Parque das Timbaúbas em Juazeiro do Norte será requalificado

Única área verde dentro desta cidade caririense, o Parque Natural Municipal das Timbaúbas, que possui 23,40 hectares, passará por uma requalificação para atrair mais visitantes e oferecer um espaço de esporte e lazer à população. A ordem de serviço foi assinada na tarde de ontem (7) e a obra deverá ser concluída em até seis meses. Orçada em R$ 2,8 milhões, o recurso foi garantido pelo Governo do Estado do Ceará como medida de compensação ambiental.

No Parque, será instalado um pórtico de entrada com guarita, a criação de um calçadão, bem como a recuperação da praça e da edificação onde atualmente funciona a Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos. O projeto dispõe ainda da criação de uma pista de cooper e pista de passeio, dois playgrounds, um para crianças de 1 a 7 anos e outro para aquelas que tiverem de 8 a 12 anos. Lá, também haverá a criação de duas academias, banheiros públicos, recuperação e instalação de iluminação.

Segundo a secretária de Infraestrutura do Município, a arquiteta Gizele Menezes, autora do projeto, o objetivo da revitalização é fazer as pessoas voltarem a frequentar o Parque. "Atualmente está sendo subutilizado, porque não tem parquinho, academia. A prática de esportes não acontece com muita frequência", justifica. Por isso, será criada uma pista com três extensões: 800m, 1,5 km e 3 km. Ao redor, também será criado uma área de passeio público com a ampliação da calçada, que passará de 1,5 m para 3m de largura", completa.

Potencialidade
O titular da Secretaria do Meio Ambiente e Sustentabilidade do Ceará (Sema), Arthur Bruno, destacou a potencialidade do lugar a partir de sua requalificação. "Juazeiro tem o privilégio de ter uma pequena floresta dentro da cidade. Agora, com este projeto, será muito utilizado por crianças, idosos. Será um grande ganho. É um parque muito bonito", exalta.

O prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra, admite que o equipamento esteve esquecido e ressaltou que, assim como o Parque, Juazeiro já dispõe de espaços que poderão ser mais aproveitados. "O que precisamos é torná-los úteis, frequentá-los".

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis