Crato: Projeto do novo mercado Walter Peixoto é apresentado

Com quase 34 anos de sua inauguração, o Mercado Walter Peixoto ganhou um novo projeto da gestão municipal. Mais moderno, mais bonito e mais acessível, com a reforma, o equipamento oferecerá também mais conforto aos consumidores, visitantes e vendedores.

Na tarde da última quarta-feira (29), a proposta passou pelo crivo das pessoas que vivem diariamente no local: os permissionários. Para isso, o novo projeto foi apresentado pelo prefeito Zé Ailton Brasil e pelo Secretário de Infraestrutura, José Muniz, aos permissionários.

Conforme apresentou o Chefe do Executivo, o espaço será redimensionado, reorganizado por área e atenderá a todas as exigências de acessibilidade e segurança. Ganhará ainda uma nova fachada e mais vagas de estacionamento. Será delimitado área de carga e descarga. E a área de alimentação será deslocada para um piso superior, com projeto semelhante ao do Shopping Popular do Crato, como uma praça.

“Queremos atrair os cratenses e os visitantes para conhecer o Mercado e assim melhorar a venda de cada um de vocês, ser mais atrativo para a população, garantindo limpeza e conforto para todos. Todos que estão lá têm a garantia que vão permanecer. Outro compromisso assumido é que não vamos diminuir os boxes, mas vamos padronizar”, afirmou o prefeito.

O novo Mercado Walter Peixoto causou uma boa impressão nos vendedores que compareceram à apresentação. Raimundo Elói da Cruz está no local há quase 33 anos e disse que a espera valeu a pena. “Gostei demais. Eles ajudam a gente e a gente ajuda eles. Vou inteirar 33 anos de mercado, criei meus filhos de lá e a reforma vai melhorar mais a nossa venda”, comentou.

Essa foi a primeira reunião acerca do novo mercado para apresentar a proposta arquitetônica aos permissionários. Agora, a gestão municipal vai fechar o levantamento da quantidade de boxes por cada área (hortifrúti, mercearia, carnes e alimentação) e seguir com a parte técnica. Todo o entorno do local também passará pelo reordenamento e todos os feirantes devem ficar apenas dentro do novo espaço, uma reivindicação antiga dos permissionários.

Assessoria de Comunicação/PMC

Curta nossa página no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis