Aplicativo do Orkut é descoberto e internet vai à loucura

Os usuários do sistema operacional Android se depararam na Play Store com um aplicativo chamado Orkut. O visual é semelhante ao da rede social, encerrada em 2014, mas se trata de um app não oficial criado por um fã.

Mesmo assim, o assunto levou a internet à loucura. Por volta do meio dia deste sábado (7), o assunto era o mais comentado do Twitter, com 30,1 mil tweets referentes ao "novo Orkut", desbancando a hashtag sobre o Big Brother Brasil 20.

Fonte: Díário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Bolsonaro apela a população para ir aos protestos do dia 15, e gera indignação nas cúpulas de STF e Congresso

A declaração do presidente Jair Bolsonaro neste sábado (7) a favor dos protestos do dia 15 desagradou os presidentes da Câmara, do Senado e do STF (Supremo Tribunal Federal).

Nos bastidores, Rodrigo Maia (DEM-RJ), Davi Alcolumbre (DEM-AP) e o ministro Dias Toffoli manifestaram a aliados descontentamento e indignação com o gesto de Bolsonaro.

​O presidente pediu, em discurso em Boa Vista (RR), que a população participe das manifestações e afirmou que político que tem medo de rua não serve para ser político.

Ao tomar conhecimento da fala de Bolsonaro, Alcolumbre conversou com Toffoli. Combinaram que, se houver uma manifestação, será conjunta, do Legislativo e do Judiciário, e mais dura que as anteriores. Alcolumbre demonstrou a interlocutores irritação e preocupação e considerou o episódio deste sábado uma "situação grave".

Na avaliação dos chefes do Congresso e do Supremo, o recado passado pelo Palácio do Planalto nos últimos dias foi de que Bolsonaro não se manifestaria após a polêmica do vídeo que compartilhou via WhatsApp convocando para os atos.

Incentivados por parlamentares bolsonaristas e pelo próprio presidente, ativistas conservadores preparam o ato do dia 15, que prega bandeiras de direita, contrárias ao Congresso e em defesa de militares e do atual governo.

A manifestação é considerada uma reação a uma fala de Augusto Heleno, que chamou o Congresso de "chantagista".

O assunto foi discutido pessoalmente entre Bolsonaro e Alcolumbre na última segunda-feira (2).

O senador reclamou com Bolsonaro que, por sua vez, teria dito que não teve a intenção de colocar as ruas contra o Congresso. Outros parlamentares ouviram do presidente que o episódio era um "mal-entendido".

Mensagem parecida foi passada pelo ministro Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) a Toffoli e Maia.

Por isso, as frases de Bolsonaro neste sábado (7) irritaram os comandos do Legislativo e do Judiciário.

Eles discutem a possibilidade de uma resposta conjunta ao Planalto. Avaliam, porém, que não se pode cair na "pilha" do presidente e responder à atitude do mandatário incisivamente.

Iniciar um bate-boca com o presidente agora em virtude da convocação, avalia a cúpula do Congresso, poderia apenas instigar mais ainda a população contra o próprio Congresso e aumentar a mobilização.

Um vídeo do discurso em Roraima foi compartilhado pelo deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), o que também não foi bem recebido pelos demais Poderes.

Bolsonaro se manifestou durante uma escala em Boa Vista para sua viagem aos EUA. Segundo ele, o protesto do dia 15 "é um movimento espontâneo e o político que tem medo de movimento de rua não serve para ser político". “Então participem, não é um movimento contra o Congresso, contra o Judiciário. É um movimento pró-Brasil”, disse.

“Quem diz que é um movimento impopular contra a democracia está mentindo e tem medo de encarar o povo brasileiro”, disse.

As afirmações vêm um dia após o presidente da Câmara afirmar que o governo Bolsonaro tem contribuído para afastar investidores do país ao criar incertezas em relação ao seu compromisso com a democracia e a defesa do meio ambiente. "O governo gera uma insegurança grande para a sociedade e para os investidores", disse Rodrigo Maia..

Em conversas reservadas, Alcolumbre destacou, por exemplo, que a declaração de Bolsonaro deste sábado se deu em uma área militar, na base aérea de Boa Vista, o que, na avaliação feita por ele, poderia configurar um atentado à Lei de Segurança Nacional.

A atitude de Bolsonaro foi alvo de críticas no Parlamento. Para o deputado Orlando Silva (PCdoB-SP), o fato de ele dizer que a manifestação não é contra o Legislativo não vai alterar o conteúdo dos protestos.

“O presidente montou um palanque numa base aérea para estimular uma manifestação de rua, que, sabidamente, é contra o Congresso Nacional e contra o Supremo Tribunal Federal”, disse.

A deputada Sâmia Bomfim (PSOL-SP) disse que o presidente convocou a população a participar de um ato que, para ela, tem caráter golpista. “É hora de dar um basta”, afirmou.

O senador Omar Aziz (PSD-AM) criticou a convocação de Bolsonaro aos atos porque isso não vai resolver os problemas da economia do país. "Fuga de capital do país, dólar nas alturas e o presidente instigando a população como se isso fosse resolver o problema econômico do Brasil. Se isso resolver, eu também apoio", ironizou.

Durante a semana, senadores foram informados pela articulação política do governo que o general Augusto Heleno, ministro que comanda o GSI (Gabinete de Segurança Institucional), gravaria um vídeo falando sobre o equilíbrio entre os Poderes e a importância do Congresso, o que seria encarado como um pedido de desculpas depois que uma conversa em que acusa o Legislativo de chantagear o Executivo vazou em transmissão do próprio Palácio do Planalto.

O discurso do presidente neste sábado foi acompanhado de fala de Heleno. Bolsonaro afirmou que já levou "facada no pescoço dentro do meu gabinete por pessoas que não pensam no Brasil". O ministro, por sua vez, disse que o presidente tem encontrado resistência em sua atuação.

Aliados de Alcolumbre pontuaram ainda que a manifestação de Bolsonaro acontece na semana em que se revelou que o gabinete de Eduardo Bolsonaro usou a estrutura do Congresso para realizar ataques virtuais e estimular o ódio contra supostos adversários do chefe do Executivo.

No STF, ministros avaliam que o ideal é não alimentar o que consideraram uma provocação de Bolsonaro. Para integrantes do Supremo, ao convocar os atos, o presidente faz uma "manobra diversionista" para criar uma cortina de fumaça sobre os resultados negativos da economia.

Fonte: Folhapress

Curta nossa página no Facebook

Após começar a estudar com os livros que encontrava no lixo, gari de Crato conclui doutorado em Teologia

Do lixo coletado nas ruas do Crato, o gari Cícero Rodrigues Ferreira desenvolveu um hábito pouco comum para seus colegas de trabalho: os livros encontrados em sacolas e caixas de papelão ele guardava para estudar. “Sempre procurei estudar”, garante. No final do ano passado, veio a recompensa de nunca desistir: o diploma de doutorado em Teologia. Há quatro anos, também atua como professor.  

O mais velho de cinco filhos do casal Vicente e Marlene, “Ferrerinha”, como é apelidado pelos amigos, concilia o trabalho na limpeza pública com as aulas ministradas em faculdades locais. Só que até chegar até lá, passou por muitas dificuldades.  

De infância pobre, morando numa casa de apenas um cômodo no bairro Alto da Penha, dividida com quatro irmãos, Ferreira teve incentivo para estudar, já que seus pais não tiveram a mesma sorte. Sempre estudando em escolas públicas, sua disciplina preferida era Ciências, contudo, o inglês despertou seu interesse por causa do cantor jamaicano Bob Marley. “Aprendi um pouco e fui professor secundário de inglês básico”, conta.  

Aos 18 anos, conseguiu seu primeiro emprego trabalhando na coleta de lixo de Crato. Foram cinco anos com expediente de 5h até o fim da tarde. De noite, assistia as aulas para concluir o Ensino Médio. Ainda assim, chegava em casa quase meia noite e ainda se dedicava aos estudos e trabalhos escolares. Às vezes, não ia para aula, cansado.  

Após concluir o Ensino Médio no ano 2000, largou os estudos e se dedicou ao trabalho de gari, onde ingressou através de concurso. Evangélico, em 2015 ingressou no seminário para estudar Teologia. Foram mais de três anos de aulas, que depois foram validadas como bacharelado pela Facel. “Sempre gostei de Teologia Sistemática, que vai organizando os pensamentos” explica Ferreirinha.   

Depois de cinco anos nas ruas, varrendo e recolhendo lixo, hoje cuida da parte administrativa, emitindo ofícios, memorandos, fazendo registro de horas-extras. Essa “promoção” foi importante nos seus estudos, pois, após conseguir o diploma de Bacharel em Teologia, que ostenta com orgulho no seu escritório. 

Através do Ensino à Distância (EAD), iniciou o mestrado em Teologia. Com cinco horas de estudo por dia, conseguiu concluir as 18 disciplinas e conquistou seu diploma. A partir daí começou seu trabalho como professor. Dentre as disciplinas que oferta está o Grego Instrumental, idioma que aprendeu sozinho.  

“Isso nasceu de uma necessidade. O Novo Testamento foi escrito em grego. Como sou professor, tinha que entender os escritos originais. Foi aí que tive vontade de estudar grego. Eu aprendi só. Comprei livros de gramática. Se você aprender o alfabeto, vai embora. Se eu pegar um texto do Novo Testamento leio tranquilamente”, exalta o gari. Além do inglês e do grego, Ferreirinha compreende e fala um pouco de hebraico.  

A partir do grego, também iniciou sua pesquisa no doutorado, que começou há dois anos e meio e concluiu, também à distância, no fim do ano passado. Seu trabalho foi defender, a partir dos manuscritos gregos, a canonicidade do Novo Testamento. “Não temos mais os originais da Biblia. Então, fui fazer a defesa que ela é a palavra de Deus”, explica. “Levou um longo tempo para pesquisar”, completa.

Agora doutor em Teologia, com ênfase em Psicologia Pastoral, Ferreira está apto a lecionar 16 disciplinas, que incluem Antropologia da Religião, Evangelhos, Hermenêutica, Introdução Bíblica. Ferreira leciona em instituições de Crato, Juazeiro do Norte, Iguatu e Icó. Se sentindo “realizado”, espera inspirar outras pessoas. “Fico feliz e orgulhoso da minha trajetória”, finaliza.  

Por Antonio Rodrigues

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Governo do Ceará entrega nova base e ambulâncias do SAMU no Cariri

Saber que em casos de emergência pode contar com o atendimento do Samu é uma tranquilidade a mais para a população. Ciente disso, o Governo do Ceará está trabalhando para garantir a universalização do serviço no estado. Nesse sentido, Jardim, no Cariri, recebeu na manhã desta sexta-feira (6) a 78ª base do Samu no Ceará, que vai contar com o apoio de uma ambulância. Outro veículo equipado para o atendimento das pessoas foi entregue logo em seguida na cidade do Crato para reforçar a atuação da base local.

Presente às entregas, o assessor especial de Relações Institucionais da Casa Civil do Ceará, Nelson Martins, comentou que a ampliação do número de bases do Samu, aliado às unidades de saúde construídas, faz parte do planejamento do Governo do Ceará de levar ao maior número de cearenses um atendimento ágil e de excelência para salvar vidas. “Essas inaugurações vão fazer com que o Ceará seja o primeiro estado no Brasil a universalizar o Samu. Isso faz parte da nova plataforma de saúde que visa ampliar o serviço e melhorar a qualidade da saúde em nosso estado. O Ceará já tem a melhor estrutura com as policlínicas, centros de especialidades odontológicas e hospitais regionais, estratégicos e polos. Agora, o desafio é essa integração desses equipamentos, garantindo em cada região que possamos melhorar o atendimento à população e o Samu vai colaborar para isso”, disse o assessor especial da Casa Civil.

Ao final da ampliação, o Samu passará a ter no Ceará 122 bases e 199 veículos. Para o diretor-geral do Samu no Ceará, coronel João Vasconcelos, o investimento feito pelo Estado nos últimos anos tem qualificado o serviço como um dos melhores no Brasil através das ferramentas diversificadas utilizadas no trabalho. “O primeiro é o aeromédico, uma parceria que temos com o Ciopaer. São duas aeronaves que voam o estado todo para socorrer o povo do Ceará. Outra ferramenta é o trombolítico, que ajuda na sobrevida de uma pessoa que teve uma parada cardíaca em 80%. A terceira é essa universalização do Samu em todo o Estado”. O Samu é uma pareceria entre os entes federativos e a União, responsável pela aquisição das ambulâncias. A cargo do Estado fica a contratação dos profissionais e os municípios têm a obrigação de disponibilizar as bases e manter sua estrutura.

Para ser atendido pelo Samu basta a população ligar gratuitamente para o 192. O serviço realiza atendimentos de naturezas diversas, como a vítimas de acidentes de trânsito, de ferimentos por arma de fogo e armas brancas, quedas, choque elétrico, afogamento e intoxicação. Atende, ainda, pacientes vítimas de infarto agudo do miocárdio, de AVC (Acidente Vascular Cerebral) e crises convulsivas e realiza atendimento pré-hospitalar de pacientes com insuficiência cardíaca e crise diabética. Também é acionado para a realização de atendimento de casos gineco-obstétricos, como trabalho de parto e aborto; atua no atendimento médico de urgências psiquiátricas; efetua transferências hospitalares de pacientes graves que necessitam de remoção em UTI móvel entre os municípios.

Curta nossa página no Facebook

Cordelista Josenir Lacerda é agraciada com a "Comenda Patativa do Assaré"

Enaltecendo o patrimônio e a memória cearense, o Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura (Secult), realizou, na noite desta quinta-feira (5/3), a cerimônia de entrega da Comenda Patativa do Assaré. Com a presença da vice-governadora Izolda Cela, e do secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano Piúba, a entrega da comenda aconteceu na cidade onde nasceu o poeta popular, no Memorial Patativa do Assaré, durante o encerramento da 16ª edição do Patativa do Assaré em Arte, evento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) e do Governo Municipal de Assaré, que reúne em sua programação apresentações culturais, shows, contação de histórias, lançamentos de livros e palestras, para celebrar a vida e obra de Patativa.

Em 2020, a Comenda Patativa do Assaré foi entregue ao cineasta Rosemberg Cariry; ao pesquisador e jornalista Gilmar de Carvalho; a cordelista Josenir Lacerda; ao cantor e compositor Raimundo Fagner; e ao pesquisador e escritor Oswald Barroso. Instituída para reconhecimento de pesquisadores, artistas, poetas e cantores populares e tradicionais que, assim como fez o grande poeta popular Patativa do Assaré, por meio de sua obra ou atuação, levaram adiante os saberes e os fazeres da cultura popular tradicional, a Comenda foi instituída pela Lei Estadual nº16.511 de 12 de março de 2018.

“É muito importante a demarcação desta festa do aniversário do Patativa no nosso calendário. Temos que fazer que isso reverbere sempre cada vez mais na cultura e memória no Estado. É uma emoção chegar para participar desse momento. Eu me reconheço muito nesse sertão que o Patativa retrata. Ele faz uma poesia solidária, engajada e comprometida”, ressaltou a vice-governadora do Ceará, Izolda Cela.

O secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano Piúba, destacou, por sua vez, o papel do Governo do Ceará em valorizar a cultura da região do Cariri. “O governador Camilo Santana sancionou duas leis muito importantes. A primeira delas é que institui a Festa do Patativa no calendário Cultural e Turístico do Ceará e a outra é que institui a Comenda Patativa do Assaré”, pontuou.

Mais sobre o Patativa do Assaré em Arte e Cultura
Evento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará e do Governo Municipal de Assaré, em parceria da Fundação Memorial Patativa do Assaré, do Sesc – Crato, do Sistema Fecomércio e da Universidade Regional do Cariri (URCA), o XVI Patativa do Assaré em Arte e Cultura teve início na terça-feira (3/3), na cidade onde o poeta popular homenageado nasceu. Para comemorar os 111 anos que Antônio Gonçalves da Silva – o Patativa do Assaré – faria se estivesse vivo, uma grande programação foi pensada, levando a poesia e o retrato do sertão a cada vez mais pessoas, preservando a memória e identidade cearense. As atividades aconteceram em escolas e espaços públicos de Assaré, tudo com entrada franca, reunindo artistas locais, mestres da cultura e pesquisadores da obra de Patativa.

Curta nossa página no Facebook

Conheça o cientista cearense que ajudou a sequenciar o genoma do coronavírus

Aos 28 anos, o pesquisador Darlan da Silva Candido, nascido em Quixeramobim, no Sertão Central do Ceará, já tem boas histórias para contar. O cientista integra o grupo de pesquisadores que analisou e sequenciou, em 48h, o genoma do novo coronavírus, no Brasil, divulgado na última sexta-feira (28). Da Universidade de Oxford, no Reino Unido, onde faz doutorado atualmente, o cientista participou da pesquisa após uma primeira análise laboratorial feita em São Paulo.

A equipe do projeto CADDE, responsável pelo sequenciamento do genoma, também envolve pesquisadores do Instituto Adolfo Lutz (IAL) e do Instituto de Medicina Tropical da Universidade de São Paulo (IMT-USP), em São Paulo.

Graduado em Farmácia, Darlan estudou em escolas no interior do estado até o terceiro ano do ensino médio, quando conseguiu ingressar no curso na Universidade do Ceará (UFC), em Fortaleza, em 2009, aos 17 anos. Em seguida, já em 2011, o estudante conquistou uma bolsa, através do extinto programa federal Ciências Sem Fronteiras, para cursar farmácia nos Estados Unidos. 

“Na Faculdade de Farmácia, eu já trabalhava com atenção farmacêutica a pacientes com doenças de chagas. Depois, consegui um estágio no Centro de Formação das Doenças Negligenciadas (nome em português), na Universidade da Califórnia, em São Francisco (EUA)”, afirma. 

Conforme o pesquisador, o plano inicial era ficar em São Francisco por seis meses, contudo, logo depois do primeiro mês, “me ofereceram uma extensão da bolsa para eu ficar lá e terminar o meu projeto. Depois disso, voltei ao Brasil no final de 2013 e terminei a graduação na UFC. No total, foram 16 meses de intercâmbio. Foi de agosto de 2012 a dezembro de 2013”. 

Já no Brasil, em 2017, Darlan foi o único latino-americano a ganhar a bolsa mais prestigiada de Oxford, em que apenas 120 pessoas foram premiadas, segundo ele. “Fui para Oxford e acabei encontrando o Nuno (Nuno Farias, pesquisador natural de Portugal, referência mundial em doenças infecciosas de origem tropical), que é meu orientador nesta parte chamada de epidemiologia genômica, essa parte de sequenciamento de vírus diante de surtos epidêmicos. Foi assim, também, que conheci os pesquisadores de São Paulo”, diz.

Sobre o caminho percorrido até esse momento, Darlan analisa que “dentro dessa minha trajetória, eu nunca tive exposição. E é legal você chegar nesse momento porque talvez isso possa inspirar outras pessoas”. 

Análise 
Apesar de estar no Reino Unido, o pesquisador explica que existem análises feitas depois que o resultado da parte laboratorial sai. “As pesquisadoras fizeram a parte laboratorial lá (em SP), mas existem outras análises posteriores. Estas são feitas em Oxford. Eu entro nessa segunda parte”, diz. Mais especificamente, Darlan pontua que “a gente faz as análise do sequenciamento”.

“Devido aos casos de coronavírus e sabendo que, em algum momento, ia chegar no Brasil, a gente já estava se preparando para responder a essa possível epidemia. Oxford mandou os reagentes para o grupo em São Paulo para fazer o sequenciamento porque já trabalhamos com eles há muito tempo”, esclarece. 

Fonte: Díário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Investigada, parceria acusada de corrupção foi repetida no MEC

Vencedora de uma licitação milionária para fornecer kits escolares a estudantes, a empresa Brink Mobil repetiu no Ministério da Educação uma parceria apontada como criminosa pelo Ministério Público da Paraíba em contratos no governo estadual entre 2012 e 2019. Segundo a denúncia da Operação Calvário, uma segunda empresa, a Conesul Comercial e Tecnologia Educacional, era aliada da Brink no esquema suspeito de desviar R$ 134,2 milhões em dinheiro público das áreas da Saúde e Educação da Paraíba.

As duas empresas apresentaram uma proposta conjunta ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), órgão ligado ao MEC, para fornecer materiais como lápis, borracha, caderno e tesoura. O valor apresentado pelo consórcio Brink-Conesul foi considerado o mais vantajoso e acabou ganhando a concorrência.

A licitação vencida pelas empresas é uma das maiores do Ministério da Educação em 2019, no valor de R$ 406 milhões. Como mostrou nesta sexta-feira, 6, o Estadão, a pasta foi informada das investigações da Operação Calvário, mas, mesmo assim, decidiu manter a contratação, assinada em novembro do ano passado.

As duas empresas também já haviam vencido uma licitação anterior para fornecer kits escolares, em fevereiro. Na ocasião, usaram a mesma estratégia de se juntar para apresentar uma proposta única.

A modalidade de contratação é a chamada ata de preços, em que outras empresas também são habilitadas a fornecer o produto. Como apresentaram a melhor proposta ao MEC, a Brink e a Conesul tiveram a preferência. Até o início da semana, o MEC já havia autorizado o envio de 3,1 milhões de kits, o que somava R$ 164 milhões.

Prisões
Em dezembro, quando as duas empresas já eram investigadas na Operação Calvário, a Polícia Federal prendeu os donos da Brink, Valdemar Ábila, e da Conesul, Márcio Nogueira Vignoli. No mesmo dia, os policiais detiveram o ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB).

Segundo a denúncia do Ministério Público, apresentada no mesmo mês das prisões, até mesmo funcionários da Brink e da Conesul se apresentavam como representantes de uma só empresa. As duas firmas foram procuradas pela reportagem desde quarta-feira, mas não se manifestaram até a conclusão desta edição.

Fonte: Estadão Conteúdo

Curta nossa página no Facebook

Governo do Ceará entrega 1,2 mil notebooks para alunos de destaque no Cariri

Alunos da região do Cariri que tiveram bom desempenho escolar receberam 1.202 notebooks do Governo do Ceará. A proposta é que os equipamentos possam servir de incentivo na formação desses e de outros jovens. Os estudantes receberam o reconhecimento em evento realizado na manhã desta sexta-feira (6), na Escola Estadual de Educação Profissional Balbina Viana Arrais, na cidade de Brejo Santo.

Representando o governador Camilo Santana, a vice-governadora Izolda Cela ressaltou o papel da rede de Educação do Estado. “Todo esse empenho do Executivo e do Legislativo acontece para oferecer um proposta educacional de qualidade, mas é preciso o esforço de cada estudante, sem isso, as coisas não acontecem, por mais que tenham professores dedicados. Então, estudem e se dediquem para atingir o objetivo de vocês” disse.

Notebooks
Foram contemplados com 427 notebooks os estudantes atendidos pela Crede 18, do Crato. Na Crede 19, de Juazeiro, foram selecionados 486 estudantes. E para a Crede 20, de Brejo Santo, foram distribuídos 289 notebooks.

Gratidão
Exemplo desse bom resultado é a estudante universitária Lara Maria de Souza, 19, ex-aluna da Escola Balbina Viana Arrais. Ela atualmente cursa Direito. “Tenho um sentimento de gratidão muito forte no meu coração neste momento, tanto pelo notebook, quanto pelo que vivi na escola onde concluí meu Ensino Médio. Por isso, a mensagem que deixo é que acreditem no potencial de vocês e aproveitem as oportunidades e políticas públicas ofertadas para vocês”, sugeriu aos colegas estudantes.

Aluno de farmácia, Edmundo Fonseca Moares, 19, exibia com orgulho o reconhecimento. “Isso que carrego agora é um grande incentivo. Vai me ajudar demais esse equipamento, porque até então eu precisava dividir meu tempo de estudo com a minha irmã, que era a única lá em casa que tinha um”, comemorou o ex-aluno da Escola Simão Ângelo, de Penaforte.

Curta nossa página no Facebook

07 de março

1876 - Alexander Graham Bell patenteia uma invenção, que ele chama de telefone.
1936 - Violando os tratados de Locarno e de Versalhes, a Alemanha reocupa a Renânia.
1953 - Os cientistas James Watson e Francis Crick apresentam a teoria da dupla-hélice do ácido desoxirribonucleico.

Nasceram neste dia…
  189 - Públio Sétimo Geta, imperador romano (m. 211).
1875 - Maurice Ravel, compositor francês (m. 1937).
1938 - David Baltimore, microbiologista norte-americano.

Morreram neste dia…
322 a.C. - Aristóteles, filósofo grego (n. 384 a.C.).
1904 - Ferdinand André Fouqué, geólogo francês (n. 1828).
1999 - Antônio Houaiss (foto), filólogo e tradutor brasileiro (n. 1915).

Fonte: Wikipédia

Governo do Estado lança programa que vai beneficiar dois mil universitários oriundos de escolas públicas

O Governo do Ceará lançou novo edital do AvanCE – Programa Bolsa Universitária para beneficiar alunos egressos da rede estadual de ensino aprovados em curso de nível superior. A ação vai selecionar dois mil universitários aprovados no segundo semestre de 2019 ou no primeiro semestre deste ano. Cada bolsa terá o valor mensal de R$ 468,50 e será paga por 12 meses. A informação foi dada pelo governador Camilo Santana nesta terça-feira (3), durante bate-papo semanal com a população através das redes sociais.

O chefe do Executivo estadual explicou como surgiu a ideia de criar uma política pública que contribuísse no começo da caminhada universitária de jovens cearenses com poucas condições financeiras. “Eu ouvia muito, no interior principalmente, que um jovem que passou em uma faculdade em Fortaleza ou outro município, e muitas vezes não tinha condições de cursar, pois era de família humilde e não tinha onde morar e algumas vezes até dinheiro para comer. Isso me fez refletir e então criamos essa bolsa para que esse dinheiro possa auxiliar o aluno a que ele nunca interrompa o sonho de fazer um curso superior. Esse é um programa pioneiro no Brasil e já copiado por outros estados”, destacou Camilo.

Serão 600 vagas para alunos que ingressaram na universidade no segundo semestre de 2019 e 1.400 para alunos que entraram no primeiro semestre deste ano. Para concorrer à bolsa, o estudante deve ter cursado todo o Ensino Médio em escola pública do Ceará e ter obtido média geral igual ou superior a 560 pontos no Enem na edição anterior do exame ao ano em que o estudante ingressou na faculdade. O interessado precisa ainda estar com registro atualizado no CadUnico e matriculado, no mínimo, em 12 créditos no primeiro ano do seu curso de graduação em uma Instituição de Ensino Superior (IES) credenciada pelo Ministério da Educação (MEC).

A inscrição será feita exclusivamente via internet, entre 16 de março e 27 de abril. 20% das bolsas serão destinadas a estudantes negros, índios, quilombolas e com deficiência, desde que cumpram todos os requisitos exigidos no edital. A lista com os selecionados será divulgada no site da Seduc dia 19 de maio.

Curta nossa página no Facebook

"Malhou, comeu": menino brinca no Instagram com dificuldade da vida fitness

"Eu malho para comer, não é para ser fitness não". Se você é meio parecido comigo e com o autor dessa frase, pode ser que em algum momento da sua vida já tenha falado que pratica qualquer tipo de exercício para poder comer. Sou dessas. E foi a partir dessa ideia que Gabriel Vicente da Silva, 9, criou o seu bordão, que virou até música: "Malhou, comeu".

No Instagram (@bieljampa), o menino natural de João Pessoa faz vídeos bem-humorados sobre a difícil missão de ser fitness, fazer dieta e ir à academia.

A mãe dele, Adriana Vicente da Silva, conversou com a reportagem do VivaBem e explicou que, desde bem pequenininho, Biel gostava de gravar vídeos. Daí, há cerca de quatro anos, o pai resolveu criar uma conta na rede social para ele.

"Nós sempre o incentivamos, mas o mais incentivador foi ele mesmo com suas resenhas", conta a mãe, que afirma que Biel foi sempre muito divertido e carismático.

"Malhou, comeu"
A ideia do bordão do menino surgiu na academia quando ele contou para o pai que percebia que o pessoal saía da malhação direto para o sushi. "Aí veio a ideia de um simples story que viralizou. Alguns famosos também começaram a repostar, como Tirulipa, Geraldo Luiz e Viviane Araújo", afirma a mãe.

Daí para o "estrelato" no Instagram foi um pulo, Biel foi convidado a participar do programa Domingo Show, na Record, e também do programa da Eliana, no SBT. "Aí as coisas mudaram de rumo, ele saiu de 100 mil seguidores para 350 mil em uma semana", conta Adriana. Hoje em dia, ele ostenta mais de 780 mil fãs na rede social.



Saúde e atividade física
Segundo a mãe, a maioria das ideias dos vídeos é do próprio Biel, mas ela faz questão de explicar que é um personagem: "Tudo o que vocês veem no Instagram, na vida real é diferente. Aqui em casa a família toda faz dieta. Ele come de tudo, mas não gosta muito de doces, como ele é criança não podemos cortar tudo de uma só vez". Ah, se você acompanhá-lo no Instagram, também vai perceber que ele é amante de cuscuz.

Biel é um menino ativo, ele vai à escola pela manhã e à tarde vai para a academia, onde faz Fit Dance, muay thay e funcional em dias alternados. Apesar da rotina atribulada, que inclui gravação de vídeos para o Instagram, a mãe explica que sempre incentiva o lado criança dele.

A saúde do Biel é a prioridade para a mãe, ela conta que ele é acompanhado por nutricionista, pediatra, nutróloga e personal trainer.

O menino já sofreu bullying por ser gordinho e, de acordo com Adriana, lidou naturalmente. "Biel tem mente de adulto, ele sempre fala que os gordinhos vão dominar o mundo".

Um dos maiores prazeres do menino é fazer vídeos para alegrar as pessoas deprimidas. E alegra mesmo. "O público dele hoje dele vai de 17 a 85 anos. Muitos são pessoas com dificuldade para emagrecer e com depressão", finaliza a mãe.

Fonte: UOL

Curta nossa página no Facebook

7 passos para ser mais eficiente

1. Registre todas as coisas que você precisa resolver
Boa parte do nosso stress está ligado ao excesso de pendências – as tarefas que ficam só na sua cabeça, sem jamais serem resolvidas no mundo real. De fato, estudos comprovam que nosso cérebro tem capacidade limitada para gerenciar (e lembrar de) compromissos. A lógica é parecida com a de um computador que está com muitos programas abertos – ele fica sobrecarregado e perde desempenho.

Para se livrar dessas pendências, o primeiro passo é registrá-las. Faça isso da forma que achar melhor: num aplicativo, num caderno, em um arquivo do Word. O importante é que esse registro respeite algumas exigências:

Você precisa ser capaz de encontrá-lo rapidamente e sempre. Não adianta salvar em uma pasta obscura de um computador que você mal usa, por exemplo. O ideal é que esse arquivo seja acessível em qualquer lugar e esteja em um local confiável e seguro, para que não corra o risco de perdê-lo.

Ele precisa ser facilmente compreendido. Você precisa poder ler e saber do que se trata; logo, é necessário algum nível de detalhamento na descrição da pendência.

Ele precisa estar organizado. Ter suas pendências todas em um só local já pode ser de grande ajuda, mas você continuará sem saber por onde começar se tudo estiver desorganizado.

Ele precisa estar atualizado. Mesmo que você tenha parado para organizar sua vida por um momento, inevitavelmente continuará recebendo novas demandas – sejam pedidos de seu chefe, seja um newsletter que você gosta de ler com regularidade. Bote também as pendências novas no arquivo.

2. Classifique as pendências e defina as ações necessárias
Depois de reunir tudo que estava incomodando você em um só lugar, é hora de definir o que fazer com cada coisa. Elas demandam algum tipo de ação neste momento? Se a resposta for não, há alguns cenários possíveis:

Não há o que fazer com essa pendência.

Se você avaliou sua lista e viu que essa pendência é inútil e não vai exigir nenhuma ação sua, nem agora nem no futuro, jogue-a fora. Pode ser o caso, por exemplo, daquelas centenas de newsletters que você acumulou, mas que sabe que jamais terá tempo para ler. Ou daqueles jornais que guardou para ler depois, mas que já ficaram amarelados.

Você não precisa tomar nenhuma ação neste momento, mas pode ser que precise no futuro.

Este pode ser o caso de um projeto pessoal que está parado aguardando investimento, de um livro que você quer ler algum dia ou daquelas pendências que não precisam ser resolvidas agora. As coisas que estão nesta categoria devem ser guardadas para depois em uma lista específica de tarefas em espera.

Não é necessária nenhuma ação, mas trata-se de uma informação útil de que precisarei no futuro.

Pode ser aquele link com um texto interessantíssimo que te marcou muito ou o material de um curso que você quer aplicar em seu trabalho. Neste caso, separe-a em outra pilha: a do seu acervo de referências.

A forma como irá guardar e organizar essas referências vai depender de você. No próximo capítulo, trago algumas sugestões de ferramentas que podem ajudar.

Pendências que exigem ação.

Tarefas que exigem uma ação devem ser divididas em dois grupos: aquelas que demandam uma ação simples e aquelas que envolvem múltiplos passos. Em relação às pendências que envolvem uma ação simples para a sua conclusão (como um e-mail que você precisa responder ou a mesa de trabalho caótica que você precisa arrumar), pergunte-se: qual é essa ação? Ela pode ser resolvida em menos de dois minutos? Se a resposta for sim, faça e tire logo esse item da sua lista.

Se a resposta for não, verifique antes se você é mesmo a pessoa certa para resolver isso. Se não for, delegue para quem possa fazer. Se for, você tem duas opções: definir uma data para resolvê-la, marcando esse compromisso em um calendário, agenda ou mesmo um post-it, ou colocá-la em uma lista de “próximas ações”.

Para as pendências mais complexas, você precisará parar para refletir um pouco mais. Em um sistema de organização eficiente, não é possível ter uma lista de afazeres com itens genéricos, como “escrever meu livro”. Isso não ajuda nada: você não tem uma visão do que é preciso realmente ser feito e, portanto, é incapaz de estimar quanto trabalho tem pela frente. Além de tudo, isso aumenta sua ansiedade e pode atrapalhar toda a organização do seu dia, já que você perderá tempo tentando descobrir por onde começar e se frustrará ao descobrir que sua previsão de entrega não era realista.

Portanto, divida essa pendência em ações simples e faça com elas o mesmo que fez com as outras: coloque-as em um calendário ou em sua lista de próximas ações.

3. Estabeleça suas prioridades
Ao terminar o processo anterior, você provavelmente estará com quatro listas. Duas delas não demandam ação (a lista de itens em espera mais a de referências); e as outras duas demandam (a lista de próximas ações e o calendário com ítens agendados).

É bem possível que, embora tenha se livrado de várias pendências, você esteja um pouco assustado com a quantidade de coisas que tem para resolver. Isso é normal: você só deu uma ajeitada na bagunça. Para resolvê-la de fato, é preciso entrar em um processo mais profundo de organização do seu dia. Uma forma de começar é priorizando algumas tarefas.

Reveja suas listas de ações e selecione aquelas que são mais urgentes. Se sobrar espaço, inclua as tarefas que envolvam objetivos importantes também. Há muitos itens com essa classificação? Se sim, você precisará fazer escolhas e talvez tenha de abrir mão de alguma coisa.

Precisei fazer isso quando estava na reta final deste livro: embora quisesse me dedicar mais ao meu curso de filosofia, aceitei que, por pelo menos um mês, teria de deixá-lo de lado. Troquei as aulas e as leituras pelo trabalho no livro e me programei para correr atrás do conteúdo perdido no mês seguinte. Como dá para perceber, o “abrir mão” pode ser algo temporário.

4. Estime o tempo que as tarefas levarão
Tendo mais clareza sobre quais são as ações em que você precisa se empenhar primeiro, é hora de estimar quanto tempo, aproximadamente, cada uma delas exigirá. Se não souber fazer isso, pergunte para outras pessoas que já fizeram a mesma tarefa, pesquise na internet, quebre-a em pequenos passos e descreva-os detalhadamente para que possa ter uma ideia melhor de quanto tempo cada um deles deve durar.

Sei por experiência própria que é ainda mais difícil fazer isso com tarefas criativas. Nesse caso, tente estipular um limite de tempo que você está disposto a usar para a sua conclusão e não deixe que ela tome todo o seu dia. Tendo ultrapassado esse limite, você partirá para outra atividade.

5. Organize suas ações em um planejamento semanal ou quinzenal
Muitas pessoas planejam suas atividades diariamente, fazendo uma lista de afazeres todo dia de manhã. Isso é útil, mas mantém você focado no curto prazo – e quando pensamos só no que é mais imediato corremos o risco de deixar de lado o que é importante. Ou seja, ficamos apenas nas atividades urgentes. Isso também nos atrapalha de ter uma visão do todo para monitorar o andamento de projetos maiores.

O ideal é que a sua lista diária de atividades seja parte de uma programação semanal ou quinzenal que leve em conta suas prioridades e quanto tempo cada uma das suas ações deve durar. Você pode definir um objetivo principal para esse período de tempo – e isso, sim, poderá envolver algo mais geral e abstrato, como “finalizar meu livro”, “tirar o atraso das leituras da faculdade” ou “me dedicar mais aos meus amigos”.

Ao fazer sua programação, não se esqueça de reservar tempo suficiente para o descanso e o lazer, bem como de deixar espaço para imprevistos. E use todo o conhecimento que você tem de si mesmo para fazer algo realista. Respeite seus horários mais e menos produtivos do dia, por exemplo. Se sua criatividade está em alta pela manhã, concentre suas tarefas mais complexas nessa hora e deixe as reuniões e outras atividades burocráticas para quando seu nível de energia estiver baixando.

6. Seja constante
Esse é clichê, mas merece ser repetido: não espere pela visita espontânea da motivação, concentração e criatividade para começar seu trabalho. Fazer isso seria deixar o caminho livre para a procrastinação. Force-se a começar na hora que definiu para começar e vá em frente. A constância é essencial para o nascimento do hábito.

7. Saiba quando parar
Vamos abordar a questão dos limites na próxima seção, mas cabe adiantar a dica: respeite seus limites e aprenda a reconhecer os sinais que seu corpo dá quando estiver realmente cansado. Virar noites trabalhando e não parar nem para almoçar com calma podem dar a impressão de que você está fazendo muito. Mas não fazem de você uma pessoa mais produtiva a longo prazo: ao trabalhar no limite da energia, você vai demorar mais para terminar as tarefas.

*Este é um trecho de Seja Mais Produtivo. Agora, de Ana Prado, o mais novo livro da SUPER. Já nas bancas e livrarias de todo o País

Fonte: Superinteressante

Curta nossa página no Facebook

Governador anuncia reajuste no salário dos professores e outras melhorias para a categoria

O governador Camilo Santana anunciou nesta terça-feira (3) durante seu bate-papo semanal nas redes sociais, boas notícias para a educação. Ele comunicou que os docentes da rede estadual de ensino público terão seus salários reajustados em 12,84%, referentes ao Piso Nacional do Magistério para toda a carreira, contemplando 35 mil professores efetivos em atividade, aposentados e pensionistas. A reestruturação do nível superior será em duas etapas (abril e setembro), acarretando uma melhoria na remuneração inicial em torno de 15% e na final de cerca de 24%.

“Depois de várias reuniões dialogando com a categoria, nós autorizamos o pagamento para esse ano, dividido em duas parcelas, do reajuste do piso nacional dos professores. Ao longo dos últimos seis anos venho implantando o reajuste do piso (nacional) dos professores. O que eu puder fazer para reconhecer e valorizar o trabalho de vocês eu vou fazer”, enfatizou Camilo Santana.

Além do reajuste, outras melhorias foram anunciadas para os professores. Será estendida, a partir de primeiro de abril deste ano, a concessão do auxílio-alimentação para os profissionais ativos com 40 horas que recebam remuneração até R$ 6.101,06. Já a partir de 31 de dezembro de 2020 a medida contemplará todos os profissionais, independente da remuneração.

Curta nossa página no Facebook

Na Suíça, deputado não tem benefícios e ganha menos do que professor

Guy Mettan, deputado e ex-presidente do Parlamento de Genebra, chega à sede do Poder Legislativo do cantão suíço em sua scooter. Não tem carro oficial. Tampouco tem uma vaga reservada apenas para ele diante do prédio histórico no centro da cidade.

Por vezes, Mettan confessa que vai ao trabalho com um motorista - o que conduz o ônibus público da cidade. Deputado já por 18 anos consecutivos, Mettan levou a reportagem do jornal O Estado de S. Paulo aos corredores do Grand Conseil, o nome dado ao Parlamento do Cantão.

A região é uma das mais ricas do mundo, tem uma taxa de desemprego de 5,3% e é um dos pilares de um sistema financeiro que guarda em seus cofres trilhões de dólares. Genebra, de forma insistente, entra em todas as listas das cidades mais caras do mundo há anos.

Mas, para não atrapalhar o emprego dos cem representantes do povo, as sessões do Parlamento são todas organizadas no final da tarde, quando o expediente já terminou.

Não apenas o deputado ordinário não conta com um carro oficial, mas tampouco é beneficiado por qualquer tipo de transporte. Uma exceção é feita ao presidente do Parlamento que, caso esteja indo a um evento oficial, tem o direito de usar um veículo oficial. Mas apenas se ele for à reunião na condição de presidente da Câmara e não a título pessoal.

O auxílio-moradia não faz parte dos benefícios. Ao final de quatro anos de mandato, os deputados não ganham uma aposentadoria. Durante anos no "poder", não podem contratar parentes e ganham um voucher para fazer duas refeições por mês. Cada uma delas de 40 francos suíços (R$ 137,00). "Dá para uma pizza e um copo de vinho", brinca Mettan.

Na melhor das hipóteses, um deputado em Genebra vai somar um salário anual de 50 mil francos suíços (o equivalente a R$ 172 mil), cerca de 4,1 mil francos por mês. Isso se ele for o presidente do Parlamento e comparecer a todas às sessões. O cálculo de quanto Mettan e todos os demais recebem a cada mês é feito por hora. "Se você vem, você recebe. Se não, não recebe", disse o deputado, que conta que precisa assinar com seu próprio punho uma lista de presença a cada reunião.

Transformado em reais, o valor pode ate parecer elevado. Mas, hoje, o pagamento ao presidente do Parlamento de Genebra é inferior à média de um salário de um fabricante de queijo, menor que a renda de um mecânico de carros na Suíça, de uma secretária, de um policial, de um carpinteiro, de uma professora de jardim de infância, de um metalúrgico e de um motorista de caminhão. Ele, porém, é equivalente ao salário médio de um açougueiro da cidade alpina.

Para um deputado "ordinário", o salário é muito inferior ao do presidente do Parlamento. Por ano, eles chegam a receber cerca de 30 mil francos suíços, o equivalente ao pagamento médio atribuído a um artista de circo ou a um ajudante de cozinha, postos ocupados em grande parte por imigrantes.

No Brasil, o salário de um deputado estadual chega a R$ 25.300 por mês em São Paulo, por exemplo. Além disso, os parlamentares brasileiros têm direito a uma verba mensal (o chamado "cotão"), que pode superar R$ 30 mil, para custeio de gastos de alimentação, transporte, passagens aéreas e despesas de escritório.

Empregos originais
Mettan explica que a função de deputado consome apenas 25% do seu tempo de trabalho e que, por conta do salário baixo, todos são orientados a manter seus empregos originais, mesmo depois de eleitos.

"Na Suíça, a política é considerada como um envolvimento popular", explicou. "É um sistema de milícia. Ou seja, não é um sistema profissional. Somos obrigados a ter um emprego paralelo, de ter uma profissão paralela. Não se pode viver com essa indenização", admitiu o deputado suíço. "Não existe deputado profissional", completou ele.  

Fonte: UOL (Com informações do jornal O Estado de S. Paulo)

Curta nossa página no Facebook

Rota Cariri é lançada; um roteiro para impulsionar o fluxo turístico na região

Um roteiro para impulsionar o fluxo turístico na região, incluindo mais de 50 pontos turísticos em Juazeiro do Norte, Crato, Barbalha, Nova Olinda, Santana do Cariri e Assaré. Lançada nesta terça-feira, a Rota Cariri começará a ser divulgada no mercado nacional este mês. O projeto é da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur), em parceria com a Secretaria da Cultura do Estado (Secult) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

“O Cariri é uma região muito rica, com destaque para a cultura e para o artesanato. O que fizemos foi organizar o roteiro, melhorar alguns pontos turísticos e entregar o produto pronto para operadoras de turismo”, destaca o secretário do Turismo, Arialdo Pinho. Com o material finalizado, a Setur já começará a divulgar a Rota Cariri nos principais mercados nacionais.

A região do Cariri recebe anualmente 2,5 milhões de visitantes por ano, a maioria em busca do turismo religioso. “O Cariri tem um potencial muito grande, vamos aproveitar tudo que essa região tem a oferecer e permitir que o turismo, especialmente o turismo cultural, mude a vida e a economia dessas cidades”, completa Fabiano Piúba.

Para o superintendente do Sebrae/CE, Joaquim Cartaxo, o novo roteiro conseguiu reunir uma série de iniciativas individuais em uma grande parceria. “O Sebrae/CE já tem uma expertise na estruturação de roteiros turísticos e sabe dos impactos gerados por este trabalho no fortalecimento dos pequenos negócios. No Cariri, não deve ser diferente, pois já temos um bom número de empreendedores ligados ao turismo”.

Rota
O roteiro turístico vai incluir 55 pontos de seis municípios da região. Na lista, estão atrativos como a Estátua de Padre Cícero e o Centro Cultural Popular Mestre Noza, em Juazeiro do Norte; o Geopark Araripe e o Museu de História do Crato, no Crato; a Igreja de Nossa Senhora do Rosário e a Festa de Santo Antônio, em Barbalha; a Fundação Casa Grande e a oficina do Mestre Espedito Seleiro, em Nova Olinda; e a Fundação Memorial Patativa do Assaré e o Café da Mestre da Cultura Zenilda Ferreira, em Assaré.

O lançamento da Rota Cariri contou também com a presença de Anya Ribeiro, presidente da Câmara Setorial de Turismo e Eventos; o mestre Espedito Seleiro; Alemberg Quindins, diretor da Fundação Casa Grande; Nivaldo Soares, diretor do Geopark; entre outras autoridades.

Curta nossa página no Facebook

04 de março

1493 – O explorador Cristóvão Colombo chega em Lisboa a bordo do seu navio Niña após a viagem do descobrimento da América.
1789 – Entra em vigor a Constituição dos Estados Unidos da América, a partir de declaração do Congresso, na cidade de Nova Iorque.
1936 – É realizado o primeiro voo do dirigível Hindenburg, na Alemanha.

Nasceram neste dia…
1394 – Infante D. Henrique, príncipe português e impulsionador dos Descobrimentos (m. 1460).
1678 – Antonio Vivaldi (foto), compositor italiano (m. 1741).
1869 – Eugénio de Castro, poeta e escritor português (m. 1944).

Morreram neste dia…
1193 – Saladino, sultão e líder militar de origem curda (n. 1137).
1852 – Nikolai Gogol, escritor russo (n. 1809).
1832 – Jean-François Champollion, linguista e egiptólogo francês (n. 1790).

Fonte: Wikipédia

Universidades públicas apoiam III Encontro da Poesia no Gesso

O III Encontro de Poesia no Gesso que acontecerá de 19 a 22 de março, na comunidade do Gesso, no Crato, conta com o apoio da Universidade Regional do Cariri – URCA e da Universidade Federal do Cariri – UFCA. O apoio das universidades fazem parte da política extensão e cultura desenvolvida por cada instituição. Da URCA cerca de 50 monitores da Pró-reitoria de Extensão - PROEX estarão desenvolvendo atividades de planejamento, produção cultural e mediação de oficinas, essas atividades contam como atividade complementar, servindo para formação acadêmica e é uma obrigatoriedade para a conclusão da graduação universitária. Já a Pró-reitoria de Cultura, da UFCA, está contribuição com o processo de comunicação nas plataformas virtuais. 

O III Encontro da Poesia no Gesso contará com o Cortejo da Poesia, intervenções urbanas, slam, roda de poesia, lançamento de livros, apresentações artísticas e  contação de histórias. O evento acontecerá nas escolas do Território Criativo do Gesso e no Terreiro do Coletivo Camaradas. Poeta Nezite Alencar é a homenageada desta 3ª edição que tem como tema Palavra, Território e Utopia.         

Serviço:   
Estudantes da URCA interessados em participar da monitoria devem fazer a inscrição online.

Curta nossa página no Facebook

Mães de alunos reclamam de falta de infraestrutura em escola de Barbalha

A sessão da Câmara Municipal de Barbalha desta segunda-feira (2), foi movimentada. Mães de alunos da EEF Edson Olegario de Santana não aceitam a proposta da Secretaria de Educação do município que quer impor o ensino de tempo integral naquela unidade educacional. 

Representando as mães dos estudantes, Janaína Félix usou a tribuna e relatou que no último dia 22 de fevereiro foi feita uma reunião com a secretária de Educação de Barbalha Fátima Grangeiro, onde a mesma garantiu as mães presentes que o ensino em tempo integral não começaria enquanto as reivindicações feitas por elas não fossem atendidas.

Usando seu tempo, Janaína disse que o ano letivo teve início e a escola se encontra em reforma, foram disponibilizados somente dois banheiros químicos para os estudantes, além de um ambiente inadequado para os alunos lancharem. Outro fato que Janaína relatou foi a má qualidade da merenda servida: “A merenda escolar é uma droga! Não serve pra nada! Não tem a menor condição de uma criança ficar em tempo integral numa escola dessa.” 

Segunda ela, as salas só dispõem de dois ventiladores e não contempla todos os estudantes, haja vista serem salas apertadas e sem arejamento adequado. “Ano passado foi criança pro hospital, por conta do calor que é demais.”

O vereador Dorivan Amaro, líder da oposição, parabenizou as mães pela coragem e se pronunciou a respeito do assunto: “Sou defensor do ensino de tempo integral. Porém, dentro de condições adequadas. Vocês não são obrigadas a colocar seus filhos lá. Numa escola sem a mínima condição de infraestrutura.”

Ao defender o ensino em tempo integral na EEF Edson Olegario de Santana, vereadores da situação foram vaiados e contestados em suas opiniões por mães ali presentes.

Ficou definido que uma comissão formada por mães e vereadores iria na manhã de hoje até a sede da secretaria de Educação conversar com a titular da pasta, Fátima Grangeiro. Se um acordo não fosse fechado, iriam até o Ministério Público buscar esse acordo para resolver o impasse da melhor forma.

Por Samuel Pinheiro

Curta nossa página no Facebook

Ceará tem 12 suspeitas de coronavírus e 9 casos descartados, diz Sesa

O Ceará investiga 12 casos suspeitos de novo coronavírus, segundo números atualizados pela Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) na noite desta segunda-feira (2). Nove pacientes tiveram a suspeita descartada. O estado tem, entre casos em investigação e descartados, 21 notificações.

Fortaleza teve o maior número de notificações, com os 12 ainda sob suspeita e sete descartadas. Crateús e Sobral tiveram um caso cada, ambos já descartados.

Mais cedo, o Ministério da Saúde divulgou que o Ceará permanecia com seis casos suspeitos do Covid-19 e outros seis descartados.

Sobre a diferença entre os dois órgãos, a Sesa esclareceu que os números do estado são mais atualizados e devem constar no próximo boletim do Ministério da Saúde, já que este órgão reúne posteriormente os casos informados por cada um dos estados do país.

Ainda segundo o Ministério da Saúde, no Brasil, há duas pessoas já confirmadas com o vírus, ambas no estado de São Paulo, enquanto outras 433 pessoas estão com suspeita da doença e 162 tiveram a possibilidade do vírus descartada.

Dicas de Prevenção
  • Cobrir a boca e nariz ao tossir ou espirrar;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal;
  • Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado;
  • Lavar as mãos por pelo menos 20 segundos com água e sabão ou usar antisséptico de mãos à base de álcool;
  • Deslocamentos não devem ser realizados enquanto a pessoa estiver doente;
  • Quem for viajar aos locais com circulação do vírus deve evitar contato com pessoas doentes, animais (vivos ou mortos), e a circulação em mercados de animais e seus produtos.

Fonte: G1 CE

Curta nossa página no Facebook

Governador quer debate nacional sobre fim de anistia para motins

O governador Camilo Santana concedeu entrevista coletiva nesta segunda-feira (2), no Palácio da Abolição, sobre o fim do motim envolvendo parte de policiais militares no Ceará. Na ocasião, o chefe do Executivo disse que já conversou com parlamentares para criar um debate nacional sobre o fim de anistia para militares que realizam motim. Além disso, falou sobre a proposta de reestruturação salarial da categoria; e as ações da segurança pública no estado para este ano.

PEC
“Sempre falei desde o princípio e repito, a anistia não é negociável. A sociedade não pode ficar refém de atos criminosos como esses. O Governo não pode ficar refém. Inclusive enviei para a Assembleia Legislativa uma PEC para que isso não seja apenas uma decisão do governador. Mas que esteja na nossa Constituição, a proibição de anistia para atos como esse em um futuro no Ceará. Após pedido de vistas de um deputado, essa PEC deverá ser votada e aprovada até a próxima terça-feira (3) na AL. Já até conversei com alguns parlamentares de Brasília, e a ideia é que esse debate ocorra também a nível nacional. Para que a legislação federal faça o mesmo, para todos os estados da federação nacional”.

Motim
“Foi uma atitude lamentável, uma situação muito grave, e de certa forma inaceitável, pois o nosso governo de muito diálogo, todas as ações que fizemos em relação à segurança pública sempre feito de forma participativa, construindo com as entidades que representam os policiais. Foi assim quando nós aprovamos a melhor lei de promoções da polícia militar do país, no Ceará. Foi assim quando aprovei a primeira reestruturação salarial em 2016, dentro da média do Nordeste. E foi assim quando fizemos agora com a nova reestruturação em 2020. Apresentando a proposta, negociando com as entidades representativas, e que chegaram a um acordo a qual chegaram até a comemorar os valores de reajuste salarial até o ano de 2022. Mas lamentavelmente quebraram o acordo e inaceitavelmente uma pequena parcela da Polícia Militar se amotinou e gerou toda essa situação grave aqui no Ceará.”

Retomada do trabalho
“Tanto o secretário da SSPDS, André Costa, quando o comandante da PM, Coronel Alexandre Ávila, informaram que seus efetivos se apresentaram em seus batalhões e quartéis, e esse momento marca a retomada do trabalho de todos para garantir a normalidade no combate à violência, e a segurança pública a todos os cearenses.”

GLO
“A Garantia da Lei e da Ordem (GLO), com a presença das forças armadas no estado do Ceará, está garantida até a próxima sexta-feira (6). É importante que que o Exército permaneça nesse momento de transição e que se restabeleça a normalidade. Até porque muitos dos veículos e equipamentos estão sendo recuperados, e assim se volte a rotina completa dos profissionais da segurança pública no Ceará.”

Reestruturação salarial
“O que foi acordado está na Lei enviada para a Assembleia, local para se fazer qualquer debate da proposta aprovada pelas entidades. Qualquer mudança que sofrerá ou que poderá sofrer, será dentro do limite orçamentário já previsto (R$ 495 milhões), acordado e enviado para a AL.”

União de forças
“Chegamos ao final do motim após uma união de forças. Já agradeci nas redes sociais, e agora faço aqui, agradeço o papel da maioria da tropa que não aderiu ao motim. Da Polícia Civil, que trabalhou arduamente para ajudar na segurança pública, dos Bombeiros, Pefoce, Polícia Penal, além do Exército e Força Nacional. Foi uma união de forças tanto federais quanto estaduais que garantiram a segurança pública do Ceará.”

Sem anistia
“Todos aqueles que cometeram qualquer tipo de ação ilegal foram abertos procedimentos legais. Com todo o rigor da lei serão investigados, avaliados, inclusive como compromisso que a comissão assumiu com os amotinados, com amplo direito de defesa e para que não haja nenhuma injustiça ou perseguição. Pessoas que infringiram a lei serão conduzidas respeitando o processo legal, sem possibilidade de anistia para quem praticou crimes e ameaçou a segurança da nossa população. Ninguém está acima da lei.”

Partidarização da polícia
“Após concordar com toda a negociação feita anteriormente na reestruturação na carreira militar, e com valores substanciais, teve até liderança que chorou. Então por qual motivo eles voltaram atrás nessa decisão que acabou no motim? É importante debater e aprofundar a partidarização da polícia. Houve um momento que se misturou política partidária com polícia, observe, todas as lideranças desses movimentos possuem mandatos, outros são filiados a partidos. Isso é grave e esse debate precisa ser feito a nível nacional, pois não acontece apenas no Ceará, e espero, com o apoio do Supremo Tribunal Federal e Congresso Nacional, que os estados brasileiros possam tomar decisões para garantir que a polícia cumpra o seu papel constitucional, que é garantir a segurança da população.”

Planejamento para 2020
“Vamos nos reunir com os secretários e comandos, e todas as áreas do Governo, no que tem referência à segurança pública, para fazer uma avaliação geral do ocorrido e seus números, fazer um planejamento e tomar as medidas necessárias para restabelecer a normalidade no Ceará. Nosso estado tem sido referência na área de segurança. Ano passado fomos o estado com a maior redução de homicídios do Brasil, por isso precisamos restabelecer o foco e as metas para o restante de 2020. Tudo para continuar garantindo a redução de homicídios no Ceará.”

Curta nossa página no Facebook

Prefeitura de Jaguaribe abre concurso público com salário de até R$ 9,8 mil

A partir desta segunda-feira (2) estão abertas as inscrições para concurso público da Prefeitura de Jaguaribe, no interior do Ceará. No total, são 231 vagas para preenchimento imediato, com outras 693 para cadastro de reserva. Há vagas para candidatos de nível médio, com curso técnico e superior.

Aqueles que possuem até o ensino médio podem concorrer a colocações como encanador, fiscal de obras, agente de saúde, agente de trânsito, entre outros. Já os candidatos com cursos técnicos podem pleitear vagas como técnico em contabilidade, artífice especializado e técnico em informática.

Já para profissionais com ensino superior estão disponíveis vagas como professores de diversas disciplinas, médicos de diferentes especialidades, enfermeiro, fisioterapeuta, biomédico, dentre outras. Os salários chegam a R$ 9,8 mil para clínico geral e médico mastologista, com regime de 40 horas semanais.

As inscrições acontecem até o dia 5 de abril e podem ser feitas pelo site do Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro, organizador do concurso.

As provas acontecem no dia 26 de abril, no turno da manhã para candidatos de nível médio, e à tarde para aqueles com ensino superior.


Curta nossa página no Facebook