P3 Midia

P3 Midia

309 mil tiram zero na redação do Enem e só 53 participantes obtêm nota máxima

As notas individuais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foram divulgadas nesta manhã de quarta-feira, 18. Ao mesmo tempo, o Ministério da Educação (MEC) lançou dados dos participantes de todo o Brasil. Foram 309.157 mil notas zero e apenas 53 notas máximas na redação. No ano anterior, a quantidade de anulações foi bem menor, de 84.236. De acordo com Mendonça Filho, ministro da Educação, a edição de 2017 do Enem foi a mais bem-sucedida da história.

O principal motivo para a anulação da redação dos alunos foi a fuga do tema. Neste ano, os participantes escreveram sobre educação de surdos. Maria Inês Fini, presidente Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), afirma que em comparação com 2016, o número de candidatos que fugiu do tema da redação cresceu 5%. Entretanto, ela considera uma variação normal, pois são “grupos diferentes de estudantes”. As notas máximas também diminuíram, em 2016 foram 77 estudantes com nota mil. 

Com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) no ano passado, ferir os direitos humanos no texto da prova não acarreta nota zero. Apesar disso, a falha ainda configura perda de pontos aos participantes. Nesta edição, 205 pessoas desrespeitaram os direitos humanos. Para recorrer, os alunos deverão esperar os “espelhos das redações”, que serão divulgados no dia 19 de março.

Fonte: O Povo

Curta nossa página no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis