P3 Midia

P3 Midia

Hospitais do Cariri receberão quase R$ 10 mi para ampliar atendimento à população

O Ministério da Saúde anunciou a destinação de R$ 18,7 milhões para ampliar o atendimento na rede pública de saúde do Ceará. O Cariri será a região com maior montante a ser destinado, totalizando quase R$ 10 milhões por ano. Das sete entidades filantrópicas, o que inclui hospitais e santas casas, quatro delas estão localizadas na região caririense.

O hospital e maternidade São Francisco de Assis, em Crato, receberá R$ 2,4 milhões para ampliação do serviço de urgência e emergência. Já em Barbalha, são três beneficiados: o Hospital do Coração do Cariri, com destinação superior a R$ 105 mil, a ser utilizado no serviço de terapia nutricional enteral e parenteral; e os hospitais São Vicente de Paulo e Santo Antônio que juntos receberão mais de R$ 7 milhões para ampliação do serviço de urgência e emergência.

Completam a lista das unidades beneficiadas, o Hospital São Lucas, em Crateús, cuja destinação será superior a R$ 1,5 mi; o Grupo de Educação e Estudos Oncológicos, em Fortaleza, o qual receberá cerca de R$ 8 mil e o Hospital e Maternidade Jesus Maria José, de Quixadá, com verba de R$ 240 mil para melhoria na Casa do Gestante, Bebe e Puerpera (CGBP).

Além destas, três UPAs estão com destinação garantida. Duas delas na capital cearense, totalizando R$ 6 milhões, e uma em Jijoca de Jericoacora, a qual receberá R$ 1,2 mi anuais. Conforme o ministro da Saúde, Ricardo Barros, os recursos vão atender serviços de saúde realizados pelo SUS e que não contavam com a contrapartida do governo federal.

Fique por dentro
De acordo com o Ministério da Saúde, “a garantia dos repasses para esses serviços só foi possível com as medidas de gestão adotadas nos 100 primeiros dias de governo e que geraram economia de R$ 1 bilhão”. Em todo o país, 216 entidades filantrópicas serão beneficiadas com a garantia de repasse de R$ 371,9 milhões por ano.

Essas unidades são responsáveis por 43% das internações que ocorrem no país. Também estão sendo contempladas 99 UPAs, com impacto financeiro anual de R$ 182 milhões ao orçamento do Ministério da Saúde.

ANDRÉ COSTA
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook



Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis