Governo do Ceará inicia obra do Centro Integrado de Segurança Pública

A área da Segurança Pública segue recebendo investimentos do Governo do Ceará. Dessa vez, o Estado vai fortalecer a parte estrutural com a construção do Centro Integrado de Segurança Pública (CISP), em Fortaleza, que sediará os comandos das forças de segurança cearenses. A ordem de serviço que autorizou o início da obra foi assinada pelo governador Camilo Santana, na manhã desta quinta-feira (7). Ao reunir toda a estrutura em um só local, o Estado busca ganhar em eficiência administrativa, operacional e logística.

Neste primeiro momento, o investimento será de R$ 73.986.520,28 e servirá para a construção da sede do Corpo de Bombeiros Militar (CBMCE), do Centro Integrado de Inteligência, Centro de Convivência, outros equipamentos públicos e urbanização da área. Os recursos são oriundos do Tesouro do Estado.

O ganho qualitativo no trabalho do Estado em segurança pública com a construção do CISP foi destacado por Camilo Santana. “São 80 mil m² onde vamos reunir todas as instituições da Segurança. Aqui, temos uma localização privilegiada, com acesso rápido, avenidas duplicadas. Vamos ter um dos mais modernos centros de inteligência e operações táticas do Brasil. Isso vai dar agilidade, facilitar e integrar cada vez mais o trabalho. Não temos medido esforços em fazer investimentos em inteligência, pessoal e equipamentos. Essa é uma modelagem utilizada no mundo inteiro, que é a integração das forças públicas”, ressaltou o governador.

Quando concluído, o CISP abrigará os seguintes núcleos de comando: Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Polícia Militar (PMCE), Polícia Civil (PCCE), CBMCE, Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), Centro Integrado de Inteligência, Centro de Convivência e Interligação com a Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). A obra ainda terá serviços de urbanização e paisagismo, com a manutenção de zonas verdes, a implantação de academia ao ar livre, pista de cooper, brinquedopraça e areninha, entre outras estruturas de acesso e circulação para a comunidade. No total, incluindo todas as fases, o investimento será de R$ 140 milhões.

Sandro Caron, secretário da Segurança Pública e Defesa Social, enfatizou que essa é mais uma medida de ponta adotada pelo Ceará. “Dentro da ideia de integração é fundamental essa estrutura. Já sabemos que isso aumentará a integração que já existe e acelerará a tomada de decisões, ganhando o Estado, a população e a segurança pública”, disse o titular da SSPDS.

Localização
O Centro Integrado de Segurança Pública ocupará uma área central da capital cearense. Vizinho à Base Aérea de Fortaleza e à sede da Polícia Federal, o conglomerado utilizará o terreno do Quartel do Comando da Polícia Militar e a área adjacente, entre as avenidas Aguanambi e Borges de Melo.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Nenhum comentário:

Postar um comentário