P3 Midia

P3 Midia

'Quando perdi, nunca fui para rua reclamar', desabafa Lula

Diante de aplausos e gritos de incentivos, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi recebido por integrantes da Caravana Popular pela Democracia, que finaliza atividades na noite desta quarta-feira (13), no Bairro do Recife. Ao lado de lideranças como o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Carlos Veras, e a deputada estadual Teresa Leitão, o líder petista agradeceu o apoio dos pernambucanos, destacou o significado da palavra “democracia” e brincou com a expressão “querida”, que remete à presidente afastada Dilma Rousseff. Ele ainda disse que nunca reclamou quando perdeu eleições presidenciais.

Nos instantes em que o público silenciava para ouvir o ex-presidente, Lula relembrou da ligação divulgada, em que ele conversou com Dilma. O diálogo foi exposto pela investigação da Operação Lava-Jato. Ao ver cartazes com a frase “Volta querida”, o petista elogiou a atitude das manifestantes do ato recifense. “Eu queria dizer a vocês que imaginei companheiros do movimento social com faixa igual a que encontrei em Fortaleza. Eu falei (com Dilma, pelo telefone) ‘fala querida’ e de repente encontro a praça cheia de queridas. Quero agradecer a todos”, brincou Lula.

Em tom mais sério e com ar de recuperação política, Lula deu detalhes do que representa a palavra “democracia”. “É uma palavra bonita, falada em todo mundo, mas que não é exercida por todo mundo. Significa a gente participar coletivamente das discussões. A gente escolhe pela maioria das pessoas que participam do voto. A democracia deu a Dilma 54 milhões de votos”, disse o petista, destacando que é injusto Dilma deixa o poder diante de um “golpe”.

Lula ainda disse que soube perder as eleições de 1994 e 1998. Na época, segundo o petista, ele discutiu as derrotas com seu partido e familiares. “Quando perdi, nunca fui para rua reclamar. Voltava para casa e discutia com minha mulher e com meu partido. Depois, me preparei para disputar uma nova eleição. E ganhei em 2002 e 2006. Em seguida ganhamos em 2010 e 2014 com a Dilma”, falou o ex-presidente, sendo aplaudido pelo manifestantes.

O evento é realizado por lideranças petistas e movimentos sociais. Antes de chegar ao Recife, a Caravana passou por cidades como Petrolina, no Sertão do Estado, e Carpina, cidade localizada na Zona da Mata de Pernambuco.

Fonte: Leia Já

Curta nossa página no Facebook



Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis