P3 Midia

P3 Midia

Crato (CE): Duas mulheres estupradas no fim de semana e um dos acusados foi preso

Num intervalo de duas horas e meia entre a noite de sábado e a madrugada deste domingo nos bairros Seminário e Pinto Madeira em Crato, duas mulheres foram estupradas e apenas um dos acusados terminou preso. Rodrigo Mendes de Moraes, de 29 anos, se encontrava sozinho no estabelecimento comercial de sua mãe, no bairro Seminário, quando uma mulher de iniciais M. M. V., de 54 anos chegou para tomar um caldo por volta de uma hora da madrugada deste domingo.

A vítima foi direcionada até um quarto do imóvel situado no Conjunto Novo Crato e forçada a manter relação sexual com o rapaz. Após o estupro, o filho dela denunciou o caso à polícia quando os Soldados Michel, Acacio e Jorge do Ronda do Quarteirão saíram no rumo de um local para onde o acusado seguiu. Já com o apoio de outras patrulhas, Rodrigo terminou localizado e preso no cruzamento das rua Lavras da Mangabeira e Santa Anastácia no bairro Seminário.

Outro
Antes, por volta das 22h30min de sábado, um caso de estupro já tinha sido registrado na Rodovia Pinto Madeira contra uma jovem de 25 anos e iniciais M. G. C. a qual estava com um bebê de 1 ano e tinha acabado de receber atendimento no Hospital São Francisco. Ela trafegava pela Avenida Duque de Caxias quando um jovem emparelhou sua moto ao carro que a mesma dirigia e passou a ameaçar o filho da vítima caso esta não lhe desse seus pertences. Com medo, a mãe entregou uma pulseira, um relógio e um celular. Depois, a obrigou a conduzir o carro até a Rodovia Pinto Madeira e destravar as portas do veículo quando praticou o estupro e fugiu.

Ainda sobre Rodrigo Mendes, este tinha sido preso no dia 9 de julho de 2014 após ser denunciado por sua própria mãe, Antonia Mendes, à polícia ante as suspeitas de envolvimento do mesmo com assaltos. Segundo ela, o filho é usuário de drogas e tinha saído de casa na segunda e só retornou na quarta-feira. Na época, o escrivão Mário Gomes informou que as características do rapaz batiam com a do jovem que vinha assaltando mototaxistas e este terminou reconhecido como tal. Em entrevista à Imprensa, a mãe disse que já o tinha colocado em clínicas de reabilitação e preferia vê-lo preso do que morto.

Demontier Tenório

Fonte: Miséria

Curta nossa página no Facebook



Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis