Desafiado por 'amigos', homem toma 1,2 litro de cachaça e morre

Vanir Ferreira Duarte, 46 anos, morreu na última terça-feira (8), em Campo Grande (MS), após ficar cinco dias internado no hospital Santa Casa, por complicações de intoxicação por ingestão de bebida alcoólica.

Segundo informações do boletim de ocorrência registrado na Polícia Civil, a morte do homem será investigada como omissão de socorro qualificada, pois, testemunhas informaram que a vítima foi incentivada por dois colegas a beber cachaça em grandes quantidades.

Os acompanhantes de Vanir ofereceram a bebida e o desafiaram a continuar bebendo, ainda que apresentasse visível estado de embriaguez. A equipe policial cita um vídeo gravado pela dupla, no qual debocha e incentiva a ação.

Pouco tempo depois, a vítima começou a passar mal e os colegas o abandonaram desacordado em um banco de madeira, localizado nas imediações do bairro Jardim Guanabara, na cidade de Maracaju.

Vanir só foi encontrado no dia seguinte (3) e encaminhado em estado grave para o hospital de Campo Grande, onde permaneceu internado por cinco dias.

Foi informado ainda no registro policial que os dois homens já foram identificados e prestarão depoimento sobre o caso.

Fonte: UOL

Curta nossa página no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário