Inscrições para concurso da CGE são prorrogadas

As inscrições para o concurso público da Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE) foram prorrogadas até o dia 31 de janeiro de 2019. Ao todo, são oferecidas 25 (vinte e cinco) vagas para Auditor de Controle Interno, com remuneração inicial podendo chegar a R$ 11.742,96. As inscrições para o concurso custam R$150 e deverão ser feitas no site do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (CESPE).

Os interessados em participar do concurso deverão possuir curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). As vagas oferecidas são nas áreas de Auditoria Governamental (09), Auditoria em Obras Públicas (04), Tecnologia da Informação (04), Correição (04) e Fomento ao Controle Social (04).

Provas
Segundo Virgílio Crescêncio Granjeiro, presidente da comissão coordenadora do concurso, serão convocados para a matrícula do curso de formação os candidatos classificados na primeira fase do concurso público, até o limite total da 75ª posição, respeitados os empates na última colocação. “Passarão na primeira fase o triplo do número de vagas, de acordo com o cargo escolhido”.

O concurso será realizado em duas fases sucessivas e distintas. A 1ª fase é composta de provas objetivas de caráter eliminatório e classificatório, envolvendo questões referentes a conhecimentos básicos e específicos, comum às cinco áreas de conhecimento, e conhecimentos especializados, referentes a cada uma das áreas.As provas da 1ª fase serão aplicadas no dia 17 de março, em um único turno, com duração de 5 horas, já incluído o tempo de preenchimento do cartão-resposta.

A 2ª fase do concurso é composta por três etapas. A 1ª etapa é um Curso de Formação e Treinamento Profissional, de caráter eliminatório e classificatório, com duração de 160 (cento e sessenta) horas. A 2ª etapa é uma avaliação psicológica, de caráter eliminatório, para verificação da personalidade e da aptidão do candidato para o desempenho das atribuições e atividades inerentes ao cargo de Auditor de Controle Interno; e a 3ª será uma avaliação de títulos, de caráter classificatório.

Clique aqui para acessar:



Remuneração
A remuneração do cargo de Auditor de Controle Interno é composta por uma parcela fixa de R$ 4.281,16 (quatro mil e duzentos e oitenta e um reais e dezesseis centavos), Gratificações de Desempenho de Atividade de Auditoria (GDAA) e gratificação de titulação.

O processo de Avaliação de Desempenho de Atividades de Auditoria (GDAA) se dá semestralmente, e as gratificações podem corresponder ao percentual máximo de 60% (sessenta por cento) sobre o vencimento básico.

Já a gratificação por titulação é calculada sobre o vencimento básico da respectiva referência ocupada pelo servidor, em percentuais não acumuláveis, com 15% (quinze por cento) para o título de Especialista, 30% (trinta por cento) para o título de Mestre, e 60% (sessenta por cento) para o título de Doutor.

Com vencimento básico de R$ 4.281,16, somada ao cálculo da Avaliação de Desempenho de Atividades de Auditoria (GDAA) inicial de R$ 7.461,80, a remuneração inicial do cargo pode chegar a R$ 11.742,96, sem contar com os valores de titulação.

Caso o Auditor tenha especialização haverá um adicional de 15% sobre o vencimento, ou seja, R$ 642,17; Para mestrado, um adicional de 30% sobre o vencimento, ou seja, R$ 1.284,35; para doutorado, um adicional de 60% sobre o vencimento, ou seja, R$ 2.568,69. A gratificação por Titulação não é cumulativa.

Taxa
Será admitida a inscrição somente via internet no endereço eletrônico, solicitada no período entre 10 horas do dia 17 de dezembro de 2018 e 18 horas do dia 31 de janeiro de 2019 , observado o horário oficial de Brasília/DF.

Assessoria de Comunicação/Governo do Estado do Ceará

Curta nossa página no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis