetânica, o corpo pode "congelar" completamente, podendo levar à morte.

É prudente, então, que além de desviar de pregos enferrujados, você tome cuidado para não se furar com qualquer tipo de objeto não esterilizado --além de estar com as vacinas em dia, claro.

Fonte: UOL

Curta nossa página no Facebook



Confira vagas de emprego em Crato e Juazeiro do Norte

O Sine/Instituto do Desenvolvimento do Trabalho (IDT) divulgou nesta sexta-feira (6) a lista de vagas de trabalho existentes Crato e Juazeiro do Norte.

Para concorrer a uma das vagas, o candidato deve se dirigir à sede do Sine/IDT da sua cidade. O órgão alerta que todas as oportunidades estão sujeitas à alteração.

CRATO
Rua. Monsenhor Esmeraldo, 686 – Centro - Fone: (88) 3102.1240

  • Salgadeiro 03
  • Serralheiro 02
  • Tosador 01
  • Vendedor interno 01
  • Vendedor pracista 02

JUAZEIRO DO NORTE
Rua. Interventor Francisco Erivano Cruz,120 - Centro - Fone: (88) 3572.4744

  • Auxiliar em saúde bucal 01
  • Decorador de eventos 01
  • Vendedor pracista 03

Curta nossa página no Facebook



Aprovados na 1ª fase do concurso para PMCE são convocados

A convocação para a 2ª etapa do Concurso Público para ingresso no cargo de soldado da Polícia Militar do Ceará foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (6). Dos 5 mil aprovados na primeira fase, foram convocados 1.700 candidatos referentes à 1ª Turma. Nesta fase, que é de caráter eliminatório, acontece a inspeção de saúde na qual os candidatos devem fazer exames médico, biométrico, odontológico e toxicológico.

Os classificados do sexo masculino entre as posições 1º até 1.615º  e as do sexo feminino do 1º até 85º lugar devem comparecer ao local de realização da Inspeção de Saúde, conforme local, data e horários determinados no subitem 1.1 do edital Nº 07/2016. Os candidatos deverão ir munidos de seus documentos pessoais e dos resultados dos exames e laudos exigidos no Edital de Abertura, os quais deverão conter o nome completo e número do seu documento de identidade, impresso ou escrito, e ter prazo de validade não superior a 60 (sessenta) dias entre a data de realização e sua apresentação à banca examinadora.

Para mais detalhes sobre a inspeção de saúde, o candidato deverá observar todas as instruções contidas no edital de abertura do concurso público Nº 01/2016 – PMCE, de 11 de julho de 2016, publicado no DOE Nº 130, de 12 de julho de 2016, principalmente as disposições do item 11. O resultado preliminar da 2ª Etapa – Inspeção de Saúde da 1ª Turma será publicado no Diário Oficial do Estado do Ceará e divulgado na internet, no site do Instituto AOCP, na data provável de 24 de fevereiro de 2017. O edital completo está disponível no site da organizadora do certame www.institutoaocp.org.br ou no DOE do dia 07 de janeiro.

O concurso
O concurso para soldado da Polícia Militar foi lançado em julho de 2016 e oferece 4.200 vagas, distribuídas em três turmas, com previsão de convocação até o ano de 2018. A primeira etapa do concurso foi realizada em Fortaleza, no dia 25 de setembro e contou com a participação de 70.133 candidatos. A terceira etapa do certame será o Curso de Formação Profissional e incluirá ainda avaliação psicológica, teste de capacidade física, investigação social e avaliação final do curso, sendo todas de caráter eliminatório.

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook



Gasolina sobe em 18 estados e atinge maior valor em 1 ano

O preço médio da gasolina no país subiu na primeira semana de 2017 e atingiu R$ 3,762 o litro, um valor acima do registrado em todas as semanas de 2016. O reajuste de preços foi registrado em 18 estados (veja relação abaixo). Os dados são de levantamento divulgado nesta sexta-feira (6) pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), que monitora semanalmente os preços dos combustíveis no país.

Os dados mostram que o reajuste da gasolina ganhou fôlego a partir de dezembro do ano passado, quando a Petrobras aumentou o preço da gasolina nas refinarias. Apenas nas últimas quatro semanas, o valor do combustível subiu 1,92%. Em todo o ano de 2016, o preço da gasolina se apreciou 3,3%, abaixo da inflação. Na semana, a alta foi de 0,18%.

Diesel e etanol
Já o preço do diesel registrou uma leva queda na primeira semana do ano, interrompendo uma sequência de quatro semanas consecutivas de alta de preços, apontam os dados da ANP. O diesel, que encerrou 2016 com o maior valor registrado no ano (R$ 3,051/litro), atingiu um preço médio de R$ 3,046 na primeira semana de 2017.

Já o etanol registrou nesta semana a sua quinta alta consecutiva de preços, de acordo com o levantamento da ANP. O preço médio do litro do etanol no país atingiu R$ 2,863 o litro, alta de 0,67% em apenas uma semana. Em 2016, o etanol foi o combustível com maior alta de preços, um reajuste de 6,88% nos postos de combustível.

Para chegar ao preço médio da gasolina, a ANP consultou 5.670 postos na semana. Para registrar o preço do etanol e do diesel, a agência procurou 5.107 e 3.557 postos de combustível, respectivamente.

Reajuste nas refinarias
Desde outubro a Petrobras pratica uma nova política de definição de preços dos combustíveis, com reuniões mensais para definir os valores da gasolina e do diesel cobrados nas refinarias. Na última reunião, realizada no dia 5, a Petrobras aumentou o preço do diesel e manteve o da gasolina.

Em dezembro, a Petrobras aumentou o preço do diesel e da gasolina. Nas reuniões anteriores, em outubro e novembro, a estatal reduziu os preços.

Variação por estado
Além de uma média nacional de preços, a ANP divulga semanalmente os valores praticados por Estado. Na semana encerrada no dia 6, o Acre foi estado com a gasolina mais cara, de R$ 4,231 o litro. Já a mais barata foi registrada em Pernambuco, uma média de R$ 3,552 por litro.

Veja a preço médio da gasolina por estado e sua variação em relação a semana anterior:

Acre 
R$ 4,231, alta de 0,38%

Alagoas
R$ 3,733, queda de 0,35%

Amapá 
R$ 3,825, alta de 4,08%

Amazonas
R$ 3,993, alta de 0,15%

Bahia
R$ 3,753, queda de 1,13%

Ceará
R$ 3,9800, queda de 0,18%

Distrito Federal
R$ 3,724, alta de 1,83%

Espírito Santo
R$ 3,740, queda de 1,01%

Goiás
R$ 3,903, sem variação

Maranhão
R$ 3,61, alta de 0,03%

Mato Grosso
R$ 3,782, alta de 0,50%

Mato Grosso do Sul
R$ 3,661, alta de 0,14%

Minas Gerais
R$ 3,827, alta de 0,31%

Pará
R$ 4,093, alta de 0,57%

Paraíba
R$ 3,613, queda de 1,12%

Paraná
R$ 3,694, alta de 0,76%

Pernambuco
R$ 3,552, queda de 1,47%

Piauí
R$ 3,642, alta de 0,69%

Rio de Janeiro
R$ 4,023, alta de 0,52%

Rio Grande do Norte
R$ 3,926, queda de 0,18%

Rio Grande do Sul
R$ 3,909, queda de 0,26%

Rondônia
R$ 3,971, alta de 0,05%

Roraima
R$ 3,884, alta de 0,18%

Santa Catarina
R$ 3,670, alta de 0,22%

São Paulo
R$ 3,605, alta de 0,31%

Sergipe
R$ 3,743, alta de 0,29%

Tocantins
R$ 3,838, alta de 2,18%

Fonte: G1

Curta nossa página no Facebook



104 novas espécies vegetais são detectadas no CE

A Serra das Almas é uma das áreas florestais protegidas
por Unidade de Conservação no Ceará 
O terceiro inventário florestal publicado pelo Serviço Florestal Brasileiro (SFB) revela que foram encontradas 104 novas ocorrências de espécies vegetais no Ceará. Cerca de 57% do Estado equivale a 8,5 milhões de hectares e é coberto por tipologias consideradas florestais. A Caatinga, bioma típico do Semiárido brasileiro, que significa mata branca, predomina em 88% dessas áreas.

No Ceará há também áreas de Cerrado e florestas (do tipo ombrófila, estacional e pioneira). Para mapear a qualidade e condição dessas florestas, o Inventário Florestal Nacional (IFN) no Ceará coletou dados em 457 pontos distribuídos sistematicamente sobre todo o território, por um período de quase um ano.

O IFN foi realizado no Ceará pelo SFB em parceria com a Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace). O Estado é o terceiro a ter os resultados divulgados. Além do Ceará, o órgão já disponibilizou catálogo digital do inventário de Santa Catarina e do Distrito Federal, no sítio eletrônico do órgão.

Trabalho minucioso
Durante quase um ano foi realizado um trabalho minucioso. Em cada área foram medidas as árvores, colhidas amostras do solo, coletadas mais de duas mil amostras botânicas (folhas, flores e frutos) para identificação das espécies, além de outros dados. Também foram realizadas entrevistas com 1.034 moradores rurais que vivem no entorno das áreas pesquisadas para conhecer a percepção da comunidade sobre os recursos florestais e seu uso. Com mais de 148 mil quilômetros quadrados e 184 municípios, o Ceará possui quase 8,5 milhões de habitantes e está localizado na sub-região do Sertão Nordestino, uma área caracterizada pelo clima Semiárido. Possui 12 unidades de conservação federais, 27 estaduais e 13 municipais.

O estudo identificou 776 espécies vegetais, entre elas, 346 espécies de árvores. O marmeleiro foi a árvore mais encontrada na região. Já a carnaúba foi a mais abundante em áreas fora de florestas. Cerca de metade das árvores analisadas foram consideradas sadias. A outra metade, no entanto, apresentava algum tipo de comprometimento: 14% das árvores encontravam-se mortas e 35% apresentaram algum nível de deterioração.

Novas ocorrências
Os pesquisadores encontraram 104 novas espécies vegetais no Ceará. Destas ocorrências, 54 eram espécies arbóreas, sendo quatro originárias do Cerrado, oito da Mata Atlântica e três amazônicas. O cedro e a garapa, que estão na lista oficial do Ministério do Meio Ambiente (MMA) de espécies ameaçadas de extinção, foram encontradas em áreas inventariadas.

Nos questionários aplicados junto à população, três em cada quatro pessoas entrevistadas afirmaram utilizar a floresta de alguma maneira. Desses, 84% fazem uso doméstico da madeira e 16% uso comercial. Postes, estacas e lenha são os principais usos da madeira, segundo os entrevistados. Já as cascas, os frutos e o mel são os produtos não madeireiros mais utilizados. Um grupo de 76% dos entrevistados afirmou fazer uso desses recursos, mas a maior parte deles faz uso não comercial.

Em 81% dos locais amostrados foram observadas evidências de antropismo. A principal delas é a presença ou vestígios de animais domésticos de grande porte, como gado, em 67% das áreas analisadas pelo IFN. Sinais de incêndios foram o segundo fator mais registrado, em 42% dos locais.

Importância
O diretor-geral do Serviço Florestal Brasileiro, Raimundo Deusdará Filho, destacou a importância da coleta de dados feita diretamente em campo, em larga escala e de forma sistemática. "As informações contidas no inventário representam uma oportunidade rara de conhecimento a respeito dos estoques e da biodiversidade dos recursos florestais", frisou. "É um trabalho aprofundado importante para as comunidades rurais, além de ser um valioso instrumento de suporte e orientação para os governos e a sociedade no desenvolvimento e implementação de políticas de manejo e conservação das florestas", acrescentou.

Para o titular da Secretaria de Meio Ambiente do Ceará (Sema), Artur bruno, o inventário subsidiará a criação legal de novas unidades de conservação no Ceará. "Essa é uma das ferramentas para integrar o crescimento econômico com o fomento à moderna indústria, de modo a libertar o povo cearense do determinismo da seca e da endêmica pobreza nordestina", frisou.

"O Ceará tem contraditórias paisagens em que se misturam o verde luxuriante das serras, o cristalino verde-esmeralda de seus mares e a dramática beleza cênica da caatinga do sertão nordestino", completou. Artur Bruno explicitou que, a partir dos dados apresentados no inventário florestal, ações inovadoras serão definidas. "O Ceará foi um dos primeiros Estados no Brasil e o segundo do Nordeste a iniciar esse trabalho", destacou. "É uma importante ferramenta norteadora de novas políticas públicas de desenvolvimento, uso e conservação da flora".

Desertificação
O engenheiro agrônomo, Paulo Maciel, mestre em Desenvolvimento Regional Sustentável e diretor presidente do Instituto Rio Jaguaribe, observa que o Ceará tem 35% de área em processo de desertificação. "Repetidamente o bioma a Caatinga vem sendo degradado com a abertura de áreas para pastejo. A prática agrícola tradicional é pouco degradadora", frisou.

Maciel observa que a modernização que chegou ao campo ao invés de melhorar, piorou o quadro de degradação ambiental. "O homem desmata com motosserra, usa máquinas, veneno, fogo e impede o crescimento de rebrotas. É preciso mudar o sistema de criação de gado, da exploração pecuária, que deveria adotar o modelo intensivo e outras técnicas adequadas", disse.

Valorizar o cultivo de mudas nativas e implantar políticas públicas de incentivo à mudança cultural por parte dos produtores rurais é o que defende o ambientalista. "É preciso incentivar e apoiar o manejo adequado, correto da Caatinga", disse Paulo.

A percepção das comunidades rurais com as espécies nativas ocorrem com mais evidência na Chapada do Cariri e na Serra da Ibiapaba, na sua avaliação. "A população tradicional tem essa maior identificação, mas quem vem de fora desconhece", frisou. O ambientalista mostra que espécies nativas como aroeira, cumaru, imburana, angelim, pau branco, pau d'arco, jenipapo e cedro praticamente não existem mais. "De Baturité a Fortaleza era uma extensa mancha de Mata Atlântica e no Cariri e na Ibiapaba havia muitos exemplares do cerrado devido ao solo e microclima, nas áreas úmidas", explicou.

HONÓRIO BARBOSA
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook



Pente-fino em benefícios do INSS recomeça no dia 16 deste mês

O presidente Michel Temer publicou nova medida provisória para garantir a realização do pente-fino no auxílio-doença e nas aposentadorias por invalidez. O texto foi divulgado em edição extra do "Diário Oficial" desta sexta (6).

As revisões, realizadas pelo INSS, terão início no próximo dia 16, de acordo com o governo federal. A expectativa é de uma economia de R$ 6 bilhões com o pente-fino.

A revisão chegou a ser iniciada em 2016, mas foi interrompida após a MP divulgada em julho perder a validade por não ter sido votada pelo Congresso. Sem o texto em vigor, o INSS não podia pagar bônus aos peritos médicos para que realizassem as revisões dos benefícios.

Depois da MP, o governo chegou a enviar um projeto de lei com a previsão do pente-fino no fim de 2016, mas o texto também não chegou a ser apreciado pelo Legislativo.

Antes da interrupção, foram feitas apenas 23 mil das 534 mil revisões em auxílio-doença que o governo planejava. O índice de reversão foi de 75%, o que equivale a uma economia anual de R$ 220 milhões, segundo o INSS.

O pente-fino em 1,1 milhão de aposentadorias por invalidez também não chegou a ser realizado.

A nova medida provisória estabelece que o aposentado por invalidez e os segurados que recebem auxílio-doença podem ser convocados a qualquer momento para uma nova avaliação. Estão isentos da revisão os aposentados por invalidez que tenham mais de 60 anos.

O texto prevê o pagamento de R$ 60 ao médico perito por perícia realizada de forma extraordinária.

A MP também estabelece que, na concessão do auxílio-doença pelo INSS ou pela Justiça, é necessário fixar o prazo estimado para a duração do benefício. Se isso não ocorrer, o benefício será encerrado após 120 dias, de acordo com a medida provisória.

Fonte: Folhapress

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Governo Municipal produz mudas para promover arborização e qualidade de vida para a população

A Prefeitura do Crato, por meio da Secretaria de Controle Urbano, Meio-Ambiente e Serviços Públicos, está com um campo de Produção de Mudas de espécies nativas e exóticas, para arborização, frutíferas e medicinais no intuito de disponibilizar à população cratense no ano de 2017.

De acordo com o Secretário, Francisco de Brito Lima Junior, a estimativa de produção é de aproximadamente 100 mil mudas. O viveiro de mudas está localizado na Praça Joaquim Fernandes Teles, próximo ao Colégio Estadual Wilson Gonçalves.

Conforme o secretário, as árvores, no meio urbano, trazem inúmeras particularidades positivas e proporcionam melhoria da estética, servem de sombreamento, amortecem o som, diminuindo a poluição sonora, protegem e direcionam o vento, diminuem o impacto da água de chuva e seu escorrimento superficial, diminuem a temperatura, absorvendo os raios solares, melhoram a qualidade do ar, preservam a fauna silvestre e proporcionam bem-estar.

Assessoria de Imprensa/PMC

Curta nossa página no Facebook



Caixa define calendário para saque de FGTS inativo

Os trabalhadores com saldo nas contas inativas do FGTS que fazem aniversário em janeiro já devem começar a sacar os recursos em fevereiro. O cronograma de pagamento será fechado pela Caixa Econômica Federal nas próximas semanas, mas a orientação do governo é que todos os cotistas recebam o dinheiro no prazo máximo de um ano, para que a medida surta efeito na economia.

Dessa forma, quem nasceu em fevereiro receberá em março, e assim sucessivamente. Os meses também poderão ser agrupados para encurtar o prazo, disse um técnico envolvido nas discussões.

A Caixa estuda creditar diretamente os valores para os trabalhadores que têm conta no banco. A ideia é acionar também os correspondentes bancários, como as lotéricas, para ajudar no pagamento, no caso de saldos de menor valor.

Também se cogita a possibilidade de os trabalhadores serem informados por telefone (SMS) ou e-mail sobre o valor a que terão direito e a data do saque ou crédito na conta corrente. Para isso, a Caixa está fazendo um amplo trabalho no banco de dados, a fim de atualizar endereços, usando vários cadastros, como Bolsa Família, CPF e seguro-desemprego, além de consultar as informações de quem tem conta ativa no FGTS, mais atualizadas.

Salário mínimo
Segundo uma fonte, o primeiro passo é melhorar a qualidade do cadastro das contas inativas. Em muitos casos, não consta número de telefone, e o endereço está desatualizado.

A Caixa chegou a cogitar como critério para a liberação dos recursos os saldos das contas inativas, de modo a beneficiar primeiro os trabalhadores com menores valores — o que corresponde à maioria, pois mais de 80% têm até um salário mínimo, hoje em R$ 937. Essa ideia, no entanto, poderia causar uma corrida à Caixa, pois muitos cotistas não sabem quanto têm a receber.

Pesa a favor do corte pela data de nascimento o fato de a Caixa ter experiência com a liberação do abono (PIS), que vai de julho a junho do ano seguinte, período no qual são atendidas 20 milhões de pessoas. Segundo um técnico, nesse caso, o fluxo de trabalhadores no banco é estável ao longo do ano, à exceção de fevereiro, que tem menos dias.

A Caixa informa que há 18,6 milhões de contas inativas no FGTS, no total de R$ 41 bilhões. Como muitos cotistas têm mais de uma conta, o governo estima que dez milhões de pessoas serão beneficiadas.

A previsão é que sejam sacados R$ 30 bilhões, pois há contas com valores tão baixos que não compensam a ida à agência.

Serão beneficiados com o saque das contas inativas do FGTS todos os trabalhadores que pediram demissão ou foram demitidos por justa causa até 31 de dezembro de 2015. A medida não contempla casos de cotistas que permanecem no mesmo emprego, mas têm conta inativa porque a empresa mudou de CNPJ.

Quem usou os recursos do FGTS para aplicar na Vale ou na Petrobras e depois ficou com a conta inativa poderá resgatar a aplicação e receber o dinheiro. Neste caso, os trabalhadores devem procurar os bancos onde fizeram o investimento. Quem não quiser sacar poderá deixar a quantia rendendo numa conta-investimento.

Os extratos de contas podem ser consultados no aplicativo do FGTS (disponível para Android, iOS, e Windows Phone), no site da Caixa (www.caixa.gov.br) e utilizando o Cartão do Cidadão em postos de autoatendimento ou agências do banco.

Hoje, o trabalhador pode sacar o dinheiro da conta inativa na sua data de aniversário, desde que ele esteja desempregado há pelo menos três anos.

Fonte: Época Negócios

Curta nossa página no Facebook



12 filmes perturbadores de terror psicológico que você não pode deixar de assistir

O Labirinto do Fauno, 2006
Quem é fã de filmes de terror sabe que, na maior parte das vezes, a sugestão do mal é muito mais eficiente do que um simples susto ou a figura de um assassino invencível atacando por aí. Quando o medo está implícito, as chances de ele ficar com você depois de ver o filme são muito maiores.

Selecionamos abaixo 12 longas que, com certeza, causarão essa impressão em você. Assista com a cabeça aberta e as portas trancadas.

1) Segredos de Sangue (Stoker, 2013)
Dirigido pelo coreano Park Chan-Wook, o mesmo de Oldboy, Segredos de Sangue narra a história de India Stoker (Mia Wasikowska), uma adolescente que se recupera da morte do pai e tem que lidar com a chegada do seu tio Charlie (Matthew Goode), de quem nunca tinha ouvido falar. Ele agora passa a morar com India e a mãe, uma mulher agressiva e distante da filha.

O filme tem um roteiro muito original, cheio de entrelinhas, que desafia o espectador a cada cena e ainda conta com um desfecho bem surpreendente. Um dos melhores do gênero, mesmo que pouco conhecido.

2) Persona (1966)
Um clássico cinematográfico, Persona acompanha a simplória enfermeira Alma (Bibi Andersson), que fica incumbida de cuidar de Elisabet (Liv Ullmann), uma atriz de sucesso que aparentemente está em perfeita condição física, mas se recusa a falar qualquer coisa.

Ambas estão isoladas em uma casa de campo e, conforme as duas passam mais e mais tempo juntas, Alma vai revelando segredos para a paciente, que permanece apática. Aos poucos, Alma percebe que seu ser começa a submergir no de Elisabet e as duas vão se tornando uma só pessoa. Filosofia, psicologia e cinematografia também se unem com maestria em Persona, que te deixa reflexivo durante um bom tempo.

3) A Pele que Habito (La Piel Que Habito, 2011)
O perturbador filme de Pedro Almodóvar oferece o que o diretor tem de melhor – roteiro inovador, doentio e genial. A esposa do Dr. Robert Ledgard (Antonio Banderas) se suicidou ao olhar-se no espelho após um grave acidente de carro que queimou quase por completo sua pele. A filha do casal, Norma, fica com sequelas psicológicas irreversíveis depois do acontecido.

O médico também se abala muito com a situação e se concentra em criar a “pele perfeita” contra diversos tipos de agressões, misturando pele humana e suína. Um terror sem sustos ou gritos, A Pele que Habito é bem bizarro e consegue despertar a espécie mais primitiva de medo no espectador.

4) Cisne Negro (Black Swan, 2010)
Nina (Natalie Portman) é uma grande bailarina de uma das melhores companhias de balé de Nova York e está prestes a alcançar o papel de protagonista de Lago dos Cisnes. É aí que chega uma garota nova que é aparentemente mais adequada ao papel de Rainha dos Cisnes. Como se não bastasse a pressão profissional que Nina coloca em si mesma, sua mãe também é totalmente obsessiva com a vida da filha e faz o possível para controlá-la.

O filme é complexo e esconde muita informação subliminar. Apenas assistindo diversas vezes (ou pesquisando na internet) é possível realmente entendê-lo. Aronofsky dificilmente joga uma informação sem qualquer explicação de por que ela esta lá. Embora a trama pareça simples (apesar de certamente perturbadora), Cisne Negro já é fascinante superficialmente e fica ainda mais genial quando se procura entender os personagens e suas relações mais profundas.

5) Janela Secreta (Secret Window, 2004)
Quando o escritor Mort Rainey (Johnny Depp) flagra sua esposa o traindo com outro homem, o protagonista se muda para uma casa do lago afastada para relaxar e tentar escrever longe de toda a situação. Em meio a um bloqueio criativo, um desconhecido chamado John Shooter (John Turturro) bate na porta do escritor acusando-o de plágio por um conto antigo.

Talvez, hoje em dia o filme tenha um desfecho previsível pra quem está acostumado com filmes do gênero. Porém, em 2004, foi bem surpreendente. Mesmo sem grandes surpresas, a construção e o desenrolar da trama prendem a atenção e são uma boa introdução para quem não viu muita coisa parecida.

6) Precisamos Falar Sobre Kevin (We Need To Talk About Kevin, 2011)
Eva (Tilda Swinton) sempre teve muitas dificuldades em criar seu filho Kevin (Ezra Miller / Jasper Newell). Desde criança, Kevin era muito hostil com a mãe e realizava atos delinquentes para prejudicá-la. Eva mora sozinha, é sempre maltratada pelas pessoas nas ruas e vive com receio dos estranhos.

De forma não linear, vamos descobrindo as razões pelas quais ela sofre esses ataques e como tudo se originou. Incômodo, com poucos diálogos e muitos silêncios desesperadores, Precisamos Falar Sobre Kevin é um filme agressivo, sem necessariamente mostrar cenas violentas. Um ótimo quebra-cabeças sobre a psique humana.

7) O Duplo (The Double, 2013)
Baseado na obra de mesmo nome do escritor russo Fiódor Dostoiévski, o filme é adaptado pelo singular diretor Richard Ayoade, de Submarine, que consegue deixar a atmosfera agonizante, mas acrescenta uma dose de bom humor única.

A vida de Simon (Jesse Eisenberg), muito tímido e solitário, muda quando um novo empregado chega à firma em que ele trabalha. O novo rapaz é James (também interpretado por Eisenberg). Completamente oposto a Simon, James é um jovem assertivo e carismático. Ambos são fisicamente idênticos, porém ninguém parece concordar com o fato, exceto o próprio Simon.

Uma obra existencialista, longe de ser chata ou pretensiosa. Richard Ayoade conseguiu muito bem adaptar um clássico da literatura para um filme que é pesado, mas que tem ótimos alívios cômicos (os quais não interferem negativamente na narrativa).

8) Ilha do Medo (Shutter Island, 2010)
Quem perdeu o hype em 2010 não sabe o quão hipnotizante é o filme de Martin Scorsese. Nos anos 50, Teddy Daniels (Leonardo DiCaprio) e seu parceiro Chuck (Mark Ruffalo) são convocados para investigar um desaparecimento em Shutter Island, uma ilha prisional para pacientes psiquiátricos. Os médicos do hospital são resistentes em ajudar os agentes solucionarem o caso, o que deixa o investigador muito suspeito em relação às verdadeiras intenções dos médicos com seus pacientes.

Um filme difícil, que provoca o espectador e tem muitas reviravoltas, Ilha do Medo é referência quando o assunto é thriller.

9) Following (1998)
O primeiro longa-metragem do britânico Christopher Nolan, de A Origem e Interestelar, já apresenta muitas características que o marcariam. Bill (Jeremy Theobald), um jovem escritor, vaga pelas ruas de Londres seguindo estranhos à procura de inspiração para suas histórias. Quando Cobb (Alex Haw), um ladrão e golpista, percebe que está sendo seguido por Bill, ele o confronta e o convence a participar de seus roubos. Um filme fragmentado, Following foi gravado originalmente em 16 mm e teve um orçamento baixíssimo. Mesmo assim, é uma grande obra.

10) Garota Exemplar (Gone Girl, 2014)
Dificilmente alguém ainda não ouviu falar de Garota Exemplar, filme adaptado do livro da escritora Gillian Flynn pelo diretor David Fincher, de Clube da Luta. Nick Dunne (Ben Affleck) volta para casa no seu aniversário de casamento e se surpreende com o sumiço de sua mulher, Amy (Rosamund Pike). O protagonista avisa a polícia do desaparecimento, porém suas atitudes estranhas e algumas mentiras fazem de Nick o principal suspeito da polícia. Garota Exemplar não foi um best-seller por acaso: a trama é, sem dúvidas, envolvente e perturbadora. E rendeu um excelente filme.

11)  (El Laberinto del Fauno, 2006)
Pouco depois do fim oficial da Guerra Civil espanhola, Ofelia (Ivana Baquero) se muda para Navarra com sua mãe, Carmen (Ariadna Gil). O padrasto de Ofelia é um oficial fascista que luta contra alguns rebeldes da região, onde ainda há resquícios da Guerra. A garota é praticamente a única criança nas redondezas e, por isso, muito solitária. Ofelia se distrai do mundo horrível ao seu redor com histórias fantásticas e passeios pelo jardim de sua casa, onde descobre um labirinto e um mundo mágico.

Porém esse mundo fantástico acaba acarretando consequências na realidade da família toda. Mesmo com todo o elemento fantasioso e lúdico, o filme ainda é muito desconcertante e intenso. Guillermo Del Toro conseguiu criar uma atmosfera em que o infantil encontra diretamente o cruel.

12) O Homem Duplicado (Enemy, 2014)
Uma adaptação do livro de mesmo nome de José Saramago, O Homem Duplicado acompanha o protagonista Adam (Jake Gyllenhaal), um professor que leva uma vida maçante e solitária, mesmo tendo um relacionamento com uma garota, Mary.

Adam descobre, assistindo a um filme erótico, que ele tem um sósia que é ator, Anthony. Ele fica obcecado por Anthony – que, apesar de fisicamente idêntico, inclusive nas cicatrizes, é seu oposto em termos de personalidade. As coisas se complicam quando os rapazes acabam envolvendo seus relacionamentos amorosos na confusão.

Um filme extremamente complicado de entender por si só e cheio de teorias tentando explicar seu desfecho, O Homem Duplicado exige paciência para ser apreciado.

Fonte: Mundo Estranho

Curta nossa página no Facebook



Senador quer acabar com os feriados prolongados

O ano de 2017 terá 13 feriados nacionais e pontos facultativos. O período de dias de descanso para os trabalhadores pode ser ainda maior, com os feriados estaduais, municipais e, principalmente, com os chamados ‘enforcamentos’. 

No entanto, para evitar os feriadões e minimizar os prejuízos que os dias parados provocam no setor produtivo, o senador Dário Berger (PMDB-SC) quer antecipá-los para as segundas-feiras. De acordo com o PLS (Projeto de Lei do Senado)  389/2016, de sua autoria, sempre que um feriado cair entre terça e sexta-feira será antecipado para a segunda-feira. 

A proposta não afeta os feriados de datas simbólicas como 1º de janeiro, 1º de maio, 7 de setembro e 12 de outubro, nem Natal, Carnaval, Corpus Christi e Sexta-feira Santa. A medida também não valerá para os feriados que caírem aos sábados e domingos.

Levantamento da empresa de consultoria global norte-americana Mercer mostra que o Brasil é o 7º colocado em números de feriados no mundo. O país tem, ao todo, 12 feriados nacionais. 

Ao justificar o projeto, Dário Berger afirmou que o excesso de feriados é nocivo para empresas, trabalhadores e para a arrecadação dos governos. Segundo o parlamentar, é quase uma tradição do povo brasileiro estender os feriados, e tal comportamento compromete o trabalho nos dias úteis seguintes. 

“A intenção de impedir o prolongamento desarrazoado dos dias não trabalhados e de manter “a roda da economia girando” é especialmente relevante em situações de grave crise econômica como a que ora enfrentamos”, disse. 

Atualmente, o projeto está na Comissão de Educação do Senado, sob relatoria do senador Hélio José (PMDB-GO).

Fonte: Painel Acadêmico

Curta nossa página no Facebook



Crato (CE): Prefeito Zé Ailton envia oficio a Caixa solicitando prazo final de entrega das casas do projeto MCMV

O prefeito do Crato Zé Ailton Brasil já notificou a Caixa Econômica Federal para acertar a data de conclusão da obra e entrega das chaves das casas do Projeto Minha Casa Minha Vida do Residencial Filemon Limaverde.

O Secretário Municipal da Cidade José Muniz protocolou o oficio com o pedido do prefeito e já avisou as famílias. “São 982 famílias esperando as chaves da sonhada casa própria faremos tudo que estiver ao nosso alcance para que essa realidade se faça presente o mais rápido possível” ressaltou o Secretário.

Assessoria de Imprensa/PMC

Curta nossa página no Facebook




Com 20 anos, cantora e compositora cratense desponta na música com letras autorais

O Cariri é uma região notoriamente rica em diversos aspectos. As belezas naturais com traçados singulares, a cultura pujante, a religião que atrai milhões de pessoas por ano e os talentos da terra, que despontam cada vez mais, como é o caso da jovem Bárbara Gomes de Moraes. Com apenas 20 anos, a cratense já possui longa trajetória na música, mas, afirma: “quero ir além”.

O desejo de crescer motivou a jovem a produzir um clipe autoral no ano passado. A música “Labirinto”, composta por ela mesmo, ganhou cenas genuinamente regionais, que casam com a letra da composição. “O movimento das cenas do trânsito caótico das cidades do Crajubar, evidencia quão frenético é o processo de procura por um amor perfeito. No entanto, labirinto aponta também para o desvencilhar de velhas amarras imposta à mulher que, norteada pelo amor, parte ao encontro da sua auto-afirmação”, explicou a cantora.

O clipe foi lançado no canal do Youtube há apenas três semanas e já apresenta grande aceitação do público. Com produção e direção de Geovane Brasil, o vídeo já foi visto mais de três mil vezes. “Eu mostrei ao Geovane e ele bolou uma idéia de como poderíamos descrever as cenas dessa música. Nós pensamos usar as imagens da nossa região pra valorizar o nosso lugar”, pontua, ao acrescentar que “o clipe marca com o lançamento do meu trabalho autoral aqui na região”.

Os próximos passos após o lançamento, segundo conta, é “realizar um show para lançamento do meu EP”.


Perfil
Discente do Curso de Licenciatura em Música, pela Universidade Federal do Cariri (UFCA), e integrante do quarteto feminino de Sax, “ElaSax”, além da Orquestra Sinfônica e Coral da instituição, Bárbara Gomes entrou no mundo da música logo aos 4 anos de idade. Aos 13, aprendeu a tocar violão e, a partir de então, começou a se apresentar em eventos particulares, festivais de músicas, e cantar em barzinho do eixo Crajubar.

A cantora possui parceria com renomados músicos da Região do Cariri, como Hugo Linard e Demétrius Cândido. Além disso, a jovem traz em seu trabalho, a Música Popular Brasileira como carro chefe, resultado da influencia de grandes nomes como Elis Regina, Renato Teixeira, Tim Maia, Gal Costa, entre outros.

Na música Regional, Luiz Gonzaga foi um dos grandes inspiradores. Suas apresentações trazem a MPB, regional, sertanejo e pop rock. Já na produção autoral destacam-se duas composições. No estilo regional, a musicista escreveu um xote “A voz de Luiz”, em homenagem ao músico Pernambucano, Luiz Gonzaga. Já no pop Rock, a composição “Labirinto”, que lhe um que lhe rendeu um clipe. A artista possui mais de doze composições autorais.

ANDRÉ COSTA
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook



10 motivos pelos quais o mundo sentirá saudades de Barack Obama

Faltam apenas duas semanas para Donald Trump ser empossado presidente dos Estados Unidos. Isso também quer dizer que o tempo restante para o atual ocupante do cargo, Barack Obama, é curto, e antes mesmo da despedida dele já tem gente sofrendo antecipadamente pela falta que ele fará. Os motivos são vários: à parte o fato histórico de que Obama foi o primeiro presidente negro da história de seu país, ele também foi uma espécie de popstar nos oito anos em que esteve no poder.

Difícil lembrar a última vez que isso aconteceu com um inquilino da Casa Branca. Talvez com Ronald Reagan, que antes de ser político foi ator de sucesso em Hollywood e sabia lidar com as câmeras. Ou com Bill Clinton, que apesar dos escândalos é até hoje um dos ex-Chefes do Executivo favoritos dos americanos.

Mas a verdade é que nunca houve um presidente como Obama, e como o momento também é dele listamos a seguir os 10 motivos pelos quais ele vai deixar saudades, não somente para boa parte dos americanos mas também para muita gente ao redor do mundo. Confira!

A oratória
O primeiro grande diferencial da chegada de Obama ao poder após o governo de George W. Bush, que nunca teve muito talento com as palavras, foi a capacidade de se expressar bem. Parte disso se deve ao escritor dos discursos dele, Cody Keenan, mas o próprio Obama deu show em várias ocasiões em que escolheu o improviso em vez do texto pronto. Em um de seus melhores momentos, ele chegou a entoar a canção “Amazing Grace”, uma espécie de hino não oficial dos Estados Unidos, no funeral do reverendo e senador Clementa Pinckney, assassinado em 2015 durante uma chacina em uma igreja de Charleston, no sudeste americano. A plateia foi ao delírio.

A defesa das mulheres
Obama foi o presidente americano que mais se posicionou favoravelmente aos direitos das mulheres até hoje. Mesmo em questões polêmicas, como o aborto, ele nunca se esquivou de expressar suas opiniões e, por conta disso, em várias ocasiões acabou ganhando mais inimigos do que apoiadores. Em agosto do ano passado, quando completou 55 anos, ele até publicou uma carta na qual se autoproclamou, com orgulho, como o primeiro ocupante da Casa Branca declaradamente feminista. “É isso que é o feminismo no século 21: a ideia de que quando todos somos iguais, somos também mais livres”, ele escreveu na carta.

O amor declarado por Michelle Obama
O governo de Obama também foi totalmente marcado pela presença da mulher dele, a primeira-dama Michelle Obama. A relação dos dois em público vai totalmente contra qualquer cartilha política: eles trocam carinhos, fazem piadas sobre si mesmos e proclamam sem o menor pudor o amor que sentem um pelo outro. O “estilo Hollywood” deles foi um dos pontos altos dos últimos oito anos em Washington. Os críticos do casal até dizem que tanta paixão nada mais é do que uma estratégia para que Michelle seja lançada como candidata à presidência no futuro (ela nega de pés juntos que isso seja verdade). Uma coisa é certa: os dois vão continuar sendo um dos casais que mais rendem notícias por um bom tempo.

A diplomacia nota 10
Poucos presidentes americanos se deram tão bem no universo político internacional. O exemplo maior disso é o estreitamento das relações entre os Estados Unidos e Cuba, fato que Obama considera como um dos maiores marcos de sua administração. Ele também jogou seu charme para políticos da América Latina que, em outras épocas, se declararam contra o “império ianque”. Aliás, quem não lembra da vez em que Obama se referiu ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como “o cara”, algo que até hoje é festejado pelos aliados do petista? Isso sem falar que Obama ganhou o prêmio Nobel da Paz em 2009 justamente por suas contribuições à diplomacia internacional.

O apoio à comunidade LGBT
Nesse ponto, Obama realmente fez história. Além de liderar os esforços pela legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo nos Estados Unidos, o que ocorreu em 2015, ele nomeou, em 2010, a física e engenheira Amanda Simpson como conselheira do Departamento de Comércio dos Estados Unidos. Foi a primeira vez que uma mulher assumidamente transgênera recebeu um cargo de confiança de um presidente americano. Mais recentemente, em novembro, Obama também homenageou Elle DeGeneres, uma das maiores vozes da comunidade LGBT dos Estados Unidos, com a Medalha da Liberdade, a mais alta condecoração civil do país.

O gabinete mais diverso da história
Pra ser justo, a comunidade LGBT não foi a única minoria que teve destaque no governo de Obama. O gabinete dele foi, de maneira geral, o mais diverso de todos os tempos. Mais da metade (53,5%) dos cargos de confiança da administração Obama foram para mulheres e membros de minorias. Para efeito de comparação, no governo de George W. Bush esses grupos conquistaram apenas 25,6% dos cargos de confiança. Ele também nomeou Loretta Lynch como procuradora-geral dos Estados Unidos, a primeira mulher negra na função, e indicou Sonia Sotomayor para a Suprema Corte, tornando ela a primeira hispânica a fazer parte da instituição.

As aparições na TV
Ao longo de oito anos de governo, Obama trabalhou muito, e os cabelos brancos dele estão aí para comprovar isso. Mas, entre um compromisso e outro, ele sempre arranjou tempo para visitar os principais talk-shows da TV americana, algo que outros presidentes americanos costumavam fazer. E como é pop, Obama nunca decepcionava o público em suas aparições: ele dançou no programa de Ellen DeGeneres, leu tuítes que falavam mal dele próprio no programa de Jimmy Kimmel, fez uma paródia musical com notícias do momento ao lado de Jimmy Fallon e até substituiu Stephen Colbert em um de seus monólogos depois que o comediante declarou que nenhum político seria capaz de fazer o trabalho dele. Não é pra qualquer um.

O talento com as crianças
Chefes de estado são homens sisudos cheios de problemas para resolver e que não têm tempo para brincadeiras. Certo? Não no caso de Obama, que recebeu várias crianças na Casa Branca ao longo de seu governo, como o youtuber Robert Novak, intérprete do personagem Kid President, e a filha de Ben Rhodes, seu assessor para assuntos de segurança, com quem brincou no Salão Oval. Um dos momentos de bastidores mais marcantes dele, no entanto, é de 2009, quando um garoto negro de 5 anos visitou a residência oficial e pediu para que Obama deixasse ele tocar seu cabelo, para ver se era parecido com o dele. Pedido feito e prontamente atendido, por sinal. O clique do momento é um dos poucos porta-retratos presentes na mesa de trabalho dele.

Ele também erra no figurino
Nem Obama consegue ser cool em todos os momentos. A prova disso é o pedido feito a ele em 2009, pelo jornal “The New York Times”, que sugeriu ao ocupante do cargo mais importante dos Estados Unidos a contratação urgente de um personal shopper. Tudo por conta das calças jeans pra lá de largas que ele costuma usar, e que se tornaram motivo de piada desde então. Ainda no clima gente como a gente, Obama também é fã confesso de “Game of Thrones”, e nesse caso ele só se diferencia dos milhões de espectadores da série ao redor do mundo porque costuma assistir as novas temporadas da atração antes de todo mundo. Resta saber se ele vai manter o privilégio quando deixar a presidência…

Ele acredita no potencial do Brasil
Em julho de 2015, na Casa Branca, durante uma visita de estado da ex-presidente Dilma Rousseff, Obama disse com todas as letras que via o Brasil como “uma potência global”, algo que não se ouve todo dia de um presidente americano. Mais recentemente, já em meio a crise político e econômica vivida pelo país, ele também declarou acreditar que as instituições democráticas brasileiras são fortes e que os problemas do momento serão resolvidos. Obama esteve no Brasil em 2011, quando passou por Brasília e pelo Rio de Janeiro. Na ocasião, ele defendeu um maior protagonismo do país no cenário mundial e lembrou da mãe, com quem assistiu “Orfeu Negro” em 1983. “Ela jamais imaginaria que minha primeira viagem ao Brasil seria como presidente dos Estados Unidos”, ele disse enquanto passeava pela Cidade de Deus. 

Fonte: Glamurama

Curta nossa página no Facebook



Addthis