Banner P3 728x90

Banner P3 728x90

IBGE amplia número de vagas; Ceará conta agora com 54 ofertas

Uma retificação do concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) fez algumas alterações no edital e uma delas se refere ao número de vagas. O órgão resolveu incluir uma oportunidade para a carreira de agente censitário regional na cidade de Araçuí (MG) e agora a seleção contempla 1.039 ofertas.

Este primeiro edital oficializou a abertura de 1.039 vagas, mas vale lembrar que as outras quase 25 mil oportunidades sairão em um segundo edital, programado para o dia 24 de abril.

Dos 1.039 postos deste primeiro edital, 868 são destinadas às funções de ensino médio e 171 para nível superior. A contratação será temporária, para atuação no Censo Agro 2017.

Distribuição
A lotação ocorrerá nos Estados do Acre (15 vagas), Alagoas (23), Amazonas (29), Amapá (6), Bahia (105), Ceará (54), Distrito Federal (8), Espírito Santo (22), Goiás (38), Maranhão (46), Minas Gerais (65), Mato Grosso do Sul (25), Mato Grosso (34), Pará (39), Paraíba, (32), Pernambuco (46), Piauí (41), Paraná (61), Rio de Janeiro (103), Rio Grande do Norte (24), Roraima (19), Rondônia (11), Rio Grande do Sul (60), Santa Catarina (37), Sergipe (16), São Paulo (54) e Tocantins (25).

Oportunidades
Para ensino médio, as chances são para os cargos de agente censitário administrativo (344 vagas), agente censitário regional (350) e agente censitário de informática (174), cujos salários iniciais são de R$ 1.500, R$ 2.500 e R$ 1.700, respectivamente.

Aqueles que têm formação superior estão aptos à carreira de analista censitário nas especialidades de agronomia (27), análise de sistemas/desenvolvimento de aplicações (8), análise de sistemas/desenvolvimento de aplicações web mobile (4), análise de sistemas/suporte à comunicação e rede (2), análise de sistemas/suporte à produção (4), análise de sistemas/suporte operacional e de tecnologia (2), análise socioeconômica (8), biblioteconomia e documentação (2), ciências contábeis (5), geoprocessamento (7), gestão e infraestrutura (63), jornalismo (12), logística (2), métodos quantitativos (6), produção gráfica/editorial (2), programação visual/web design (12) e recursos humanos (5). A remuneração para analista é de R$ 4.000.

Além dos vencimentos, como benefícios, o IBGE ainda oferece auxílio-alimentação e auxílio-transporte.

Segundo o edital do concurso, a previsão de duração do contrato é de até 13 meses para a função de analista censitário; 10 meses para agente censitário administrativo; nove meses para agente censitário regional e sete meses para agente censitário de informática.

No Ceará
No Estado, há ofertas para os cargos de agente censitário administrativo (22 vagas), agente censitário regional (19), agente censitário de informática (8) e analista censitário nas especialidades de agronomia (1), gestão e infraestrutura (1) e jornalismo (1). A maioria das oportunidades são para Fortaleza, mas há também chances nas cidades de agente censitário nos municípios de Acaraú, Aquiraz, Aracati, Camocim, Caucaia, Maranguape, São Gonçalo do Amarante, entre outros.

Inscrições e seleção
A participação deverá ser garantida até o dia 9 de maio. A ficha de cadastro está disponível no site da Fundação Getúlio Vargas (www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/ibge-pss).

Os valores da taxa de inscrição oscilam entre R$ 27 e R$ 78 e poderão ser efetuados até o dia 26 de maio.

A avaliação objetiva com 50 questões será aplicada no dia 2 de julho, das 13h às 17h. Com a publicação do segundo edital do IBGE, prevista para 24 de abril, o concurso somará, ao todo, 26.010 oportunidades.

Fonte: Diário do Nordeste

Curta nossa página no Facebook



Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis