Domingos Filho deixa a vice e está no TCM

O ex-vice governador do Ceará só esperou a circulação do Diário Oficial, edição de ontem e, no final da tarde foi ao Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), inesperadamente, e assumiu a vaga de conselheiro para a qual foi nomeado pelo governador Cid Gomes, logo depois de a Assembleia, na semana passada, ter aprovada a indicação do seu nome para o cargo, na vaga deixada pela aposentadoria do conselheiro Artur Silva Filho.

Diferente de todos os outros conselheiros, indicados nos últimos anos, Domingos não esperou que a Corte de Contas preparasse uma solenidade para a sua posse. O presidente do TCM, Francisco Aguiar, ao ser solicitado por Domingos para que lhe fosse dado posse, só teve tempo de comunicar aos demais conselheiros do inusitado.

Domingos Filho era um dos filiados ao PROS que queria ser governador do Ceará. Preterido, ele tratou de conseguir a vaga de conselheiro, inclusive fazendo com que Artur Silva Filho antecipasse sua aposentadoria, compulsoriamente prevista para o início do próximo ano. Sua indicação para o cargo foi feita pela própria Assembleia, Casa que ele presidiu por quatro anos, antes de ser vice-governador do Estado. 31 deputados assinaram a sua indicação.

Houve alguma reação de deputados da oposição, mas todo o processo legislativo aconteceu em um só dia, na terça-feira da semana passada. Ontem, o Diário Oficial com data de 19 de agosto circulou no fim da tarde, como de costume. Tão logo o fato de nomeação foi tornado público, Domingos avisou ao presidente do Tribunal que iria assumir o cargo, o que aconteceu no fim da tarde. Agora, o vice-governador do Estado é o presidente da Assembleia, deputado José Albuquerque, por imposição da Constituição estadual.

Fonte: Diário do Nordeste



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Addthis