Banner P3 728x90

Banner P3 728x90

Moro aceita denúncia, e mulher de Cunha vira ré na Lava Jato

O juiz federal Sérgio Moro aceitou denúncia nesta quinta-feira contra Cláudia Cordeiro Cruz, esposa do presidente afastado da Câmara Eduardo Cunha, de Idalécio de Castro Rodrigues de Oliveira, o lobista João Augusto Rezende Henriques, e o ex-diretor da area Internacional da Petrobras Jorge Luiz Zelada em um processo oriundo da Operação Lava Jato. Com isso, eles se tornam réus no processo.

A decisão de Moro foi publicada no sistema da Justiça Federal na manhã desta quinta-feira (9). Os crimes citados na decisão são corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

Ao G1, a assessoria de Eduardo Cunha afirmou que, por enquanto, ele não se manifestará sobre o fato de sua mulher ter virado ré na Lava Jato porque ainda não teve acesso à decisão de Sérgio Moro.

Na terça-feira (7), o presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), voltou a pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) para retirar do juiz federal Sérgio Moro, do Paraná, as investigações referentes à mulher dele, Cláudia Cruz, e à filha, Danielle da Cunha.

Na mesma decisão, Sérgio Moro também expediu um novo mandado de prisão preventiva contra João Henriques, que já está detido no Complexo Médico-Penal em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.

O juiz federal também determinou que o Ministério Público Federal (MPF) se manifeste sobre sua posição quanto à filha de Cunha Danielle Dyitz Cunha, já que não houve promoção de arquivamento.

Fonte: G1 PR

Curta nossa página no Facebook



Nenhum comentário:

Postar um comentário

ShareThis