Romaria de Benigna é incluída no Calendário Oficial de Eventos do Ceará

O governador Camilo Santana sancionou a Lei (nº 16.906), de 18 de junho de 2019, que inclui a Romaria da Menina Benigna, em Santana do Cariri, no Calendário Oficial de Eventos do Estado do Ceará. A celebração acontece de 15 a 24 de outubro. Considerada santa popular no Município, a adolescente, assassinada aos 13 anos de idade, foi aclamada “Serva de Deus” pela Igreja Católica e seu processo de beatificação está em andamento.

Proposta pelo deputado estadual Nizo Costa (PSB), a inclusão da romaria no Calendário Oficial de eventos permite que a festa ganhe mais importância e pode garantir o crescimento da romaria. No dia 24 de outubro, data da morte de Benigna, cerca 30 mil pessoas participam de uma peregrinação até o distrito de Inhumas, a 3 km da sede do Município, local onde foi assassinada.

Martírio
“Heroína da Castidade” como é aclamada em Santana do Cariri, Benigna Cardoso da Silva foi brutalmente assassinada, aos 13 anos de idade, em 1941, a golpes de faca por outro adolescente que a assediava, depois que recusou ter relações sexuais com ele. Para a população, “ela deu a vida para não cometer pecado”. 

A Diocese de Crato abriu o processo para sua beatificação em 2011. Dois anos depois, ele foi aceito e a jovem foi nomeada “Serva de Deus” pela Igreja Católica. Depois de cinco anos de estudos sobre sua história e devoção, sua causa foi aprovada na Comissão dos Teólogos da Congregação para as Causas dos Santos, em Roma, ano passado. Agora, agora cabe à avaliação da Comissão dos Cardeais e, em seguida, ao parecer do Papa Francisco.

Nesta fase inicial, os teólogos investigaram as virtudes ou o martírio, detalhando as circunstâncias da morte. A comprovação de um milagre, critério necessário para ser reconhecido como beato, é dispensando no caso de Benigna, pois, sua morte é considerada um martírio.

“É claro que a expectativa é grande. Agora, depende do calendário da Congregação. Evidentemente que deve obedecer a todo um protocolo, mas penso que não haverá muita dificuldade, pois é um caso de martírio. Esperamos que aconteça logo. Agora, só depende de Roma”, explica o bispo Dom Gilberto Pastana, titular da Diocese de Crato.

Outras inserções
Além da Romaria da Menina Benigna, também foram inseridos a encenação teatral da Paixão de Cristo, realizada durante a Semana Santa no município de Milagres, e os festejos de Nossa Senhora do Rosário, padroeira de Russas, que acontece no período entre 27 de setembro e 7 de outubro.

ANTONIO RODRIGUES
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis