Pau da Bandeira de Santo Antônio é cortado em Barbalha

A quinze dias do início oficial da Festa de Santo Antônio, em Barbalha, um dos momentos mais simbólicos aconteceu, na manhã desta sexta-feira (17), com o corte da árvore que servirá de mastro para erguer a bandeira do seu padroeiro. Com 26 metros de comprimento, o angico escolhido pesa cerca de duas toneladas. A retirada do tronco aconteceu no Sítio Flores, a oito quilômetros da sede do Município.

Como uma grande confraternização, a concentração começou cedinho, às 6h30, no Mercado Central, onde é servido um tradicional café da manhã para os carregadores. Em seguida, o grupo partiu para a Igreja Matriz de Santo Antônio, onde é realizada a bênção.

Os carregadores, então, partiram em caminhada até o Sítio Flores, onde o angico já tinha sido escolhido. “A gente já vem namorando com essa árvore há um mês e meio”, explica o capitão dos carregadores, Rildo Teles. O tronco foi escolhido por ser reto. “Embora seja bastante pesada, vamos poder dividir com os carregadores. Há um compromisso. O desafio é grande, mas vamos conseguir”, reforça Rildo.

Aproximadamente 200 carregadores farão parte do cortejo do pau da bandeira de Santo Antônio, no dia 2 de junho, principal data da festa. A árvore passará 15 dias descansando na “cama”, como foi batizado o local onde o angico fica exposto para secar e perder líquido, consequentemente, ficar mais leve.

“A renovação é dada pela nossa fé e principalmente pelo respeito a nossa tradição. Repetir algo feito mais de uma centena de vezes. Nesse período, tem o sentimento de fazer o melhor por sua cidade. Barbalha é única no país. Para nós, é motivo de alegria. Hoje, estamos dando início oficialmente. Aqui é motivo de confraternização. Há uma irmandade entre os carregadores”, garante Rildo.

A expectativa é que circulem entre 500 a 600 mil pessoas, na Festa de Santo Antônio de Barbalha, que acontece entre os dias 1º e 13 de junho. Só no dia 2, no domingo, quando ocorre o tradicional carregamento do pau, são esperados 350 mil brincantes. Mano Walter, Xand Avião, Gabriel Diniz e Jonas Esticado são algumas das atrações que fazem parte da programação.

A Festa do Pau da Bandeira de Santo Antônio, em Barbalha, é reconhecida como Patrimônio Cultural de natureza imaterial do Ceará. A decisão do IPHAN ocorreu no dia 13 de dezembro do ano passado. O ato permite ao governo estadual implementar uma política efetiva voltada para o evento, com ações de salvaguarda por seu valor histórico, cultural e religioso. Em 2015, o festejo  entrou no livro das celebrações registradas como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil, a primeira no Estado a ter esse reconhecimento.

ANTONIO RODRIGUES
COLABORADOR

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis